Universidade do Oeste Paulista - 45 Anos

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
01/11/2017

Ranking da Folha RUF ressalta sucesso de cursos da Unoeste

Enfermagem é 1º colocado no Brasil entre particulares; outras graduações tiveram posições de destaque na classificação como Medicina

Foto: Marcelo Gomes Ranking da Folha RUF ressalta sucesso de cursos da Unoeste
Enfermagem: 1º do Brasil entre as particulares

A Unoeste sabe bem o lugar onde quer ficar: entre as melhores. E a cada dia os resultados das avaliações comprovam que o patamar da universidade sobe mais. Como o Ranking Universitário Folha (RUF) 2017, que destaca os cursos da maior universidade do oeste paulista e seu desempenho na região, Estado de São Paulo e no país. A avaliação anual analisou graduações de 195 instituições de ensino superior, com base em cinco indicadores: pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado.
 
Entre os destaques estão Agronomia, Biomedicina, Direito, Enfermagem, Engenharia Ambiental, Medicina, Odontologia, entre outros – confira a lista completa abaixo e as posições de cada curso.
 
Quem tem mais motivos para celebrar o resultado alcançado é a graduação em Enfermagem. De acordo com o ranking, o curso é o 1º do Brasil entre as instituições particulares. Motivo de orgulho para a coordenadora Maria Nilda Camargo de Barros Barreto. “É uma resposta da sociedade ao que o curso vem fazendo. Nosso modelo se aproxima muito ao de uma universidade pública pela forma em que colocamos o aluno na prática”, explica a professora, que ressaltou a evolução constante da graduação, com os reflexos surgindo a cada ano, conforme comprovado no Folha RUF.
 
“Nossos professores vestem a camisa da Unoeste. O engajamento dos alunos e a estrutura oferecida facilitam tudo. Aqui o que você quer, você faz”, ressalta a coordenadora, que agora visa ótimos resultados em outras avaliações também. A comemoração se estende para outras áreas, como a graduação em Engenharia Ambiental, que pode bater no peito e dizer que é a 3ª melhor do Estado de São Paulo entre as particulares. “A titulação do corpo docente, as metodologias ativas de ensino e o fomento à pesquisa com a criação de um núcleo específico, são melhorias que promovem bons resultados nas avaliações”, segundo a coordenadora Leila Maria Sotocorno e Silva.
 
Leila explica que o desafio agora é superar essa boa marca. “Temos mostrado para o aluno que também depende muito dele, o corpo docente está engajado. Então é continuar caminhando, apoiando-se em bons exemplos”. E por falar em referência, não é segredo que a Unoeste foi selecionada pelo Ministério da Educação (MEC) para abrir os cursos de Medicina nos municípios paulistas de Jaú e Guarujá. Nada melhor que expandir em alto nível, já que esse curso em Presidente Prudente se mantém como o melhor da região; é também o 3º melhor do Estado no RUF e 13º melhor do Brasil entre os particulares.

“Esse resultado representa o conhecimento de toda a nova estruturação do curso de Medicina, que iniciou em agosto de 2014, onde implantamos as metodologias ativas de ensino e de aprendizagem, o programa de Menthoring e as novas formas de avaliação, como pela taxonomia de Bloom, a ficha de critério referenciada e pelo OSCE”, de acordo com a coordenadora pedagógica do curso de Medicina, Nilva Galli, que reafirma o comprometimento do corpo docente para um ensino médico de qualidade, aliado à estrutura completa oferecida pela Unoeste.
Foto: Débora André Pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado foram indicadores avaliados
Pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado foram indicadores avaliados


A área de agrárias não ficou de fora dos destaques no ranking da Folha. O curso de Agronomia da Unoeste é o 3º melhor do Estado e o 6º do Brasil, indicativos do trabalho sério realizado. “Essas avaliações externas comprovam nosso compromisso com a qualidade do ensino, pesquisa e extensão”, detalha o coordenador Dr. Carlos Sérgio Tiritan. Para ele, o envolvimento da graduação com a questão da empregabilidade pesa bastante, já que é uma forma de envolver os alunos com o mercado de trabalho. “Agora é seguir firme e intensificar o que vem sendo feito”, destaca.
 
Para o pró-reitor Acadêmico, Dr. José Eduardo Creste, a divulgação do Ranking Universitário Folha comprova o comprometimento da Unoeste com educação superior de qualidade. “Esse bom resultado se une aos inúmeros outros que a universidade vem conquistando, como as excelentes notas nas avaliações do Ministério da Educação (MEC), sendo muitos cursos com conceito máximo (5), e que integram o seleto grupo dos melhores do Brasil. Tudo isso é possível em razão do trabalho conjunto desenvolvido pelo corpo docente, coordenadores e diretores das graduações, Reitoria e Pró-reitorias, alunos dedicados e altos investimentos em estrutura de ponta”.
 
Entre os melhores cursos, segundo o RUF 2017 – Entre as instituições particulares, destacam-se nacionalmente os cursos de Enfermagem (1º), Agronomia (6º), Biomedicina (4º), Fisioterapia (8º) e Odontologia (7º). No Estado, entre as particulares, Física, Medicina e Engenharia Ambiental ocupam o 3º lugar, Farmácia (7º), Geografia (6º), Matemática (8º), Nutrição e Psicologia (9º). Entre as graduações particulares, além das já mencionadas acima, todas são 1ª da região: Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Direito, Educação Física, Engenharia Civil, Engenharia de Produção, História, Jornalismo, Letras, Medicina Veterinária, Pedagogia, Publicidade e Propaganda, Química e Turismo.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem