Universidade do Oeste Paulista

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
18/10/2016

A melhor em Biológicas e da Terra pelo Guia do Estudante

Unoeste é eleita a nº 1 entre as instituições particulares brasileiras nessa área do conhecimento pela publicação da editora Abril

Foto: Débora André A melhor em Biológicas e da Terra pelo Guia do Estudante
Fazenda Experimental da Unoeste, em Presidente Bernardes, foi colocada como campo importante de estudo na divulgação do GE

A Unoeste figura ao lado da Universidade de São Paulo (USP) no Prêmio Melhores Universidades Guia do Estudante, na categoria por área do conhecimento: Ciências Biológicas e da Terra. O GE considerou os cursos de Agronomia, Ciências Biológicas, Medicina Veterinária e Zootecnia, sendo a Unoeste a melhor particular e a USP a melhor pública.

De acordo com a própria publicação da editora Abril, que é uma das mais importantes entre os estudantes que estão por fazer a escolha do curso e instituição para ingressar no ensino superior, “foram consideradas as IES que tiveram pelo menos três cursos avaliados. No caso de a escola ter campus em mais de um município, foi considerado apenas um, aquele que teve o melhor desempenho (desclassificando-se os demais)”.

Para o coordenador do curso de Agronomia da Unoeste, Dr. Carlos Sérgio Tiritan, esta indicação reforça a universidade como polo na formação de profissionais de qualidade. “Destaca-se aqui o trabalho integrado entre alunos, docentes, coordenadores e demais funcionários, com todo o suporte da Reitoria nos investimentos em infraestrutura, viabilizando o desenvolvimento da pesquisa e da extensão, como aliadas do ensino. No caso da Fazenda Experimental, ela é utilizada por diversos cursos, inclusive estamos em busca de torná-la referência tecnológica em lavoura-pecuária”, informa ele. Tiritan ressalta o elo entre graduação e pós-graduação, por meio dos cursos de especialização, mestrado e doutorado também como fatores importantes para o crescimento desse setor produtivo.

Perfil semelhante tem as Ciências Biológicas de colocar os alunos a campo e aproveitar todo esse potencial oferecido pela Unoeste. “Incentivamos as visitas técnicas, procuramos trabalhar integrados a outras profissões e fazemos monitoramento da fauna e da flora em ambientes como o campus II e a própria Fazenda Experimental. Utilizamos ainda os laboratórios, completando este ciclo de formação, que envolve as relações com a saúde, meio ambiente e a biotecnologia”, destaca o coordenador do curso na universidade, Silvério Takao Hosomi, que foi entrevistado em reportagem do Guia do Estudante, lembrando o trabalho da Unoeste em parceria com o banco mundial de sementes, localizado no Reino Unido, cujos estudos visam à preservação da biodiversidade das orquídeas, ressaltando as relações interdisciplinares e interinstitucionais da maior universidade do oeste paulista.

O pró-reitor Acadêmico da Unoeste, Dr. José Eduardo Creste, reforça esse comprometimento institucional. “Os investimentos maciços em todos os cursos, professores titulados e que realmente se dedicam ao ensino, pesquisa e extensão, são aspectos que possibilitam o ambiente favorável ao conhecimento como agente de transformação e de crescimento pessoal e profissional. Assim como uma planta, que cresce, floresce e dá frutos, percebemos que esse trabalho de todos da Unoeste tem resultado nesse reconhecimento das mais variadas áreas do conhecimento, seja pelo Ministério da Educação (MEC), Guia do Estudante, Folha de S. Paulo, entre outros”.

Serviço – Veja a matéria no site do Guia do Estudante.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem