CAMPUS:
Presidente Prudente Jaú
Telefone 0800 771 5533

Você está em: Notícias

Prótese dentária na impressora 3D é um dos avanços na área

Jornada de Odontologia traz programação diversificada e temas atuais da profissão


email facebook twitter whatsapp

Foto: Mariana Tavares Prótese dentária na impressora 3D é um dos avanços na área
Sérgio Henrique de Cerqueira falou sobre as possibilidades estéticas da impressora 3D

Você já imaginou que um dia seria possível imprimir um dente e levá-lo diretamente para a boca do paciente que necessita de um implante dentário? Então, isso já é realidade por meio da impressora 3D. Trata-se de uma tecnologia que chegou para revolucionar o tratamento odontológico, facilitando, barateando e criando um padrão correto, conforme explica Sérgio Henrique de Cerqueira, do Laboratório Cerqueira, de Marília (SP), e da empresa 3D Basic. O assunto, que está em destaque no ramo, foi tema de uma das palestras do primeiro dia da 28ª Jornada de Odontologia da Unoeste, que teve início nessa segunda-feira (14), no Teatro Cesar Cava, campus I.
 
Cerqueira falou sobre o modelamento digital no sistema CAD/CAM, o qual possibilita a realização do desenho de uma prótese no computador e o envio para uma máquina de impressão; e destacou as possibilidades estéticas da impressora 3D. Ele também levou alguns casos clínicos, e destacou o mock-up motivacional para aquele paciente que chega com o dente deformado ou ausente, e que quer melhorar o sorriso. “Com essa tecnologia, rapidamente conseguimos fazer o projeto, imprimir resina e em alguns casos já levar diretamente para a boca do paciente”, ressalta.
 
É uma tecnologia rápida, principalmente quando comparada ao sistema antigo de produção de prótese. “Antes era feito no enceramento diagnóstico, com modelo de gesso. Hoje, o programa virtual tem bibliotecas de dentes, então você escolhe a forma que mais se adapta ao paciente, depois é apenas encaixar na boca, ajustar e imprimir um modelo novo”, explica. Cerqueira conta ainda que a impressora 3D possibilita a fabricação de coping para fundição de metal e porcelana; de estrutura de PPR (prótese parcial removível); e agora também a produção de resina de provisório, que está entrando no mercado. “A tecnologia veio facilitar, baratear e criar um padrão correto, pois antigamente era na base da experiência do protético; hoje, com o processo digital, o técnico tem tudo pronto no programa, uma linha de raciocínio correta a seguir, por isso, alcança uma fidelidade maior e um resultado mais padronizado de tudo o que é feito”, finaliza.
Foto: Mariana Tavares Camila Balisardo falou sobre seu processo de mudança para alcançar a realização e o sucesso profissional
Camila Balisardo falou sobre seu processo de mudança para alcançar a realização e o sucesso profissional

Superação – Camila Balisardo, 27, é egressa da graduação em Odontologia e da especialização em Endodontia da Unoeste. Ela também esteve presente no primeiro dia do evento para falar com os estudantes sobre Realização e Sucesso Financeiro, tema que somente tornou-se possível para ela após um processo de transformação pessoal. “Eu era uma pessoa extremamente tímida, entrava e saia da sala de aula totalmente despercebida. Quando conclui a graduação, já comecei a atender em consultório, mas na verdade não sabia se eu gostava do meu trabalho, eu simplesmente atendia. Foi um período longo até perceber que precisava mudar, pois eu não estava feliz”, revela.
 
Foi então que procurou a sua fórmula para o sucesso. “Foi um processo de um ano e meio para eu mudar da ‘água para o vinho’, e hoje posso dizer que sou feliz e realizada profissionalmente. Essa mudança teve muita dor, pois somente quando algo nos incomoda é que vamos atrás de melhorar. Então fui atrás da minha fórmula de sucesso: desenvolvimento pessoal, busca de mentores, parceiros e amor pelo o que eu faço. Com esses quatro aspectos, consegui me encontrar e descobri que amo a minha profissão. A minha dica para os futuros profissionais é se encontrar, descobrir o que gosta, e sonhar sem limites, pois sonhar grande e sonhar pequeno dão o mesmo trabalho”.
 
Programação – A Jornada de Odontologia da Unoeste prossegue até sexta-feira (18) com atividades durante todo o dia. Também na segunda (14), o evento teve início com a palestra sobre “Traumatismo dentário: condutas relacionadas à prevenção e qualidade no tratamento”, com a professora Graziela Panuci. No período da tarde de ontem, o dentista Willard Silva, da Colgate, falou sobre Saúde Financeira no Consultório. Ao fim, fez sorteios e distribuiu brindes da marca para os estudantes.
 
Durante a semana haverá apresentação de projetos de TCC e de casos clínicos. Nesta terça-feira, os assuntos discutidos serão: “Odontologia no Mundo”, com Adiane Mitidiero; e “Ronco e Apneia Obstrutiva do Sono: o papel do dentista capacitado na área”, com a professora Cristiane Pissulim. Na quarta-feira, Giancarlo De La Torre Canales abordará o tema “Toxina botulínica – casamento ou divórcio?”, em seguida haverá o Encontro da Liga Acadêmica de Dentística Restauradora e Estética. O penúltimo dia do evento será marcado pela palestra do presidente do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp), Claudio Miyake, que colocará em pauta o tema “Passado, Presente e o Futuro da Odontologia no Brasil”. Neste mesmo dia acontece o concurso “Minha melhor restauração”. Para finalizar, na sexta-feira (18), o professor Paulo Goldoni falará sobre a “Influência da Oclusão na Periodontia”.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem