Universidade do Oeste Paulista

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
11/09/2017

Chegada da Unoeste a Jaú aquece economia local

Sincomércio, empresários e população jauense comemoram fomento no setor econômico com a implantação do novo curso de Medicina

Foto: Ector Gervasoni Chegada da Unoeste a Jaú aquece economia local
As irmãs Sandra Regina e Luciana Cristina com a equipe do restaurante Tagiba: “movimento já aumentou consideravelmente”

As aulas ainda não começaram, mas o novo curso de Medicina da Unoeste em Jaú, que está em processo de implantação, já movimenta a cidade desde 2016, quando iniciaram as obras de reestruturação na ala anexa ao Hospital Thereza Perlatti, local que receberá a graduação neste primeiro momento. Além de gerar expectativas nos setores da educação e da saúde, a população jauense também anseia pelo fomento econômico, como já vem ocorrendo. As obras geraram centenas de empregos diretos e indiretos, e aqueceu o comércio com a aquisição de materiais e a contratação de serviços para concluir o grande projeto do campus fora de sede da Unoeste.
 
Contratado como engenheiro responsável pelas obras, Pedro Lupo Curi, da Kacel Engenharia, conta que sua equipe readequou um prédio que estava em condições precárias. “Para isso, foram empregados diretamente 65 profissionais entre pedreiros, serventes, pintores, encanadores, carpinteiros, entre outros. De maneira indireta, com serviços terceirizados, foram mais 50 pessoas contratadas”. Ele lembra que além de trocar toda a cobertura e o piso de uma área de 1,5 mil m², também foi construída uma nova área de 200 m². “A obra demorou cerca de seis meses para ficar pronta e toda essa movimentação foi muito favorável para a economia da cidade, já que além dos empregos diretos e indiretos, o comércio também sentiu a melhoria. Esse foi só o começo de uma movimentação muito grande na economia de Jaú, que só tem a ganhar com a vinda do curso de Medicina da Unoeste para cá”.

Felizes também estão as irmãs Sandra Regina Ackermann Morando e Luciana Cristina Ackermann, proprietárias do restaurante Tagiba, que fica no mesmo quarteirão do novo campus universitário jauense. Segundo elas, com as obras, o fluxo de clientes aumentou consideravelmente. “Passamos a receber as equipes de trabalho e da própria universidade. Já está sendo muito bom. Imagino que com as aulas nosso movimento irá aumentar ainda mais, estamos até planejando oferecer pratos feitos para os estudantes”, relatam as irmãs. De acordo com elas, hoje, trabalham cinco pessoas no estabelecimento, mas esse número, provavelmente, terá que aumentar conforme a demanda. “Estamos neste ponto há quase 30 anos, antes era lanchonete, mas há quatro anos montamos o restaurante. A Unoeste veio em boa hora. Estamos muito otimistas”, revelam.
 
O presidente do Sincomércio de Jaú e Região, José Roberto Pena, afirma que a expectativa é positiva, “levando em consideração toda a população de estudantes que estará no município para frequentar a universidade. Por se tratar de uma população jovem, acreditamos que o impacto será muito relevante para o comércio, não apenas para o setor imobiliário, mas também para os demais setores de consumo: farmácias, supermercados e bens do comércio em geral”, comenta, reforçando a expectativa para a abertura de outros cursos da Unoeste, futuramente, para movimentar ainda mais a cidade.
 
Foto: Cedida Wagner Brasil de Barros, secretário da Saúde em Jaú, frisa que a chegada do curso de Medicina da Unoeste traz muitas oportunidades ao município
Wagner Brasil de Barros, secretário da Saúde em Jaú, frisa que a chegada do curso de Medicina da Unoeste traz muitas oportunidades ao município
No setor da saúde, o secretário municipal da pasta, Wagner Brasil de Barros, frisa que a chegada do curso de Medicina da Unoeste possibilitará a formação de profissionais que depois de formados, poderão atuar nos serviços de saúde do município, tanto na rede pública como privada, “fortalecendo o sistema de saúde local e regional. Também teremos a oportunidade, através de nossas unidades de saúde, de implantar programas de residência médica, aumentando a atuação de profissionais médicos nesses locais. A Secretaria de Saúde recebe a Unoeste com entusiasmo, pois tem a certeza que este processo faz parte de uma estratégia para a implantação de outros cursos de graduação e de pós em diversas áreas, facilitando a vida dos nossos estudantes, trazendo alunos de outras regiões e fomentando a economia do município”.
 
Saiba mais – O curso de Medicina da Unoeste em Jaú funcionará, neste primeiro momento, em ala anexa ao Hospital Thereza Perlatti. As obras de reestruturação foram concluídas e já estão instalados os setores do administrativo, salas de aula, biblioteca e laboratórios. Nos próximos dias, as instalações de Jaú receberão visita in loco do Ministério da Educação (MEC). O órgão realizará duas avaliações simultâneas: a de autorização do curso de Medicina e de credenciamento do campus jauense. Após essa etapa, o órgão federal terá 90 dias para publicar no Diário Oficial da União (DOU) o ato autorizativo para o funcionamento do campus fora de sede.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem