CAMPUS:
Telefone 0800 771 5533
Você está em: Notícias

Sustentabilidade: universidade aprimora coleta seletiva

Implantação de entreposto para reciclagem contribui para correto armazenamento temporário de resíduos


email facebook twitter whatsapp

Foto: Ector Gervasoni Sustentabilidade: universidade aprimora coleta seletiva
Espaço está localizado próximo à entrada do portão 2, no campus II em Presidente Prudente

Você já reparou o tanto de resíduos que uma única pessoa acumula diariamente? Sem querer, a lixeira fica cheia... Agora, se em casa isso já assusta, em ambientes com grande concentração de pessoas é ainda mais preocupante! Nesses locais, a quantidade gerada é um fator importante, mas a forma como esses rejeitos são armazenados merece ainda mais atenção. Buscando melhorar o sistema de coleta de resíduos, a Unoeste implantou no campus II um entreposto para recicláveis, além de já ter outro para orgânicos, facilitando as coletas interna e externa.
 
O professor e coordenador do Departamento de Saneamento Básico da universidade, André Turin Santana, explica que o entreposto de resíduos é um local de armazenamento temporário. O da Unoeste foi feito de piso e paredes revestidas com material impermeável e está instalado próximo ao portão 2, com acesso interno e também externo, o que facilita a coleta municipal, pois o veículo não precisa entrar no estabelecimento particular, conforme estabelece o próprio município.
 
“Os resíduos são coletados nos blocos e encaminhados para o entreposto, de onde são recolhidos pelo município.  Os recicláveis vão para a Cooperlix e os orgânicos e rejeitos para o aterro municipal”, pontua Santana. O bloco B1, recebe neste início de ano, um projeto piloto da implantação da coleta seletiva na universidade. Lá já estão instalados os coletores e a identificação visual. “No início do semestre de 2019 os colaboradores do setor de Higiene e Limpeza da Unoeste serão capacitados para a segregação dos resíduos e sua identificação. Em conjunto, no mesmo período, todos os funcionários do B1 serão informados sobre a segregação dos resíduos e receberão um treinamento. Posteriormente, os alunos e professores serão conscientizados”, conta.
 
O entreposto é a concretização de mais uma das ações previstas no Plano de Logística Ambiental Sustentável da universidade, implantado em 2015, o qual integra ainda o Programa Unoeste Sustentável. “O grande desafio é promover o desenvolvimento sustentável no centro de suas ações institucionais, seja no ensino, pesquisa e na extensão. O PDI [Plano de Desenvolvimento Institucional] prevê ações para execução da missão institucional para a construção de uma sociedade mais justa e ambientalmente responsável”, ressalta a coordenadora do programa, Dra. Alba Arana.
 
Quanto à implantação do sistema de coleta no campus, a Dra. Alba salienta que a instituição se compromete a proporcionar e promover para sua comunidade o desenvolvimento de parâmetros sustentáveis, “objetivando aprimorar as políticas existentes na universidade integrando-as à gestão ambientalmente adequada e pautadas na educação ambiental. Desta forma, a separação de resíduos faz parte do processo de aplicabilidade da sustentabilidade no cotidiano acadêmico, despertando a consciência ambiental junto aos docentes, discentes e funcionários”, finaliza.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem