CAMPUS:
Telefone 0800 771 5533
Você está em: Graduação | Medicina | Pesquisa Científica

Medicina

Bacharelado | 12 semestres letivos | Integral

Pesquisa Científica


Buscar projeto por

Resumo:
O Transtorno do Espectro Autista (TEA) é uma síndrome comportamental de etiologias múltiplas, cuja combinação dos fatores genéticos e ambientais converge em distintas manifestações clínicas, representadas de forma geral por alterações nos domínios da comunicação, interação social e predominância de comportamentos repetitivos e restritivos. Nos últimos anos, as estimativas mundiais de prevalência do TEA aumentaram consideravelmente. Significativa parcela dos pacientes envolvidos pelo TEA apresentam necessidades complexas de comunicação (NCC) e, por conseguinte, são alvos das intervençoes de Comunicação Suplementar e Alternativa (CSA), sobretudo de alta complexidade, conforme o desenvolvimento progressivo das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC). O presente estudo tem como objetivo avaliar a eficácia da intervenção de alta complexidade através de Dispositivos Geradores de Som e imagem em comparação com outras tecnologias em CSA, tais como, os painéis de imagens, a partir de dados oriundos de ensaios clínicos randomizados. Os estudos serão identificados à partir de pesquisa em bases de dados eletrônicas e listas de referência de artigos. As bases de dados que serão utilizadas são: Cochrane, Embase, IBECS-Bireme, LILACS e Medline. Como critérios de elegibilidade de estudo serão analisados os ensaios clínicos randomizados comparando-se as distintas modalidades de intervenção de alta complexidade em CSA, seja por meio da utilização de Ipads, Ipods touch, tablets e seus aplicativos em CSA ou dispositivos geradores de som e imagem com ou sem teclado virtual. A avaliação do risco de viés será realizada utilizando as recomendações do Preferred Reporting Items for Systematic reviews and Meta-analyses (PRISMA).

Protocolo: 5336 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2019 - 4/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): VOMER SILVA
Professor(es): SANDRA SILVA LUSTOSA DEARO
MARJORI LEIVA CAMPAROTO
SUELEN UMBELINO DA SILVA
FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
A cocaína é uma droga que causa diversas consequências sobre o organismo, dentre as consequências cardiovasculares pode-se ter as Síndromes Coronarianas Agudas (SCAs). Dados apontam que para cada 4 Infartos Agudos do Miocárdio (IAMs), em 1 deles há história de uso frequente de cocaína. A partir das perguntas norteadoras "O que compõe os registros atuais sobre o diagnóstico de Síndrome Coronariana Aguda por uso de cocaína" e "Qual a terapêutica atual para os casos de Síndrome Coronariana Aguda por uso de cocaína", mais especificamente utilizando os descritores indexados no DeCS "Síndrome Coronariana Aguda", "Cocaína", "Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína" e seus equivalentes no MeSH "Acute Coronary Syndrome", "Cocaine" "Cocaine Related Disorders", será realizada uma revisão integrativa da literatura atual que cobre a temática síndrome coronariana aguda e cocaína, a partir da busca de artigos nas bases de dados PubMed, periódicos CAPES, e BVS, além da análise de diretrizes das sociedades brasileira, americana e europeia. Os artigos encontrados serão analisados com base em estatística descritiva em relação ao número de artigos encontrados.

Protocolo: 5343 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2019 - 6/2020 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): ANNA LUIZA RAUSEO OLIVEIRA
JOSE LUIZ DE ANDRADE CORREIA
Professor(es): LUCIANE SCHADECK
FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
As afecções neoplásicas primárias do apêndice cecal são raras, correspondendo aproximadamente à 0,5 de todos os tumores intestinais. As manifestações clínicas dessas lesões são heterogêneas e confundem-se com apendicite aguda, o que em mais de 50 dos casos caracteriza-se na principal forma de apresentação e diagnóstico das neoplasias desse segmento. A avaliação anatomopatológica dos fragmentos de todas as apendicectomias são essenciais a fim de avaliar a presença de lesões benignas ou malignas, sendo que os achados de malignidade são em torno de 1. As principais neoplasias primárias desse segmento podem ser classificadas quanto ao padrão histológico em tumores carcinoides, cistoadenocarcinomamuciniosos, adenocarcinomascolônicos e tumores adenocarcioides. O adenocarcinoma primário de apêndice é a malignidade mais rara: constitui menos de 0,5 de todos os cânceres intestinais e entorno de 4 - 6 das neoplasias do apêndice. Devido sua alta taxa de invasão e potencial metastático, a hemicolectomiadireita deve ser a intervenção de escolha, em detrimento do tratamento conservador. O objetivo desse estudo foi relatar o raro caso de um paciente que após ser submetido à apendicectomia por suposto quadro de apendicite aguda, foi diagnosticado com adenocarcinoma de apêndice cecal, após análise histopatológica da estrutura retirada.

Protocolo: 5339 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 6/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JOAO PAULO DE SOUZA RAINHA
LEANDRO WAGNER DORILEO SANTOS
ANDRE BOSCOLI DA SILVA NOMA BOIGUES
VINICIUS MUNHOZ BOMEDIANO
Professor(es): MOABE REZENDE DE LIMA

Resumo:
Evidências científicas recentes têm demonstrado forte associação entre Diabetes Mellitus (DM) e a demência, principalmente a Doença de Alzheimer (DA) e a Demência Vascular (DV). Entretanto, ainda não há consenso sobre a influência do DM sobre a DA, apesar da forte relação quanto às vias de sinalização dos mecanismos inflamatórios crônicos em ambas. Nesse sentido, é de suma importância para tomada de decisão clínica, a análise da elegibilidade de estudos clínicos, de acordo com os níveis e grau de evidências científicas, que avaliem a incidência da DA e o tempo médio entre o diagnóstico da DM e DA. Portanto, esse projeto visa conduzir uma revisão sistemática com metanálise, a fim de verificar a influência do DM no desenvolvimento da DA. As bases de dados eletrônicas PubMed/MEDLINE, EMBASE, Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (LILACS), CENTRALCochrane, SciELO e Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature (CINAHL), além das bibliotecas de teses e dissertações serão analisadas utilizando unitermos relacionados: "Diabetes Mellitus"; "insulin-dependent diabetes"; "Diabetes Mellitus type 1"; "Diabetes Mellitus type 2"; "glucose intolerance"; "Insulin resistance"; "Dementia"; "Alzheimer´s disease". A análise do risco de vieses será realizada através do checklist desenvolvido para estudos não randomizados denominado Newcastle-Ottawa Scale. Os dados serão extraídos e organizados quali-quantitativamente. O software RStudio 1.0.143 será utilizado para a composição da metanálises.

Protocolo: 5328 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2019 - 3/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): RENAN CARLOS DOS SANTOS
LUCAS FARINA LIMA
MARCOS TUMITAN ZORZAN
CAROLINE LOPES TAMADA
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO
SUELEN UMBELINO DA SILVA
FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
A Hipercolesterolemia familiar (HF) é uma doença hereditária autossômica dominante, caracterizada principalmente pelo acúmulo de lipoproteínas ricas em colesterol, principalmente a LDL-c. O acúmulo lipídico presente na HF resulta da diminuição da taxa catabólica de LDL-c, e pode ter origem em mutações nos genes LDLR, PCSK9, APOB, LDLRAP1 e LIPA. Esta revisão tem como objetivo avaliar, com base nos dados disponíveis na literatura, a influência de mutações nas manifestações clínicas, bem como na ocorrência de complicações da HF. O presente estudo será elaborado na forma de revisão integrativa, e a coleta de dados será realizada em fontes secundárias, por meio de consultas nas plataformas especializadas em saúde: PubMed, Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Literatura Latino-Americana e do C em Ciências da Saúde (LILACS), além da plataforma ClinVar. A estratégia de busca será realizada a partir do descritor "familial hypercholesterolemia" e os genes (LDLR, PCSK9, APOB, LDLRAP1 e LIPA ). Serão inclusas mutações com significância clínica e a presença de pelo menos um status de revisão. Serão excluídos dessa revisão aquelas mutações sem ao menos um critério de revisão e mutações que não demonstram estudo de origem, de modo a não permitir a realização da correlação clínica. Os estudos selecionados serão classificados com base em seu nível de evidência e os resultados dos estudos serão sintetizados e apresentados na forma de quadro, no qual será possível a comparação entre todos os estudos selecionados.

Protocolo: 5313 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 3/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LUCAS FARINA LIMA
FELIPE MATOS CAMARGO
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
As Taquicardias Incessantes de Coumel, descritas pela primeira vez por Coumel em 1967, caracterizam-se ao eletrocardiograma por taquicardia regular de complexo QRS estreito com intervalo RP´ alargado e onda P negativa em derivações de parede cardíaca inferior. São incessantes, podendo resultar em taquicardiomiopatia. Relatase caso de adolescente de 13 anos com quadro de palpitações associadas a ansiedade e nervosismo e diagnóstico prévio de taquicardia supraventricular de reentrada nodal. Ao eletrocardiograma, evidenciou-se alterações típicas da Taquicardia de Coumel e, ao ecocardiograma, observou-se disfunção de ventrículo esquerdo reversível, caracterizando Taquicardiomiopatia. A paciente foi encaminhada para procedimento de ablação por cateter de radiofrequência e segue sem novos eventos de taquicardia.

Protocolo: 5354 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LUANA ALCANTUD RANGEL
Professor(es): BRUNA MARIA CASACHI BERNARDES DE MELO CARAPEBA
FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
Sabe-se que a hipertensão é um fator que contribui para a baixa fertilidade masculina, por levar ao estresse oxidativo. Apesar do exercício moderado melhorar a saúde geral do indivíduo hipertenso, a literatura é bastante controversa em relação aos exercícios físicos nos parâmetros reprodutivos dos homens, pois depende da intensidade, do atrito, da duração e da modalidade do treinamento físico. Este projeto tem como objetivo investigar os efeitos antioxidantes da N-acetilcisteína (NAC) associada a um protocolo de exercício físico concorrente na morfometria do testículo de ratos espontaneamente hipertensos. Para tanto, 48 ratos foram divididos em quatro grupos (n=12): SHR (controle, ratos espontaneamente hipertensos); SHR+EXE (ratos SHR submetidos ao exercício concorrente de esteira e escalada, três vezes/semana); SHR+NAC (ratos SHR que receberam NAC diariamente); e SHR+NAC+EXE (SHR submetidos ao exercício concorrente e NAC). O experimento teve duração de oito semanas. Os órgãos reprodutivos dos ratos já foram colhidos na eutanásia e serão analisados quanto à área do lúmen, epitélio germinativo e túbulo seminífero. Os resultados serão analisados quanto à normalidade pelo teste de Shapiro-Wilk. Será aplicado ANOVA com Tukey se os dados forem paramétricos e Kruskal-Wallis com Dunn se forem não paramétricos.

Protocolo: 5309 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2019 - 8/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): LAIS MAYUMI OSHIRO
ISABELA SPESSOTO
LAZARA FABRICIA SOUZA SOARES NERY
LAUREN CHRYS SOATO MARIN SCHAFFER
Professor(es): INES CRISTINA GIOMETTI CEDA
ADRIANA JUNQUEIRA

Resumo:
O envelhecimento populacional tem motivado o desenvolvimento de estudos que falam sobre diferentes características da velhice, incluindo a sexualidade. Serão analisados fatores que aumentam a vulnerabilidade do idoso frente à sexualidade, como mudanças fisiológicas do envelhecimento, a falta de informação e o aumento da vida sexual do idoso, que atualmente são apontados como justificativa para a maior suscetibilidade dessa população a contrair uma doença sexualmente transmissível (DST). Dessa forma, o objetivo desse estudo será avaliar a relação entre idosos e doenças sexualmente transmissíveis na população atendida em Estratégias de saúde da família. O presente trabalho será um estudo do tipo transversal, com abordagem quantitativa e qualitativa dos resultados. A amostra será obtida de idosos cadastrados nas Estratégias de Saúde da Família e na Unidade Básica de Saúde em Álvares Machado, São Paulo, Brasil, onde o intuito é avaliar pelo menos 15 da população alvo, totalizando uma amostra esperada de aproximadamente 398 idosos. Ao término das coletas, os dados serão organizados através de planilhas do Programa Excel, sendo apresentados em tabelas ou gráficos mostrando as frequências absolutas e percentuais. Para avaliar a distribuição dos dados, paramétrico ou não paramétrico, será utilizado o teste de normalidade, Shapiro Wilk. Para correlacionar as variáveis epidemiológicas, será utilizado o teste G, com nível de significância de 5 (p<0,05). Os testes estatísticos serão realizados pelo programa BioEstat 5.3. Comparações pós-teste, serão utilizadas quando apropriadas.

Protocolo: 5283 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ISABELLA DELFIM DE CARVALHO
JULIA REZENDE LOPES
RAFAELA RIBEIRO
CAROLINA PINHEIRO PERUSSI
Professor(es): EMANUELE MORAES MELLO

Resumo:
Introdução: A meningite criptocócica é uma doença potencialmente fatal, provocada pelo fungo Cryptococcus neoformans, que frequentemente acomete doentes imunocomprometidos, principalmente pacientes infectados pelo vírus HIV. Esse patógeno possui tropismo pelo sistema nervoso central, causando aos indivíduos com criptococose, sinais e sintomas que se assemelham aos da meningite meningocócica, incluindo cefaleia, febre, rebaixamento do nível de consciência e sinais de irritação meníngea. Trata-se de uma patologia de grande impacto mundial, visto seu elevado nível de mortalidade intra-hospitalar, capaz de atingir até mesmo casos em que se instituiu a terapia antifúngica. Objetivo: Verificar a letalidade associada à meningite pelo Cryptococcus neoformans, bem como identificar fatores correlacionados à maior risco de letalidade por este agravo. Justificativa: Com este estudo, pretende-se possibilitar a intervenção multimodal precoce, favorecendo a melhoria da qualidade de assistência prestada ao paciente e à sua família. Metodologia: Trata-se de estudo epidemiológico descritivo retrospectivo de uma série de casos confirmados de meningite criptocóccica. A base de dados será constituída pela coleta de dados clínicos, epidemiológicos, laboratoriais e de neuroimagem, obtidos dos prontuários de pacientes atendidos no Hospital Regional de Presidente Prudente, no período de junho de 1997 a novembro de 2018. As informações coletadas serão classificadas em quatro grupos e a análise estatística das variáveis quantitativas será sumarizada por meio das medidas usuais de dispersão (amplitude, variância e desvio padrão) e de tendência central (média e mediana), assim como a inferência estatística será efetuada através de código específico escrito na linguagem R versão 3.4.0 executado na interface RStudio versão 1.0.143.

Protocolo: 5280 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LAIS BATISTA RODRIGUES DA SILVA
ANA ELISA DA SILVA FERNANDES
MAYARA FERNANDA SCHEMER DE MELO
Professor(es): PAULO EDUARDO DE MESQUITA
TELMA REGINATO MARTINS

Resumo:
Introdução: A hipertensão arterial sistêmica (HAS) é um importante problema de saúde pública devido à sua alta prevalência, baixas taxas de controle e associação com complicações cardíacas e cerebrovasculares, tornando-se necessária a avaliação epidemiológica dos portadores dessa doença. Objetivo primário: Identificar a prevalência de hipertensão arterial sistêmica em cidades do Oeste Paulista. Objetivos secundários: Avaliar o perfil epidemiológico dos portadores de hipertensão arterial sistêmica, identificar a presença concomitante de outros fatores de risco cardiovasculares como obesidade, diabetes e sedentarismo e analisar a eficácia do seguimento terapêutico. Metodologia: Trata-se de um estudo observacional, descritivo e retrospectivo baseado na análise de dados coletados em projetos de extensão universitária. Os participantes das extensões eram convidados a responder uma ficha de atendimento e tinham a pressão arterial aferida. Para a análise das fichas de atendimento e tabulação dos dados encontrados, será utilizado o programa Microsoft Excel. O cálculo amostral significativo para a pesquisa foi de 200 participantes. Resultados esperados: É esperado encontrar uma parcela considerável de participantes com hipertensão arterial sistêmica, principalmente indivíduos mais idosos, além de diabetes, obesidade e sedentarismo. Com a identificação dos participantes portadores dessas doenças e divulgação da prevalência e epidemiologia das mesmas, espera-se que mais campanhas de saúde sejam realizadas para essas populações.

Protocolo: 5276 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LEONARDO SAMBINELLI GARCIA
LUCAS CAVALCANTI DOS SANTOS
Professor(es): CLAUDIA ALVARES CALVO ALESSI
LUCIANA ALVARES CALVO

Resumo:
A Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) está entre as doenças crônicas mais prevalentes no Brasil, sendo um importante fator de risco para complicações cerebrovasculares e cardíacas. Com isso em 2002, o Governo Federal, através da portaria nº371/GM criou o programa Hiperdia que cadastra e acompanha pessoas com hipertensão e diabetes. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) até 2030 mais de 23 milhões de pessoas morrerão por alguma complicação desse problema. Na última década, o impacto da adesão em pacientes com doenças cardiovasculares apresentaram uma baixa aderência medicamentosa, sendo que o tratamento significa exatamente o propósito pelo profissional da área da saúde. O objetivo do trabalho é avaliar a adesão ao tratamento medicamentoso por hipertensos acompanhados em uma unidade de Estratégia Saúde da Família (ESF), utilizando a Escala de Adesão Terapêutica de oito itens de Morisky (MMAS-8). Trata-se de um estudo descritivo, exploratório, com abordagem quantitativa. Os sujeitos desta pesquisa serão hipertensos inscritos no programa de assistência a indivíduos hipertensos e diabéticos (Hiperdia) de uma unidade de ESF em um município do interior paulista. Para realização desse estudo será aplicado um instrumento com questões sobre caracterização da amostra e a Escala de Adesão Terapêutica de oito itens de Morisky (MMAS-8). Os dados coletados serão analisados com procedimentos estatísticos e apresentados através de tabelas e gráficos. Após a obtenção dos resultados, os sujeitos da pesquisa serão convidados a participarem de uma palestra sobre o tratamento anti-hipertensivo, com o enfoque baseado nas dúvidas demonstradas durante a pesquisa.

Protocolo: 5281 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): NATHALIA OTAVIANO GUIMARAES
RAFAEL ENGEL DUCATTI
LUCIANA CAVALCANTE OLIVEIRA DA SILVA
LUAN ARAUJO MAIOLINI COSTA
LARYSSA MAYARA POLASTRI
MARIA CAROLINA MESTRINER PARRA
Professor(es): SIMONE SHIRASAKI OROSCO
AMÉLIA ALVES DO NASCIMENTO COUTINHO

Resumo:
O câncer de Mama é o tipo de neoplasia maligna que mais atinge as mulheres em todo o mundo, tanto em países desenvolvidos quanto em subdesenvolvidos. Um dos tratamentos propostos é a quimioterapia, que, apesar dos progressos nos últimos tempos, ainda causa muitos efeitos colaterais às pacientes, dentre eles destaca-se a fadiga intensa, dores, perda de vitalidade, ansiedade, depressão, dentre outros, sendo capaz de levar a uma baixa qualidade de vida. O objetivo desse estudo é relacionar as alterações bioquímicas e sintomatologia com qualidade de vida em mulheres com câncer de mama em tratamento quimioterápico, através do questionário SarQoL, análise do hemograma completo e prevalência de sintomas. Para a análise dos dados será criado um banco de dados e serão calculados as frequências, média e desvio-padrão das variáveis contínuas. Para análise de normalidade dos dados será utilizado teste de Shapiro Wilk, já para análises de correlação será utilizado teste de Pearson ou Spearman de acordo com a normalidade dos dados. O nível de significância utilizado será de 5. O software utilizado será BioEstat, versão 5.0.

Protocolo: 5284 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): POLIANA GODOY
ERICA YUMI ITO
LUCIANA RIBEIRO NAGLE FERREIRA
BRENO DE SOUSA ANDRADE SANTANA
Professor(es): SANDRA CRISTINA GENARO

Resumo:
A tônica que envolve sobre a questão sexual, reflete em discussões e debates acalorados entre os indivíduos atualmente. Este projeto tem como objetivo de discutir a importância da educação sexual na escola, enfocando a temática da sífilis levantando também as informações biológicas do desenvolvimento dos sistemas endócrinos e reprodutivos do adolescente e ainda fomentar uma discussão sobre a educação sexual quotidiana na escola. Para tal, é necessária uma preparação congruente dos docentes e a participação das escolas para discutir sobre a questão sexual, estimulando atitudes, comportamentos e concepções satisfatórias dos alunos futuramente. O trabalho será realizado meio de pesquisas bibliográficas, utilizando principalmente dissertações, teses, monografias, revistas eletrônicas, livros que ajudaram a embasar a construção e o desenvolvimento dos vocábulos descritos. A abordagem utilizada será qualitativa. A hipótese adotada neste trabalho é que a escola tem um papel fundamental na promoção da saúde do jovem.

Protocolo: 5266 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): HIGOR MALUTA
ANA CAROLINA FAGUNDES DA SILVA
Professor(es): ALBA REGINA AZEVEDO ARANA

Resumo:
O câncer de mama é um distúrbio incomum da população masculina, representando 1,1 dos paciente acometidos. Geralmente envolve uma faixa etária dos 60 aos 70 anos e tendem a ser diagnosticados em estágios mais avançados na maioria das vezes, resultando em mal prognóstico. Contudo, ambos os sexos tem como forma mais incidente o carcinoma ductal, além de se assemelharem em fatores de risco, histórico familiar e tratamento. Visualizando a gravidade da doença, não só pelo risco de moralidade, mas também por representar uma minoria acometida; Foi realizado um estudo de série de casos comparativo, por analise de 4 prontuários do Ambulatório de Oncologia do Hospital Regional de Presidente Prudente - SP, de pacientes diagnosticados com tumor maligno de mama. Os casos exibem as consequências da descoberta da patologia já em estado avançado e o predomínio de pacientes submetidos a mastectomia radical modificada. Concluindo a importância do incentivo quanto a prevenção da doença, e a falha na falta de informação divulgada.

Protocolo: 5307 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 8/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JULIANA ALIKA TERASHIMA
BRUNA RIBEIRO LAZARI
LAURA LUIZA SABATIN DE OLIVEIRA
BRUNA LIDIANE DA SILVA
Professor(es): RAFAEL DA SILVA SA

Resumo:
Introdução: A visão é considerada o sentido mais importante para a integração do homem com o meio em que vive. A acuidade visual é a capacidade que o olho possui de diferenciar os detalhes do espaço e reconhecer a distância entre dois pontos. Tendo em vista a importância da visão para o desenvolvimento cognitivo e aquisição de informações e a prevalência de déficits visuais, é necessária a realização de exames de rotina para a avaliação da acuidade visual. Objetivos: Avaliar a acuidade visual de populações em cidades do Oeste Paulista nos anos de 2017 e 2018 e quantificar as alterações associando-as a possíveis sintomas apresentados pelos participantes. Metodologia: Trata-se de um estudo retrospectivo baseado na análise de dados coletados em extensões universitárias realizadas em cidades do Oeste Paulista nos anos de 2017 e 2018. Os participantes das extensões eram convidados a realizar a avaliação da acuidade visual através da Escala optométrica de Snellen de forma voluntária e recebiam informações sobre os procedimentos básicos. Antes da realização do exame, os participantes preenchiam uma ficha de atendimento. Os valores de acuidade visual de ambos os olhos, com ou sem correção, eram registrados na ficha. O valor do tamanho amostral para o estudo foi de 133 participantes. Resultados parciais: Do total de 242 fichas de atendimento examinadas, 134 (55,37) eram do sexo feminino e 108 (44,63) do sexo masculino. Foram examinados 225 (92,97) pacientes com boa acuidade visual, ou seja, AV maior ou igual a 0,7 em ambos os olhos. Verificou-se que o número de pacientes apresentando visão inferior a 0,7 foi de 17 (7,03).

Protocolo: 5272 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 2/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): VITORIA BEZERRA DA SILVA
LUCIANA CAVALCANTE OLIVEIRA DA SILVA
LUCAS CAVALCANTI DOS SANTOS
Professor(es): CLAUDIA ALVARES CALVO ALESSI
LUCIANA ALVARES CALVO

Resumo:
Introdução: Milhões de agricultores sofrem envenenamento e morte em países em desenvolvimento, e a exposição ocupacional e o suicídio tornam a toxicidade ao glifosato uma preocupação mundial. Objetivo: Avaliar os efeitos cardiovasculares da exposição subcrônica por via oral e inalatória ao herbicida glifosato em ratos. Material e métodos: Este estudo utilizará material armazenado do projeto "EXPOSIÇÃO CRÔNICA VIA INALATÓRIA E VIA ORAL AO HERBICIDA ÁCIDO 2,4-DICLOROFENÓXIACÉTICO (2,4-D) - AVALIAÇÃO DO POSSÍVEL EFEITO MUTAGÊNICO", aprovado pela CEUA, processo no 3761, sob responsabilidade de Gisele Alborghetti Nai. Foram utilizados 80 ratos Wistar albinos divididos em 8 grupos (machos - n=5; fêmeas - n=5; em cada grupo): GCI: nebulização com solução de cloreto de sódio (NaCl); GCO: ração nebulizada com solução de cloreto de sódio (NaCl); GBCI: nebulização com herbicida com 3,71 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha); GBCO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 3,71 x 10-3 g.i.a/ha; GMCI: nebulização com herbicida com 6,19 x 10-3 g.i.a/ha; GMCO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 6,19 x 10-3 g.i.a/ha; GACI: nebulização com herbicida com 9,28 x 10-3 g.i.a/ha; GACO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 9,28 x 10-3 g.i.a/ha. Nebulização diária por 15 minutos com Glifosato durante 75 dias. Coletou-se fragmentos do terço distal, médio e proximal da aorta e o coração para análise histopatológica. Resultados esperados: Espera-se mostrar se o herbicida glifosato tem efeito tóxico cardiovascular, mediante parâmetros histopatológicos.

Protocolo: 5221 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 8/2021 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): PEDRO HENRIQUE NAHAS CHAGAS
LETICIA ROCHA MAGALHAES
REBECCA ANDRADE PORTO
FERNANDO CEZAR CARDOSO MAIA
FERNANDA DE MARIA SERRA
Professor(es): GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
Situs inversus totalis trata-se de uma anomalia anatômica rara, caracterizada pela transposição dos órgãos para o sítio oposto à sua origem. A colecistectomia videolaparoscópica nesses pacientes é tecnicamente mais exigente e precisa de reorientação das habilidades cirúrgicas tanto do ponto de vista visual como também motora para o quadrante superior esquerdo.

Protocolo: 5265 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): RODRIGO TAVORE STRASSER
FLAVIO MESQUITA SAMPAIO GIOVANNINI
Professor(es): OSCAR HARUO HIGA

Resumo:
Introdução: A cirurgia cardíaca e procedimentos de intervenção ganharam um grande espaço a nível mundial. A partir dos históricos clínicos evidenciou-se a necessidade de uma avaliação pré-operatória detalhada a fim de analisar comorbidades que podem afetar o resultado cirúrgico. Na tentativa de estabelecer critérios para tal análise surgiram os modelos de estratificação de risco, denominados de escore de risco. Na atualidade o Society of Thoracic Surgeons Score (STS) e o European System for Cardiac Operative Risk Evaluation II (EuroSCORE II) são os escores mais utilizados para auxiliar na estratificação de risco cirúrgico. Porém com a diversidade entre os países do mundo faz-se necessário compreender a real aplicabilidade e eficiência dos estratificadores de risco Euroscore e STS nos pacientes brasileiros. Objetivo: Avaliar a capacidade do Sistema Europeu de Risco em Operações Cardíacas (EuroSCORE) e The Society of Thoracic Surgeons score (STS) em predizer mortalidade intra-hospitalar em pacientes submetidos a cirurgia cardiovascular em hospital do Brasil. Metodologia: A pesquisa consiste na análise retrospectiva de prontuários dos pacientes submetidos à cirurgia cardíaca no Hospital Regional de Presidente Prudente, entre janeiro de 2013 e dezembro de 2017. Foram considerados os prontuários que continham todas as informações para o cálculo do Euroscore II e do STS. Resultados esperados: Identificar a real aplicabilidade do euroSCORE e do escore STS, e a partir disso, estabelecer se os índices são indicadores satisfatórios para avaliar a mortalidade em pacientes brasileiros classificados como alto risco.

Protocolo: 5215 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 1/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ISABELA OLIANI TOLOSA DE ALMEIDA
VINICIUS CARLOS DE OLIVEIRA
ILANNA SOBRAL DE LUNA
FABIO AUGUSTO DOS SANTOS
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
MARIA CAROLINA MESTRINER PARRA
THAYNARA SOUZA DA SILVA
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
Podemos definir como aneurismas as dilatações localizadas das câmaras do coração ou vasos. O aneurisma da aorta torácica pode ser dividido em três partes, assim como a aorta torácica: o aneurisma que se instala na aorta ascendente, o que se instala no arco da aorta e o que se instala na aorta torácica descendente. O aneurisma de aorta abdominal e&#769; caracterizado pela dilatação patológica da aorta e é uma patologia relativamente frequente, com uma prevalência estimada em adultos com idade superior a 50 anos de 4&#8208;7 no sexo masculino e 1 no sexo feminino. A maioria das pessoas com aneurismas da aorta não têm sintomas, apenas em caso de dissecção ou de ruptura do aneurisma, eles são frequentemente encontrados durante exames médicos de rotina. Por isso, esse trabalho justifica-se na importância de identificar o perfil daqueles que são acometidos por essa doença e se atentar aos pacientes que estão sujeitos aos mesmos riscos. Trata-se de um estudo clínico-epidemiológico, retrospectivo e descritivo com o objetivo de analisar o perfil epidemiológico e clínico do aneurisma de aorta torácica em um hospital do interior do estado de São Paulo.

Protocolo: 5213 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 1/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ARIANA IEDA LIMA FERREIRA DA SILVA
FERNANDA TAVARES AMARAL MELLO
MATHEUS MELLO REIS ANDRADE
LARA MONISE DE SOUZA VILLA
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
LUCAS MANETTA DA CUNHA SUTER
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI

Resumo:
A dissecção aórtica (DA) é, reconhecidamente, a mais grave lesão que acomete a aorta. Ocorre predominantemente no sexo masculino e em idosos, estando associada a uma elevada mortalidade. A classificação, descrita pelo grupo de Stanford, divide a DA em: tipo A (mais comum, envolvimento da aorta ascendente) e tipo B (aorta descendente). Apesar dos grandes avanços que ocorreram nos métodos diagnósticos e nas técnicas de intervenção, as doenças da aorta continuam sendo importante causa de mortalidade e morbidade cardiovascular, representando, ainda, um grande desafio à equipe médica. A dificuldade diagnóstica e a alta taxa de mortalidade são causas que justificam esse estudo. Trata-se de um estudo clínico-epidemiológico, retrospectivo e descritivo com o objetivo de determinar o perfil epidemiológico e a taxa de sobrevida de pacientes diagnosticados com dissecção de aorta tipo A em um hospital do interior do estado de São Paulo.

Protocolo: 5214 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 1/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ARIANA IEDA LIMA FERREIRA DA SILVA
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
HEMILY ALBA SOTTI
JOAO GUILHERME CATARINO PEREIRA LEME
RENAN CARLOS DOS SANTOS
MARCELO ANADAO BRAMBILLA
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI

Resumo:
Introdução: A doença arterial coronariana (DAC) é uma manifestação comum de aterosclerose e é responsável por uma grande porcentagem de morbidade e mortalidade no mundo ocidental. O processo de aterosclerose começa no início da vida e tem como contribuinte a disfunção endotelial para a ocorrência da aterogênese em todas as fases da aterosclerose, fazendo da DAC uma doença crônica com progressão ao longo de um período de anos ou décadas. A revascularização miocárdica (RM) é uma das formas de abordagem terapêutica da DAC e tem como finalidade garantir o alívio dos sintomas e proporcionar uma melhor qualidade de vida para os paciente. Objetivo: Este estudo tem como objetivo determinar um perfil epidemiológico dos pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio.Metodologia: Trata-se de um estudo retrospectivo descritivo com análise de dados obtidos de prontuários de pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica no Hospital Regional de Presidente Prudente. A amostra será constituída por aproximadamente 163 pacientes que foram submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica. Serão analisadas todas as admissões no período de janeiro de 2017 a dezembro de 2017. Após a coleta dos dados, será realizada, primeiramente, análise estatística descritiva do perfil dos pacientes, seguida de testes para comparação de médias e incidências entre grupos, como os testes T de Student e Qui-quadrado. Resultados esperados: Acredita-se que haja a presença de diversos fatores de risco associados a doença aterosclerótica nesses pacientes que foram submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio.

Protocolo: 5216 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 12/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CASSIA APARECIDA DE SANTANA GASQUEZ
ANA ELISA DA SILVA FERNANDES
MARCELA RUIZ MACHADO
LUANA ALCANTUD RANGEL
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
ARTHUR DAL FABBRO CHOCAIR
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
Introdução: A cardiopatia isquêmica engloba várias síndromes intimamente relacionadas e causadas principalmente por oclusão do fluxo arterial devido a doença aterosclerótica coronariana.O desenvolvimento da insuficiência cardíaca, pelo processo aterosclerótico, se relaciona a alterações miocárdicas que levam a redução da contratilidade e da complascência cardíaca, ocasionado uma disfunção ventricular sistólica e/ou diastólica. O principal exame utilizado para diagnóstico das disfunções ventriculares é a ecocardiografia.Objetivos: verificar a evolução da disfunção ventricular em pacientes que realizaram a cirurgia de revascularização do miocárdio.Além disso, avaliar as características epidemiológicas desses pacientes submetidos a esse procedimento, relacionando- as com a evolução da disfunção ventricular, além da mortalidade e ocorrência de eventos pós operatórios. Metodologia: Trata-se de um estudo retrospectivo descritivo com análise de dados obtidos de prontuários e banco de dados eletrônico de pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica no Hospital Regional de Presidente Prudente. A amostra será constituída por aproximadamente 300 pacientes que foram submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica. Serão analisadas todas as admissões no período de janeiro de 2016 a dezembro de 2017, sendo excluídos os pacientes com laudo do ecocardiograma sem disfunção ventricular.Forma de análise dos resultados: Análise de regressão múltipla para relacionar os fatores aos possíveis desfechos. A análise dos resultados se dará por meio de uma Análise de Variância para dados pareados, cujo nível de significância adotado será 5. Resultados esperados: Acredita-se que os pacientes que foram submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio tenham uma melhoria da disfunção ventricular em relação a sua condição pré operatória.

Protocolo: 5217 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 1/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CASSIA APARECIDA DE SANTANA GASQUEZ
ANA ELISA DA SILVA FERNANDES
MARCELA RUIZ MACHADO
LUANA ALCANTUD RANGEL
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
ARTHUR DAL FABBRO CHOCAIR
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
As queratoses actinicas (QA) são lesões cutâneas hiperplásicas presentes nas áreas expostas à radiação ultravioleta, que ocorrem devido à displasia dos queratinócitos. Os tratamentos disponíveis são divididos em terapias focais e terapias de campo. As focais tratam lesões individuais clinicamente identificáveis. Já o tratamento de campo elimina as lesões clínicas e subclínicas existentes em um campo de cancerização, são divididas em técnicas de ablação de campo, terapia fotodinâmica e terapias tópicas. O tratamento tópico, como a terapia fotodinâmica, 5fluorouracil, gel de diclofenaco e imiquimod podem ser úteis tanto para o tratamento em campo, quanto para lesões isoladas. Os objetivos desse trabalho são avaliar e comparar a efetividade de duas modalidades terapêuticas para o tratamento da queratose actínica nos membros inferiores, avaliar a eficácia do uso do 5-fluoracil (5FU), analisar a eficácia do uso de peeling químico de ácido tricloroacético (ATA) em conjunto à solução de Jessner, comparar o uso do 5-fluoracil (5-FU) ao uso do Peeling de ácido tricloroacético (ATA) em conjunto à solução de Jessner e por fim avaliar a tolerabilidade em relação aos efeitos adversos, bem como o grau de satisfação do paciente. Após aprovação no comitê de ética, será realizado um estudo prospectivo do tipo ensaio clínico não randomizado, comparando duas modalidades terapêuticas no mesmo paciente com cegamento dos avaliadores. O tratamento empregado no membro inferior direito será peeling químico de Ácido Tricloroacético (ATA) a 35 associado à solução de Jessner (lado A), enquanto o membro inferior esquerdo receberá tratamento domiciliar com 5-FU 5 . Após intervenção os dados serão analisados por dois dermatologistas que não participaram da primeira fase do estudo. O resultado será classificado quanto à redução do número de lesões em campo cancerizável e da melhora do aspecto clínico em ruim (X < 25), boa (25 > x < 50), muito boa (50 > x <75) e excelente (x > 75) e os pacientes participantes do estudo também classificarão a terapêutica quanto a ocorrência de efeitos adversos em 1 (não houve efeitos adversos), 2 (efeitos adversos bastante toleráveis), 3 (efeitos adversos toleráveis), 4 (efeitos adversos pouco toleráveis).

Protocolo: 5237 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 8/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ISABELLA ANDRADE MARQUES
OMAR ALGAZAL
KARINA NACANO GUARIENTO
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU
MURILO DE OLIVEIRA LIMA CARAPEBA

Resumo:
OBJETIVO: Traçar o perfil ultrassonográfico e epidemiológico de pacientes portadores de trombose venosa profunda submetidos à ultrassonografia doppler no Hospital Regional de Presidente Prudente entre Janeiro de 2008 e Dezembro de 2018. MÉTODOS: O estudo será realizado a partir de dados coletados no Hospital Regional de Presidente Prudente (HRPP), através de resultados de exames ultrassonográficos (doppler) e análise de prontuários entre os anos de 2008 e 2018. Os pacientes serão agrupados de acordo com as características descritas em cada exame ultrassonográfico e respectivo prontuário médico: dados epidemiológicos (idade, sexo, unidade de internação), dados topográficos (lateralidade, local, veia acometida, viabilidade do sistema venoso superficial), características do achado (trombo, luz vascular, compressibilidade venosa, fluxo venoso, ectasia) e exames subsidiários (seguimento com doppler, periodicidade, recanalização, recorrência e d-dímero). A relevância estatística dos dados levantados será avaliada conforme o teste do qui-quadrado, com o objetivo de apresentar dados epidemiológicos fidedignos para o N amostral analisado. A relevância estatística dos dados levantados será avaliada conforme o teste do qui-quadrado, com o objetivo de apresentar dados epidemiológicos fidedignos para o N amostral analisado.

Protocolo: 5219 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2019 - 12/2019 Programa: PPD - Programa de Pesquisa Docente/PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Professor(es): FERNANDA MARIA BOTTINO VIZZOTTO TORETO
CESAR ALBERTO TALAVERA MARTELLI
WELINGTON DE MORAES
EDUARDO BALIZARDO

Resumo:
Os transtornos depressivos e ansiosos compreendem um grupo de patologias que vem se tornando mais prevalente na sociedade. Acredita-se que o Lúpus eritematoso possa estar relacionado com o desenvolvimento desses transtornos, por causar lesões cutâneas e pelo seu caráter estigmatizante. A depressão e a ansiedade acometem a população gerando diversos problemas socioeconômicos, devido a gastos diretos e indiretos, assim, compreender os fatores de risco, os fatores associados, bem como a dinâmica de seus sintomas, é essencial para o melhor planejamento das ações em saúde. Será aplicado, mediante autorização dos entrevistados, um questionário de caráter quantitativo (Inventário de Beck para depressão e Inventário de Beck para ansiedade) que pretende identificar sintomas depressivos e ansiosos em pacientes portadores de Lúpus eritematoso. Posteriormente, com os dados obtidos, será feita análise dos resultados por meio de estatística descritiva simples. Espera-se, a partir dos resultados, compreender melhor o desenvolvimento desses transtornos e o motivo de se relacionarem com o Lúpus, possibilitando o desenvolvimento de ações capazes de minimizar a correlação dessas patologias.

Protocolo: 5326 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 1/2020 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAROLINA BERTINI BONINI
AMANDA ZOGHEIB PINATTO
NATHALIA BERTINI BONINI
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ
LUIZA VASCONCELOS SCHAEFER

Resumo:
Introdução: A neoplasia de intestino são tumores que podem abranger parte do intestino grosso chamada de cólon, o reto e o ânus. A grande maioria possuem tratamento, podendo ser até curável quando detectado precocemente e ainda não apresenta metástases para outros órgãos. A maioria destes tumores podem iniciar-se a partir de pólipos, lesões benignas que podem crescer na parede interna do intestino grosso, sendo uma das principais causas de estenose intestinal que pode desenvolver um quadro característico de abdome agudo obstrutivo, sendo uma necessidade de operação de urgência. Objetivo: Descrever os sinais e sintomas, diagnóstico e tratamento da neoplasia de colón descendente em um paciente do sexo masculino com 50 anos de idade. Caso: Paciente masculino, 50 anos de idade, deu entrada no serviço do Hospital Regional de Presidente Prudente (HRPP), com um quadro de dor abdominal em quadrante inferior direito com irradiação para o pênis há 45 dias, associado a disúria, afilamento do jato urinário e sensação de incapacidade de expelir o conteúdo urinário após micção. Nega tabagismo e etilismo. Sendo direcionado para realizar uma Tomografia de abdômen, que teve como resultado uma massa de 10 cm na região abdominal próxima a mesentérica, também foi solicitado uma Videocolonoscopia que apresentou como conclusão: neoplasia subestenosante de colón descendente. O seguiu para o tratamento que melhor se enquadrava no caso, sendo realizado uma Laparatomia exploratória com Transversostomia à direita, Hemicolectomia à esquerda (ângulo esplênico) com cólon-colón anastomose. O paciente após a cirurgia evoluiu estável hemodinamicamente sem queixas, permanecendo 39 dias internado no ambulatório de Cirurgia Geral, tendo alta. Conclusão: No caso acima relatado foi mostrado uma neoplasia de colón descendente. Apresentando alguns sintomas que a literatura pouco aborda. A dificuldade do estudo foi em relação a falta de algumas informações no prontuário, assim como outros sintomas. O técnica cirúrgica foi eficaz e o paciente segue em recuperação.

Protocolo: 5184 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 4/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GUILHERME LIBERATI SILINGOVSCHI
JOSE PAULO JEHA PERUQUE
RODRIGO EUGENIO SEABRA
Professor(es): HERMANN BREMER NETO

Resumo:
INTRODUÇÃO: A fumaça do cigarro tem demonstrado ser deletério à saúde e esta correlacionada a processo sistêmico inflamatório e morte celular em humanos. Os alimentos funcionais, probiótico, prebiótico e simbiótico, demonstraram poder indiretamente atenuar o processo inflamatório e redutor de lesões teciduais., porém não observamos estudos em relação aos seus efeitos no sistema mucociliaro que pode acarretar morte das células, apoptose, o que nos leva a hipótese de que na traqueia estes efeitos poderão ter esse efeito benéfico. OBJETIVO: Analisar os efeitos da suplementação de alimentos funcionais: probiótico, prebiótico e simbiótico, na dieta de ratos, como modelo animal, com probiótico, prebiótico e simbiótico na traqueia de ratos expostos cronicamente fumaça do cigarro. MATERIAIS E MÉTODOS: Sessenta e quatro ratos Wistar machos foram alojados em gaiolas individuais, em ambiente com temperatura controlada de 22oC, ciclo claro/escuro de 12 horas e livre acesso a água e dieta e aleatoriamente alocados em oito grupos (n=8), sendo quatro alimentados com as dietas: quatro grupos suplementados com dietas controle ou suplementadas com probiótico, prebiótico ou simbiótico e quatro grupos alimentados com as mesmas dietas e expostos cronicamente a fumaça do cigarro e alimentados com as dietas controle e suplementadas com probiótico, prebiótico e simbiótico. O protocolo de exposição à fumaça de cigarro consistiu: cinco dias, período de adaptação, os animais foram expostos diariamente à fumaça do cigarro numa câmara por um período de 10 minutos e período experimental de 184 dias, no qual os animais foram expostos à fumaça de cigarro por 60 minutos diários. Aos 210 dias de idade, os ratos foram anestesiados, sacrificados e a traqueia foram seccionadas e fixadas em formalina tamponada a 10. Nesse projeto as amostras serão submetidas a procedimento de rotina histológica, emblocadas e os cortes histológicos semiseriados de 4 µm serão corados com marcador analisar os efeitos da fumaça no sistema mucociliar, através de duas colorações: o ácido periódico-Schiff (periodic acid-Schiff-PAS) e o azul de Alcian. Os dados histopatológicos, em escores, serão submetidos à análise da normalidade pelo teste de Shapiro Wilk. Em caso de normalidade, optaremos pelo uso do teste não paramétrico de Kruskal-Wallis, seguido das comparações múltiplas de Student-Newman-Keuls. Todos os testes estatísticos serão realizados com 5 de significância.

Protocolo: 5182 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 1/2022 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): BARBARA LETICIA FLORES OLIVEIRA
ALINE LEITE SABINO
WEBER GUTEMBERG ALVES DE OLIVEIRA
HELIARD RODRIGUES DOS SANTOS CAETANO
Professor(es): HERMANN BREMER NETO

Resumo:
Introdução: A Fibrose Cística (FC) é uma doença genética, hereditária, autossômica recessiva, causada por alterações no gene que codifica o cystic fibrosis transmembrane regulator (CFTR). Pode gerar sintomatologia diversa, sendo frequentes casos de acometimento pulmonar e infecções respiratórias de repetição. Objetivo: Relatar a evolução e prognóstico de uma paciente com fibrose cística após procedimento de pneumonectomia total. Relato de Caso: G.L.S., 28 anos, diagnóstico tardio da doença e evolução com fibrose pulmonar direita. Seguimento para realização de pneumonectomia total devido a quadros sucessivos de pneumonia bacteriana e perfil microbiano multirresistente. Evoluiu com bom prognóstico e um período de seis anos de estabilidade, relatando melhora dos sintomas. Desenvolveu quadro agudo com desconforto respiratório, necessitando de internação e posterior seguimento ambulatorial. Discussão: A literatura sobre utilização da pneumonectomia total na FC é escassa, com relatos de casos semelhantes em poucos pacientes, com um desfecho predominantemente positivo pós-procedimento. Conclusão: A utilização de pneumonectomia na fibrose cística é uma prática incomum, que necessita de indicações precisas, com prognóstico variável.

Protocolo: 5137 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): PERICLES BRANDAO NETO
THALES DIONISIO MARCON
CAIO VINICIUS OLIVEIRA NERI
ANDRE FELIPE DE AMORIN
Professor(es): GUILHERME ZIMMERER LORENTZ
FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
A Sífilis é uma doença infectocontagiosa sistêmica, de evolução crônica, caracterizada por lesões cutâneas temporárias e sua transmissão ocorre por via sexual e transplacentária, constituindo uma ameaça ao feto, em decorrência do alto risco para o desenvolvimento da sífilis congênita. A relevância do tema abordado se mostra dado ao crescente aumento nos casos de Sífilis no Brasil. Esta pode ser prevenida mediante ações de profissionais no Sistema Público de Saúde, por meio de cuidados simples e de extrema importância no rastreamento durante as consultas de pré-natal, além do manejo clínico adequado da gestante e seu parceiro, e, por fim, aconselhamento sobre a doença e formas de prevenção. Trata-se de uma revisão integrativa, na qual será utilizado um instrumento para coleta de dados nos bases de dados SCIELO, LILACS, MEDLINE e PubMED, que assegure que a totalidade dos dados relevantes seja extraída, alem de minimizar os riscos de erros na transcrição e servir de registro.

Protocolo: 5138 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LUIS OTAVIO DE ASSIS ONIMARU
MARIANA DE LIMA RAMOS PINTO ALVES
NATHALIA MORETTI CHAVES
Professor(es): NAIR TOSHIKO TASHIMA

Resumo:
A síndrome de Vacterl consiste em sete anomalias congênitas, que são: malformações vertebrais, atresia anal, alterações cardiovasculares, fistula traqueoesofagica, atresia de esôfago e defeitos em rins e membros, sendo que a confirmação de seu diagnóstico é feita pela presença de no mínimo três delas. Sua etiologia ainda é pouco conhecida. A importância do seu diagnóstico pré-natal se deve a associação de um determinado sintoma com a busca das demais malformações, através de exames radiológicos, ultrassonografia, ecocardiograma entre outros. O tratamento é de acordo com a malformação apresentada, sendo separado em estágios. Nesse trabalho é relatado um caso de um recém-nascido com diagnostico confirmado pela apresentação de atresia de esôfago, fistula traqueoesofagica e malformação vertebral, o tratamento da atresia esofágica e fistula traquoesofagica foi cirúrgico, realizada ainda no primeiro mês de vida, com ótima recuperação, recebeu alta e foi encaminhado para o ambulatório para acompanhar sua malformação vertebral. A baixa incidência e a escassez de informação acerca dessa síndroma revela a relevância de tal trabalho.

Protocolo: 5141 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ISABELA MARINHO DIAS NASCIMENTO
ANA LAURA MORETTI PESSOA
GABRIELA CAPUCI RIBEIRO
Professor(es): MURILO SABBAG MORETTI

Resumo:
Amiloidose é um distúrbio das células plasmáticas caracterizada pelo depósito de material amiloide em diversos tecidos e órgãos, sendo uma condição associada a desordens hereditárias, inflamatórias e neoplásicas. Ocorre deposições extracelulares em forma de fibrilas provocando uma lesão tissular, substituindo o tecido parenquimatoso e interferindo no funcionamento do órgão acometido. O amiloide pode ser sistêmico, subclassificado em Amiloidose primária e Amiloidose secundária; ou localizado. A classificação baseia-se no tipo de proteína das fibrilas as quais estão relacionadas as formas clinicas distintas. Lesser descreveu pela primeira vez, em 1877, a Amiloidose do trato respiratório. A manifestação inicial pode ocorrer com características localizadas ou com características sistêmicas.O presente estudo relata o caso clinico de um paciente portador de Amiloidose pulmonar, diagnosticado no Hospital Regional de Presidente Prudente (HRPP).O tema escolhido nasceu da possibilidade de contribuição ao meio acadêmico e também aos futuros leitores, com enfoque nos profissionais da área da saúde, pois há poucos relatos descritos já que a Amiloidose pulmonar é uma doença rara e pouco estudada devido a sua etiologia indeterminada.

Protocolo: 5153 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): NATALIA FERNANDES IIZUKA
JOAO PEDRO BERNARDI MENOSSI
LEONARDO AMARAL SANTOS
Professor(es): EDGAR LUCAS DA SILVA JUNIOR
RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
O objetivo deste trabalho é relatar o caso de um paciente com HIV há mais de quatorze anos que por não saber da sua condição, não fazia uso da terapia antirretroviral e apresentou uma fenda em prega vocal até então de etiologia desconhecida. Pacientes recém-portadores do HIV (10 anos), normalmente não apresentam sinais clínicos pois a contagem de CD4 ainda está dentro do normal. Em geral, os primeiros sinais clínicos são manifestações de cabeça e pescoço. No caso reportado O paciente teve disfonia, disfagia, odinofagia e, além disso, relatou perda ponderal de 10 kg em um curto espaço de tempo. Possui uma fenda em prega vocal de origem desconhecida pelos médicos. A principal hipótese sobre a gênese desta lesão é uma laringite que pode ser causada por infecções ou tumores. Essa relação entre HIV e lesão tem tendência em dificultar o manejo, quando a terapia não for bem-sucedida se faz necessário uma examinação direta e biopsia. Portanto ao associar os achados sobre a origem da lesão em corda vocal com o caso nos leva a crer que a fenda fusiforme anterior é um possível achado clinico em pacientes portadores do HIV sem tratamento.

Protocolo: 5156 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MATHEUS CUNHA FERREIRA CASTRO TOLENTINO
EDUARDO ANTENOR LARIO JUNIOR
GABRIEL HENRIQUE DE MATOS GAUDIN
BRENO MIRANDA DE SOUZA
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
A presente pesquisa objetiva analisar a literatura a respeito do tratamento de pacientes com Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias com Diagnostico Duplo para verificar a evidências de melhores resultados clínicos tratados na abordagem integrada. Para tanto, o objetivo do presente estudo é realizar uma revisão integrativa da literatura que explore a temática da Síndrome Dual e seu manejo clinico. Será realizado a partir do levantamento da literatura disponível nas bases de dados Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), PubMed e Periódicos CAPES, sendo selecionados artigos considerados relevantes para a construção dessa revisão, que se encontrem indexados sob os descritores "Terapêutica", "Comorbidade" e "Diagnóstico Duplo (Psiquiatria) ", presentes nos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) e na língua portuguesa ou inglesa. Os resultados e discussão desta revisão serão apresentados por três tipos de gráficos de análise textual IRaMuTeQ: 1 - Análise de Similitude, 2 - Classificação Hierárquica Descendente (CHD) e 3 - Nuvem de Palavras, separando os artigos em língua portuguesa e inglesa. Espera-se que o estudo permita verificar um diferencial claro entre a eficácia das abordagens, e assim facilitar e agilizar o processo de levar os pacientes ao tratamento.

Protocolo: 5116 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FERNANDO DE MOURA MOREIRA
CIRO VELLOSO BARROS
GABRIEL CALDEIRA CORAZZA
JULIANA TAVARES SILVESTRINI TIEZZI
Professor(es): CAMELIA SANTINA MURGO

Resumo:
A tartrazina (TAR) é um corante sintético amplamente utilizado pela indústria para fabricação de drogas, alimentos e cosméticos. O meio onde é mais difundido é a indústria alimentícia pela preocupação com o sabor e apresentação dos seus produtos. Existe o fato de que o limite prescrito de tartrazina em amostras de produtos também é excedido constantemente, o que nos leva a crer que a exposição prolongada nem sempre é necessária para atingir um limiar tóxico, apresentando constante risco à saúde, assim faz-se necessária a avaliação dos riscos dessa substância a saúde. O objetivo geral do estudo é avaliar possíveis alterações auriculares em ratos Wistar que foram submetidos ao uso constante do corante tartrazina. Serão utilizadas 40 ratos sendo 20 fêmeas Wistar (Rattus norvegicus) e 20 machos, obtidos junto ao Biotério da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste). Os animais serão divididos em dois grupos, 20 (sendo 10 fêmeas e 10 machos) animais expostos e 20 (sendo 10 fêmeas e 10 machos não expostos) animais, ao grupo exposto diariamente será administrada por gavagem, 7,5 mg/kg de massa corpórea de tartrazina em solução aquosa, durante 10 meses. Após este período os animais serão sacrificados e obtidas as aurículas para confecção das laminas coradas por HE. Todas as lâminas serão fotografadas e avaliadas pela técnica de dimensão fractal. Para avaliação comparativa dos resultados expostos e não expostos, serão utilizados os testes estatísticos; Análise de Variância com o teste "a posteriori" de Turkey ou Dunnett, e o teste de Kuskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. Será considerado como nível de significância estatística o limite de 5 (p<0,05).

Protocolo: 5119 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ANA CLARA BORGES MARANGONI
ANA GANEF SLOBODTICOV
Professor(es): ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES
GABRIELA HARO DE MELO

Resumo:
Filóides (Phyllodes) é um tumor fibroepitelial raro com componentes epiteliais e estromais mesenquimais, possui pico de incidência por volta da quinta década de vida. É subdividido em três categorias: Benigno, Limítrofe e Maligno. Não possui características específicas que sejam reconhecidas em métodos de imagem. O tratamento cirúrgico é o mais utilizado. No entanto há necessidade de melhor abordagem para conhecimento deste tumor. O objetivo deste trablho será abordar a relação entre o tratamento cirúrgico nas diferentes formas do Tumor Filóides e a ocorrência de metástases e recidivas. Para tanto, será realizado um estudo de revisão bibliográfica que buscará conceitos sobre Tumor Filóide da mama nos últimos cinco anos.

Protocolo: 5166 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): THAIANA DE BRITO ROS
ANA CLARA DE CRISTOFANO SILVA
Professor(es): ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES
GABRIELA HARO DE MELO

Resumo:
O carcinoma anaplásico da tireoide (CAT) é uma neoplasia maligna de extrema agressividade, com a pior evolução entre os cânceres da tireoide; apresentando uma taxa de mortalidade superior a 90 e uma taxa de sobrevida média de seis meses após o diagnóstico. É responsável por menos de 2 de todos os cânceres de tireoide e, no entanto, é responsável por até 50 das mortes desda classe de doenças. O controle da CAT pode ser desafiador e inclui diagnóstico rápido, estadiamento adequado e tratamentos multimodais interdisciplinares para otimizar o desfecho do paciente. Há uma clara melhora na sobrevida do paciente quando a ressecção do tumor é realizada, em comparação com aqueles que recebem apenas tratamento clínico. Desta forma, o presente estudo objetiva avaliar o impacto do tratamento cirúrgico do carcinoma anaplásico de tireoide, além de verificar seus desfechos clínicos. Além disso, poucos estudos analisaram o melhor método para ressecção cirúrgica dessa patologia. A pesquisa bibliográfica será realizada por meio de busca em bases de dados. A análise utiliza o instrumento elaborado e validado por URSI (2005), adaptado às especificidades do presente estudo, preenchendo os seguintes itens: tipo de publicação; objetivo ou questão de pesquisa; amostra; processamento de dados; intervenções; resultados; analisar; implicações; nível de evidência e avaliação do rigor metodológico.

Protocolo: 5120 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JESSICA SAAB
KARINE MAYUMI KIMURA
GABRIELE CRISTINE IMAMURA
ANDRE CARRION DE FARES PINTO
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
A Hidradenite supurativa (HS) grau III é uma doença rara presente, predominantemente, em mulheres após a puberdade, obesas, tabagistas, não brancas, e com diabete mellitus, caracterizada como uma inflamação crônica da pele e tecido subcutâneo, recorrente e debilitante proveniente das glândulas de suor, especificamente, as apócrinas, em geral, apresentando-se em um só local por vez, ocasionando lesões purulentas de odor fétido e que causa depressão, ansiedade e perda da qualidade de vida do doente. O relato conta um caso de um jovem do sexo masculino, negro com atrofia cerebral congênita, magro, não tabagista, não diabético que apresenta as lesões purulentas da HS, em praticamente, todas as regiões comuns de se desenvolver a HS e em outras regiões não comuns, em um mesmo período de tempo, apresentando até impossibilidade de locomoção decorrente da HS. A HS é uma doença ainda pouco estudada pela comunidade científica que apresenta tratamentos invasivos e diagnósticos tardios da doença, com uma etiopatogenia não muito clara, demonstrando a necessidade de mais estudos na área.

Protocolo: 5109 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GIOVANA KAORY JANDER KATAOKA
JULIANA JACOMELI GOUVEIA
KARINE MONTEIRO FERREIRA
ISABELA MARIA ESTEVAM DA COSTA FERREIRA
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
A Doença de Huntington (DH) é uma enfermidade neurodegenerativa hereditária, sendo um distúrbio de amplificação gênica associado a uma expansão CAG, no éxon 1 do gene da huntingtina localizado no braço curto do cromossoma 4, em 4p16.3, que codifica a proteína huntingtina. A idade média de início para a DH é de aproximadamente 45 anos e o tempo médio de sobrevida após o início é de 15 a 18 anos. O tratamento atual depende exclusivamente do alívio sintomático, que na maioria das vezes só é satisfatório na fase inicial da doença. Avanços recentes em tecnologias de supressão de genes, indicam que a terapia gênica não só impediria a progressão da doença, mas também reverteria a doença existente, as técnicas de silenciamento gênico têm três abordagens gerais, como: repressão da transcrição usando proteínas de dedo de zinco, repressão da tradução demHTT por oligonucleotídeos antisentido (ASOs), e o bloqueio da tradução de proteínas usando técnicas de interferência de RNA. Neste sentido o presente estudo consiste de uma Revisão Integrativa de Literatura que tem como objetivo analisar os avanços obtidos pelos estudos nos últimos cinco anos, envolvendo a terapia de silenciamento genético na DH e identificar a viabilidade da aplicação nos portadores da Doença. Será realizado o levantamento bibliográfico nas bases de dados de pesquisa especializadas em saúde: PubMed e BVS por meio dos descritores pré-estabelecidos "Huntington Disease" e "Gene Silencing". Os artigos selecionados serão analisados através de instrumento para coleta de dados, validado por URSI (2005).

Protocolo: 5113 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LETHICIA MACHADO JACINTHO
KARINE MAYUMI KIMURA
Professor(es): LEANDRA ERNST KERCHE
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
Introdução: a acidúria 3-metilglutacônica tipo III (MGA3) também denominada como Síndrome de Costeff é uma doença neurológica autossômica recessiva rara, que apresenta mutação em sua estrutura, começando a demonstrar seus sinais já na infância com as seguintes características: atrofia óptica, coréia, paraparesia espástica e ataxia. Objetivo: o presente estudo tem como objetivo descrever os achados semiológicos nestes pacientes assim como relatar os dados utilizados para fechar o diagnóstico, demonstrar a abordagem terapêutica e relatar as orientações para os pacientes e familiares. Casos: paciente do sexo masculino, nascido em 25/01/2001 com história de parto prematuro, filhos de pais consanguíneos, foi encaminhado ao Centro de Referência em Erros Inatos do Metabolismo (CREIM) devido à um atraso no desenvolvimento neuropsicomotor. No exame apresentava alterações oftalmológicas e neurológicas. Desta forma, foi solicitado análise de Ácidos Orgânicos Urinários que teve como resultado aumento da excreção dos ácidos 3-metilglutacônico e 3-metilgutárico. Pelo quadro clínico apresentado e os resultados dos exames complementares foi definido o diagnóstico de Acidúria Orgânica denominada Acidúria 3-Metilglutacônica tipo III ou Síndrome de Costeff. A irmã, nascida em 09/08/2008, foi encaminhada ao CREIM junto com seu irmão, por quadro clínico de atraso no desenvolvimento neuropsicomotor. Ao exame apresentava alterações neurológicas e oftalmológicas. Pelo quadro clínico apresentado e os resultados dos exames complementares o diagnóstico também foi de Síndrome de Costeff. Os pacientes vêm sendo acompanhados por médicos semestralmente e fisioterapeutas semanalmente. Os irmãos seguem com uma dieta restritiva parcialmente de proteínas, de acordo com a estabelecida pela nutricionista. Quanto o tratamento medicamentoso, os pacientes utilizavam L-carnitina durante um tempo, até estabilizar o quadro, em seguida deixaram de fazer uso e a menina segue utilizando a Coenzima Q10 para diminuir a ação dos ácidos orgânico no organismo. Conclusão: Portanto, a atrofia óptica, coréia, paraparesia espástica e ataxia foram os principais sinais para os médicos solicitarem uma avaliação da excreção urinária, com o objetivo de identificar o aumento nos níveis de excreção dos ácidos 3-metilglutacônico e 3-metilgutárico e assim fechar o diagnóstico precocemente. Quanto a abordagem terapêutica teve como função controlar a evolução da doença e melhorar a qualidade de vida dos pacientes.

Protocolo: 5248 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JOAO PEDRO VALLADAO DE PAULA
WILLIAN MEDINA GUIMARAES
MARCUS VINICIUS GODOY GARCIA NETO
Professor(es): MARGARETE JARDINETTI DE OLIVEIRA
ARMENIO ALCANTARA RIBEIRO

Resumo:
A agenesia da veia cava inferior (VCI) é uma malformação congênita rara com causa mais provável a disgenesia durante a embriogênese. O objetivo deste trabalho é relatar o caso de uma paciente com agenesia da VCI e deleção no cromossomo 3p24. Paciente, sexo feminino, parto cesárea, apresentou algumas alterações na triagem neonatal, e presença de dismorfias como polidactilia e implantação baixa das orelhas. Foi realizado exames complementares, onde mostrou deleção no cromossomo 3p24, além de apresentar alteração cardíaca e agenesia de veia cava inferior.

Protocolo: 5134 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): EVANDRO PAULO ALCALA JUNIOR
ANNA CAROLINA SILVA OLIVEIRA
ANA CAROLINA DE RESENDE GARCIA
GIOVANA YAMASHITA SILVA
Professor(es): NILVA GALLI
LEANDRA ERNST KERCHE
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
O objetivo deste estudo é descrever e analisar o conhecimento dos profissionais de saúde que atuam em um hospital universitário, sobre a prevenção da lesão por pressão. Trata-se de estudo descritivo, exploratório, transversal com abordagem quantitativa que será realizado no município do interior do estado de São Paulo, localizado no extremo Oeste Paulista. Os dados serão coletados por meio de um instrumento estruturado composto por duas partes. A primeira parte do instrumento apresenta dados sóciodemográficos e a segunda parte é o teste de conhecimento construído por Pieper e Mott em 1995. Participarão do estudo os profissionais de saúde auxiliares/técnicos em enfermagem, enfermeiros e médicos residentes. À partir dos resultados, serão constituídos gráficos e tabelas para estabelecimento de frequência simples e percentuais.

Protocolo: 5197 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2019 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): TAYNA FIGUEIREDO ORLANDI
LETICIA NASCIMENTO COLNAGO
LIVIA CHAVES DE AQUINO BARBOSA FRAZAO
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES

Resumo:
As secreções glandulares da pele de anfíbios, particularmente os sapos e as rãs, são consideradas como ricas fontes de compostos biologicamente ativos, que atuam como agentes antimicrobianos, cardiotônicos, diuréticos e antineoplásicos. Estas secreções apresentam inúmeras substâncias altamente diversificadas como, peptídeos, proteínas, aminas biogênicas, alcaloides, compostos esteroidais e muitas outras. Entre os anfíbios, os estudos das secreções de rãs são os mais reportados na literatura, mas poucos trabalhos estão relacionados com as secreções de sapos. Vale ressaltar que muitos dos compostos isolados de venenos de anfíbios apresentam ação antimicrobiana, visto que estes animais vivem em ambientes propícios às infecções. O objetivo deste estudo é avaliar a ação antitumoral da toxina resibufogenina sobre células tumorais de câncer de mama (MCF-7 e MDA-MB-31), através da viabilidade celular pelo ensaio de MTT e pelo ensaio de angiogênese. Esta pesquisa fornecerá importantes informações sobre a ação da toxina resibufogenina em células tumorais, caracterizando um possível composto com potencial biotecnológico.

Protocolo: 5122 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 12/2019 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LIZ ANDRADE AMARAL
JULIANA PARMINONDI
KAELISE CRUZICHI MEMARE
PRISCILA SILVA FIABANI
Professor(es): FERNANDO ANTONIO PINO ANJOLETTE

Resumo:
O Cloridrato de Metilfenidato (MPH) é um fármaco de estrutura química semelhante à das anfetaminas, que atua sobre o Sistema Nervoso Central, alterando e estimulando os receptores adrenérgicos e dopaminérgicos, fazendo com que a via mesocorticolímbica permaneça com atividade aumentada durante seu uso. Há um grande interesse relacionado ao uso de psicoestimulantes para aumento do desempenho intelectual, porém esses medicamentos apresentam efeitos colaterais que podem gerar complicações indesejadas aos usuários. O objetivo do presente trabalho é apresentar as complicações recorrentes do uso indiscriminado do Metilfenidato em indivíduos saudáveis presentes na literatura. Serão selecionados artigos publicados até 2018 nas seguintes bases de dados: Literatura Latino-Americana e do Caribe (LILACS), Literatura Internacional em Ciências da Saúde e Biomédica (PubMed/ MEDLINE), Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Biblioteca Científica Eletrônica Online (Scielo), em língua inglesa e portuguesa, através dos descritores "TDAH", "metilfenidato", "tratamento" e "consequências", que estejam disponibilizados online. A análise de dados será descritiva.

Protocolo: 5136 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ISABELA PUGA MAGOTI
MARCOS ROMBI FILITTO
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: A doença de Parkinson (DP) afeta equilíbrio, marcha e cognição dificultando atividades que exigem a dupla-tarefa como caminhar e conversar, por exemplo. O exercício pode amenizar essas alterações. O Agility Boot Camp (ABC) é um treinamento inovador que desenvolve capacidades importantes, como a velocidade da marcha, equilíbrio, reações posturais e interação entre a mobilidade e a cognição, destacando a dupla-tarefa. Objetivo: Verificar o efeito do treinamento Agilty Boot Camp com DT no equilíbrio, marcha e qualidade de vida de indivíduos com DP. Metodologia: Serão avaliados 24 pacientes distribuídos em dois grupos: grupo ABC training e um grupo controle inativo, ou seja, 12 em cada grupo selecionados de maneira aleatória, sendo as principais variáveis marcha, equilíbrio e qualidade de vida. Para avaliar o equilíbrio e marcha será utilizado o teste MiniBESTest e para avaliar a qualidade de vida será realizado o questionário PDQ-39 antes e após a intervenção. Será aplicado o teste de Shapiro Wilk, para verificar normalidade dos dados e de acordo com a distribuição os dados serão apresentados em mediana e intervalos interquartílicos 25-75 ou média e desvio padrão. Para verificar as diferenças momentos pré e pós intervenção entre os grupos será empregada ANOVA Two-way para medidas repetidas. No programa, o tipo de intervenção (grupo) será incluído como fator entre sujeitos; o tempo como fator repetido intra-sujeitos e a interação tempo x grupo será analisada. Na presença de significância estatística, o post-hoc de Bonferroni será conduzido para identificar as diferenças. Caso os dados apresentem distribuição não normal, será utilizado o teste Kruskal Wallis. Todas as análises serão realizadas utilizando o programa SPSS, versão 17.0 (SPSS Inc,Chicago, IL). O nível de significância estatística será estabelecida com o valor p<0,05 (5 ). Resultados esperados: Espera-se que os pacientes melhorem nas variáveis equilíbrio, marcha e qualidade na pós- intervenção.

Protocolo: 5093 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 1/2020 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): SABRINA LEAL DA SILVA
ANDREZA APARECIDA VELOSO
FRANCIELE DE SOUZA OLIVEIRA
BRUNA DE REZENDE GARCIA
DANIELA BARROS
REBECCA ANDRADE PORTO
GIOVANA CATARINA VIDOTTI LUDWIG
Professor(es): RENATA APARECIDA DE OLIVEIRA LIMA
ANA CLAUDIA DE SOUZA FORTALEZA MARQUES

Resumo:
Entre os pacientes do sexo masculino, o câncer de bexiga é o quarto mais comum e raramente são identificados em indivíduos jovens. O sintoma manifesto mais comum é a hematúria macroscópica e o tratamento inicial é a ressecção transuretral de bexiga, onde se identifica o estágio e a classificação. Nesse artigo relataremos o caso de um paciente masculino com câncer de bexiga invasivo de auto grau, sendo tratado com uma cistectomia radical, linfadenectomia e neobexiga à Bricker.

Protocolo: 5133 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 8/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIEL BANDEIRA SANTOS
Professor(es): OSCAR RUBINI AVILA
FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
A Organização Mundial de Saúde definiu que a insuficiência cardíaca é uma das prioridades entre as enfermidades crônicas que necessitam de atenção dos setores de saúde em todo o mundo, sendo uma das principais causas de internações cardiológicas no país. Dessa forma, este trabalho tem como objetivo apresentar o caso de uma paciente de 58 anos com um quadro prévio de insuficiência cardíaca congestiva, troca de válvula mitral, seguida de falência em todas as válvulas, quadro clínico de dispneia a pequenos esforços e ascite, focando tratamento paliativo, já que as informações baseadas nesses preceitos são pouco descritas na literatura. Os dados foram obtidos por meio de revisão do prontuário, entrevista com a paciente, imagens dos métodos diagnósticos e séricos aos quais a paciente foi submetida, além de revisão bibliográfica.

Protocolo: 5130 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JOAO VITOR BRAZ RIBEIRO
GUILHERME LOBO DE SIQUEIRA
EDUARDO RUIZ DALBELLO
LUCAS MARQUES DE OLIVEIRA LEITE
Professor(es): HERMANN BREMER NETO

Resumo:
A necessidade de compreensão de acometimentos que podem comprometer a saúde mental de crianças em idade escolar tem sido destacada em pesquisas contemporâneas, dadas as interferências no desempenho acadêmico e nas relações interpessoais no percurso do desenvolvimento e na trajetória de escolarização. Nessa direção, o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e a Depressão Infantil tem se destacado devido a incidência crescente com que têm sido identificados, o que justifica o objetivo dessa pesquisa de verificar as possíveis correlações entre TDAH e depressão. A amostra será formada por 350 estudantes de escolas públicas do interior do estado de São Paulo dos 4 º e 5º anos. Serão utilizados como instrumentos para coleta de dados a Escala de TDAH para Crianças e o Questionário de Depressão Infantil (CDI). Análises correlacionais permitirão verificar a interdependência destas variáveis. Espera-se que através do estudo seja possível compreender a significância de cuidados com a saúde mental de escolares.

Protocolo: 5091 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAROLINA MORAIS FARIA
LEONARDO SANTOS DE SOUZA
Professor(es): CAMELIA SANTINA MURGO

Resumo:
A anemia é um dos distúrbios hematológicos mais comuns, caracterizada pela diminuição na concentração de hemoglobina no eritrócitos. Dentre as anemias carenciais, causadas pelo déficit de ferro e/ou vitaminas, merece destaque a anemia megaloblástica, na qual ocorre alteração da morfologia das células da medula óssea e diminuição do ferro heme, que necessita do ácido fólico na sua formação. A vitamina B12 é quem garante sua funcionalidade. Alguns medicamentos são capazes de causar alterações hematológicas, dentre elas anemia, sendo a supressão da medula óssea o mecanismo mais provável e freqüente. Este relato descreve um caso de anemia megaloblástica potencialmente induzida por um medicamento anticonvulsivante, com isto, pretende-se esclarecer a relação entre causas e sinais e sintomas da deficiência de ácido fólico, evidenciando a causa medicamentosa, e suas consequênciasno sistema nervoso central (SNC), além do hematopoiético. Com base na literatura, a intoxicação pelo anticonvulsivante ácido valpróico é a provável etiologia da doença hematológica deste caso. Da mesma forma, direcionam o raciocínio para a potencialização dos efeitos do ácido valproico pela clorpromazina, além dos resultados adicionais da combinação de dois benzodiazepínicos, podendo ser causadores ou intensificadores de seus efeitos adversos, sintomáticos na paciente. Assim sendo, a pesquisa alerta para as graves consequências que os efeitos colaterais e interações entre si dos medicamentos podem causar, principalmente psicofármacos. De modo que os profissionais de saúde devem estar cientes de todas as características das composições que prescrevem a seus pacientes.

Protocolo: 5085 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LIVIA SOUZA PRIMO
ELOISA BREDA ROCHA
MAITE MILAGRES SAAB
NATASHA LAIS NUNHES ROCCO
Professor(es): REBECA CARVALHO BRESSA
JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA

Resumo:
Introdução: A sífilis congênita (SC) é uma doença infectocontagiosa responsável por mais de 300 mil mortes fetais e neonatais, e coloca em risco de morte prematura mais de 200 mil crianças, ela é transmitida por via placentária e a gravidade da patologia está relacionada com o período de infecção. A SC é a patologia que possui maiores taxas de transmissão vertical. Assim, diversos órgãos estabeleceram metas para seu controle. Objetivo: Este trabalho tem como objetivo identificar os aspectos epidemiológicos relacionados com a sífilis congênitas no estado de São Paulo e em todas as suas macrorregiões em comparação com outras áreas geográficas. Metodologia: Será realizado um estudo transversal quantitativo com uso dos registros do SINAN, SINASC e SIM. Os dados coletados usarão como amostra o estado de São Paulo e suas macrorregiões e o espaço geográfico nacional no período de 2007 a 2012. Serão pesquisados os seguintes parâmetros: local de residência da gestante, os casos confirmados, período de diagnóstico, mortalidade, o número de nascidos vivos para cálculo da incidência, o número de internações e gastos hospitalares relacionados a SC. Para análise estatística, os dados serão compilados em gráficos e mapas o programa Microsoft Office Excel 15.0 e do software Terraview.

Protocolo: 5127 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2019 - 8/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JORGE GLAUBER MASSUNARI
GABRIEL MIELI FORTUCE
WILSON JOLANDO OJEDA JUNIOR
FERNANDO DA SILVA RAPOSO
Professor(es): NAIR TOSHIKO TASHIMA
DANIELA TEREZA ASCENCIO RUSSI

Resumo:
Introdução:O Brasil a partir de 2008 passou a ser o maior mercado mundial de agrotóxico. No entanto o uso exacerbado desses produtos podem trazer malefícios a saúde. Estima-se que ocorrem 70 mil intoxicações por agrotóxicos em trabalhadores por ano, podendo ser intoxicações agudas e crônicas que em países que estão em desenvolvimento, evoluem para óbito. Um dos ingredientes ativos utilizados em larga em escala no país, é o 2,4-D, ele é utilizado no controle de plantas invasoras dicotiledôneas (folhas largas), principalmente em cultura de cereais, grama, cana de açúcar e outras vegetações. Já foi comprovado que esse produto é carcinogênico, ele causa danos em vários órgãos.Objetivo: Avaliar o uso inalatório de baixa e alta concentração do herbicida 2,4-D no coração de ratos submetidos à exposição inalatória crônica, por meio de análise histológica. Métodos: A PARTE EXPERIMENTAL JÁ FOI REALIZADA, APENAS A ANÁLISE HISTOLÓGICA SERÁ FEITA. 30 ratos Wistar machos, foram divididos em 3 grupos: GCI - grupo controle (n=10) que foram expostos à nebulização com solução de cloreto de sódio (NaCl), GBCI - grupo de baixa concentração inalatório (n=10): expostos à nebulização do pesticida com 3,71 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), e GACI - grupo de alta concentração inalatório (n=10): expostos à nebulização do pesticida com 9,28 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha). O tempo de exposição a solução inalatória foi de aproximadamente 15 minutos. Os animais foram expostos durante 6 meses e após este período serão eutanasiados e o coração retirado para avaliação. Serão avaliados, parâmetros anatômicos através do peso úmido do VE e do VD, análise histológica para avaliação da hipertrofia cardíaca e da Dimensão Fractal que será estimada pelo método Boxcounting. Para os dados paramétricos será utilizado ANOVA seguido de Tukey, para os dados não paramétricos será utilizado Kruskal-Wallis seguido do pós teste de Dunns. Será utilizado o software GraphPad Prism. O nível de significância a ser considerado será de p<0,05.

Protocolo: 5188 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIELA GUIMARO AMARAL
AMANDA LEMOS MARCIANO SEVERINO
LORENA MARIA BRITTO GARCIA DE OLIVEIRA
BETHANIA MARTINS MARTINEZ
Professor(es): GISELE ALBORGHETTI NAI
FRANCIS LOPES PACAGNELLI

Resumo:
A infecção pela bactéria H. pylori, um bacilo gram-negativo, microaerófilo, flagelado, de replicação lenta e passível de tratamento com terapia antimicrobiana, ainda possui alta prevalência na população mundial, principalmente em países subdesenvolvidos, como o Brasil, sendo reflexo do nível socioeconômico. Sua infecção apresenta elevada cronicidade e as chances de desenvolvimento da doença ulcerosa péptica e do câncer gástrico. Esta produção científica tem como intuito avaliar a presença da infeção da H. pylori na população atendida no Hospital Regional de Presidente Prudente, correlacionando-a com características demográficas, sintomas e achados endoscópicos destes pacientes, possibilitando assim estabelecer a prevalência de infecção por H. pylori. O trabalho consistirá em um estudo prospectivo no Setor de Endoscopia do Hospital Regional de Presidente Prudente-SP, envolvendo pacientes que serão submetidos ao exame de endoscopia digestiva alta. Previamente ao exame, será aplicado um questionário envolvendo dados pessoais, hábitos e vícios dos pacientes, além de antecedentes pessoais. Pretende-se, assim, relacionar os resultados dos exames os questionários aplicados e caso existente, dados já previamente obtidos por meio da análise dos prontuários. Os dados serão analisados de modo descritivo, quanto à prevalência da doença e o perfil do paciente. Para a análise dos dados, serão utilizados os testes Qui-Quadrado para as variáveis qualitativas (ou teste exato de Fisher quando na ocorrência de frequências menores do que 5), e o teste T-Student para as variáveis quantitativas. Para essas últimas, a normalidade dos dados será testada a partir do teste de Kolmogorov-Smirnov, e caso haja não-normalidade, o teste T-Student será substituído pelo teste de Wilcoxon.

Protocolo: 5076 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIELA COQUEMALA MEDEIROS
MARIAH GUIMARAES BELLUOMINI SILVA
MARIA EDUARDA SAHIB AGUILAR
MATHEUS MEDEIROS COSTA
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
Hoje em dia, a presença de sífilis secundária ou terciária como doença sexualmente transmissível é incomum. Embora existam relatos de casos de hepatite associada à sífilis, seu início como forma de apresentação da doença é muito incomum, estimando-se em 0,2 dos casos de sífilis. O objetivo da presente pesquisa é relatar caso de paciente do sexo masculino, com 35 anos de idade, atendido inicialmente na UPAUnidade de Pronto Atendimento do Ana Jacinta e transferido posteriormente ao Hospital Regional de Presidente Prudente, com suspeita de hepatite medicamentosa e após a hospitalização alterou-se a suspeita diagnóstica para hepatite sifilítica.

Protocolo: 5152 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 3/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LUCAS SELLEGUIM LAGHI
MATHEUS TOSTES ASSIS
TIAGO LEBEDENCO SILVA
LUIZ HENRIQUE SANTOS CAMBRUSSI
Professor(es): ANGELICA AUGUSTA GRIGOLI DOMINATO
ELIANE RISSATTO RODRIGUES ZAUPA DOMINGUES

Resumo:
Introdução: O abscesso pulmonar é definido como uma lesão necrótica do parênquima pulmonar resultado de uma infecção microbiana que se desenvolve em pouco tempo. Apresenta como característica uma coleção de pus em uma determinada cavidade, sendo comumente desenvolvido por uma complicação de pneumonia aspirativa. As condições expostas de pessoas em situação de rua representam ao sistema público de saúde um grande desafio, tanto para prevenir quanto para controlar as doenças que estes indivíduos estão a mercês, exemplo: abscesso pulmonar, no qual possui uma incidência significativa nestes indivíduos, principalmente devido a sua etiopatogenia. Objetivo: Demonstrar o caso de um paciente morador de rua que apresentou essa doença supurativa pulmonar e relatar a abordagem terapêutica, assim como as orientações para este tipo de paciente. Caso: P. U. F. 35 anos, sexo masculino, pardo, deu entrada no serviço do Hospital Regional de Presidente Prudente (HRPP) no dia 15/07/2018, com dor em região de hipocôndrio e flanco esquerdo, há 1 dia, referindo febre não aferida e disúria, dispneia aos mínimos esforços, associado a dor torácica abaixo do rebordo costal esquerdo, sendo direcionado para realização dos seguintes exames: Radiografia de Tórax e Tomografia de Tórax, , após os resultados foi confirmado o diagnóstico de Abscesso Pulmonar, sendo realizado a drenagem torácica e cultura do dreno com antibiograma . Assim, o paciente foi encaminhado para o setor de pneumologia, com dreno de toráx em base de hemitórax esquerdo, permanecendo com dreno por 12 dias, fez uso de cefepime 2g endovenosa de 8/8 horas por 7 dias e enoxaparina 40mg subcutâneo 1 vez ao dia. Paciente evoluiu consciente e orientado, eupnéico, corado, hidratado, ictérico +/4+, afebril, ausculta pulmonar com MV+ bilateralmente sem ruídos adventícios. Tendo alta no dia 27/07/2018, e orientações pós hospitalar. Conclusão: O presente estudo traz algumas situações que seguem a mesma vertente da literatura. O caso respondeu bem a terapia medicamentosa, porém foi necessário um procedimento cirúrgico para realizar a cultura e abordagem eficaz do antibiótico. É fato que as condições sociais dessas pessoas aumentam o risco de desenvolver essa doença, assim como outras patologias oportunistas.

Protocolo: 5077 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 9/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): FELIPE GRIGOLETTO ROSSETO
ELDER ROBERTO BACCARO VIEIRA
JONATAS GENARO FRANCO
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
Introdução: A estenose valvar aórtica (EAo) é caracterizada pela obstrução à passagem do fluxo sanguíneo da via de saída do ventrículo esquerdo (VE) para a aorta devido calcificação das estruturas valvares, associada ou não à fusão das válvulas da valva aórtica. O tratamento para a EAo é feito por intervenções como Cirurgia de troca valvar, Implante de bioprótese aórtica transcateter (TAVR), Valvoplastia aórtica por cateter-balão, sendo o TAVR amplamente indicado para pacientes de risco intermediário (STS 4 a 8) e alto risco cirúrgico (STS > 8 ou EuroSCORE logístico > 20).Este estudo justifica-se pela relevância terapêutica que o procedimento alternativo oferece a pacientes com essa valvopatia e que apresentam intermediário risco cirúrgico a substituição cirúrgica valvar aórtica (SAVR).Objetivo:Avaliar a eficácia do TAVR em pacientes com EAo grave que apresentam intermediário risco cirúrgico, quando comparado a substituição cirúrgica valvar aórtica (SAVR). Metodologia: O tipo de estudo será uma revisão sistemática. Os estudos serão identificados através da pesquisa em bases de dados eletrônicas e em listas de referências de artigos. As bases de dados pesquisadas serão Medline, Embase, Cochrane, Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (LILACS) e BVS, com a utilização de descritores na língua iglesa sendo eles: "AorticValveStenosis OR AorticValveStenoses OR AorticStenosis AND TranscatheterAorticValveReplacement OR TranscatheterAorticValveImplantation OR TAVR OR TAVI AND Surgical OR Surgery".

Protocolo: 5041 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): PAULA BEATRIZ DIAS MITROVINI
MARIA JULIA PEREIRA RODRIGUES
STEPHANY ALLI FABRICIO LEITE
MARIANA DOS SANTOS PASCOAL
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
O acidente vascular encefálico (AVE) manifesta-se por alterações isquêmicas ou hemorrágicas e raramente acometem neonatos ou crianças. Ainda assim, doenças de base como cardiopatias congênitas, anemia falciforme e malformações vasculares podem provocar os AVEs e há necessidade de monitoração, tratamento de suporte e anticoagulação em casos selecionados. Essa é uma revisão integrativa que tem por objetivo listar: 1) as definições e características epidemiológicas de acidentes vasculares encefálicos (AVE) em crianças; 2) os principais fatores de risco para a ocorrência de AVE em pediatria e neonatologia; 3) as principais características fisiopatológicas para a ocorrência de lesão cerebral no AVE; 4) as manifestações clínicas e o diagnóstico por imagem; e 5) as recomendações atualizadas para as medidas de suporte, tratamento e profilaxia dos AVE em pediatria. A revisão de literatura utilizará as bases de dados PubMed, EMBASE e SciELO, BVS, incluindo as palavras-chave stroke, pediatrics e neonatology. A análise dos dados será descritiva.

Protocolo: 5089 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): AMANDA PELEGRINI FRANCA
KARINE MAYUMI KIMURA
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES
ARMENIO ALCANTARA RIBEIRO

Resumo:
Este estudo teve como objetivo relatar a ocorrência de um paciente com anemia falciforme com osteonecrose de cabeça de fêmur. Devido às recorrentes internações e à piora do quadro, foram realizados exames complementares para o acompanhamento clínico de sua doença, como: hemograma completo com histograma, coagulograma e ressonância magnética. Ao identificar a osteonecrose de cabeça de fêmur na última internação, o paciente recebeu alta após melhora dos sintomas álgicos, e não houve indicação cirúrgica de emergência. Apesar da escassez de estudos a respeito da osteonecrose femoral de pacientes com anemia falciforme, estudos indicam a hipóxia tecidual crônica decorrente de episódios de isquemia da microcirculação como causa principal, além de fatores genéticos, como as alterações em proteínas de adesão. São necessários estudos mais aprofundados na área.

Protocolo: 5054 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 2/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): TALITA BESERRA SA
PEDRO HENRIQUE MOTTA DUALIBI
Professor(es): JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
A principal escolha terapêutica nos casos de neoplasias do Sistema Nervoso Central é a intervenção cirúrgica, contudo, tumores cerebrais persistem como desafio de tratamento, visto que a ressecção tumoral em áreas eloquentes expõe o paciente ao risco de perdas funcionais adicionais. Assim, é necessário comparar as atividades funcionais antes e depois da intervenção cirúrgica para ressecção de tumores em áreas eloquentes e analisar se a melhora sintomatológica ocorre em detrimento de outras perdas funcionais e ainda o impacto dos déficits neurocognitivos na qualidade de vida desses pacientes. Trata-se de um estudo observacional longitudinal prospectivo. O instrumento de pesquisa compreende nove testes e seis capítulos da Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde, avaliando aspectos relacionados a fala, as funções visoespaciais e motoras e da qualidade de vida. A coleta de dados será realizada por meio de entrevistas orais em três momentos: antes da cirurgia, no pós operatório imediato e pós operatório tardio. Em suma, este estudo tem o intuito de fornecer maiores evidências que possam auxiliar na conduta terapêutica de pacientes com neoplasias em áreas eloquentes cerebrais.

Protocolo: 5060 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): KARINA SILA CAMPIONI
MONICA D ALMA COSTA SANTOS
JULIANA FELIPE
Professor(es): MARIA INES MEIRA DOLFINI
ANTONIO FERNANDES FERRARI
ELAINE FERNANDA DORNELAS DE SOUZA
RODRIGO FERRARI FERNANDES NAUFAL

Resumo:
A privação de sono em adultos médicos saudáveis é cada vez mais frequente na atualidade, a despeito da privação de sono interferir nos processos cognitivos. É fundamental mensurar o tamanho do prejuízo que esse estilo de vida acarretará na vida do indivíduo, seja em âmbito físico, psicológico ou profissional. O objetivo do presente trabalho é avaliar os efeitos da privação de sono sobre a atenção e as Funções Executivas em médicos residentes de um hospital do Oeste Paulista. Os participantes serão avaliados pela Bateria Psicológica para Avaliação da Atenção (BPA) e também pelo teste "2-back", que avalia Funções Executivas. Serão comparados médicos residentes em privação de sono com estudantes do internato, sem privação de sono. Uma análise de variância (ANOVA) será utilizada para comparar os resultados no teste BPA e, outra, para os resultados do teste "2-back".

Protocolo: 5029 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 12/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): DIEGO SANTANA DOS SANTOS
VERENA MIRANDA DE SOUZA
THAIS PASTORI
VITOR LOZANO PICARO
CAMILA ALVES DE OLIVEIRA BRITO
Professor(es): REGINA GIOCONDA DE ANDRADE
FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: A vitamina D (VD) é um importante constituinte do ciclo do cálcio e da formação óssea, sendo que, nos últimos anos, ganhou destaque na área das doenças autoimunes, tais como lúpus eritematoso sistêmico, doenças inflamatórias intestinais e artrite reumatóide. Ela possui ação sobre grande partedas células do sistema imunológico, exercendo importante intervenção sobre as células T-reg, que têm atributos imunorreguladores e são componentes importantes da tolerância imunológica. A partir da fisiopatologia da asma, como doença autoimune, espera-se que a VD possa ser utilizadana terapia de controle dessa doença, de modo a inibir ou diminuir a resposta autoimune. Objetivo: o objetivo do trabalho é analisar os efeitos, riscos e benefícios da suplementação de VD no controle da asma. Metodologia: trata-se de uma revisão integrativa que observará: a população (asmáticos), intervenção (suplementação com VD), comparação (com indivíduos não suplementados) e resultado (se houve melhora do controle da asma) para responder se a suplementação com vitamina D interfere positivamenteno controle da asma.

Protocolo: 5034 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 7/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): DANIEL ANTONIO RISSI DANTAS
JOAO GUILHERME CATARINO PEREIRA LEME
LUCAS MANETTA DA CUNHA SUTER
LUAN CORDEIRO TROMBIM
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
O dever da informação e o princípio da autonomia são os pilares do processo de humanização nos serviços de saúde. Para este fim, as Estratégias da Saúde da Família foram criadas, com o intuito de estreitar o relacionamento dos médicos com a comunidade. A escassez de informações no contexto brasileiro faz com que seja necessário o desenvolvimento de um instrumento que avalie as habilidades de comunicação de profissionais médicos. A Four Habits Coding Scheme, escala norte americana criada para este fim, apenas foi traduzida no Brasil em 2017, porém não foi validada, sendo necessária a realização de um estudo piloto para tal. O estudo piloto é um teste sintetizado do estudo completo que permite observar aspectos funcionais, como clareza, organização e pertinência das questões. Desenvolver um estudo piloto para a utilização de um questionário formulado a partir da 4HCS. Estudo piloto de caráter transversal, analítico e descritivo, utilizando como instrumento de pesquisa questionário autoaplicável a usuários das ESF, após consultarem com o médico.

Protocolo: 5139 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 11/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): GUILHERME PEREIRA ARANTES DAMO
ISABELLA BRANDOLIM
JESSICA ARIANE FREITAS DOS SANTOS
Professor(es): JOSÉ DE OLIVEIRA COSTA FILHO

Resumo:
Introdução:A espondilite anquilosante (EA) é uma doença inflamatória grave que afeta o esqueleto axiale pode ocasionar manifestações cardíacas como valvulopatias, fibrose, disfunção diastólica, evolução para disfunção sistólica e limitação da capacidade funcional. O objetivo do estudo foi avaliar a evolução dos parâmetros cardiovasculares e classificação funcional de um paciente que apresenta EA com piora da função sistólica cardíaca submetido a reabilitação cardiovascular. Métodos: estudo retrospectivo, relato de caso, homem de 65 anos, com manifestação de EA desde os 50 anos, foi encaminhado para o serviço de reabilitação cardiovascular em fevereiro de 2018, com insuficiência mitral de grau discreto, com dispneia e cansaço aos pequenos esforços, 7,16 de estimativa do equivalente metabólico, fibrilação atrial,duplo produto de repouso (DP) de 9570 bpm/mmHg, frequência cardíaca (FC) de 80 bpm, pressão arterial (PA) de 110/80 mmHg. Ao ecocardiograma realizado em outubro de 2017 apresentou fração de ejeção de 46,6, hipertrofia excêntrica do ventrículo esquerdo, aumento do átrio esquerdo de grau importante, dilatação da aorta ascendente grau discreto e valva mitral com dupla disfunção grau discreto.Iniciou-se o programa de reabilitação cardíaca após a estratificação de risco cardiovascular (alto risco) e foi graduada a FC de treinamento com 50 da FC máxima atingida no teste ergométrico. O programa constou de alongamentos, condicionamento aeróbico na esteira (30 minutos) e fortalecimento muscular(baseado na resistência máxima), 2 vezes por semana.Foi realizado novo ecocardiograma em março de 2018 com fração de ejeção de 29,8, e as mesmas alterações morfológicas anteriores com inclusão de novos distúrbios como insuficiência das valvas aórtica e tricúspide de grau discreto e hipertensão pulmonar grau discreto e grau moderado de insuficiência mitral.Após 4 meses de reabilitação cardiovascular o paciente foi reavaliado, onde o mesmo referiu melhora do quadro clínico com dispnéia e cansaço aos grandes esforços e foi classificado com NYHA I, PA=90/60mmHg, FC=77 bpm e DP=6930 bpm/mmHg.Conclusão: Posteriormente a reabilitação cardiovascular houve melhora da tolerância aos esforços mesmo com a piora cardíaca constatada no ecocardiograma devido à doença reumatológica.

Protocolo: 5059 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): VIRGINIA LUCIA MAIA FERREIRA
ALINE ZANINELO PASQUALI
THAYNARA SOUZA DA SILVA
ISADORA MABONI FRANCO
Professor(es): FRANCIS LOPES PACAGNELLI
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
Juntamente a outros grupos de erros inatos do metabolismo, as acidemias orgânicas são doenças metabólicas consideradas as mais incidentes em crianças gravemente enfermas. O paciente do caso apresentou uma macrocefalia ao nascer, não investigada a fundo. Posteriormente, exibiu um quadro febril por volta do sétimo mês de vida, o qual evoluiu para uma crise convulsiva tônico clônico e foi encaminhado ao hospital, que no período de internação apresentou significativa perda cognitiva, rebaixamento do nível de consciência e enrijecimento das articulações. Após ser estabilizado clinicamente, passou por vários médicos e realizou diversos exames, porém sem diagnóstico, sendo então encaminhado para avaliação em um neuropediatra localizado em São Paulo capital, o médico desconfiado do quadro pediu exames para avaliar erros inatos do metabolismo. Após a realização dos mesmos e avaliação, foi constatado que o paciente apresentava aumento de ácidos orgânicos na urina, sendo assim diagnosticado com Acidúria Glutárica Tipo 1 onde atualmente é acompanhado pela Mundo Saúde HomeCare. A Acidúria Glutárica Tipo 1 é uma doença hereditária do metabolismo dos aminoácidos lisina, hidroxilisina e triptofano, causada pelo déficit da enzima desidrogenase glutaril-CoA resultando no acúmulo de ácido glutárico, ácido 3-hidroxiglutárico e ácido glutacônico nos fluidos corporais, particularmente nas fases agudas da doença. O diagnóstico precoce é possível através de achados clínicos - como o perímetro cefálico aumentado no nascimento - e por exames como cromatografia gasosa, ou de preferência por cromatografia gasosa associada à espectrometria de massa em amostras ocasionais de urina, devendo-se dar preferência a amostras colhidas durante crises de descompensação. O tratamento tem como objetivo prevenir principalmente as crises encefalopáticas, mas também, as crises metabólicas e a progressão da degeneração neurológica. O diagnóstico precoce e o tratamento deste tipo de doença antes do início do quadro de encefalite leva a uma mudança positiva na história natural da Acidúria Glutárica Tipo 1, tornando necessário o seu conhecimento, para que assim possibilitar um diagnóstico diferencial de outras doenças da infância com sintomatologia severa.

Protocolo: 5025 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): CAMILA PERLI PINTO
CAIO AUGUSTO FERREIRA PINHO
PEDRO AUGUSTO MARTINELLI GUELFI
JOAQUIM MELLO DE MAGALHAES NETO
MATHEUS FANTIM GOMES
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES
ARMENIO ALCANTARA RIBEIRO

Resumo:
A disfunção do filme lacrimal (lipídica, aquosa ou mucosa) é uma das condições mais encontradas na prática oftalmológica. Além de lubrificação ocular, a lágrima atua como uma superfície refrativa anterior lisa, necessária para a formação de uma imagem ótica na retina de alta qualidade. O teste de acuidade visual (AV) tem uma importância considerável na prevenção e tratamento de algumas patologias oftalmológicas, onde o olho seco representa uma condição muito encontrada e que irá interferir na visão do paciente. Ressaltando que a disfunção do filme lacrimal acomete principalmente idosos, buscou-se avaliar o efeito do uso de lubrificantes oculares com e sem conservante na melhora na acuidade visual nesse grupo de pacientes. Serão selecionados pacientes no Ambulatório de Oftalmologia de um Hospital de Referência do Interior Paulista. Após os pacientes receberem informações sobre a pesquisa, serão convidados a assinar o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido e responderão um questionário epidemiológico simples. Em seguida será realizado o exame de acuidade visual com o uso da Tabela de Snellen. Após o teste será instilado colírio lubrificante sem conservantes no olho direito, para que posteriormente ocorra uma nova avaliação da acuidade visual; o mesmo será feito com o olho esquerdo usando colírio lubrificante com conservantes. Os dados serão organizados através de planilhas do Programa Excel. Para avaliar a distribuição dos dados, paramétrico ou não paramétrico, será utilizado o teste de normalidade, Shapiro Wilk. Para correlacionar as variáveis epidemiológicas, será utilizado o teste G. Para a análise de associação dos dados antes, após instilada uma gota do colírio lubrificante com e sem conservante, será utilizado o teste G. Todas as análises com nível de significância de 5 (p<0,05).

Protocolo: 5135 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LARISSA FERNANI CLARO
FERNANDO DE MOURA MOREIRA
JORGE GLAUBER MASSUNARI
GABRIEL CALDEIRA CORAZZA
Professor(es): FERNANDO BUZATTO MANTOVAN
EMANUELE MORAES MELLO

Resumo:
Diversos fatores desencadeiam o desenvolvimento de mutações genéticas que são responsáveis por originar uma neoplasia. O meduloblastoma é uma neoplasia cerebelar maligna e invasiva, acomete crianças e adultos jovens. O carcinoma mucinoso é um tipo de câncer de mama sendo um subtipo atípico de carcinoma invasivo não especial, acomete com maior frequência mulheres de idade avançada e representa de 1 a 7 do total de neoplasias mamárias. O caso relatado tem como objetivo mostrar a raridade da ocorrência do meduloblastoma desmoplásico e carcinoma mucinoso mamário em uma paciente jovem em um curto período de tempo, em diferentes sítios sem ligação anatômica direta e sem ocorrência de metástase. A paciente possuía um meduloblastoma desmoplasico e foi tratada com tumorectomia e radioterapia. Após 13 meses apaciente foi diagnosticada com um carcinoma mucinoso de mama, foi submetida a mastectomia e continua o tratamento quimioterapico até o presente momento. Concluiu-se baseado na característica metacrônica da neoplasia e a clínica que provavelmente a paciente apresente a Síndrome de Li-Fraumeni, doença autossômica dominante, a mutação do gene TP53 é o principal gene envolvido nesta síndrome. Por não possuir características completas do fenótipo da síndrome, podendo assim ser classificada como portadora de Li-Fraumeni Variante ou Li-Fraumeni Like.

Protocolo: 5111 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 2/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JESSIKA DE OLIVEIRA NASCIMENTO
LARA CAROLINE ANASTACIO HARO
REBECA ESPELHO STORCH
Professor(es): RAFAEL DA SILVA SA

Resumo:
Na gênese da obesidade, vários fatores são importantes, como os genéticos, os fisiológicos e os metabólicos. A associação entre a obesidade e as alterações metabólicas, observadas em faixas etárias mais jovens é um fato que vem merecendo destaque. A síndrome metabólica é composta por fatores de risco cardiovasculares que estão relacionados à deposição central de gordura e a resistência à insulina, e é considerada um transtorno complexo e multifatorial. Várias doenças crônicas têm seu risco aumentado pela obesidade. Esse fato é mais preocupante em crianças e adolescentes, devido às suas consequências associadas à saúde e seu desenvolvimento psicossocial. Nessa faixa etária, foi comprovada a associação entre obesidade e o aparecimento de doenças cardiovasculares (DCV), hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2 (DM 2), dislipidemias, alterações no aparelho locomotor, comprometimento da postura corporal, assim como problemas psicológicos. Propõe-se investigar o perfil metabólico de crianças e adolescentes em uso de antipsicóticos em um ambulatório de psiquiatria infantil. Trata-se de um estudo retrospectivo, quantitativo. Os dados serão coletados nos prontuários dos pacientes. Serão selecionados trinta pacientes em uso de antipsicóticos há mais de seis meses e trinta pacientes em acompanhamento pelo mesmo período, mas sem uso de antipsicóticos. O local selecionado para este estudo será o Ambulatório de Psiquiatria Infantil de um hospital no interior do estado de São Paulo. Os dados coletados serão submetidos a análise estatística descritiva.

Protocolo: 5015 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): GABRIELA TACACI MICHELIS
PEDRO CORRAL TACACI GARCIA DO AMARAL
Professor(es): CELESTE CORRAL TACACI NEVES BAPTISTA
CÉLIA MARIA NAVARRO

Resumo:
A Síndrome de Guillain-Barré (SGB) é uma rara doença neurológica, de origem autoimune causando déficit no desenvolvimento sensório-motor bilateral simétrico. A maioria dos casos acontece em adultos do sexo masculino cuja manifestação clínica se dá pela paralisia motora arrefléxica de evolução rápida. Estudos relatam um aumento na incidência da síndrome provavelmente devido ao aumento das infecções por arbovírus patogênicos, sendo de maiores destaque o vírus da Zika, da Dengue e Chikungunya. O objetivo é relatar caso em que o paciente foi acometido por uma infecção viral prévia que progrediu para o desenvolvimento da SGB. Demonstrando a importância da vigilância epidemiológica, entendimento da correlação do quadro viral com a manifestação da SGB, tratamento e prevenção. O relato descreve caso de um paciente de 17 anos, masculino, que veio a desenvolver a SGB por conta de um quadro viral antecedente, sendo utilizada imunoglobulina como terapêutica. A hipótese de relação predisponente da ZV e dengue para a SGB não deve ser descartada, visto que esses resultados apontam ligação direta de tempo e espaço entre circulação de ambas doenças.

Protocolo: 5014 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 7/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): HEMILY ALBA SOTTI
ISABELLE DO NASCIMENTO TOZONI REIS
ANA ELISA CARVALHO PUGLIESE
ILANA GONCALVES ZAMBERLAN
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
O transtorno do stress pós-traumático é um transtorno de ansiedade que se manifesta a partir da ocorrência de um evento traumático, caracterizado por sintomas relacionados a reviver a experiência negativa, pensamentos intrusivos, com grandes prejuízos na esfera psíquica afetando a cognição e humor. O infarto agudo do miocárdio caracteriza-se por uma isquemia prolongada do tecido cardíaco que resulta em lesões irreversíveis no miocárdio, sendo seus sintomas mais comuns dor torácica, sudorese, náuseas, com abordagem terapêutica sendo realizada em unidades de emergências coronarianas de hospitais especializados, frequentemente com grande impacto na qualidade de vida após sua ocorrência. Atualmente reconhece-se que o TEPT pode não só ser causado por eventos traumáticos e/ou desastres naturais como também a partir de doenças, procedimentos e diagnósticos médicos. Aproximadamente 10 a 20 dos pacientes que sofreram um episódio de IAM desenvolvem sintomas e preenchem critérios compatíveis para diagnóstico de TEPT segundo o DSM-V. Estudos apontam alterações plasmáticas que podem estar relacionadas ao desenvolvimento de TEPT e de sua sintomatologia, através de alterações no eixo hipotálamo-hipófise-adrenal com evidências de um estado hiperadrenérgico e de hipocortisolemia. Este trabalho tem como objetivo investigar a incidência de TEPT em pacientes que sofreram evento coronariano isquêmico, os quais foram abordados em serviço especializado em doenças coronarianas de hospital geral terciário, com necessidade de hospitalização e consequente monitoramento ambulatorial após alta hospitalar. Os dados serão obtidos através da aplicação de um questionário/escala aos pacientes acometidos, durante atendimento ambulatorial no departamento de cardiologia.

Protocolo: 5010 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 12/2019 Programa: PPD - Programa de Pesquisa Docente/PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): ANNY HELISY OCCHI PRESTES
YURI ALBUQUERQUE DE ALMEIDA
Professor(es): LUCIANE SCHADECK
CÉLIA MARIA NAVARRO

Resumo:
Miíase é a infestação humana por larvas de dípteros (moscas), sendo Dermatobia hominis o agente etiológico mais comum. Relatamos caso de um paciente do sexo masculino, agricultor, com nódulo subcutâneo assintomático há dois anos na face medial da perna esquerda. Clinicamente, a lesão simulava um lipoma. Ultrassonografia e exame anatomopatológico evidenciaram presença de corpo estranho compatível com D. hominis. O diagnóstico de reação de corpo estranho à larva de D. hominis deve ser lembrado frente a lesões subcutâneas assintomáticas, especialmente quando o paciente é proveniente da zona rural.

Protocolo: 5211 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA CAROLINA GAMA MARTINS
ANDRE MATHEUS CAMELO NEVES
ANA BEATRIZ ANTUNES FUNES
Professor(es): ANA CLAUDIA CAVALCANTE ESPOSITO LEMOS

Resumo:
Introdução: A doença renal crônica (DRC) é atualmente considerada uma importante questão de saúde pública, sendo o tabagismo um fator de risco tanto no desenvolvimento quanto na progressão da DRC. Objetivo: analisar o tabagismo como um fator de alta prevalência em pacientes com doença renal crônica submetidos a hemodiálise. Método: Trata-se de um estudo clínico epidemiológico, observacional, analítico e quantitativo do tipo transversal. Será aplicado um formulário que preencherá as seguintes informações: idade, sexo, se já houve ou há exposição ao fumo e por quanto tempo, de forma ativa ou passiva, o tipo de substância utilizada, a carga tabágica, se há interesse ou se já houve alguma tentativa em cessar o tabagismo, se existe o conhecimento por parte do usuários dos malefícios do mesmo, se apresentou algum evento cardiovascular, se já fez ou faz algum tipo de atividade física e há quanto tempo e o motivo pelo qual realiza diálise. Resultados esperados: Uma relação com o tabagismo deve ser identificada na trajetória de parte dos pacientes entrevistados.

Protocolo: 5008 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 4/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GUILHERME AKIITI IKEDA
LARA MARIA BOTTINO VIZZOTTO TOSATO MARTINO
NICOLAS COSTA DE OLIVEIRA FERREIRA E SILVA
Professor(es): MARGARET ASSAD CAVALCANTE
FRANCIS LOPES PACAGNELLI
LUCIANA KELLY DE CAMARGOS BATISTA

Resumo:
A distrofia muscular de Emery-Dreifuss (DMED) é uma doença genética rara, caracterizada pela tríade clínica de contraturas articulares, anormalidades na condução cardíaca e fraqueza muscular escapulo-úmero-peroneal. Embora exista consenso quanto às manifestações clínicas, as mutações gênicas que levam à DMED são variadas. O caso relatado é de um paciente do sexo masculino apresentando hipotrofia e hipotonia difusas e contraturas articulares nos cotovelos, tornozelos e joelhos. A investigação clínica revelou creatinoquinase sérica elevada, arritmia sinusal ao eletrocardiograma, eletroneuromiografia compatível com miopatia, biópsia muscular com alterações miopáticas e deficiência da proteína emerina detectada pela imunohistoquímica. Os achados clínicos e eletrocardiográficos corroboraram com a suspeita clínica de DMED, que pode ser confirmada através da realização da biópsia muscular por imunohistoquímica. Normalmente, os pacientes desenvolvem fraqueza muscular lentamente progressiva e atrofia durante as primeiras três décadas de vida, o que reforça a importância de se discutir as manifestações clínicas do caso reportado, especialmente as perturbações da condução elétrica cardíaca em indivíduos jovens.

Protocolo: 5022 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 2/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA FLAVIA DALARI ZANELATO
DANILO HENRIQUE RORATTO
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO
CHARLENE TROIANI DO NASCIMENTO

Resumo:
As doenças cardiovasculares (DCVs) têm se tornado uma importante causa de morbimortalidade no mundo, devido ao aumento da expectativa de vida da população. O Infarto Agudo do Miocárdio (IAM) é uma das principais consequências das DCVs, que tem como origem um trombo sobre a placa aterosclerótica ou vasoespasmo. Os principais fatores de risco para o IAM são: hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus, histórico familiar de doença coronariana, tabagismo, obesidade, utilização de álcool, sedentarismo e alterações no perfil lipídico. As estatinas (sinvastatina, pravastatina, fluvastatina, pitavastatina, atorvastatina e rosuvastatina) são classe de fármacos hipolipemiantes que são indicados como primeira opção tanto em terapias de prevenção primária, quanto secundária para DCVs, uma vez que promovem a inibição da HMG-CoA redutase, limitando a velocidade da biossíntese do colesterol. A depleção intracelular de colesterol estimula a liberação de fatores transcricionais aumentando a síntese e a expressão na membrana celular dos hepatócitos de receptores de LDL-c, gerando maior retirada de moléculas de LDL-c presentes na circulação sanguínea, diminuindo seus níveis. Embora as estatinas exerçam claramente seus principais efeitos sobre a coronoariopatia ao reduzir os níveis de LDL-c e melhorar o perfil lipídico, inúmeros efeitos cardioprotetores estão sendo atribuídos a esses fármacos. Estes efeitos pleiotrópicos caracterizam-se pelas propriedades anti-inflamatórias, estabilização da placa de ateroma, antitrombogênico e de melhora da disfunção endotelial. O presente estudo tem como objetivo identificar os pacientes que sofreram IAM correlacionando com a frequência do uso de estatinas admitidos em um hospital de Presidente Prudente no período de 2015-2019.

Protocolo: 5017 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): MARINA TRONDOLI
JULIA REZENDE LOPES
ANA FLAVIA DE ARAUJO MIRANDA
MARIANE TRONDOLI
Professor(es): MARCIA REGINA PESSOA D ANDRADE
FABIO ANTONIO DUARTE SOUZA
CRISTIANE MARTINEZ RUIZ PEGORARO
RENATA MANO SCATAMBURLO BIFARONI

Resumo:
Hemangiomas cavernosos são proliferações benignas congênitas dos vasos sanguíneos, sendo diferenciados dos demais hemangiomas pela formação de grandes canais e espaços vasculares com sangue. Tumores vasculares dificilmente ocorrem no trato genital feminino, sendo predominantes dentro do corpo uterino. O hemangioma cavernoso difuso uterino constitui uma condição rara na qual a parede miometrial é invadida por uma lesão hamartomatosa. Poucos casos deste tipo de anormalidade foram registrados na literatura. Relato de paciente feminina de 22 anos, com diagnóstico de hemangioma cavernoso uterino no período pós parto, levando à histerectomia.

Protocolo: 5101 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2019 - 7/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): STHEFANE LEMES LORENA
MARIANA GUERRA GONZALES
MARIANGELA SCATOLON DOS SANTOS
GABRIELA PIROLLA DE CARVALHO
Professor(es): JOÃO MARCELO MARTINS COLUNA
FERNANDO ANTONIO MOURÃO VALEJO

Resumo:
Introdução: A epilepsia é um distúrbio neurológico crônico caracterizado por convulsões recorrentes, sendo frequentemente acompanhada por déficits cognitivos e neuropsicomotores. Aproximadamente 1/3 dos pacientes apresentam epilepsia de difícil controle, apesar de todas as opções de drogas antiepilépticas disponíveis. Nos casos de epilepsia refratária tem sido usado como tratamento não farmacológico uma dieta com alto teor de gordura, baixo teor de proteína e pouco carboidrato, conhecida como dieta cetogênica (DC). A finalidade da DC é levar o cérebro a um estado de cetose para controlar as convulsões, uma vez que estas estão associadas a danos cerebrais e têm um impacto negativo nos aspectos neurobiológicos e cognitivos. Objetivo: Determinar a eficácia da dieta cetogênica como tratamento adjuvante ou alternativo para a redução de crises convulsivas em pacientes com epilepsia refratária. Metodologia: O tipo de estudo que será realizado é uma revisão sistemática. O levantamento dos artigos ocorrerá através de buscas nas bases de dados PubMed, Cochrane, BVS, LILACS e estudos das listas de referências dos artigos. Serão utilizados os seguintes descritores primários na língua inglesa refractory epilepsy e diet, ketogenic, além de descritores secundários.

Protocolo: 5003 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): MARIA PAULA ZAMBELLI SOUZA RODRIGUES
ANA CAROLINA AMARO MIYASHIRO
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
Introdução: O diabetes insipidus é uma síndrome caracterizada pela incapacidade de concentração do filtrado urinário, com consequente desenvolvimento de urina hipotônica e aumento de volume urinário. Pode ocorrer por deficiência do hormônio antidiurético (ADH), secretado pela hipófise posterior ou por resistência à sua ação nos túbulos renais. Já a deficiência na produção ou na ação de qualquer um dos hormônios da adenohipófise é denominada hipopituitarismo. Quando ocorre deficiência de mais de um hormônio, denominamos panhipopituitarismo. Objetivo: Estratificar as complicações sistêmicas e hormonais relacionadas às Patologias da Hipófise com ou sem hipofisectomia determinada, incluindo a Diabetes Insipidus e Pan-hipopituitarismo. Metodologia: Revisão sistemática da literatura realizada em bases de dados eletrônicas - PubMed, BVS, Medline e teses de doutorado. Descritores a serem utilizados: hypophysectomy, diabetes insipidus, panhypopituitarism. A seleção dos artigos terá como critérios de inclusão: revisões sistemáticas, ensaios clínicos e relatos de casos de uma amostra representativa de uma população definida (crianças, adultos, idosos e testes com animais de laboratório); critérios de exclusão: revisões literárias.

Protocolo: 5045 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 11/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): THALITA ROLLEIGH DA SILVA
RAFAELA CRISTINA COLORADO BORGES
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
A hérnia de Spiegel é caracterizada como uma protrusão do saco peritoneal ou gordura pré-peritonial através de um defeito na região aponeurótica do músculo transverso do abdômen. OBJETIVO: descrever um caso de Hérnia de Spiegel encarcerada diagnosticado em associação com quadro de apendicite aguda. RELATO DO CASO: paciente masculino, 40 anos, apresentou sintomas inespecíficos e tumoração palpável irredutível e dolorosa em flanco direito, sendo diagnosticado com Hérnia de Spiegel encarcerada e, durante o ato cirúrgico, foi constatada a presença de apendicite aguda necrosante. CONCLUSÃO: As hérnias representam um desafio diagnóstico, sendo sua compreensão de grande relevância. Por não apresentarem sintomas típicos, podem ser confundidas com diversas outras patologias. O exame físico e anamnese cuidadosos devem ser realizados, bem como exames complementares, no intuito de evitar erros diagnósticos relacionados com uma sobreposição de patologias concomitantes, como no caso relatado.

Protocolo: 5021 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA PAULA DAMIAO DOS SANTOS
ANA CECILIA BORGES DE ALMEIDA
BRUNA ROCHA DA SILVA
ISABELA COSTA YOKOYAMA
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
O número de pessoas com diabetes mellitus (DM) aumentou dramaticamente nos ultimos anos. Pessoas com DM têm de 15 a 25 de chance de desenvolver uma úlcera do pé diabético (DFU) durante a sua vida e uma taxa de recorrência de 50 a 70 nos 5 anos seguintes. Todos estes infortunios podem tem um efeito deletério sobre a saúde física e psiquica do paciente, afetando a qualidade de vida dessas pesoas, ao passo que comprometem as atividades diárias, status socioeconômico, status financeiro e status psicossocial dos pacientes. O objetivo desse trabalho é analisar a qualidade de vida dos pacientes com Diabetes Mellitus portadores de pé diabético em comparação aos diabéticos sem essa complicação, aplicando o questionário Versão Brasileira do Questionário de Qualidade de Vida SF36 nos pacientes atendidos no Ambulatório de Angiologia e Cirurgia Vascular do Hospital Regional de Presidente Prudente -SP. Será realizado um estudo clínico, descritivo, prospectivo, comparativo e não-randomizado com aplicação do questionário. Para o grupo de estudo, serão selecionados 50 pacientes com Diabetes Mellitus e que apresentam pé ulcerado, de ambos os sexos e idade maior que 18 anos. Já o grupo controle será composto de 50 pacientes com diagnóstico de Diabetes Mellitus sem ulceras nos pés e com integridade cutânea dos pés preservadas, de ambos os sexos e com idade maior que 18 anos. Para a análise estatística dos resultados será aplicado teste de Mann-Whit¬ney e para verificar a existência de diferenças entre os grupos, com relação a cada um dos domínios do questionário, o teste exato de Fisher. Para todos os testes estatísticos será considerado nível de significância < 5 (P < 0,05).

Protocolo: 5013 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 11/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): SUZANE COSTA FURUKAWA
BEATRIZ CHEREGATI FUMAGALLI
MARCELA REIS COELHO E SILVA
BEATRIZ MALACRIDA DE ARAUJO
TAINA PEREIRA MONTEIRO GENTIL
ANA BEATRIZ TEIXEIRA
Professor(es): FERNANDA MARIA BOTTINO VIZZOTTO TORETO
CESAR ALBERTO TALAVERA MARTELLI
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
O termo "autismo" passou por diversas alterações ao longo do tempo e atualmente é chamado de Transtorno do Espectro Autista (TEA). Para a triagem precoce de crianças possivelmente acometidas indica-se utilizar a escala de triagem MCHAT, a fim de se iniciar posterior acompanhamento e tratamento mais rápido das crianças sob risco, para que os resultados sejam mais expressivos e a taxa de limitações das crianças portadoras de Transtorno do Espectro Autista sejam diminuídas. Este estudo tem como objetivo identificar, em crianças de idade precoce, se existe ou não traços do Transtorno do Espectro Autista, com posterior acompanhamento ambulatorial. A pesquisa será realizada em uma creche, em cidade do interior paulista, com a aplicação do instrumento M-CHAT aos pais e/ou cuidadores das crianças. Espera-se que a triagem a ser estudada possa trazer benefícios, pois a doença que lhe é dita como causa poderá ser diagnosticada precocemente, com início mais rápido do tratamento e resultados mais expressivos.

Protocolo: 5070 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2019 - 9/2019 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): MARCO ANTONIO FADUL MAIA
BRUNA CIABATARI SIMOES SILVESTRINI TIEZZI
NATHALIA MARTINS FERREIRA DE ANDRADE MAIA
Professor(es): MARIA RITA GUIMARAES MAIA
ARMENIO ALCANTARA RIBEIRO

Resumo:
Introdução: A reação inflamatória do parênquima hepático, provocada por diversos tipos de agentes, leva a formação de coleção purulenta, formando o abscesso hepático. Não é uma condição comum em crianças , entretanto exige boa condução clinica e terapêutica para prognóstico favorável .Objetivo: Relatar o caso de um paciente pediátrico cujo sintomas e investigação diagnóstica confirmaram o quadro de abscesso hepático.. Método: As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, entrevista com o responsável e revisão da literatura. Considerações finais: O caso descrito e estudos realizados demonstram que o abscesso hepático na pediatria trata-se de uma situação de difícil diagnóstico, cuja investigação é necessária para confirmação do quadro e direcionar um tratamento específico, essencial para melhora clínica do paciente.

Protocolo: 4973 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 1/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MATHEUS MELLO REIS ANDRADE
LARA MONISE DE SOUZA VILLA
RENILTON DE OLIVEIRA FAGUNDES JUNIOR
Professor(es): JULIA KERR CATUNDA MACHADO

Resumo:
A metástase gastrointestinal de carcinoma mamário pode ocorrer de forma silenciosa e com sintomas inespecíficos. Evidências científicas revelam o estômago como um segmento alvo relativamente recorrente dessas metástases. Esse trabalho descreve o caso de uma mulher de 66 anos diagnosticada como portadora de lesão vegetante em valva ileocecal após ser investigada devido episódios de vômitos e diarreias que persistiram por quatro meses. Após identificação da lesão por videolaparoscopia, foi realizada biópsia que por sua vez revelou se tratar de lesão resultante de metástase de carcinoma mamário. Oito anos antes, havia descoberto carcinoma de ductos mamários multifocal, infiltrante, moderadamente diferenciado em mama esquerda, com metástase para dois linfonodos axilares, positivo para receptores de estrogênio e para oncoproteína C-erb-2 (HER2/neu). Foi tratada com oito sessões de quimioterapia neoadjuvante, mastectomia radical esquerda e linfadenectomia, realizando sessões de quimio e radioterapia adjuvante, além de fazer uso de anastrozol por cinco anos subsequentes. O estudo em questão mostra relevância por relatar uma forma incomum de apresentação metastática de carcinoma mamário, subtipo ductal, além do fato de que o local do trato gastrointestinal acometido foi a valva ileocecal, e não o estômago.

Protocolo: 5011 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 1/2020 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JOAO PAULO OLIVEIRA SILVA
GUILHERME AKIITI IKEDA
CARLOS EDUARDO ROCHA TIEZZI
JOSE HENRIQUE SAO JOAO PERES
Professor(es): MOABE REZENDE DE LIMA

Resumo:
Introdução: A Thevetia peruviana é uma planta que se encontra nas regiões tropicais e subtropicais das Américas e das Índias Ocidentais, com flores de coloração amarela ao pêssego. É uma planta que tem múltiplas finalidades, como inseticida, rodenticida, moluscicida, usada para tratamento de doenças gastrointestinais e inflamatórias, insuficiência cardíaca e tumores cutâneos, ainda demonstraram possuir atividade antimicrobiana e antifúngica. Além disso, estudos comprovaram sua ação tóxica pela presença de glicosídeos cardiotóxicos, mais presentes nas sementes, capazes de causar intoxicação nos sistemas cardiovascular e nervoso autônomo, levando aos sinais e sintomas, como náusea, vômitos, sialorreia, dor abdominal e diarreia, tremores, sonolência, ataxia, visão amarelada, midríase, fraqueza entre outros. Objetivos: identificar os princípios ativos cardiotóxicos da planta Thevetia peruviana, determinar a prevalência das intoxicações acidentais e intencionais, as faixas etárias vulneráveis, os quadros clínicos, o tratamento e desfecho final. Metodologia: A metodologia utilizada foi revisão integrativa dos relatos de casos publicados na literatura entre os anos 1986 a 2018. As bases de dados acessadas foram: LILACS, Medline, Scielo, Science Direct, considerando os seguintes descritores: Thevetia peruviana, oleander poisoning, yellow oleander. Resultados esperados: encontrar relatos de casos sobre intoxicações com Thevetia peruviana.

Protocolo: 4964 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 7/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): HENRIQUE HIDEKI SAKATA VASCONCELLOS
MATHEUS DIAS CACAO
JOSE CARLOS MACHADO JUNIOR
Professor(es): ANGELICA AUGUSTA GRIGOLI DOMINATO

Resumo:
A Cannabis sativa é a planta popularmente conhecida como maconha, originando a droga ilícita mais consumida no mundo, cujo principal componente é o &#9651;9- tetrahidrocanabinol (&#9651;9-THC). Esse é o componente psicoativo da maconha, responsável por induzir sintomas psicóticos em sujeitos vulneráveis. A psicose induzida pela maconha manifesta-se através de sintomas esquizofrênicos-like. Além disso, há comprovadamente relação entre Cannabis sativa e outros distúrbios psiquiátricos como: transtorno de pânico, transtorno de ansiedade generalizada (TAG), depressão maior e ideação suicida. Objetivos: apontar os efeitos psíquicos precipitados pelo uso de Cannabis sativa; realizar o levantamento das produções científicas à cerca da relação entre o uso de maconha e sintomas psíquicos; identificar os autores, os tipos de pesquisa, a coerência teórico-metodológica dos artigos e os resultados; analisar descritivamente os resultados das pesquisas produzidas para a construção do conhecimento na área. Metodologia: A metodologia utilizada será revisão integrativa baseada na reunião de pesquisas e estudos já concluídos e publicados na literatura entre os anos de 2005 e 2018. As bases de dados acessadas foram: LILACS, Scielo e Medline, considerando os seguintes descritores: "maconha", "Cannabis sativa", "psicose" "alucinações" e "dependência". Resultados esperados: encontrar artigos que apontem os efeitos psíquicos precipitados pelo uso de Cannabis sativa.

Protocolo: 4965 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 9/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAROLINA JOSE GARCIA ESTANHO
LUIZ AUGUSTO DA SILVA JUNIOR
MARIA FLAVIA MARTINS GARCIA
Professor(es): ANGELICA AUGUSTA GRIGOLI DOMINATO

Resumo:
A fibromialgia é uma síndrome dolorosa crônica não-inflamatória em que, pela sensibilização central, há dor musculoesquelética difusa, por ao menos 3 meses; associada frequentemente à fadiga persistente, à rigidez matinal generalizada e ao sono não reparador. Muito comum nos serviços de reumatologia, a prevalência dessa síndrome na população em geral vem a aumentar e está entre 0,2 - 6,6, é até sete vezes mais comum nas mulheres e cursa com inegligenciável deterioração da capacidade laboral, mas sobretudo da qualidade de vida dos acometidos. Paciente feminina, M.A.S, 55 anos, parda, solteira, dona de casa, diagnosticada com fibromialgia em 2015; é encaminhada para realizar sessões de acupuntura no ambulatório de dor. Além da terapêutica medicamentosa otimizada recebe como tratamento coadjuvante a acupuntura. Relata que os sintomas se iniciaram com dores e parestesias no punho direito após fratura desse por queda há 12 anos, mas que evoluíram, de maneira cíclica, em intensidade e extensão pelo resto do corpo. A piora mais recente do quadro alodínico foi concomitante ao agravamento psiquiátrico de seu filho, paciente esquizofrênico. Embora o quadro doloroso ainda permaneça, após as 4 sessões de acupuntura relata a diminuição da sua intensidade bem como observa mais disposição para a feitura de suas atividades diárias. Os instrumentos clinimétricos e prognósticos usados foram os questionários tais: Impacto da Fibromialgia (FIQ), de dor de McGill (MPQ) e Índice da Qualidade de Sono de Pittsburgh (PSQI). Importa discutir a acupuntura como coadjuvante no manejo da Fibromialgia na medida que essa terapêutica integralista, segura e barata é capaz de oferecer alívio sintomático e qualidade de vida sem a iatrogenia tão comum da medicina convencional, promovendo saúde e prevenindo agravos. Conclui-se que essa síndrome pode ser subdiagnosticada e subtratada nos serviços de saúde devido à dificuldade em estabelecer um diagnóstico precoce.

Protocolo: 4959 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 7/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIEL FERNANDES KLAUS
RAFAELA GIMENES MUSSI
TAMARA BATATA SILVA
Professor(es): HUGO HIGA GAKIYA

Resumo:
A Síndrome Takotsubo, também conhecida como síndrome do coração partido ou cardiomiopatia induzida por estresse, é uma síndrome reversível, que se caracteriza por uma disfunção sistólica transitória do ventrículo esquerdo e se assemelha a uma síndrome coronariana aguda, na ausência de coronariopatia obstrutiva. Por ser pouco frequente e por muitos desconhecida, vale ressaltar a importância de tê-la como um diagnóstico diferencial de dor torácica mesmo que clínica e laboratorialmente possa assemelhar-se ao Infarto Agudo do Miocárdio, não apresentando lesões obstrutivas à cineangiocoronariografia. Objetiva relatar o caso de uma paciente em fase pré-menopausa que apresentou síndrome de Takotsubo. O relato aborda o caso de uma paciente feminina, 47 anos de idade, com queixa de precordialgia súbita do tipo aperto há uma hora, sem outras queixas. Aos exames complementares, o eletrocardiograma apresentou-se com um supradesnivelamento do seguimento ST, nas derivações V3, V4 e V5 e com marcadores de necrose miocárdica positivos. Concluímos que embora a ST apresente características semelhantes à Síndrome Coronariana Aguda (SCA), sua origem está relacionada com maiores níveis de catecolaminas por estimulação simpática exagerada e que embora não seja o mais comum, pode ocorrer em diferentes fases hormonais da mulher, inclusive na fase que antecede a menopausa.

Protocolo: 4958 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ISABELA FRANZON LEOPIZE
THAMIRES MARIA BELETATO
BEATRIZ FRANZON LEOPIZE
CHIARA KEROLAINE BELETATO
Professor(es): CHARLENE TROIANI DO NASCIMENTO

Resumo:
O Bloqueio Atrioventricular Total (BAVT) ou bloqueio de terceiro grau é um distúrbio decorrente da incapacidade da propagação atrioventricular do estímulo elétrico através do sistema de condução cardíaco. Sua forma congênita é comumente identificada em idade fetal precoce ou ao nascimento, com prevalência de 1 a cada 15.000 a 22.000 nascidos vivos. A associação entre doenças autoimunes e afecções cardiológicas é frequentemente descrita na literatura, exacerbada mediante a presença dos autoantígenos Anti-Ro/SSA e Anti-La/SSB positivos. Esse trabalho tem como objetivo descrever o caso de recém-nascido masculino, nascido de parto cesariano, com 35 semanas e 1 dia de idade gestacional, portador de BAVT Congênito, identificado na vigésima quinta semana de gestação, em exame pré-natal, cuja progenitora não apresenta disfunções do tecido conectivo, mostrando ausência de obrigatoriedade dessa relação. Após investigação confirmada, o recém-nascido foi tratado cirurgicamente com implante de marcapasso cardíaco logo ao nascer. Os resultados dos exames maternos finalizados apresentaram-se não reagentes e negativos para patologias autoimunes que pudessem justificar o BAVT congênito. Embora progenitoras anti-RO positivas tem maior predisposição a terem filhos com BAVT congênito, o caso em questão mostra relevância por sua apresentação, ainda mais ao ressaltar que novos estudos corroboram para sustentar o fato de que BAVT congênito sofre influência de várias questões, como a genética, não sendo a autoimunidade, portanto, a definidora do desfecho.

Protocolo: 4956 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LARA MARIA BOTTINO VIZZOTTO TOSATO MARTINO
MARIA FERNANDA CORREIA DALLA PRIA
JULIA ESPOLADOR BIANCHI
LETICIA LAGUNA BIANCHI
MARCIO DOS SANTOS MARQUES
Professor(es): CHARLENE TROIANI DO NASCIMENTO
MICHEL ULLOFFO DO NASCIMENTO

Resumo:
Objetivo: Relatar o caso de uma paciente com Transtorno afetivo bipolar (TAB) em acompanhamento psiquiátrico, que foi diagnosticada três vezes com Síndrome Neuroléptica Maligna por diferentes antipsicóticos. Relato do caso: Paciente feminina de 57 anos, com diagnostico prévio de TAB, deu entrada no hospital com febre, rigidez muscular, tremores, alterações de comportamento, rebaixamento do nível de consciência, aumento de CPK e leucocitose, que não foram esclarecidos por outra condição médica, suspeitando- se então de Síndrome Neuroléptica Maligna (SNM). Conclusão: O uso de antipsicóticos é imprescindível para várias alterações psiquiátricas, como quadros de mania, transtornos de personalidade e doenças demenciais em geral, sendo imprevisível o aparecimento da SNM. Conclui-se que é necessário o conhecimento aprofundado de doença para o diagnóstico e tratamento precoces e, assim, um melhor prognóstico.

Protocolo: 5020 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 8/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): BEATRIZ GADEL MEDEIROS
TALISSA NAKADA GARDIN
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
A síndrome neuroléptica maligna é uma reação incomum decorrente da predisposição particular do organismo do indivíduo reagir aos fármacos utilizados no tratamento das psicoses. Sua incidência é de 5 casos por 1000 habitantes e tem como características clinicas: rigidez muscular, aumento da temperatura corpórea e alteração do nível de consciência. O diagnóstico é fundamentado nos critérios clínicos e laboratoriais além da exclusão de outras possíveis causas semelhantes, além da apresentação da rigidez muscular severa e febre, acompanhada de no mínimo dois dos demais sintomas: diaforese, disfagia, tremor, incontinência, alteração do estado mental, mutismo, taquicardia, aumento da pressão arterial elevada ou lábil, leucocitose e creatinofosfoquinase elevada. O presente estudo reporta o caso de paciente feminina, 23 anos em tratamento de transtorno psicótico esquizoafetivo com drogas neurolépticas e serotoninérgicas que têm como função inibir as funções psicomotoras e atenuar os sintomas psicóticos, atendida no Pronto Socorro Psiquiátrico do Hospital Regional de Presidente Prudente apresentando quadro de catatonia com rigidez em opistótono, mutismo, alteração do estado de consciência, visto que a paciente fazia uso de aripiprazol 150mg, quetiapina 100mg e posteriormente amantadina 100mg.

Protocolo: 5009 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2018 - 6/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): CASSIO VINICIUS NAVAS RODRIGUES
MARCELO SOARES SANTOS FERREIRA DA PALMA
GUILHERME FERRARI BERGAMO
MARCO ANTONIO FADUL MAIA
Professor(es): MARIA RITA GUIMARAES MAIA
ALINE APARECIDA BURIOLA

Resumo:
A presente pesquisa pretende avaliar possíveis correlações entre a depressão, ansiedade e o uso de substâncias psicoativas lícitas e ilícitas em estudantes universitários de um curso de graduação de Medicina. Serão participantes 250 universitários matriculados em um curso médico de uma universidade do interior paulista na faixa etária de 18 a 35 anos. Para coleta de dados serão utilizados quatro instrumentos: Questionário sócio demográfico, Questionário para a triagem do uso de substâncias psicoativas [ASSIST]), Escala Hamilton de Ansiedade e Escala Batista de Depressão (EBADEP). Os dados serão analisados após aplicação de provas estatísticas que forneçam elementos para compreensão das correlações entre os resultados obtidos nos instrumentos. Espera-se que este estudo traga informações importantes sobre o reconhecimento do uso de substâncias psicoativas em estudantes de medicina e forneça elementos para verificação da ansiedade e depressão como variáveis preditivas do abuso.

Protocolo: 4970 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 9/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ANTONIO BARBOSA ALVES JUNIOR
LEONARDO SANTOS DE SOUZA
Professor(es): CAMELIA SANTINA MURGO

Resumo:
Devido ás fortes influências europeias no Brasil a formação médica estendeu durante décadas um olhar para os aspectos patológicos do indivíduo. Porém, atualmente o país conta com uma grande quantidade de escola médicas e um movimento de ensino baseado no modelo biopsicossocial, com o objetivo de que os futuros médicos compreendam os pacientes em todas as suas dimensões, inclusive a sexual. Entretanto, tem-se configurado como frágil a abordagem dessa temática nos currículos de medicina, tornado a sexualidade um tema emergente, de extrema relevância, porém pouco explorado. Neste sentido, esta pesquisa tem como objetivo avaliar o nível de conhecimento sobre os temas de sexualidade entre 30 acadêmicos de uma faculdade de medicina e como percebem os impactos destes temas na atuação profissional em medicina. Para coleta de dados, será utilizado um questionário semiestruturado que abordará a sexualidade humana na formação médica em seus vários aspectos. Será utilizada a análise de conteúdo de Bardin para compreensão e sistematização dos dados coletados. Espera-se que a pesquisa forneça elementos que evidenciem as lacunas referentes a temática da sexualidade na formação médica e forneça pistas para a implementação de estratégias de ensino que valorizem esse importante aspecto no processo formativo do profissional de medicina.

Protocolo: 4967 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 9/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIEL GONZAGA DOS SANTOS
FLAVIA MARIA FERRARI ALMEIDA
LEONARDO SANTOS DE SOUZA
Professor(es): CAMELIA SANTINA MURGO

Resumo:
A hipertensão arterial sistêmica secundária tem prevalência de 3 a 5 da população, sendo o hiperaldosteronismo primário (HAP) a causa mais comum. O HAP é uma condição clínica na qual há uma secreção inapropriada de aldosterona, de forma relativamente autônoma em relação ao sistema renina angiotensina aldosterona e supressão da renina plasmática. As causas mais comuns de hiperaldosteronismo primário são adenomas produtores de aldosterona e hiperplasia adrenal bilateral. A acromegalia é uma doença rara, a qual provoca produção excessiva do hormônio do crescimento (GH), sendo secundária em mais de 98 dos casos a um adenoma hipofisário secretor de GH e está associada a manifestações sistêmicas relacionadas ao crescimento excessivo de órgãos. Apesar das associações de HAP com outros tumores endócrinos, sua associação com acromegalia foi descrita em raros relatos de caso. A associação da tríade acromegalia, hiperaldosteronismo e tumores renais ainda não foi descrita na literatura. O caso a ser relatado trata de uma associação rara entre hipertensão arterial secundária com acromegalia, tumores renais bilaterais e hiperaldosteronismo primário.

Protocolo: 4934 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): FELIPE APARECIDO ANTONIO FALCONI DE OLIVEIRA CICER
NATHALIA MARCUSSI OLIVEIRA
ARIANA IEDA LIMA FERREIRA DA SILVA
Professor(es): FELIPE FRANCO PINHEIRO GAIA
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
O escorpionismo é um importante agravo dentro do contexto da saúde pública brasileira, tendo em vista o aumento expressivo do número de acidentes e a alta morbimortalidade associada, inclusive em nossa região, considerada endêmica. São classificados de acordo com suas manifestações clínicas, que podem ser locais ou sistêmicas e que correspondem a três grupos: leves, moderados ou graves. No que tange a população pediátrica, suas consequências são ainda mais danosas e relevantes, uma vez que neste grupo ocorrem com maior frequência acidentes moderados e graves, e, consequentemente maior incidência de complicações e óbitos. Faz-se necessário o estudo dos acidentes, com a caracterização dos aspectos envolvidos na cena do agravo, a predominância dos sinais/sintomas clínicos de cada acidente, assim como relacionar ao tratamento oferecido, compará-los e se possível encontrar um fator preditor. Objetivos gerais: caracterizar os acidentes escorpiônicos moderados e graves do Hospital de Referência do Oeste Paulista e descrever procedimentos realizados, resultados obtidos na evolução dos acidentes moderados e graves e compara-los. O presente estudo trata-se de uma pesquisa descritiva, tipo correlacional. Serão levantados dados epidemiológicos, clínicos, laboratoriais e desfechos dos acidentes classificados como moderados e graves. Todas as informações serão coletadas do prontuário do paciente, das evoluções de enfermaria, sala de emergência, UTI pediátrica e da ficha de Notificação da Vigilância Epidemiológica no SINAM. Espera-se através desse trabalho caracterizar os acidentes escorpiônicos, correlacionar gravidade, manifestações clinicas, tratamento, resposta ao antiveneno e se possível encontrar um fator preditor, das crianças atendidas no Hospital de Referência do Oeste Paulista.

Protocolo: 4960 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 1/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JERUSA KAROLINE RODRIGUES NOGUEIRA
OTAVIO FREDERICO DE TOLEDO
SAMARA BERTIN SUGUITANI SANTELO
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI
MARCUS VINICIUS PIMENTA RODRIGUES

Resumo:
Introdução: hipoglicemia é caracterizada por um nível anormalmente baixo de glicose no sangue, geralmente abaixo de 70 mg/dl. Na suspeita de insulinoma, o diagnóstico imagiológico é fundamental, como a tomografia computadorizada (TC). Sua incidência, é de 4 a cada 1.000.000 indivíduos. Cerca de 80 dos insulinomas ocorrem entre 20 e 60 anos, com a idade média ao diagnóstico em torno de 47 anos. Frequentemente são lesões únicas. Apenas 6 dos insulinomas são malignos. Objetivo: Relatar um caso de insulinoma diagnosticado após crises de hipoglicemia. Caso: C.G.L., 59 anos, sexo feminino, branca, procurou o serviço do Hospital Regional de Presidente Prudente (HRPP), queixando-se de quadros frequentes de tontura há 5 dias, com quadro de hipoglicemia. Tem como antecedente pessoal transtorno bipolar, nega outras comorbidades. Assim, foi constatado hipoglicemia na paciente após exames, sendo a glicemia capilar no momento da consulta = 33mg/dl, mantendo com quadro baixo de glicemia após um tempo da conduta. Exames laboratoriais mostraram hemograma com anisocitose, microcitose, hipocromia e monocitose absoluta, urina I com presença de bactérias +, peptídeo-c 6,62ng/dl, insulina 51,80microUI/ml. Realizada TC de abdome com visualização de nodulação hipercaptante em transição cabeça-corpo pancreático. A paciente segue em acompanhamento ambulatorial sem intercorrências. Conclusão: insulinoma possui baixa incidência na população, sendo uma causa de hiperinsulinismo endógeno. Dosagem de glicemia sérica, peptídeo C, proinsulina e sulfoniluréia ajudam a corroborar a hipótese de insulinoma. No caso descrito acima, foram realizados exames de imagem, com evidência de nodulação hipercaptante em transição cabeça-corpo pancreático, porém ainda sem intervenção cirúrgica e apenas acompanhamento ambulatorial, sendo a utilização de análogo da somatostatina uma indicação em estudos científicos com efeito positivo no tratamento. Ressaltamos a dificuldade no diagnóstico da paciente mesmo diante de um sintoma clássico de hipoglicemia, levando a atraso diagnóstico.

Protocolo: 4990 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA CAROLINE KUNIOCHI
BRUNA FURLANI SANCHEZ POSTIGO
GIOVANNA CARDIN E SILVA
EMILY LIMA SEMBARSKI ISTAK
CAROLINE SOUZA GARCIA
GUILHERME YOSHIHIRO SAKATA UYEMA
GERSON DA SILVA XIMENDES
ROBERTA MARQUES DELAGNESE
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI
RODRIGO VELLONI DA SILVA BASTOS

Resumo:
A artéria aorta é a principal artéria do sistema circulatório, já que possibilita a irrigação e nutrição do organismo e por ser um vaso pode ocorrer o aneurisma. O aneurisma de vaso ocorre quando é detectada uma dilatação permanente circunscrita cujo diâmetro do vaso sanguíneo seja 50 maior que o normal, causando uma fragilidade na parede desse vaso. O aneurisma de aorta possui uma alta taxa de mortalidade e é uma patologia de difícil diagnóstico. A dissecção aórtica consiste na ruptura da camada íntima, que culmina na passagem de sangue entre as camadas média e íntima e consequente surgimento de uma falsa luz. A dissecção de aorta é uma emergência médica com alto risco de mortalidade. Por isso, esse trabalho justifica-se na importância de identificar o perfil daqueles que são acometidos por essas doenças e se atentar aos pacientes que estão sujeitos aos mesmos riscos. Tendo como objetivo determinar o perfil anatomopatológico do aneurisma e da dissecção de aorta em um hospital do interior do estado de São Paulo. Trata-se de um estudo transversal, retrospectivo e descritivo em que as variáveis analisadas serão aquelas apresentadas no resultado do exame anatomopatológico. O exame anatomopatológico consiste na avaliação macro e microscópica de células e tecidos de biópsia realizada por um médico patologista.

Protocolo: 5131 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 8/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LARISSA GASQUEZ MAGNESI
ARIANA IEDA LIMA FERREIRA DA SILVA
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
LARISSA ELVIRA PAUKA SANTANA
ISABELLA CALEGON ABRAO
LUCAS GIACOMINI BERNARDI
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI

Resumo:
A relação homem, meio ambiente e saúde é ampla e se projeta sobre a perspectiva de uma melhor qualidade de vida. As dificuldades urbanas enfrentadas atualmente causam sérios prejuízos à saúde física e mental da população. No intuito de minimizar estes problemas, as áreas verdes, em especial as públicas, vêm sendo destaque pelos benefícios que podem trazer para a saúde e bem-estar por meio da melhoria da qualidade ambiental e de vida da população ao desenvolver funções ecológicas, sociais e de lazer. Nesse contexto, o presente trabalho buscará avaliar monetariamente os benefícios ambientais na relação com a saúde e qualidade de vida dos frequentadores das áreas verdes urbanas, em especial no "Parque do Povo" em Presidente Prudente - SP. Através do Método de Valoração Contingente (MVC) ou Disposição a Pagar (DAP), identificará monetariamente os benefícios indiretos advindos do "Parque do Povo", bem como caracterizar o perfil socioeconômico do usuário e discutir os atrativos do local. Além de discutir os benefícios das áreas verdes urbanas para a saúde e qualidade de vida da população; Caracterizar as funções ambientais e de saúde dos parques verdes urbanos; Avaliar os fatores determinantes da demanda dos atrativos do parque. A aplicação do método de valoração contingente (MVC) permitirá constatar se a população estará disposta a pagar pela manutenção das funções do parque. A obtenção de um valor de referência para o Parque Povo poderá fornecer subsídios ao poder público e orientar o processo de gestão desse ativo natural. A aplicação de instrumentos econômicos é uma forma de se avaliar economicamente o valor da compensação por danos socioambientais

Protocolo: 5023 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 5/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): HIGOR MALUTA
YASMIN BISPO CAMARA
LETICIA KAROLINE PIVA
ERALDO DE AZEVEDO COELHO JUNIOR
INGRID LEHMKUHL RINALDI
JULIANA FELIPE
CLAUDIO ALVES SIQUEIRA
Professor(es): ALBA REGINA AZEVEDO ARANA
MARCUS VINICIUS PIMENTA RODRIGUES
MAIRA RODRIGUES ULIANA
ELIVELTON DA SILVA FONSECA

Resumo:
INTRODUÇÃO: Embora procedimento comum na prática clínica, a hemotransfusão pode ocasionar complicações como transmissão de infecções, reações hemolíticas, lesão pulmonar e alterações imunomodulatórias. Os critérios de transfusão sanguínea realizada em pacientes pediátricos diferem em relação aos adultos bem como entre crianças de diferentes faixas etárias. Fatores como pequena volemia, sistema imune ineficiente, necessidade de sedação e dificuldade de acesso venoso aumentam os riscos desta terapia em crianças, portanto a correta indicação e a avaliação dos riscos e benefícios da transfusão devem ser criteriosamente ponderados. A maior parte da literatura traz dados relativos a indicação transfusional em adultos, sendo escassos os estudos dirigidos especificamente para a população pediátrica. OBJETIVO: Realizar análise de prontuários de pacientes pediátricos que receberam transfusão de hemocomponentes num período de 6 meses e comparar com dados obtidos da literatura. METODOLOGIA: Estudo descritivo realizado em Unidade de Internação Pediátrica de hospital terciário, analisando as indicações de transfusão de hemocomponentes, condições clínicas, dados laboratoriais e as características dos pacientes.

Protocolo: 4899 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 12/2019 Programa: PPD - Programa de Pesquisa Docente/PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): LUCIANA RIBEIRO NAGLE FERREIRA
BRENO DE SOUSA ANDRADE SANTANA
Professor(es): YONÁ DE FÁTIMA MURAD

Resumo:
Introdução: A necrólise epidérmica tóxica (NET), também conhecida como síndrome de Lyell, é uma farmacodermia que faz parte do espectro da Síndrome de Stevens-Johnson (SSJ) na sua forma mais grave. A SSJ, por definição, afeta até 10 da superfície corpórea e a NET mais que 30, possuindo incidência anual de dois casos por milhão e mortalidade de 30. Objetivo: relatar o caso de uma paciente internada no Hospital Regional de Presidente Prudente com diagnóstico de NET desencadeado pelo uso do antibiótico Ceftriaxona. Descrição: Paciente do sexo feminino, 79 anos, deu entrada no pronto socorro do Hospital Regional de Presidente Prudente com queixa de lesões espalhadas pelo corpo há aproximadamente 2 meses com piora há 7 dias, que iniciou após 2 semanas do início da terapia com ceftriaxona. Anatomopatológico evidenciou dermatite perivascular superficial e intersticial com ulceração da epiderme e presença de infiltrado inflamatório misto com eosinófilos. Essas características, associadas ao quadro clínico da paciente elucidaram o diagnóstico de NET. Discussão: A NET e a Síndrome de Stevens Johnson encontram-se entre as principais reações adversas cutâneas ao uso de ceftriaxona. Há relatos também de pustulose exantemática generalizada aguda e eritema multiforme. Os fármacos que mais se associam ao desencadeamento da NET são as sulfonamidas, anti-inflamatórios, penicilinas, barbitúricos, alopurinol, antiepilépticos e vacinas. Tratamento medicamentoso inclui o uso de corticoides, pentoxifilina, ciclofosfamida ou ciclosporina. O uso de corticoides está relacionado com maior mortalidade por infecção, sangramento de tubo digestivo e maior tempo de internação. A ciclosporina está relacionada a complicações sépticas; os antibióticos profiláticos não são indicados, pois aumentam a mortalidade e a resistência bacteriana e são reservados para tratamento de sepse. A terapia com imunoglobulina impede a apoptose dos queratinócitos sendo uma das melhores opções para NET. Conclusão: A NET é uma farmacodermia rara e grave. O diagnóstico precoce é fundamental para um melhor prognóstico.

Protocolo: 4963 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2018 - 11/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): BRUNNA MARTINS REZENDE
LUAN ARAUJO MAIOLINI COSTA
LUCAS CAVALCANTI DOS SANTOS
JULIA MARCUCI RAZABONI
BEATRIZ FREITAS FILITTO
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU

Resumo:
A pressão alta está frequentemente associada a distúrbios metabólicos podendo ser agravada por outros fatores, quando não tratada pode levar a problemas mais graves; há uma grande extensão de medicamentos para o tratamento da mesma. O treinamento intervalado de alta intensidade (HITT) é uma opção de treinamento para hipertensos por possuir exercícios aeróbios de alta intensidade com períodos de recuperações passiva ou ativa, sendo praticadas em esteiras ou bicicletas em um curto período de tempo. Os ratos escolhidos apresentam um quadro de hipertensão semelhante ao de humanos, portanto são estudados com objetivo de analisar a via aérea em sua vasculatura pulmonar e parênquima. O objetivo deste estudo é avaliar e comparar morfologicamente os processos patológicos gerais no epitélio pulmonar de ratos SHR expostos ao HIIT com o epitélio pulmonar dos ratos do grupo controle a fim de que se evidencie a diferença entre os tecidos. Foram utilizados ratos machos da linhagem espontaneamente hipertensos (SHR) (n=16) divididos em dois grupos: controle (n=8) e treinados (n=8) e ratos machos Wistar Kyoto (não hipertensos) tendo 4 meses de idade (n=8). Os animais passarão por processos de adaptação em esteira durante 5 minutos por 5 dias. Cada sessão realizada será constituída em 3 fases: aquecimento, HITT e desaquecimento. Para a análise estatística será utilizado o programa Sigma Stat ® versão 2.0. Os casos em que os dados apresentarem as distribuições normais e homocedásticas serão analisados utilizando-se de testes paramétricos como a análise de variância (ANOVA) seguidos pelo teste de Tukey quando necessário. Caso contrário, serão utilizados testes não paramétricos, como o de Kruskal-Wallis seguido pelo teste de Dunn quando necessário. As diferenças serão consideradas estatisticamente significantes quando p for menor que 5 (p<0,05).

Protocolo: 4923 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2019 - 2/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JULIA REZENDE LOPES
DAIELLI CHAGAS
AMANDA NOGUEIRA SOLLER
Professor(es): FRANCIS LOPES PACAGNELLI
RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
Introdução e justificativa: O câncer de mama é a neoplasia mais prevalente no sexo feminino, sendo decorrente da proliferação desordenada das células epiteliais que revestem os ductos e lóbulos mamários. É uma doença heterogênea que envolve diversos subtipos moleculares, associada a diferentes características morfológicas e comportamento clinico. O presente caso se trata de um carcinoma localmente avançado subtipo imunohistoquímico luminal B. Objetivo: Relatar um caso de câncer de mama invasivo do tipo não especial, grau III de SBR, com evolução rápida e metástase pleural. Descrição do caso: Paciente do sexo feminino, 44 anos, portadora de carcinoma de mama invasivo do tipo não especial, grau III de SBR, submetida à quimioterapia paliativa (10 sessões) sem resposta patológica e posterior mastectomia higiênica para ressecção da lesão. Discussão: O subtipo Luminal B corresponde a 10 a 20 dos casos, e está associado a um pior prognóstico comparando com o Luminal A, devido a um maior potencial de proliferação, evidenciado pelo ki67>14. A maioria dos tumores do subtipo luminal B expressam receptores hormonais positivos, mas algumas vezes podem ser expressos em baixos níveis e frequentemente apresentam alto índice proliferativo. Está relacionado a um maior risco de recorrência e a uma menor sobrevida livre da doença específica em todas as categorias de tratamento adjuvante sistêmico; também à maior possibilidade de resistência ao tamoxifeno, demonstrando se beneficiar mais do que o subtipo luminal A de quimioterapia associada a antiestrogênicos. A escolha da cirurgia depende das características do tumor, idade do paciente, margem de segurança e grau de diferenciação. Conclusão: Relatamos um caso de carcinoma mamário invasivo metastático com posterior execução de mastectomia higiênica devido má resposta a quimioterapia.

Protocolo: 4911 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 2/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MARIANA TATSUKAWA SATO
BRUNA BELONI FANTINI
MARIA PAULA NOGUEIRA FERNANDES
JANAINA RIBEIRO FARIAS
LORENA GOEDERT SPAK
GABRIELLA LONGO SANTANA
Professor(es): RAFAEL DA SILVA SA

Resumo:
RELATO DE CASO DE PACIENTE COM LINFOMA MALT COM INFILTRAÇÃO DE VIA BILIAR

Protocolo: 5030 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): DARIO TENORIO TAVARES NETO
ISABELA RIGOLIN COSTA
YASMIN ALGAZAL
Professor(es): JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA
ELIANE RISSATTO RODRIGUES ZAUPA DOMINGUES

Resumo:
A sífilis é uma infecção bacteriana de caráter sistêmico, curável e exclusiva do ser humano, sendo causada pelo Treponema pallidum, uma bactéria espiroqueta gram-negativa. A transmissão ocorre mais comumente pela via sexual e se caracteriza por episódios de doença ativa, interrompidos por períodos de latência. A alta prevalência da sífilis é inerente a contextos de vida permeados por diferentes dimensões de vulnerabilidades, como em ambientes carcerários. Dados mostram uma curva ascendente considerável de crescimento da população prisional feminina no período de 2000 a 2014. Existem grandes desigualdades entre a prevalência de doenças em mulheres privadas de liberdade e à condição da população geral feminina, estabelecida pela ausência ou inadequadas ações de saúde voltadas para esta população. Esta pesquisa objetiva estimar a prevalência de Sífilis em mulheres privadas de liberdade da Penitenciária feminina de Tupi Paulista/SP, correlacionando os resultados aos determinantes sociais da saúde. Trata-se de uma pesquisa transversal, investigativa de campo, randomizada e subsidiada por análise qualiquantitativa dos dados apurados por meio dos resultados de exame de VDRL, realizado em 297 detentas. Aplicar-se-á questionários (questões fechadas) para relacionar Sífilis e DSS/Determinantes Sociais da Saúde. Os resultados apurados serão tabulados e analisados por um clínico especialista da doença e pelos integrantes da pesquisa.

Protocolo: 4931 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 8/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): INGRID ELOISE TROMBINE BATISTA
MARILIA FERRUZZI EDERLI
ISABELA MELO NOGUEIRA
GABRIELA MELO NOGUEIRA
Professor(es): EDIMA DE SOUZA MATTOS
PAULO EDUARDO DE MESQUITA

Resumo:
O fibroadenoma é o tumor de mama mais freqüente em mulheres entre 10 a 20 anos, sendo uma neoplasia caracteriza-se por uma multiplicação benigna com crescimento rápido e geralmente em forma de nódulo único. Foi realizado um estudo de relato de caso clínico de uma menina de 12 anos e 7 meses de idade, a qual apresentava uma tumoração em mama esquerda, ocupando toda a sua extensão. A apresentação gigante ocorre quando o tumor for maior que 5cm ou 500g ou quando ocupa pelo menos 80 da mama é considerado um fibroadenoma juvenil gigante. A escolha da extirpação cirúrgica tumoral é a melhor opção tanto de diagnóstico quanto de tratamento, devido à necessidade de avaliação patológica. É um quadro que necessita de atenção, pois tem a característica de mimetizar outras patologias, além de ter uma evolução muito rápida.

Protocolo: 4930 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 2/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LEONARDO GOMES BALDOINO
ISABELLA FIGUEIREDO DIAS
GABRIEL KAZUO ISHIBASHI TATIBANA
SAMIRA MONTEIRO MARTINS
HERBERT HORNIG
Professor(es): RAFAEL DA SILVA SA

Resumo:
A doença de Moyamoya (DMM) é uma desordem cerebrovascular oclusiva crônica, caracterizada por estenose progressiva das artérias carótidas internas (ACI) intracranianas levando a acidentes vasculares cerebrais hemorrágicos e isquémicos. A hemorragia subaracnoide (HSA) em pacientes sem aneurismas cerebrais que se apresentam como DMM é extremamente rara. Paciente do sexo feminino, 60 anos de idade, apresentando quadro súbito de cefaleia, afasia e fraqueza muscular, rebaixamento do nível de consciência, Escala de Coma de Glasgow = 12 e Hunt-Hess III. Tomografia de crânio com HSA e na arteriografia com padrão circulatório de Moyamoya, sem presença de aneurisma. Os autores relatam um caso extremamente raro de uma paciente branca, não asiática, com apresentação da DMM como HSA na ausência de aneurismas intracranianos e características radiológicas que corroboram com os relatórios anteriores, porém com manifestações clínicas em idade superior ao encontrado na literatura.

Protocolo: 4982 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 12/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): RICARDO ROQUE POLISELI
PRISCILA ALEGRETTI BERTI
NATHALIA GESTINARI DRIMEL
CARINE DELFINO SANTOS
Professor(es): LEANDRO KEFALÁS BARBOSA

Resumo:
As onicomicoses são causadas por fungos dermatófitos, não dermatófitos ou leveduras; suas manifestações clínicas, sobretudo a melanoquínia longitudinal, podem se assemelhar àquelas encontradas em neoplasias malignas que acometem o aparelho ungueal, como o Melanoma Acral Ungueal (MAU), que decorre de mutação nos melanócitos e é tão agressivo quanto o melanoma cutâneo. A semelhança clínica entre estas duas doenças - que têm, entretanto, prognósticos tão diferentes - ressalta a importância da avaliação propedêutica adequada e a necessidade de exames complementares, como o histopatológico, para elucidação diagnóstica. O presente relato tem por objetivo descrever as características clínicas da onicomicose e compará-las com aquelas encontradas no MAU; desta forma, contribui para a compreensão de que a melanoníquia longitudinal não ocorre exclusivamente no MAU e ressalta a importância da realização de exame físico das unhas, tendo em vista a possibilidade de ocorrência de lesões malignas de mau prognóstico no aparato ungueal, como o MAU.

Protocolo: 4978 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIELA MANEA SOARES
ANDRESSA FERNANDA BISCAINO DE ALCANTARA FERREIRA
ANA VITORIA BEZERRA MARQUES
Professor(es): ANA CLAUDIA CAVALCANTE ESPOSITO LEMOS

Resumo:
O conceito de saúde mental esta relacionado a interações entre fatores biológicos, psicológicos e sociais, resultando em bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de enfermidade. Esses fatores são os chamados Determinantes Sociais de Saúde (DSS) que podem influir na ocorrência de problemas de saúde na população e determinar as condições de vida e trabalho dos indivíduos. Pesquisar sobre vulnerabilidades em saúde mental das mulheres privadas de liberdade no presídio feminino de Tupi Paulista é essencial para desenvolvimento de programas de cuidados de saúde adequados para esta população. Este estudo tem como objetivo determinar a prevalência de transtornos mentais em uma prisão feminina no interior do estado de São Paulo. A metodologia será de pesquisa investigativa de campo numa perspectiva qualiquantitativa baseada no levantamento de dados em prontuários das detentas diagnosticadas com transtorno mental e aplicação de questionários. A análise dos resultados será realizada por especialistas, a partir dos dados coletados em prontuários, questionários e relacionados com determinantes sociais de saúde e a presença de transtornos mentais nos sujeitos da pesquisa.

Protocolo: 4906 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 8/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): AMANDA SILVA FINOTTI
JOAO PAULO AMSTALDEN GRANADO
MARINA TEIXEIRA VENDRAMEL
MARCELLA CARDOSO GONCALVES
Professor(es): EDIMA DE SOUZA MATTOS
CELESTE CORRAL TACACI NEVES BAPTISTA
ELAINE FERNANDA DORNELAS DE SOUZA

Resumo:
As enteroparasitoses apresentam alta prevalência na população mundial e por isso são estudadas constantemente pela comunidade científica. Os agentes etiológicos estão presentes em alimentos, água e objetos contaminados com fezes. Todas as faixas etárias são propensas à contaminação por enteroparasitas, no entanto, as crianças são as mais acometidas por serem mais vulneráveis aos fatores de risco, entre eles noções de higiene insuficientes e convívio com outras crianças em creches e escolas. O presente estudo busca realizar um levantamento em uma creche municipal, Irmã Nazarena Zamit, localizada no bairro Alvorada, na cidade de Presidente PrudenteSP, com o objetivo de observar a prevalência de enteroparasitoses numa população de 350 crianças. O cálculo amostral encontrado foi de 174 participantes. Serão coletadas amostras fecais dos escolares e as mesmas serão avaliadas em laboratório através dos métodos de Hoffman, Faust e Rugai. Além disso, será aplicado um questionário aos pais ou responsáveis que irá avaliar condições socioeconômicas, de moradia, higiene e identificação de sintomas, como diarreia, vômitos, entre outros. Com a análise das amostras, espera-se identificar o perfil da população estudada, associando os dados colhidos no questionário e a prevalência de enteroparasitoses. Além disso, através da associação entre os dados obtidos com o questionário e a prevalência de crianças infectadas, espera-se que as parasitoses sejam mais frequentes nas crianças que vivem em condições precárias de higiene e saneamento básico.

Protocolo: 4878 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 12/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): BRUNNA MARTINS REZENDE
LEONARDO SAMBINELLI GARCIA
LUAN ARAUJO MAIOLINI COSTA
LUCAS CAVALCANTI DOS SANTOS
JULIA MARCUCI RAZABONI
JANIO CANDIDO ROSA JUNIOR
Professor(es): NAIR TOSHIKO TASHIMA
CLAUDIA ALVARES CALVO ALESSI

Resumo:
Este estudo de caráter qualitativo tem por objetivo desenvolver e validar, em uma perspectiva colaborativa e multidisciplinar, um serious game para apoiar a aprendizagem de conteúdos da educação médica. Para tanto, pretende-se criar um Jogo Digital Educativo, atendendo às premissas do conceito de serious games, como um recurso educacional para a área médica e colocá-lo em condições técnicas de observação e análise por docentes do ensino superior. No tocante ao levantamento de dados, este estudo fará uso da técnica da observação participante, uma vez que esta técnica permite a participação do pesquisador no controle e análise das variáveis técnicas e pedagógicas do Jogo Digital Educativo, observando seu processo de desenvolvimento no que se refere às suas reações aos estímulos exteriores e suas formas de adaptação. Além disso, serão convidados quatro professores do curso de Medicina para auxiliarem na concepção do Jogo Digital Educativo e emitirem suas impressões sobre o potencial do jogo para a aprendizagem de conteúdos da educação médica. Ainda sobre a coleta de dados, os requisitos para criação do jogo serão definidos por meio de Grupo Focal, que terá o intuito de garantir que os conceitos da área médica sejam contemplados pelo jogo. A coleta de dados acerca dos testes que definirão o potencial pedagógico do jogo acontecerá por meio de entrevistas com cada um dos professores voluntários desta pesquisa. Para o desenvolvimento do estudo serão consideradas cinco etapas: planejamento do Jogo Digital Educativo, baseado nos princípios dos serious games, visando estabelecer os requisitos técnicos e pedagógicos que deverão ser contemplados em seu desenvolvimento; implementação de um protótipo de um Jogo Digital Educativo para apoiar a aprendizagem de conteúdos da educação médica; testes para o levantamento de dados referentes às interações dos professores do curso de Medicina com o Jogo Digital Educativo; análise dos dados coletados para subsidiar o aprimoramento do Jogo Digital Educativo; divulgação dos resultados da pesquisa.

Protocolo: 4794 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 8/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GIOVANNA DUARTE BINOTTI
EDUARDO RODRIGUES SANTANA
Professor(es): SIDINEI DE OLIVEIRA SOUSA

Resumo:
Atualmente a infecção por Candida está associada a um dos principais quadros de infecção hospitalar. As taxas de incidência de candidemia podem ser altas, e no Brasil chega a 3,9 casos por 1000 admissões hospitalares. Já as taxas de mortalidades para aqueles que a desenvolvem são altas em torno de 50-72, se tornando nos últimos anos grande problema de saúde em hospitais terciários. Este projeto tem por objetivo avaliar a incidência das infecções de corrente s sanguínea por Candida spp isoladas de pacientes internados na Associação Lar São Francisco de Assis da Providencia de Deus, Hospital Regional de Presidente PrudenteSão Paulo no período de dois anos; identificar por técnicas morfológicas e bioquímicas as amostras de Candida spp. isoladas; pesquisar a ocorrência do Complexo Candida parapsilosis - dentre os isolados de hemocultura analisados; determinar o perfil de sensibilidade aos antifúngicos das amostras isoladas. Este será um estudo prospectivo de vigilância laboratorial e clínica com amostras de Candida spp. previamente isoladas de hospital Regional de Presidente Prudente-São Paulo. O perfil de sensibilidade antifúngica será realizado de acordo com a metodologia AFST-EUCAST. A análise molecular do Complexo Candida parapsilosis será realizada por PCR-RFL, amplificando-se o fragmento SADH -S1F: 5´ GTTGATGCTGTTGGATTGT-3´; S1R: 5´- CAATGCCAAATCTCCCAA-3´. Os produtos do PCR serão digeridos com enzima de restrição BanI em tampão específico da enzima por 90 minutos. A incidência de candidemia será calculada por 1.000 admissões hospitalares, considerando-se um intervalo de confiança de 95, assumindo-se a distribuição de Poisson dos casos. As variáveis categóricas serão apresentadas como porcentagens e avaliadas pelo teste do &#967;2 ou, como alternativa, pela prova exata de Fisher; as variáveis contínuas serão apresentadas como medianas e intervalos interquartis e avaliados pelo teste de Mann-Whitney ou de Kruskal-Wallis. Todos os testes serão realizados utilizando-se o programa SPSS 19.0 (IBM SPSS Statistics, IBM Corporation, Chicago, IL, USA), admitindo-se p<0,005 para rejeitar a hipótese de nulidade.

Protocolo: 4925 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 7/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): NATHALIA PREZOUTTO VENANCIO
KELLY CRISTINA BARZAN YABUNAKA
Professor(es): ALEXANDRE MARTINS PORTELINHA FILHO
DANIELA VANESSA MORIS DE OLIVEIRA

Resumo:
Este estudo tem por verificar o conhecimento dos homens acerca da prevenção do câncer de próstata. Pretende-se oferecer à população masculina informações referentes ao espectro de agravos nocivos à saúde potencialmente letais, que devido aos fatores socioculturais vêm sido negligenciados. Os dados serão coletados junto as Estratégias de Saúde da Família (ESF), localizadas no Oeste Paulista. Serão selecionados dois usuários de seis ESF. O instrumento de coleta de dados será um roteiro de entrevista semiestruturado. A análise dos dados objetivos será por meio da análise estatística descritiva simples e os subjetivos obtidos pelos depoimentos nas entrevistas, que serão verificados por meio do referencial metodológico da análise temática de conteúdo de Bardin.

Protocolo: 4827 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 6/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): MARCELLA BESSEGATTO RODRIGUES
DIEGO HENRIQUE LIPE GARCIA DOS SANTOS
DANILO AUGUSTO SHIMAZU
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES

Resumo:
Indivíduos com quadros depressivos diminuem o rendimento no estudo, no trabalho e em seus afazeres cotidianos, então a estrutura da vida acadêmica dos universitários são um reflexo de fatores sociais, psicológicos, hereditários ou a combinação de todos eles. Dentro das universidades estima-se que de 15 a 25 dos estudantes universitários apresentam algum tipo de transtorno psiquiátrico durante a sua formação acadêmica, por isso o apoio da universidade torna-se de suma importância. No estudo transversal do presente trabalho, buscamos descobrir a prevalência do uso de antidepressivos por estudantes da Universidade do Oeste Paulista, em Presidente Prudente - SP. A coleta dos dados será realizada por meio de um questionário online, anônimo, respondido por alunos dos diversos cursos. A análise dos dados será descritiva.

Protocolo: 4778 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): DELCIO ROBERTO DA SILVA ROTTA
MARCELA DIAS DE OLIVEIRA LIMA
BEATRIZ ZOGHEIB ELID
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: O Diabetes Mellitus é um problema de saúde considerado Condição Sensível à Atenção Primária, evidências demonstram que o bom manejo deste problema ainda na Atenção Básica evita hospitalizações e mortes por complicações cardiovasculares e cerebrovasculares. O pé diabético é uma das mais graves e onerosas complicações do DM e, se não tratadas adequadamente, as úlceras nos pés podem levar à amputação do membro ou parte dele. Essas lesões podem ter impacto significativo na qualidade de vida dos pacientes, podendo até mesmo impossibilitar suas atividades sociais, de lazer e de convívio familiar, além de ocasionar absenteísmo no trabalho e até perda das funções laborais em faixa etária produtiva, o que pode gerar, inclusive, uma sobrecarga no sistema previdenciário. Objetivo: Descrever a utilização do curativo de hidrofibra em ferida crônica associada ao diabetes mellitus, bem como evidenciar a importância da participação e cooperação do paciente na contribuição para alta resolutividade da Atenção Primária. Exposição do caso: Paciente sexo feminino, 66 anos, hipertensa e diabética, apresentava ferida crônica em membro inferior direito há 4 anos, obteve completa resolução do quadro com o acompanhamento em ESF e tratamento com curativo de hidrofibra. Discussão: Ferida da paciente classificada como ulcerativa: lesões escavadas, circunscritas, podendo atingir profundidades variáveis, desde a pele até o músculo. São formadas geralmente por deficiências circulatórias, associadas a doenças de base como o diabetes. Para o tratamento de tais feridas, existem vários curativos com a finalidade de manter úmido o microambiente da ferida, cada um com suas próprias características em relação à capacidade de hidratar ou absorver secreção de lesões, adesividade à lesão e à pele, porosidade ao vapor, poder antisséptico e capacidade de coaptação à ferida. Para a escolha adequada recomenda-se avaliar as vantagens e desvantagens de cada curativo, além de considerar o custo-benefício de acordo com as condições socioeconômicas do paciente. Conclusão: A utilização do curativo de hidrofibra apresentou-se eficaz nesse caso de uma ferida crônica exsudativa. A Atenção Primária mostrou-se capaz de contribuir para a boa resposta deste agravo quando associada à cooperação e participação do paciente.

Protocolo: 4764 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): PEDRO AUGUSTO PERES SORIANO
RAFAEL COSTA MATHIAS
RAFAEL ENGEL DUCATTI
BRUNA SILVA MATHIAS
Professor(es): ANA TERESA SILVA MAIA DE ARAÚJO
JULIANE AVANSINI MARSICANO

Resumo:
O pioderma gangrenoso (PG) é uma doença inflamatória e neutrofílica rara, de etiologia desconhecida, mas em muitos casos está associado à doença sistêmica e ao fenômeno de patergia. O quadro clínico apresenta lesões cutâneas ulceradas e dolorosas com evolução rápida e progressiva, predominando em superfícies extensoras de membros inferiores. O diagnóstico é baseado na exclusão de outras doenças e nas características clínicas das lesões, pois os achados histológicos são inespecíficos. O tratamento com corticoesteroides é o mais efetivo, além da realização de curativos assépticos. Este trabalho apresenta uma revisão literária sobre a doença, relatando o caso exuberante de uma paciente com lesões clássicas de PG, tratada com corticoide, antibióticos e curativos.

Protocolo: 4763 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 9/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIEL DOS REIS STAFUZZA
THAYNA JARDIM MONZANI
Professor(es): LUIZA VASCONCELOS SCHAEFER

Resumo:
A dopamina (DA) está envolvida na regulação de várias funções mentais e a desregulação desta neurotransmissão está envolvida em diferentes transtornos psiquiátricos. Alterações dopaminérgicas no córtex pré-frontal estão envolvidas nos transtornos em que ocorre disfunção executiva, principalmente transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), esquizofrenia e depressão. A similaridade dos sintomas entre patologias que compartilham o mesmo neurotransmissor e os mesmos circuitos constitui uma dificuldade diagnóstica em psiquiatria. RELATO DO CASO: E.B., 31 anos, masculino, solteiro, pardo, adotado aos 2 anos de idade, apresentou atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e foi vítima de abuso sexual aos 5 anos. Apresentou dificuldade de aprendizado e aos 14 anos começou a apresentar alterações comportamentais e alucinações auditivas, sendo diagnosticado TDAH e transtorno depressivo, com resposta parcial ao tratamento. Ao longo da juventude apresentou isolamento progressivo e abandonou a escola, quando diagnosticado com transtorno esquizoafetivo do tipo depressivo e modificado o esquema terapêutico, mantida somente resposta insatisfatória. Aos 30 anos iniciou-se processo de revisão diagnóstica, uma vez que os sintomas psicóticos não estavam bem caracterizados e as queixas relativas à atenção persistiam. Realizada a hipótese diagnóstica de transtorno depressivo associado ao TDAH, foi iniciado metilfenidato, mantido o antidepressivo e reduzido progressivamente o antipsicótico. Durante 11 meses o paciente manteve-se bem, sem sintomas psicóticos, com melhora da função executiva e do humor. Após este período, apresentou delírios persecutórios e a dose do antipsicótico foi ajustada, com rápida resolução. DISCUSSÃO: qualquer tipo de abuso infantil aumenta o risco de transtornos psiquiátricos ao longo da vida, especialmente depressão maior e psicoses, entre outros. A ineficiência dos circuitos dopaminérgicos no córtex pré-frontal pode gerar confusão diagnóstica, pois os sintomas se assemelham entre patologias como TDAH, depressão, esquizofrenia e outras. Devido à semelhança dos circuitos dopaminérgicos envolvidos, interferir com os níveis de DA pode causar impacto em todas as hipóteses diagnósticas consideradas neste caso. O uso de metilfenidato em paciente com possível psicose traz o risco de reativação de sintomas psicóticos por aumentar a ação dopaminérgica não só no córtex pré-frontal, mas também na via mesolímbica. Atualmente considera-se a hipótese de transtorno esquizoafetivo do tipo depressivo e persistência do TDAH na vida adulta e os sintomas do paciente compreendidos como uma complexa disfunção dopaminérgica. Assim, o tratamento busca modular este neurotransmissor, ao invés de simplesmente reduzir ou aumentar sua atividade por antipsicóticos e estimulantes, respectivamente.

Protocolo: 4743 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MARILIA FERRUZZI EDERLI
ARETHA GABELLA TEIXEIRA
FLAVIA HELENA FORNAZEIRO ABEGAO
Professor(es): CÉLIA MARIA NAVARRO
FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
A hepatite B é uma infecção viral que pode causar doenças agudas e crônicas. Entre os grupos de risco, os profissionais de saúde são os mais susceptíveis de contrair a infecção por sua vulnerabilidade a se acidentarem com materiais perfuro-cortantes. A vacinação representa o principal instrumento para prevenir a infecção pelo VHB, no entanto cerca de 10 das pessoas vacinadas não produzem anticorpos suficiente após receber as três doses da vacina. O objetivo deste estudo será avaliar os níveis de anticorpos contra o vírus da hepatite B (HBV) entre estudantes vacinados contra o HBV, bem como checar o nível de conhecimento sobre a necessidade de realizar o teste pós-vacinação. Será realizado um estudo transversal, envolvendo 80 estudantes de ambos os sexos do curso de Medicina da Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE). Os participantes responderão um questionário, fornecerão dados de sua carteira de vacinação e uma amostra de sangue. Os títulos de anticorpos serão determinados por imunoensaio utilizando a tecnologia de quimioluminescência direta. A análise estatística será realizada empregando o teste Qui-quadrado.

Protocolo: 4820 Início e Fim: Mês/Ano: 11/2018 - 10/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FERNANDA PADULA XAVIER
HELOISA FERREIRA GARCIA
ANA CAROLINA TAVARES GUEDES
MARINA OKADA
Professor(es): MARIA APARECIDA DA SILVA
ANA RITA PALADINO TUMITAN

Resumo:
A Leucomalácia Periventricular é a agressão cerebral isquêmica mais comum em lactentes prematuros. A isquemia ocorre nas adjacências dos ramos terminais da vascularização arterial, determinando lesão da matéria branca adjacente aos ventrículos laterais. Os fatores de risco para desenvolvimento da doença bem como a sua fisiopatologia incluem a prematuridade associada ao desenvolvimento cerebral vascular imaturo, isquemia-hipóxica e insultos que causem redução na autorregulação apropriada do fluxo sanguíneo cerebral, produção de radicais livres, privação de energia, infecção materna intra-uterina e corioamnionite. Este trabalho traz um relato de caso de uma paciente do sexo feminino, atualmente com 4 anos e 5 meses, nascida de parto normal a termo, apresentando no período intra-útero ultrassonografia obstétrica com presença de dilatação de ventrículo lateral especialmente à esquerda. Aos 5 meses de vida foi negada a hipótese de hidrocefalia e aos 9 meses foi confirmado - por meio da Ressonância Magnética de crânio - o diagnóstico de Leucomalácia Periventricular. Visto que a genitora não apresentou, durante a gestação, infecções sugestivas, como corioamnionite ou vasculite, tampouco parto prematuro, este relato tem como objetivo ressaltar justamente a ausência dos fatores de risco apontados na literatura como causais da doença, bem como entender outras possíveis causas não aventadas anteriormente.

Protocolo: 4731 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 3/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANNELISE DE MACEDO CORREA
LARISSA BRETANHA PONTES
JHONAS MAIKEL MAIA
Professor(es): ARMENIO ALCANTARA RIBEIRO

Resumo:
A insuficiência cardíaca (IC) é uma síndrome clínica complexa de caráter sistêmico, sendo que as alterações hemodinâmicas envolvem aumento das pressões pulmonares e venosas sistêmicas e inadequado débito cardíaco (DC). A IC é um importante problema de saúde pública no Brasil, apresentando altas taxas de morbidade e mortalidade. Dados retirados do DATA-SUS demonstram que apenas no ano de 2012 houve 26.694 óbitos por IC no Brasil. Para o mesmo ano, das 1.137.572 internações por doenças do aparelho circulatório, em torno de 21 foram devidas à IC. Através destes dados é possível ressaltar a importância do estudo desta patologia, levando-se em conta que a população idosa do Brasil tende a crescer e desta forma aumenta o número de pacientes em risco ou portadores da IC. O objetivo deste trabalho é analisar a manifestação clínica e epidemiológica da insuficiência cardíaca, sendo um projeto de pesquisa de campo retrospectivo, descritivo e observacional, desenvolvido a partir da coleta de dados em prontuários de pacientes com insuficiência cardíaca. A amostra será constituída por 333 prontuários de pacientes que passaram por pelo menos uma consulta no ambulatório de cardiologia do HR nos anos de 2014 e 2015.

Protocolo: 4776 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 6/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): BIANCA LIKA DATE
ISADORA MICHELON ANDRESEVSKI
DEBORAH BARBOSA DE SOUZA
Professor(es): CLAUDIA ALVARES CALVO ALESSI

Resumo:
INTRODUÇÃO: Hemoglobinúria paroxística noturna (HPN) é uma anemia hemolítica crônica adquirida rara, de curso clínico extremamente variável. Pela grande variedade de sintomas observados ao longo de seu curso, já foi chamada de "o grande imitador". A tríade anemia hemolítica, pancitopenia e trombose faz da HPN uma síndrome clínica única, que deixou de ser encarada como simples anemia hemolítica adquirida para ser considerada um defeito mutacional clonal da célula-tronco hematopoética (CTH). OBJETIVOS: Reportar descrição de relato de caso de paciente masculino apresentando apenas plaquetopenia no início do quadro clinico. RESULTADOS: Paciente masculino, 43 anos, tabagista e etilista crônico, chega ao PS em outubro / 2015 com sangramento gengival, petéquias úmidas em orofaringe e difusas no corpo. Sem hematúria ou queixas urinárias. Hb 12,6 g/dL; VCM 98,1 fL; plaquetas 19 K/uL; leucócitos 5.290, neutrófilos 3.000; DHL 426; bilirrubina indireta 0,5 mg/dL; reticulócitos corrigidos 1,4; coagulograma normal. Iniciado Prednisona 1mg/Kg, pensando em púrpura trombocitopênica imunológica (PTI). Em novembro / 2015 retorna com hemiplegia esquerda e suspeita de acidente vascular cerebral. Angioressonância magnética de crânio: obstrução do fluxo sanguíneo na artéria cerebral media à direita, associada a processo isquêmico na região de núcleos da base e centro sensorial à direita. Novo hemograma com Hb 12g/dL; VCM 103,8fl; plaquetas 29 K/ul; leucócitos 5.400, neutrófilos 3.800. Feito imunofenotipagem sangue periférico que concluiu clone HPN, mostrando 1 das hemácias com perda total da expressão de CD59. DISCUSSÃO: A HPN apresenta-se frequentemente com infecções recorrentes, neutropenia e trombocitopenia, e surge em associação com outras doenças hematológicas, especialmente com síndromes de falência medular, como anemia aplásica e síndrome mielodisplásica. O espectro de falência de medula óssea é variado e comumente se manifesta como plaquetopenia ou neutropenia, mas, nos casos extremos, pode se manifestar como franca anemia aplástica grave. Enquanto alguns pacientes mantêm um clone pequeno e são oligossintomáticos, outros progridem rapidamente para falência medular ou sofrem episódios tromboembólicos cujo impacto no prognóstico é geralmente desastroso. Observa-se tromboembolismo como evento inicial na HPN em apenas 5 dos casos. No entanto, pacientes com tromboses sem causa aparente, em sítios pouco usuais, ou associados à citopenias e/ou hemólise devem ser avaliados sempre. CONCLUSÃO: A neutropenia e/ou trombocitopenia presentes nos casos de HPN geralmente são acompanhados de contagem de reticulócitos aumentada. O estudo reporta interesse, pois trata de paciente sem quadro hemolítico relevante ao diagnóstico inicial cujos sintomas hemorrágicos mimetizavam outras patologias hematológicas. Isso desperta necessidade de atenção maior para quadros de citopenias isoladas em atendimento clínico antes de evento trombótico

Protocolo: 4880 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 2/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIEL EDUARDO DE OLIVEIRA
Professor(es): NÁDIA DE ARAUJO MIGUEL
JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA

Resumo:
Introdução e objetivo: Adenomas de papila duodenal maior e menor são neoplasias benignas raras, que possuem incidênciade 0,1 a 0,2 dos tumores gastrointestinais. Na maioria dos casos não apresentam sintomatologia e são encontrados de forma acidental durante uma endoscopia digestiva alta. O tratamento baseia-se na ressecção endoscópica da mucosa. Este relato tem por objetivo abordar um caso clínico de adenoma de papila duodenal maior e menor no mesmo paciente, visando a importância do diagnóstico precoce e seu tratamento. Relato de caso: Paciente 44 anos, masculino, procurou atendimento médico referindo dor no hipocôndrio direito, sendo inespecífica com a presente patologia. Sendo submetido uma endoscopia digestiva alta com biópsia constatando a presença de um adenoma de papila duodenal maior. Em nova endoscopia digestiva altacom biópsia foi identificado um outro adenoma, localizado na papila duodenal menor. Como tratamento foi realizado papilectomia de ambas as papilas através de ressecção endoscópica de mucosa. No pós operatório da papilectomia da papila duodenal maior houve um quadro de hemorragia digestiva alta com exteriorização por melena, sendo tratada por via endoscópica.Conclusão: Quanto mais precoce for realizado o diagnóstico, melhor será o prognóstico, dessa forma reduzirá os riscos de degeneração maligna. A ampulectomia endoscópica é uma excelente alternativa de tratamento não invasivo.

Protocolo: 4713 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 1/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA CARLA CHIAROTTI
KARYNNA MORAIS DE OLIVEIRA
Professor(es): FERNANDO SPINOSA SESTI

Resumo:
Para a indústria alimentícia, a aparência dos produtos conquista o olhar do consumidor e com esse propósito, se faz uso de diversos corantes alimentícios, dentre eles a tartrazina. A tartrazina, de coloração amarela, é atualmente um dos mais utilizados para corar alimentos e medicamentos. No entanto, estudos mostram a relação entre esta substância e seus malefícios à saúde humana, sendo os mais comuns à urticária, asma, náuseas, eczema, bronquite, rinite, broncoespasmos e cefaléia. O objetivo deste projeto será identificar a possível relação entre a ingestão do corante tartrazina e as dermatites em ratos Wistar. Para isso, serão utilizados 40 ratos Wistar (Rattus norvegicus), subdividos em dois grupos, grupo-teste (10 machos e 10 fêmeas) e grupo-controle (10 machos e 10 fêmeas). O grupo-teste receberá 7,5 mg/kg de massa corpórea de tartrazina em solução aquosa, por meio de gavagem, durante 10 meses. O grupo-controle receberá água potável, também por gavagem. Após a exposição a tartrazina proceder-se-á a eutanásia e análise histológica do couro, da região da cabeça e pescoço e do nariz dos ratos. Espera-se que o presente estudo possa elucidar as possíveis alterações histológicas do couro dos ratos Wistar, decorrentes do uso de tartrazina. Para avaliação comparativa dos resultados (grupo-teste vs grupo-controle) serão utilizados os testes estatísticos; Análise de Variância com o teste "a posteriori" de Tukey ou Dunnett, e o teste de Kruskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. As análises estatísticas serão realizadas com o programa estatístico BioEstat 5.3 (Curitiba, Paraná, Brasil), e utilizando nível de significância de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4700 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 6/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAROLINA BERTINI BONINI
RAFAELA SEKO FERNANDEZ
CAROLINE FONSECA
NATHALIA BERTINI BONINI
LIA MAKI HATISUKA IMAI
Professor(es): GABRIELA HARO DE MELO
ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
O câncer colorretal (CCR) é uma das principais causas de morte no mundo, com mais de 90 de casos novos diagnosticados em pacientes acima de 50 anos. Com ganho de sobrevida evidenciado pelo tratamento multimodal como a utilização dos modernos esquemas de quimioterapia capaz de tornar ressecáveis lesões inicialmente irressecáveis, terapia-alvo com anticorpos monoclonais, ressecções cirúrgicas das metástases, "liver first", e do tumor primário, como a excisão total do mesorreto, tem-se cada vez mais atingido melhores desfechos clínicos e a qualidade de vida desses pacientes. Discorre o caso de um paciente na sexta década de vida, tabagista, recém-diagnosticado com CCR esporádico, estádio clínico pré-operatório IIIB (cT3N1Mx), categoria C de Dukes. Sendo submetido à quimioirradiação neoadjuvante em bolus de 5-FU/Leucovorin com downsizing e downstaging da lesão para estádio IIA (ycT3N0M0) e operação extirpativa por ressecção anterior baixa após 12 semanas da neoadjuvância, porém com recidiva local e acometimento primário metacrônico por Câncer Pulmonar Não-pequenas células (CPNPC). Prosseguiu com nova abordagem cirúrgica, com amputação abdominoperineal e lobectomia pulmonar, permanecendo sem sinais de recidiva de ambas as lesões neoplásicas. Ressalta-se da importância de assegurar ressecção oncologicamente adequada, mesmo quando implique em colostomia definitiva para o paciente assim como da ocorrência de dois ou mais tumores primários em órgãos diferentes em um mesmo indivíduo que sugere importantes indicadores de alto risco e da possível presença de mutações que predispõem tanto o CCR quanto o CPNPC.

Protocolo: 4715 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): HENRIQUE VICTOR RUANI
Professor(es): ANDRE ANTONIO ABISSAMRA

Resumo:
A Síndrome Oculoglandular de Parinaud (SOP) foi primeiramente observada e descrita por Henri Parinaud, um oftalmologista Francês, no ano de 1800. Sua descrição foi baseada como fruto de resultados de diversas revisões de casos de pacientes, que apresentavam distúrbios associados a movimentação ocular e paralisia no olhar. Ele atribuiu a causa dessa condição como uma lesão na área quadrigeminal cerebral. Esta condição é conhecida como síndrome do aqueduto de Sylvian, síndrome do mesencéfalo dorsal, síndrome de Pretectal e síndrome de Koerber-Salus-Elschnig. A descrição original de Parinaud inclui paralisia no olhar e convergente, ambos para cima. No entanto, a definição da síndrome de Parinaud foi agora ampliada para incluir a tríade de paralisia ocular para cima, nistagmo retração-convergente e dissociação pupilar ao reflexo da luz. E raramente apresenta-se como olhar conjugado para baixo e paralisia ocular para baixo. A relevância do presente trabalho deve-se ao difícil diagnóstico de SOP, associado às possíveis etiologias causadoras da mesma. Trata-se de um paciente masculino, 10 anos, admitido em um hospital escola no interior do estado de São Paulo, com linfadenopatia pré-auricular à direita e edema orbitário ipsilateral, ao exame físico geral apresenta-se normal sem alterações. Linfonodo palpável em região direita de 2,5 cm com flogose, fibroelástico, doloroso à palpação; linfonodo retroauricular de 1 cm à esquerda, com a mesmas características do anterior. Ao exame oftalmológico, apresentou acuidade visual com correção de lente de 20/20 (100 de visão) em ambos os olhos (exames realizados pela escala de Snellen). Ao exame de biomicroscopia (olho direito), apresentou sinais inflamatórios da pálpebra superior (edema e rubor), com diminuição da fenda palpebral, hiperemia, granuloma folicular em tarso superior. Em olho esquerdo apresentava alterações semelhantes, em menor intensidade. Fez uso de claritromicina 16mg/kg/dia por 5 dias, nepodex 1 gota 8/8h em ambos os olhos, prednisolona 1 gota 6/6h em olho direito e sintomáticos. Apresentou uma boa evolução com diminuição do granuloma em tarso superior e remissão de alguns linfonodos, sendo que os exames evidenciaram caráter benigno dos linfonodos (evolução benigna, com possibilidade de remissões futuras). A SOP é uma conjuntivite autolimitada que cursa com linfadenopatia pré-auricular, além de raras manifestações neurológicas (neurorretinite, meningite, meningoencefalite). A encefalite ocorre em 2-4 dos casos em doença da arranhadura do gato (DAG), ainda podendo apresentar uveíte que pode ser ou não granulomatosa, em casos extremos ainda temos papiledema com exsudação macular levando a retinite estelar.

Protocolo: 4852 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JOAO VITOR PEDROSO SALVAJOLI
Professor(es): FERNANDO BUZATTO MANTOVAN
EMANUELE MORAES MELLO

Resumo:
Introdução: Esclerose Múltipla-EM é a doença neurológica autoimune desmielini-zante mais comum do sistema nervoso central, de etiologia pouco conhecida, que provoca lesões na bainha de mielina provocando um déficit na condução motora. O portador dessa doença pode apresentar paresia, parestesia, vertigem. A neuropatia ainda pode estar relacionada ao HLTV-1 pertencente à família dos retrovírus, po-dendo ter como alvos os linfócitos, os monócitos, os macrófagos, os megacariócitos, bem como as células dendríticas e da glia. Objetivo: Analisar o curso clínico da EM, bem como sua progressão e sintomatologia em paciente portador de HTLV. Exposi-ção do caso: A.R.G.L, hipertensa, diabética, diagnosticada com EM em tratamento imunossupressor, com progressão do quadro de hemiplegia, dor em membros e difi-culdade de deambulação no decorrer dos anos devido à suspensão da terapêutica. Conclusão: A EM foi a responsável pelas alterações motoras, sensitivas e autonô-micas da paciente; o tratamento quando seguido corretamente permite uma melhora da qualidade de vida, e não se pode dizer que a infecção pelo vírus HTLV tenha relação direta com a progressão da doença.

Protocolo: 4738 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 8/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MARIANA BAPTISTA ANGELUCI
MARIA CLARA PIMENTA MELO
NATHALIA SANCHES GONCALVES
Professor(es): MOZART ALVES GONCALVES FILHO
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
A doença renal crônica é uma patologia que apresenta crescente incidência e prevalência mundial e que leva a necessidade de diálise, e em alguns casos até mesmo transplante renal. Dentre as diversas complicações da doença, temos a anemia normocítica e normocrômica, ocasionada pela deficiência da produção de eritropoietina. O presente trabalho descreve o caso de um paciente idoso com doença renal crônica, dialítico, que apresenta anemia refratária e em uso de eritropoetina exógena, mas que não está respondendo ao tratamento. O objetivo deste trabalho é relatar caso raro de paciente que apresenta ação imune contra eritropoetina, desenvolvendo um quadro de hipoplasia severa de medula óssea e, consequentemente anemia crônica com necessidade transfusional.

Protocolo: 4762 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 9/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JULIANA CORREA FERNANDES
ALEXANDRE HENRIQUE SAVOLDI
ANDRE COSTA PINTO
Professor(es): REBECA CARVALHO BRESSA
JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA

Resumo:
Para a indústria alimentícia, a aparência dos produtos conquista o olhar do consumidor e com esse propósito, se faz uso de diversos corantes alimentícios, dentre eles a tartrazina. A tartrazina, de coloração amarela, é atualmente um dos mais utilizados para corar alimentos e medicamentos. No entanto, estudos mostram a relação entre esta substância e seus malefícios à saúde humana, sendo os mais comuns à urticária, asma, náuseas, eczema, bronquite, rinite, broncoespasmos e cefaléia. O objetivo deste projeto será identificar a possível relação entre a ingestão do corante tartrazina e alterações nos seios paranasais de ratos Wistar. Para isso, serão utilizados 40 ratos Wistar (Rattus norvegicus), subdividos em dois grupos, grupo-teste (10 machos e 10 fêmeas) e grupo-controle (10 machos e 10 fêmeas). O grupo-teste receberá 7,5 mg/kg de massa corpórea de tartrazina em solução aquosa, por meio de gavagem, durante 10 meses. O grupo-controle receberá água potável, também por gavagem. Durante a experimentação serão realizadas análises in vitro empregando-se análise histológica dos seios frontais, maxilares e etmoidais dos ratos. Espera-se que o presente estudo possa elucidar as possíveis alterações histológicas dos seios paranasais dos ratos Wistar, decorrentes do uso de tartrazina.

Protocolo: 4671 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): PAULO ROBERTO ARNAL BONINI FILHO
TULIO STAUT TRAVA
YAN VICTOR NATAL GOUVEA
GUILHERME ECHEVARRIA RODRIGUES DE MACEDO
Professor(es): GABRIELA HARO DE MELO
ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
Atualmente, o termo "cannabis medicinal" refere-se ao uso de cannabis como terapia médica para curar algumas doenças ou aliviar seus sintomas. As condições clínicas mais comuns em que é proposto o uso medicinal da cannabis são utilizados são: esclerose múltipla (MS), dor neuropática crônica e controle dos sintomas de náuseas e vômitos em pacientes com câncer em tratamento quimioterapia. Alguns países têm políticas que permitem que os pacientes possam usar Cannabis para fins médicos, porém a falta de dados sobre a segurança e eficácia de Cannabis é uma barreira importante para o envolvimento dos médicos. Já foram realizados ensaios clínicos randomizados de Cannabis que mostraram eficácia na dor crônica e espasticidade, entretanto esses ensaios foram curtos com amostras pequenas. Parte importante do uso da maconha como fármaco parece depender de isolar o composto canabidiol a partir da planta Cannabis sativa, dado que esta molécula que parece conter os princípios ativos desejados. O presente trabalho propõe-se a revisar sistematicamente a literatura científica em busca dos efeitos provocados pelo canabidiol em curto e longo prazo quando utilizado por via oral ou inalatória. O presente estudo, será conduzido de forma independente e cega. A busca de artigos acontecerá em uma etapa só de Agosto do presente ano, pelos últimos 5 anos de publicações. Serão pesquisadas as seguintes bases de dados eletrônicas: Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), PubMed (MEDLINE), Scielo e LILACS. Os descritores utilizados para a busca de artigos foram definidos a partir dos termos indexados no vocabulário estruturado DeCS (Descritores em Ciências da Saúde) e no vocabulário de indexação de artigos da PubMed, estabelecendo-se a seguinte sintaxe: cannabidiol, "medical cannabis", "cannabidiol effects" e "cannabidiol treatment".

Protocolo: 4702 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 7/2019 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): LEONARDO MAGNANI SEABRA
BARBARA PREVITALLI PIMENTEL
DEBORA TYEMI TAKASHIMA
BIANCA DE SOUZA BONFIM
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Alimentos funcionais, probióticos, prebióticos e simbióticos, afetam de forma direcionada e positiva as funções do corpo, podendo representar uma alternativa para tratamento de doenças autoimunes por atuar modificando a microbiota intestinal beneficamente, estimulando a imunidade humoral e celular por mecanismos moleculares complexos suprimindo a autoimunidade. O presente estudo tem como objetivo compilar e meta-analisar os resultados relatados em ensaios randomizados para elevar o nível de evidência acerca dos efeitos benéficos dos alimentos funcionais na prevenção e tratamento doenças autoimunes. A meta-análise será conduzida de acordo com recomendações do Cochrane Handbook for Systematic Reviews of Interventions. A avaliação do risco de viés será realizada utilizando o programa Review Manager versão 5.3.

Protocolo: 4739 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 7/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): VIVIANE FERREIRA PAIANO
ELOISA NASCIMENTO JORGE
AIRAN LOBO DA COSTA
MARCOS NATAL RUFINO
Professor(es): HERMANN BREMER NETO

Resumo:
Introdução: a Hipercolesterolemia Familiar (HF) é uma doença autossômica dominante que resulta em níveis elevados de colesterol total e das lipoproteínas de densidade baixa (LDL-c). Mutações em um dos quatro genes (LDLR, PCSK9, APOB e APOE) estão envolvidas na maioria dos casos de HF, com prevalência maior da forma heterozigota (HeHF) em relação à homozigota (HoHF). Objetivo: avaliar as complicações causadas pela HF e os possíveis efeitos colaterais provocados pela estatina em paciente pediátrico. Relato de Caso: paciente de 5 anos, sexo feminino, com Síndrome de Down apresentou alterações no seu perfil lipídico e após a realização de rastreamento em seus parentes de 1º grau foi evidenciado história familiar de dislipidemia. Posteriormente a paciente foi encaminhada ao endocrinologista onde obteve a confirmação de hipercolesterolemia familiar, sendo introduzido Atorvastatina 10 mg, e por meio dos exames de acompanhamento descobriu hipotireoidismo necessitando da utilização de Puran T4 25 mg, e ao fazer o ecodopllercardiograma constatou uma insuficiência da valva tricúspide. Discussão: as estatinas são fármacos de escolha usados na HF com o intuito de reduzir os níveis séricos de colesterol, sendo que nos EUA são inseridos a partir dos 10 anos e na Europa a partir dos 6 anos, e ainda não é comprovado quais serão os efeitos dessas drogas a longo prazo quando instituídos na infância. Considerações finais: o diagnóstico e o tratamento precoce desta patologia são fundamentais para evitar o desenvolvimento de complicações severas.

Protocolo: 4742 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 9/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA FLAVIA MUNIZ BONFIM
ISABELA TREVIZAN MONTALLI
CINTIA CAROLINE COSTA
KAROLINE FONTES FILETI
Professor(es): MOZART ALVES GONCALVES FILHO
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
Introdução: Pensando em promover uma melhor qualidade de vida e alívio do sofrimento imposto pela doença, surgiram os cuidados paliativos, oferecidos aos pacientes que estão em um estágio avançado e terminal da doença, no momento identificado em que não exista mais possibilidade de cura. Os cuidados paliativos domiciliares oferecem uma assistência interdisciplinar aos pacientes oncológicos, objetivando melhoria na qualidade de vida o quanto possível, até sua morte, assim como aconselhamento à família para ajuda-la a viver o luto. Objetivo: Analisar a importância de cuidados paliativos domiciliares e o impacto deles sobre a vida dos pacientes oncológicos e de seus familiares. Metodologia: Será realizada uma revisão integrativa, que terá como base de dados: Cochrane, SciELO, LILACS e PubMed. Os critérios de inclusão serão artigos em português, inglês e espanhol, com publicação de no máximo 10 anos anteriores ao ano da pesquisa, que tratem de cuidados paliativos domiciliares em pacientes oncológicos adultos, envolvendo seus familiares e profissionais de saúde, destacando a importância do cuidado.

Protocolo: 4649 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 4/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIEL CABRAL FLORENTINO
MANUELA DIAS DE SOUZA RIBEIRO
FILIPE EMANUEL ROSA OZIO
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES

Resumo:
Infecções dos locais cirúrgicos são comuns, mesmo em pacientes utilizando antibioticoterapia profilática. Estas ocasionam morbidade e possível diminuição de qualidade de vida para os pacientes, além de altos custos com seu tratamento. Os anestésicos locais são utilizados comumente como agente para analgesia pós-operatória e tem um baixo custo, porém sua ação como agente microbicida ainda é controversa. Objetivo: Avaliar se a lidocaína diminui o número de colônias bacterianas associadas infecção de feridas cirúrgicas e próteses de silicone in vitro. Material e métodos: Para este estudo, serão avaliados os seguintes microorganismos: Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli e Proteus mirabilis. Será realizada analise com suspensões em solução salina estéril com os microrganismos. As suspensões serão inoculadas com auxílio de swab estéril na superfície do ágar Mueller-Hinton. Na sequência, serão confeccionados orifícios equidistantes medindo 4mm de diâmetro e 4mm de profundidade no ágar Mueller-Hinton. Um orifício será preenchido apenas com a solução salina, outro com solução de com antisséptico, outro com 1 gota de Lidocaína pura, outro com 1 gota de solução de Lidocaína e outro com 1 gota da solução com antibiótico. Serão utilizados também 88 implantes de silicones, medindo 1 cm de diâmetro, idêntico aos implantes utilizados na cirurgia mamária, os quais serão divididos em 3 grupos: G1 (próteses contaminadas pelas bactérias e que não receberão tratamento); G2 (próteses contaminadas pelas bactérias e que receberão tratamento antes da contaminação); e G3 (próteses contaminadas pelas bactérias e que receberão tratamento após a contaminação). Os tratamentos serão realizados com soro fisiológico, solução com antisséptico (gliconato de clorexidina), solução de lidocaína, lidocaína pura e com solução de antibióticos (cefazolina e gentamicina). A incubação será de 72 horas. Será realizada a coleta do material da superfície das próteses com auxílio de swab estéril para contagem de unidades formadoras de colônias (UFC). Para análise estatística, os casos em que os dados apresentarem as distribuições normais e homocedásticas serão analisados utilizando-se de testes paramétricos, o teste "t" de Student e a análise de variância (ANOVA) seguido pelo teste de Tukey quando necessário. Caso contrário, serão utilizados testes não paramétricos, o de Mann-Whitney, e o de Kruskal-Wallis seguido pelo teste de Dunn quando necessário. Resultados esperados: Espera-se mostrar que a lidocaína tem efeito bactericida frente aos principais patógenos que infectam feridas cirúrgicas.

Protocolo: 4650 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2021 Programa: PPD - Programa de Pesquisa Docente/PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): MARIA JULIA SCHADECK PORTELINHA
ISADORA DELFINO CALDEIRA
BRUNO CARVALHO HENRIQUES
DENIS ALOISIO LOPES MEDINA
CESAR ALBERTO TALAVERA MARTELLI
Professor(es): MERCIA DE CARVALHO ALMEIDA
GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
Introdução: A torção de omento maior é uma etiologia rara de abdome agudo, mimetizando a causa mais comum do quadro, a apendicite aguda. É classificada em primária e secundária e pode acarretar em complicações como necrose, peritonite, obstrução intestinal, formação de aderências e sepse, o que evidencia a importância do diagnóstico precoce dessa condição. O objetivo consiste em descrever o diagnóstico e manejo de uma causa rara de abdome agudo por torção primária de omento com resolução videolaparoscópica e relacionar com literatura atual. Paciente do sexo masculino, jovem, com dor abdominal em fossa ilíaca direita há 4 dias. Inicialmente, a dor localizava-se em região epigástrica e a mesma migrou, em seguida, para a fossa ilíaca direita. O exame físico foi sugestivo de abdome agudo tendo como causa provável apendicite aguda. O paciente foi submetido a videolaparoscopia, que evidenciou apêndice normal, porém foi encontrado omento em torção e necrose sobre a flexura hepática do cólon. Discussão: A torção omental possui apresentação clínica comum, assemelhando-se à apendicite como já dito, o que torna complexo o diagnóstico pré-operatório. Neste caso, o diagnóstico foi intra-operatório, como ocorre majoritariamente, e a torção foi classificada como primária, pela ocorrência exclusiva de torção na ausência de outras condições intra-abdominais presentes. Conclusão: Com uma manifestação clínica semelhante a outras causas de abdome agudo, a torção de omento deve ser incluída pelos cirurgiões como possível diagnóstico. A tomografia computadorizada pode ser utilizada para revelar o diagnóstico ou excluir outras possíveis patologias.

Protocolo: 4707 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): PEDRO HENRIQUE NUNES SAMPAIO
AFONSO HENRIQUE ZAMBOLIN JACCOUD
CAMILA MARTINS BARBATTO VOLPATO
ROGERIO THEODORO DE SOUZA FILHO
Professor(es): ROSELAINE PALHARES ALVES

Resumo:
O presente trabalho trata-se de um relato de caso de leishmaniose visceral (LV) que é uma doença infecciosa, não contagiosa que ao receber o tratamento, em tempo hábil, previne complicações incluindo o óbito. A transmissão da doença ocorre através da picada da fêmea de flebotomíneos da espécie Lutzomyia longipalpis conhecido popularmente como mosquito palha. É caracterizada por febre irregular de média e longa duração, hepatomegalia, esplenomegalia, adinamia, anemia, perda de peso e podem ocorrer algumas complicações como otites, piodermites e afecções pleuropulmonares entre outras. O tratamento medicamentoso específico é realizado com sais de antimônio, aliado ao repouso e à boa alimentação. O caso era de uma paciente de 66 anos de idade procedente de Presidente Epitácio e atendida no Hospital Regional de Presidente Prudente no dia 22/02/2018, quando iniciaram os sintomas como dor difusa na região abdominal, insuficiência respiratória, febre não aferida, perda ponderal de 7 quilos em 8 meses, hipotensão e icterícia. Os exames clínicos e laboratoriais foram realizados e concluiu-se o diagnóstico de leishmaniose visceral. O tratamento oferecido foi eficaz e a paciente recebeu alta com orientação de controle sorológico a cada 3 meses e acompanhamento ambulatorial. Como nos últimos anos o número de casos de LV vem crescendo e migrando da zona rural para as grandes cidades viemos a refletir medidas para diminuir esses dados, percebendo a importância da educação em saúde, esclarecendo modo de transmissão e medidas preventivas.

Protocolo: 4754 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): BRUNA DIAS
THAINA RUIZ ESCHIAPATI
INGRA MARIA CERIBELLI
MARINA REBOLLO JERONIMO
Professor(es): ANGELICA AUGUSTA GRIGOLI DOMINATO
ALEXANDRE MARTINS PORTELINHA FILHO

Resumo:
A síndrome DRESS (drug reaction with eosinophilia and systemic symptoms - erupção à droga com eosinofilia e sintomas sistêmicos) corresponde a uma reação adversa a medicamentos, sendo severa e potencialmente fatal com características sistêmicas, que inclui, principalmente, erupção cutâneomucosa extensa tipo exantemática, febre, linfadenopatia, hepatite e anormalidades hematológicas, com um período de latência de duas a seis semanas após o início da administração do fármaco. Sua etiopatogenia está relacionada a drogas específicas, principalmente os anticonvulsivantes aromáticos (carbamazepina, fenobarbital e fenitoína), alterações imunes, reativação sequencial de herpesvirus e associação com alelos do HLA. O reconhecimento desta síndrome é de suma importância, uma vez que a evolução do quadro é rápida e a taxa de mortalidade é de cerca de 10 a 20. A corticoterapia sistêmica em associação à suspensão do fármaco causador da síndrome em questão representa a base da terapêutica, permitindo melhora considerável do quadro clínico e parâmetros laboratoriais. Apresentamos o relato do caso de síndrome DRESS associado à administração do antibiótico meropeném e a revisão da literatura recente sobre o tema.

Protocolo: 4741 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 3/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JULIA MENDONCA REZENDE
LETICIA PEREGO SILVA
FLAVIA VOLPON ROBLES
THAISA MELARA
Professor(es): ERIKA FUGITA

Resumo:
A síndrome de Eisenmenger é caracterizada por doença multi sistêmica, decorrente do aumento de fluxo sanguíneo pulmonar, o que resulta em hipertensão pulmonar fixa, fluxo (shunt) direito- esquerdo e distribuição sistêmica do sangue venoso, que provoca hipoxemia crônica e redução do débito cardíaco. O estudo tem como objetivo enfatizar a importância do desenvolvimento relacionado a pesquisas e estudos, no que se diz respeito a essa síndrome, buscando promover um avanço na terapêutica, bem como a melhoria sobre a qualidade de vida e capacidade funcional dos pacientes. Trata-se de um paciente masculino, 62 anos, portador de cardipoatia congênita tardiamente diagnosticada (Comunicação Interatrial), que evoluiu para quadro de hipertensâo arterial pulmonar grave. O diagnóstico foi realizado de forma tardia, não sendo realizado cirurgia reparadora na época adequada.

Protocolo: 4962 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 8/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): FERNANDA TAVARES AMARAL MELLO
ERICA VILHENA DE FREITAS
ISABELLE BACCO DA ROCHA
ISABELA ZAMPIERI
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI

Resumo:
Esse caso descreve uma incomum apresentação de linfoma anaplásico de grandes células T ALK negativo com infiltrado mamário, mimetizando carcinoma triplo negativo. A incidência do linfoma anaplásico de grandes células T, ALK negativo, ocorre comumente em adultos na quinta e sexta década de vida e pode acometer linfonodos e locais extranodais, incluindo pele, tecido mole e trato gastrointestinal. O linfoma não-Hodgkin da mama é incomum, compondo 0,04 a 0,5 de todos os tumores de mama malignos. O diagnóstico de linfoma anaplásico de grandes células T ALK negativo é desafiador tanto para clínicos como para patologistas. O estabelecimento de um diagnóstico adequado é possível com base em histórico médico completo, exames clínicos e de imagem e avaliação histopatológica da biópsia do local da lesão. O caso relata uma mulher de 37 anos com nódulos palpáveis na mama esquerda em conjunto com lesões eritematosas na perna direita. Ao analisar a biópsia dos nódulos da mama, esses mimetizavam carcinoma triplo negativo, no entanto, somente com exame imunohistoquímico foi possível verificar a expressão do antígeno CD30, e apenas após uma avaliação sistêmica completa, foi realizado o diagnóstico de linfoma anaplásico de grandes células T, ALK negativo. O diagnóstico equivocado pode acarretar em uma terapia inadequada e resultar em progressão da doença ou em danos desnecessários para o paciente.

Protocolo: 4765 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MAYCON LUAN EBURNIO
ANDRESSA VERI DE ARRUDA MATTOS
HUGO MAXIMO OLIVEIRA DINIZ
Professor(es): RAFAEL DA SILVA SA

Resumo:
A ética é a área da filosofia que estuda as normas morais nas sociedades humanas e as soluções de seus dilemas. Um dos ramos dessa é a bioética, que relaciona dois componentes importantes: o conhecimento biológico e os valores humanos. Os avanços das biotecnologias e sua aplicação na vida do ser humano geram questões e discussões morais sobre os limites do exercício das profissões de saúde, o fim de vida, com destaque para realização de eutanásia e sedação paliativa. Avaliar o grau de conhecimento ético dos acadêmicos do sexto ano de medicina da Faculdade de Medicina de Presidente Prudente acerca dos conceitos de eutanásia e sedação paliativa, juntamente com sua aplicação em pacientes terminais.Estudo transversal analítico com análise de dados obtidos de questionário aplicado a estudantes do sexto ano da Faculdade de Medicina de Presidente Prudente.

Protocolo: 4686 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 1/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FLAVIA CORREA DE OLIVEIRA LIMA
GUILHERME YOSHIHIRO SAKATA UYEMA
BRUNA ZULIM DAVANCO
NICOLE ALIK KITAMURA
Professor(es): JOSÉ DE OLIVEIRA COSTA FILHO

Resumo:
Dentre as principais intervenções utilizadas para o controle do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade, este Relato de Caso tem foco voltado para o tratamento medicamentoso com o uso do Metilfenidato, dando ênfase aos benefícios do uso deste. O estudo faz uma relação entre a melhora dos sinais de hiperatividade e desatenção com o uso do medicamento, pois para combater os sintomas as medicações se mostram mais eficazes do que outras intervenções porque, agem diretamente aumentando os níveis de dopamina e noradrenalina elevando o nível de alerta e foco em atividades que exigem mais esforço mental. O diagnóstico é clínico, baseado na entrevista com os pais, com a escola e na avaliação da criança. Os sintomas devem ser persistentes e acompanhar a criança nas diversas situações e ambientes em que está inserida. Quando estes traços a prejudicam, a necessidade de tratamento é inquestionável, e deve ser iniciado o mais cedo possível, pois tratamento precoce evita o acúmulo de prejuízos ao longo do tempo possibilitando que a criança desenvolva o seu potencial. Embora não tenha cura, com a terapia adequada, uma pessoa com TDAH pode ter uma vida normal.

Protocolo: 4641 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 6/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LARISSA NUNHES DOS SANTOS
LAREN THOME
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: A ansiedade é um sentimento que em excesso é característica patológica e interfere na qualidade de vida e no desempenho do indivíduo. Os transtornos ansiosos e depressivos são quadros psiquiátricos comuns que atingem frequentemente estudantes. A prevalência de ansiedade e depressão nos acadêmicos de Medicina pode estar associada á elevada carga horária, grande volume de matérias, maior contato com pacientes portadores de diversas doenças e prognósticos, insegurança em relação ao ingresso no mercado de trabalho, cobrança da sociedade e da instituição de ensino, além da auto cobrança. O estudo em questão visa explanar para a sociedade as dificuldades emocionais enfrentadas por estudantes de medicina e avaliar a saúde mental do estudante através de seus níveis de ansiedade e depressão. Objetivo: Analisar os diferentes níveis de ansiedade e depressão dos estudantes e identificar os possíveis prejuízos acadêmicos e pessoais causados pela ansiedade e depressão durante a graduação de Medicina. Metodologia: A metodologia é baseada em revisão de literatura além da futura aplicação do Inventário de Ansiedade e Depressão de Beck em um grupo amostral de 200 alunos cursando variados semestres da graduação de uma Faculdade de Medicina do interior paulista, no município de Presidente PrudenteSP.

Protocolo: 4784 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 1/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LETICIA ROCHA MAGALHAES
LARYSSA MAYARA POLASTRI
MARIA CAROLINA MESTRINER PARRA
Professor(es): GILMARA PEIXOTO RISTER

Resumo:
O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é uma síndrome classificada na categoria de transtornos hipercinéticos. É caracterizado por ter um início precoce, falta de perseverança nas atividades que exigem envolvimento cognitivo e tendência a passar de uma atividade a outra sem acabar nenhuma, associadas a uma atividade global desorganizada, incoordenada e excessiva. Subtipos de atenção são distinguidos em: atenção voluntária e atenção automática. Clinicamente, os termos atenção sustentada, atenção seletiva, atenção focada, atenção alternada e atenção dividida também são comuns. Testes de atenção que envolvem tempo de reação (TR), normalmente são direcionados para a análise de um ou mais desses parâmetros, possibilitando a identificação de alterações do fenômeno atenção e auxiliando no diagnóstico de psicopatologias como o TDAH. O objetivo do presente estudo é avaliar, mediante revisão sistemática da literatura, como o desempenho de crianças com diagnóstico de TDAH difere de crianças hígidas em testes de atenção que envolvam TR. A busca na literatura ocorrerá de forma sistemática, em múltiplas etapas, na base de dados PubMed, com limites para artigos publicados em português, inglês e espanhol, realizados em humanos. A análise dos artigos classificará aspectos como o público-alvo (idade das crianças avaliadas), o tipo de teste utilizado e o tipo de atenção investigada (voluntária ou automática).

Protocolo: 4640 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 7/2019 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): CARLA YAMASHITA CONTRERAS
JOAO THALLISSON PEREIRA CAMPOS
PAULA CRISTINA QUEIROZ CARVALHO
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Laranja-amarelado o corante alimentar tartrazina é solúvel em água, apresenta-se em pó é usado em produtos farmacêuticos, cosméticos, de forma a melhorar a qualidade estética dos produtos. Pode provocar desequilíbrios nos níveis de hormônios e, consequentemente, de suas funções recebendo o nome de desreguladores endócrinos. Os desreguladores endócrinos causam uma grande variedade de efeitos sobre o sistema endócrino incluindo problemas de desenvolvimento, carcinogenicidade e mutagenicidade. O presente estudo busca verificar possíveis alterações nos órgãos reprodutivos de ratas Wistar. Serão utilizadas 30 fêmeas Wistar (Rattus norvegicus), obtidos junto ao Biotério da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste). Os animais serão divididos em dois grupos, 15 animais expostos e 15 não expostos, ao grupo exposto diariamente será administrada por gavagem, 7,5 mg/kg de massa corpórea de tartrazina em solução aquosa, durante 10 meses. Após este período os animais serão sacrificados e obtidas os ovários para confecção das laminas coradas por HE. Todas as lâminas serão fotografadas e avaliadas pela técnica de dimensão fractal. Para avaliação comparativa dos resultados expostos e não expostos, serão utilizados os testes estatísticos; Análise de Variância com o teste "a posteriori" de Turkey ou Dunnett, e o teste de Kuskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. Será considerado como nível de significância estatística o limite de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4656 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LORENNA DA SILVA SANTOS
Professor(es): GABRIELA HARO DE MELO
ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
Farmacodermias são reações tegumentares e/ou sistêmicas produzidas pelo uso de medicamentos, sendo o penfigóide bolhoso uma patologia que pode ser desencadeado por diversas drogas. Paciente do sexo feminino, 85 anos, referiu bolhas difusas pelo corpo após internação prévia. Observou-se a presença de bolhas tensas íntegras e rotas, crostas e máculas hipocrômicas em pernas, antebraços e mãos, sem queixa de dor ou prurido. Constava em prontuário uso de diversos medicamentos. Paciente foi internada para investigação da etiologia. Foi solicitada dosagem de coproporfirina e uroporfirina que se apresentaram negativas, descartando a hipótese de porfiria cutânea tarda, e foi realizada biópsia cutânea de uma bolha, sugerindo diagnóstico de penfigóide bolhoso de etiologia farmacológica. Foi suspenso o uso de antibióticos e as medicações de uso contínuo para tratamento de hipertensão arterial e doença arterial obstrutiva periférica foram mantidas. Paciente evoluiu estável e sem intercorrências, com uso de prednisona oral e dexametasona tópica, obtendo melhora das lesões com evolução para ausência de bolhas, observando-se apenas lesões residuais. Pela análise das variáveis do caso pressupõe-se que as quinolonas foram as responsáveis pelo quadro. Ressalta-se a importância do reconhecimento das reações medicamentosas existentes e do questionamento do uso de medicamentos, garantindo assim diagnóstico precoce seguido da suspensão da medicação.

Protocolo: 4723 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 4/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANDRESSA LEILANE FERREIRA SILVA
DANIELLE FERREIRA LONCHIATI
BEATRICE SANTOS SOUZA
BEATRIZ SEGATTO DE OLIVEIRA
Professor(es): MURILO DE OLIVEIRA LIMA CARAPEBA
LEANDRA ERNST KERCHE

Resumo:
Neste presente trabalho se relata o caso de um idoso diagnosticado com carcinoma epidermoide infiltrativo e avançado de esôfago. O câncer de esôfago é uma neoplasia atípica e extremamente fatal. A epidemiologia demonstra o envolvimento de fatores ambientais e alimentares, com uma predisposição genética pouco estabelecida. As carências nutricionais associadas ao alcoolismo e ao tabagismo podem colaborar para o processo da carcinogênese. Os sinais e sintomas mais frequentes dessa neoplasia são: disfagia, odinofagia, desconforto retroesternal, dor epigástrica, perda de peso progressiva, náuseas e anorexia. A maioria dos pacientes com carcinoma de esôfago já chega ao cirurgião apresentando mau prognóstico com invasão tumoral local ou metástase em outros órgãos, e já não são mais passíveis de um tratamento curativo, apenas paliativo.

Protocolo: 4777 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 2/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MARIA AMELIA ALMEIDA PEGORER
CAROLINA SALOMAO AGUILELLA
RAFAELA JOLO
Professor(es): FELIPE IANKELEVICH BARACAT

Resumo:
O Diabetes Mellitus (DM) é uma síndrome decorrente da falta de insulina, ou incapacidade de a mesma exercer, adequadamente, seus efeitos metabólicos caracterizados por uma hiperglicemia crônica, com distúrbios do metabolismo dos carboidratos, lipídeos e proteínas. A terapia com insulina visa mimetizar o perfil fisiológico da secreção pancreática de insulina. Sendo necessárias, múltiplas doses diárias desse hormônio no sentido de proporcionar o controle glicêmico. Dessa forma, a eficácia de uma terapia insulinérgica efetuada em ambiente doméstico é fundamental para o controle do distúrbio metabólico. O presente projeto de pesquisa tem como objetivo evidenciar o conhecimento sobre a aplicação de insulina no tratamento de Diabetes Mellitus pelos usuários da Atenção Básica, participantes do grupo HIPERDIA da Estratégia Saúde da Família (ESF) Alvorada da cidade de Presidente Prudente, por meio de entrevista dirigida. A partir dos resultados espera-se identificar o perfil e a realidade da população insulinodependente local, demonstrada por meio de estatística descritiva do material, e verificar se o mesmo encontra-se compatível à literatura.

Protocolo: 4629 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 7/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): IANARA ALBUQUERQUE RAMOS
CAMILO BRAMBILLA MARAFON
CAIO REZENDE LOPES
Professor(es): LORIS APARECIDA FELICIO DANIEL
FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
A leishmaniose é uma doença infecciosa causada por parasitas do gênero Leishmania, cuja letalidade, sem tratamento, pode alcançar 10. A resposta imune se inicia pela ativação da imunidade inata, como o sistema complemento, que após sua ativação pode promover a lise osmótica do patógeno, assim como opsonização para estimular a fagocitose. A Leishmania é um parasita intracelular obrigatório, portanto necessita de um nicho intracelular para sobreviver e se multiplicar, entretanto, assim que as promastigotas são inoculadas pelo flebotomíneo na pele, o parasita entra em contato com o sistema complemento e apesar de algumas controvérsias sobre seu papel na eliminação da Leishmania, diversos autores demonstraram o envolvimento das três vias neste processo. Estudos observaram a participação da via alternativa e da via clássica, através da queda das frações de C3 e C4 respectivamente. Foi verificado que a deficiência de C3 promove o desenvolvimento de doenças autoimunes, infecções ou ambas. Para o nosso conhecimento, não existem estudos que avaliaram níveis constitutivos de C3 e C4 em pacientes com leishmaniose na população brasileira, portanto, o projeto de pesquisa proposto, poderá contribuir para um melhor entendimento da importância de uma resposta imune inata eficiente na defesa contra este protozoário. Desta forma, nosso objetivo será dosar componentes iniciais da cascata do sistema complemento em pacientes com leishmaniose visceral tratada. Serão analisadas 31 amostras do biorrepositório de soro de pacientes com leishmaniose visceral tratada. Os componentes C3 e C4 serão dosados pela técnica de imunodifusão radial simples e os resultados serão analisados de forma descritiva dos dados obtidos e os valores serão apresentados em percentis. Para melhor avaliar nossos objetivos será utilizado o levantamento de dados coletados no projeto acima descrito. Os dados foram coletados dos prontuários dos pacientes com leishmaniose visceral e do questionário (socioeconômico) aplicado no momento da coleta. A correlação entre os valores de C3 e C4 com os dados clínico epidemiológicos será realizada pelo teste de Spearman. Serão considerado significativos os valores de p < 0,05.

Protocolo: 4860 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 5/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAMILA APARECIDA POLIDO
JULIANE CAROLINE MARQUES INACIO
VINICIUS CARLOS DE OLIVEIRA
PALOMA BARBOSA FERNANDES
Professor(es): ELIANA PERESI LORDELO

Resumo:
O Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG) afeta indivíduos de todas as idades, causando prejuízos físicos e cognitivos, diminuindo assim a qualidade de vida dos mesmos. A avaliação da capacidade cognitiva de pacientes com TAG se mostra uma importante ferramenta quando tentamos compreender os prejuízos que esse transtorno traz ao indivíduo. As funções executivas (FE) são responsáveis por coordenar as respostas adaptativas diante de novas situações, no TAG, essas respostas podem ser geradas intensamente ou de forma desadaptativa. Como parte das FE há o controle inibitório, capaz de suspender influências internas ou externas que possam prejudicar um comportamento em curso. No TAG, sem este mecanismo seguiríamos padrão de comportamento, marcado pelo impulso. O presente projeto objetiva avaliar as FE em 40 indivíduos separados em Grupo Controle (n=20) e Grupo TAG (n=20). Os pacientes serão selecionados no Ambulatório de Ansiedade do Hospital Regional de Presidente Prudente a partir do diagnóstico feito pela equipe. Para avaliação das FE, os participantes farão o teste "n-back" (2-back), que envolve manipulação de informações na memória operacional, e o teste de Stroop, utilizado para medir o controle executivo e concentração. Ambos os testes serão executados com o software PsychoPy. Com os resultados obtidos espera-se compreender os prejuízos que o TAG causa às funções cognitivas, em especial as FE.

Protocolo: 4608 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 7/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIEL FERNANDES KLAUS
MARIA BEATRIZ SOUZA CARDOSO
GABRIELI CAMOSSA ARMAGNI
Professor(es): GILMARA PEIXOTO RISTER
FELIPE VIEGAS RODRIGUES
SAMUEL AUGUSTO FERREIRA AURELIO

Resumo:
IInfecções dos locais cirúrgicos são comuns, mesmo em pacientes utilizando antibioticoterapia profilática. Estas ocasionam morbidade e diminuição de qualidade de vida para os pacientes, além de altos custos com seu tratamento. Os anestésicos locais são utilizados comumente como agente para analgesia pós-operatória e tem um baixo custo, porém sua ação como agente microbicida ainda é controversa. Objetivo: Avaliar se a lidocaína diminui o número de colônias bacterianas associadas à infecção de prótese vascular sintética de PTFEe in vitro. Material e métodos: Para este estudo, serão avaliados os seguintes microorganismos: Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli, Proteus mirabilis e Enterococcus faecalis. Serão utilizados também 110 fragmentos da prótese vascular sintética de politetrafluoretileno expandido (PTFEe) modelo Exxcel Soft medindo 1 cm de comprimento, os quais serão divididos em 3 grupos: G1 (próteses contaminadas pelas bactérias e que não receberão tratamento); G2 (próteses contaminadas pelas bactérias e que receberão tratamento antes da contaminação); e G3 (próteses contaminadas pelas bactérias e que receberão tratamento após a contaminação). Os tratamentos serão realizados com soro fisiológico, solução com antisséptico (gliconato de clorexidina), solução de lidocaína, lidocaína pura e com solução de antibióticos (cefazolina e gentamicina). A incubação será de 72 horas. Será realizada a coleta do material da superfície das próteses com auxílio de swab estéril para contagem de unidades formadoras de colônias (UFC). Para análise estatística, os casos em que os dados apresentarem as distribuições normais e homocedásticas serão analisados utilizando-se de testes paramétricos, o teste "t" de Student e a análise de variância (ANOVA) seguido pelo teste de Tukey quando necessário. Caso contrário, serão utilizados testes não paramétricos, o de Mann-Whitney, e o de Kruskal-Wallis seguido pelo teste de Dunn quando necessário. Resultados esperados: Espera-se mostrar que a lidocaína tem efeito bactericida frente aos principais patógenos que infectam próteses vasculares sintéticas de PTFEe.

Protocolo: 4603 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 5/2021 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): MARIA JULIA SCHADECK PORTELINHA
ISADORA DELFINO CALDEIRA
BRUNO CARVALHO HENRIQUES
CESAR ALBERTO TALAVERA MARTELLI
Professor(es): MERCIA DE CARVALHO ALMEIDA
GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
INTRODUÇÃO:O uso excessivo de aparelhos celulares é constante em todos os meios sociais e também faixas etárias sendo utilizado como ferramenta de lazer e trabalho, além da realização de chamadas. No entanto, não é conhecido o poder que tal acessório possui na disseminação de agentes contaminantes que ali se multiplicam devido manuseio e contato com diversas superfícies, gerando um potencial fator de risco frente a micro-organismos de múltipla resistência. Dessa forma, é necessário que se conheça tais riscos ligados a transmissão veiculada aos telefones em questão para que o desenvolvimento de hábitos higiênicos como lavar as mãos e limpeza adequada desses se torne real.JUSTIFICATIVA:O uso corriqueiro de aparelhos celulares no ambiente hospitalar contribui com a disseminação de bactérias dentro dos setores.OBJETIVO:Realizar uma avaliação do grau de contaminação dos aparelhos celulares utilizados no ambiente hospitalar de uma enfermaria infantil do hospital referenciado.METODOLOGIA:Estudo transversal, descritivo e analítico; serão analisados os micro-organismos presentes nos aparelhos celulares de pessoas selecionadas, equipe de saúde da enfermaria da ala infantil do Hospital Regional de Presidente Prudente.

Protocolo: 4560 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 4/2019 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): INGRID ELOISE TROMBINE BATISTA
MARILIA FERRUZZI EDERLI
RENATO CESAR VARGAS MARTINS JUNIOR
Professor(es): HAROLDO KATAYAMA
MERCIA DE CARVALHO ALMEIDA

Resumo:
Os prolactinomas, ainda que raros em crianças e adolescentes, representam cerca de 50 dos adenomas hipofisários, correspondendo a 2 de todos os tumores intracranianos. Nas duas primeiras décadas de vida, os sintomas incluem alterações funcionais como atraso puberal em ambos os sexos, e galactorreia e amenorreia no sexo feminino e/ou sintomas relacionados ao efeito de massa. Apresentação do Caso:Paciente sexo masculino, 13 anos e 4 meses é atendido com queixa de baixa estatura. Ao exame físico tinha altura de 1,37m e peso= 48,4kg. Desvio padrão para altura= -2. Estágio puberal G1P1 de tanner, pênis= 4 cm. A idade óssea era 11 anos e 6 meses. Exames laboratoriais: dosagem sérica de prolactina= 1.957ng/mL (VR=2,1 a 17,7 ng/ml), LH=0,01, FSH=0,37, testosterona=9 ng/dl, IGF1=115 ng/ml (VR=145-759ng/ml), colesterol total=286 mg/dl (VR= menor que 170 mg/dl), triglicérides=366 mg/dl (VR=menor que 90 mg/dl), e demais exames relacionados a investigação da baixa estatura compatíveis com a normalidade. A ressonância magnética de sela túrcica evidenciou formação expansiva intrasselar medindo 17,5x17,4 mm em seus maiores diâmetros, com infradesnivelamento do assoalho selar. O quadro inicial era compatível com hipopituitarismo secundário a macroprolactinoma. Iniciou o tratamento com cabergolina na dose de 1 mg/semana. Após 2 anos e 5 meses de tratamento, evoluiu com normalização da velocidade de crescimento, desenvolvimento puberal espontâneo, normalização dos valores de testosterona=318ng/dl e IGF1=411ng/dl e melhora do perfil lipídico. Comentários finais: A dosagem de prolactina deve ser solicitada na investigação da baixa estatura patológica para o diagnóstico precoce do prolactinoma e consequente sucesso do tratamento. A hipótese de hiperprolactinemia deve ser investigada em pacientes com baixa estatura e atraso puberal para a realização de diagnóstico precoce evitando possíveis complicações e possibilitando a realização de um manejo adequado do caso.

Protocolo: 4627 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 11/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ELIZA MARIA SANTOS SILVA
MARYENE LUDMILLA GONCALVES SELLERA
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: Rhupus é uma entidade clínica na qual se observa a sobreposição de duas doenças autoimunes distintas, Artrite Reumatóide (AR) e Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES). Trata-se de uma síndrome rara, cuja prevalência estimada é menor que 2 entre as doenças reumáticas autoimunes sistêmicas. O objetivo deste trabalho é relatar um raro caro desta associação. Relato de caso: SFS, 34 anos, sexo feminino, iniciou acompanhamento reumatológico no ano de 2009 com história de há 6 meses ter iniciado quadro de poliartrite simétrica em mãos e punhos e rigidez matinal prolongada. Exames laboratoriais com elevação de provas inflamatórias, VHS: 60 mm (VR: até 20 mm) e Fator Reumatóide positivo em altos títulos: 1024 UI/ml (VR < 20 UI/ml). Radiografias com aumento de partes moles em região de punhos. Feito diagnóstico de Artrite Reumatóide e iniciado tratamento com AINE, prednisona em dose baixa e metotrexato, com controle clínico e laboratorial. Após 3 anos apresentou recidiva do quadro de poliartrite associado a edema de membros inferiores. Laboratório com novo aumento de provas inflamatórias, FAN reagente padrão nuclear pontilhado grosso 1/640, proteinúria 1,39 g/24hs. Biópsia renal: nefrite lúpica proliferava mesangial. Não apresentava outras alterações laboratoriais e clínicas. Feito diagnóstico de LES e iniciado tratamento imunossupressor com controle clínico e laboratorial. Hoje segue em acompanhamento ambulatorial em uso de de Hidroxicloroquina e Micofenolato fora de atividade da doença. Conclusão: O termo Rhupus é utilizado para os pacientes que apresentam critérios classificatórios para AR e LES. É uma síndrome rara e que costuma apresentar comprometimento articular erosivo grave associado à AR, mas com menor incidência de envolvimento sistêmico grave secundário ao LES. Neste caso descrevemos uma paciente já com diagnóstico de AR pelos critérios ACR/Eular 2010, que evolui com diagnóstico de LES pelos critérios SLICC 2012, caracterizando um caso de Rhupus.

Protocolo: 4593 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): BEATRIZ SITOLINO
GABRIELA BOSSO CAMPOS
ANA FLAVIA FERREIRA TACCA
LARISSA FERNANI CLARO
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ

Resumo:
INTRODUÇÃO: A Granulomatose com Poliangiíte, inicialmente denominada granulomatose de Wegener (GW), é uma vasculite sistêmica que afeta vasos de pequeno e médio calibre. Ele tem um início insidioso e pode evoluir para a síndrome do rim do pulmão. Pode ter anticorpo anti-neutrófilo positivo. RELATO DE CASO: Paciente do sexo feminino, branca, 36 anos, internada por tosse produtiva e dispnéia. Apresentava história de rinossinusite e otite média recorrente, com o uso de vários antibióticos e perda auditiva na orelha direita persistente. Laboratório com discreta leucocitose e elevação de testes inflamatórios. Radiografia de tórax com imagem sugestiva de processo pneumônico, início de antibioticoterapia por 14 dias, piora do quadro respiratório. Evoluiu com elevação progressiva da creatinina e proteinúria com 2,2 g / 24 h. Novos testes laboratoriais apresentaram FAN negativo, complemento normal C3 e C4, anticorpo antimembrana basal negativo e reagente c-ANCA (1/160). A biópsia renal revelou glomerulonefrite rapidamente progressiva com padrão pauci-imune (FIGURA 1). A audiometria mostrou perda auditiva mista severa na orelha direita. Fez diagnóstico de granulomatose com poliamida e iniciou pulsoterapia com metilprednisolona 3 dias e ciclofosfamida. Durante esse período, houve um acentuado agravamento da função renal, necessitando de tratamento dialítico, num total de quatro sessões, com estabilização das condições clínicas e laboratoriais. Recebeu alta hospitalar com prednisona 1mg / kg e ciclofosfamida em pulsos mensais. Após três meses de início do tratamento, houve uma melhora significativa nas condições respiratórias e renais, mas persistente hipoacusia da orelha direita. CONCLUSÃO: O relato ilustra as manifestações clínicas e os achados de exames complementares que possibilitaram o diagnóstico de granulomatose com poliangite. A instituição do tratamento com corticosteroide e ciclofosfamida permitiu boa evolução da condição e melhora significativa dos sintomas, mas com perda auditiva persistente caracterizada como perda auditiva neurossensorial mista.

Protocolo: 4988 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 5/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): JESSICA VIEIRA MARQUES PETRI
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ

Resumo:
ASCITE REFRATÁRIA NO LUPUS ERITÊMATOSO SISTÊMICO: RELATO DE CASO Introdução: O lúpus eritematoso sistêmico (LES) é uma doença autoimune inflamatória crônica, de etiologia multifatorial (fatores genéticos, hormonais e ambientais), acometendo principalmente mulheres jovens, com envolvimento de múltiplos órgãos e sistemas, entre períodos de exacerbações e remissões. A serosite é uma característica comum nos pacientes com LES. Cerca de 16 dos pacientes apresentam pleurite e/ou pericardite. No entanto, serosite peritoneal apresentando ascite é uma manifestação rara. Relato do caso: Paciente, sexo feminino, 24 anos, com diagnóstico de LES segundo critérios do SLICC 2012: FAN reagente padrão nuclear homogêneo 1/640, anti-Sm reagente, consumo de complemento, poliartrite, alopécia cicatricial e derrame pleural bilateral, em uso de hidroxicloroquina e baixas doses de corticóide, evolui com queixa de dor e aumento progressivo de volume abdominal. Ao exame apresentava abdome globoso, distendido, doloroso com piparote positivo. Ultrassonografia de abdome revelou ascite de grande volume sem outras alterações. Realizado paracentese diagnóstica e de alívio. Líquido ascético om padrão de exsudato. Descartado outras causas de ascite exsudativa (como carcinomatose peritoneal, carcinoma hepatocelular, peritonite tuberculosa, peritonite fúngica, síndrome nefrótica, enteropatia perdedora de proteína...), foi iniciado tratamento com corticóide dose imunossupressora. Diante da persistência da ascite, com necessidade de repetidas paracenteses de alívio foi iniciado pulsoterapia mensal de ciclofosfamida, evoluindo com melhora total do quadro após o quinto mês de pulsoterapia. Hoje encontra-se em acompanhamento ambulatorial, assintomática, em uso de hidroxicloroquina e azatioprina. Conclusão: A peritonite lúpica é uma manifestação rara no LES e deve ser considerada como diagnóstico de exclusão. O prognóstico é geralmente bom, e o tratamento baseia-se no uso de anti-inflamatórios não hormonais e corticoesteróides, obtendo-se boa resposta. Em casos refratários adotam-se medidas individualizadas de tratamento.

Protocolo: 4601 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MANOELA PELUSO BUCCHI
EDUARDA CAROLINE MOREIRA VIEIRA
EMANUELY CAMARGO BARBOSA
IZABELLA DE CARVALHO SAPIA
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ

Resumo:
INTRODUÇÃO: Doenças Infecciosas são uma das maiores causas de complicações que ameaçam à vida dos pacientes com doenças reumáticas. O citomegalovírus (CMV) é o maior causador de morbidade e mortalidade em indivíduos imunossuprimidos, podendo causar febre e danos a órgãos como, pulmão, fígado, trato gastrointestinal, medula óssea e retina. Pacientes com Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) fazem uso de imunossupressores e estão sob risco de reativar a infecção latente pelo CMV. RELATO DE CASO: Paciente, do sexo feminino, branca, 23 anos, com diagnóstico de LES há 4 anos. O diagnóstico foi realizado com base nos critérios do colégio americano de reumatologia (ACR) apresentando: FAN reagente padrão pontilhado grosso 1/640, anti-Sm reagente, alterações hematológicas (leucopenia e plaquetopenia), lesões mucocutâneas (rash malar, aftas orais) e poliartrite. Inicialmente tratada com hidroxicloroquina e prednisona evolui com estabilização total do quadro, sendo realizado desmame progressivo da prednisona. Após dois do início do tratamento, evolui com nefrite lúpica tratada com pulsoterapia com metilprednisolona por 3 dias e ciclofosfamida mensal por 6 meses, com controle. Após 6 meses do término da pulsoterapia apresentou febre baixa, náuseas, vômitos, linfonodos palpáveis em cadeia cervical. Exames laboratoriais mostraram pancitopenia severa, provas inflamatórias pouco elevadas, função renal e hepática sem alterações, urina I sem alteração e complemento normal. Radiogradia de tórax, ultrassonografia do abdome e ecocardiograma normais. Diante do quadro clínico e laboratorial foi iniciado investigação. Realizado sorologias para HIV, vírus B, vírus C, citomegalovirus, Epstein-Baar, toxoplasmose e punção de medula óssea com imunohistoquímica. Afstado a possibilidade de neoplasia hematológica, sorologias negativas, exceto pela positividade de sorologia IgM para citomegalovírus. Realizado PCR para CMV que teve resultado positivo. Iniciado tratamento com ganciclovir por 21 dias. Após esse período a paciente apresentava-se assintomática, com hemograma normal e PCR para CMV negativo. CONCLUSÃO: Apesar da infecção ativa por CMV não ser freqüente nos pacientes com LES, quando ocorre é de extrema gravidade, podendo levar o paciente à óbito. A utilização de diagnóstico precoce da infecção ativa pelo CMV é muito importante, pois permite um tratamento mais precoce e mais efetivo em relação ao diagnóstico sorológico, principalmente em pacientes com falha imunológica como a paciente do caso descrito.

Protocolo: 4600 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ADERBAL GAULINO GALASSI NETO
ELLEN TIYEME TSUTSUMOTO DA SILVA
FERNANDA CARLA SALESSE CUNHA
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ

Resumo:
INTRODUÇÃO: O Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) é uma doença inflamatória sistêmica, caracterizada pelo produção de autoanticorpos e formação de imunocomplexos que acomete diferentes órgãos e sistemas, podendo cursar com eventos trombóticos, com ou sem Síndrome do Anticorpo Antifosfolípide (SAF) associada. RELATO DE CASO: Paciente de 24 anos, sexo masculino, com dispnéia há cerca de 3 meses evolui com piora súbita do sintoma associado a febre e tosse. Exames de imagem evidenciaram tromboembolismo pulmonar (TEP) e derrame pleural bilateral de pequeno volume. Anticardiolipina IgG e IgM negativas, anticoagulante lúpico negativo, beta II glicoproteína I IgG e IgM negativas, pesquisa de deficiência de proteína C, S, antitrombina e fator V de Leiden negativos. Iniciado tratamento com heparina de baixo peso molecular. Evoluiu com insuficiência renal aguda com necessidade de tratamento dialítico. Diante do quadro foi iniciada a investigação preenchendo critérios para o diagnóstico de LES: FAN reagente padrão nuclear homogêneo 1/640, anti-DNA nativo reagente, consumo de complemento, serosite (derrame pleural) e nefrite, com anticorpos antifosfolípides negativos. Foi iniciado o tratamento com pulsoterapia de metilprednisolona e ciclofosfamida mensal. Evolui com melhora total do quadro. Atualmente, o paciente está em acompanhamento ambulatorial, fora de atividade da doença em uso de prednisona dose baixa, hidroxicloroquina e micofenolato de mofetila. CONCLUSÃO: Eventos trombóticos podem ocorrer nos pacientes lúpicos, com ou se SAF, e no momento da trombose, 82 se apresentam com LES em atividade pelo SLEDAI.

Protocolo: 4602 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): BRUNA LORENA DIAS DE OLIVEIRA
HELOISA SARTORI FALCAO
CAROLINA DESTRO NUNES FONSECA
FRANCIELE BORGES DA FONSECA
Professor(es): FERNANDA MIRANDA CALIANI SÁ

Resumo:
Introdução: O núcleo claustrum, cujo termo significa "caminho oculto", é uma estrutura neuronal fina, irregular, de substância cinzenta, semelhante a uma folha, localizada na superfície interna do neocórtex (núcleo caudado, putame) na região geral da ínsula. Este núcleo pode ser identificado em várias espécies e sua função é desconhecida. Trata-se de uma estrutura anatômica com grande importância clínica, uma vez que recebe a contribuição de algumas regiões do córtex. Objetivos: Revisar bases de dados e bibliografia sobre o núcleo Claustrum, de forma a evidenciar seus aspectos anatomo-clínicos e funcionais, além de avaliar lesões que levem a síndromes e tratamentos. Metodologia: Consiste de uma Revisão Integrativa que abordará as seguintes etapas: identificar o tema, formular a justificativa e os objetivos da pesquisa, desenvolver os critérios de inclusão e exclusão dos artigos, bem como selecionar, analisar e interpretá-los, formular discussão e apresentar a revisão integrativa. Serão utilizadas as bases de dados PUBMED, EMBASE, BIREME, SCIELO, MEDLINE, LILACS, SCIENCEDIRECT e COCHRANE.

Protocolo: 4535 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 4/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): AMANDA BRAMBILLA FONSECA PEREZ
BRUNA CRELIS COSTA
DANIELE PEREIRA DE SOUZA KRONKA
KARINA SILA CAMPIONI
Professor(es): JANETE CAPRIOLI CARROCINI

Resumo:
As culturas temporárias, a exemplo da cana-de-açúcar, possuem efeito expressivo na economia do Pontal do Paranapanema, sendo que a utilização de herbicidas, prática cotidiana nos cultivos da mesma, confere risco à saúde da população que reside próxima às áreas de pulverização, já que esses produtos são espalhados pelo ar e carregados pelo vento, atingindo áreas próximas, levando ao desenvolvimento de doenças do aparelho respiratório. O glifosato, vendido sob o nome comercial Roundup, é amplamente utilizado como herbicida nessa região e sofre a deriva ocasionada pelo vento, apresentando classificação toxicológica III (medianamente tóxico). Sabendo-se que a qualidade do ar interfere diretamente no sistema respiratório do ser humano, devido à resposta inflamatória causada pela presença das partículas estranhas nos alvéolos pulmonares, mediada por citocinas pró-inflamatórias. O objetivo do estudo é avaliar os efeitos crônicos da utilização do herbicida glifosato no tecido pulmonar de ratos, através de métodos histoquímicos. Para a realização dos experimentos, serão utilizados 40 ratos Wistar adultos machos, divididos em quatro grupos, que serão expostos à nebulização do herbicida glifosato. Posteriormente serão confeccionadas lâminas histológicas coradas por hematoxilina eosina e Alcian Blue para a avaliação histopatológica do epitélio pulmonar. Para a análise dos resultados será utilizado o programa Sigma Stat® versão 2.0. Nos casos de distribuição normal será utilizada a análise de variância, seguido pelo Tukey, se necessário, caso contrário será utilizado o teste de Kruskal-Wallis, seguido pelo teste de Dunn. Serão significantes os valores de p menor que 5 (p<0,05).

Protocolo: 4583 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 7/2019 Programa: PIBIC - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): NICOLY FRANCIELY SANCHES LEME
FERNANDA CRISTINA ALVES DA SILVA
GABRIELA VIDOTTO CAVALLIERI
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
O aumento da incidência de infecções fúngicas causadas por agentes oportunistas contribuiu para que estas adquirissem uma significativa importância ao longo das últimas décadas. É alto o índice de mortalidade associado a candidemia porque atingem, particularmente, pacientes debilitados por outras situações patológicas, como no caso dos transplantados, portadores de câncer, sob terapia intensiva, unidade de terapia de queimados, indivíduos com aids, pessoas que fazem tratamento com drogas imunossupressoras, sob efeito de antibióticos de largo espectro ou ainda, que estejam recebendo nutrição parenteral. Alguns fungos comensais, como espécies de Candida, são os principais patógenos oportunistas que atingem os humanos. Dessa maneira, este estudo pretende contribuir avaliar a epidemiologia das infecções causadas por leveduras do gênero Candida spp. e identificar a prevalência das espécies Candida envolvidas em episódios de infecção de corrente sanguínea no Hospital Regional de Presidente Prudente, São Paulo. Será realizado um estudo retrospectivo de vigilância laboratorial e clínica de casos de candidemia de pacientes atendidos em um Hospital Terciário da região oeste do estado de São Paulo, Brasil, durante período de 2000 a 2017. Em decorrência da natureza observacional do estudo pede-se a isenção do termo de consentimento livre e esclarecido. Serão consultados os prontuários médicos para obtenção das seguintes informações: gênero e idade do paciente, tipo de amostra enviada para análise microbiológica de setor do hospital, presença de comorbidades, uso de quimioterápicos, diálise ou hemodiálise e presença de cateteres intravasculares, terapia profilática com fluconazol e uso de antibioticoterapia.

Protocolo: 4626 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 4/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): NATHALIA PREZOUTTO VENANCIO
GABRIELLA DE SOUZA CAPPELLETTI
ISABELI DE CARVALHO FERREIRA
MATHEUS GUELSSI DOS SANTOS
Professor(es): ALEXANDRE MARTINS PORTELINHA FILHO
DANIELA VANESSA MORIS DE OLIVEIRA

Resumo:
As transmissões de infecção em ambientes hospitalares vêm se tornando uma das principais fontes de preocupação dentro deste ambiente, uma vez que as vias de transmissão são diversas. Sabe-se que os estetoscópios estão diariamente incluídos na prática hospitalar, e há tempos na literatura tem se discutido se os estetoscópios podem ser considerados meio de disseminação de infecção hospitalar, uma vez que a literatura demonstra que a maioria dos diafragmas dos estetoscópios é contaminado. As bactérias GRAM POSITIVAS (GP) são mais encontradas no diafragma dos estetoscópios segundo a literatura, entretanto, segundo literaturas, bactérias GRAM NEGATIVAS (GN) também podem ser encontradas. Atualmente, infecções nosocomiais por bactérias GN em pacientes com a imunidade comprometida são um dos principais problemas de saúde mundial, devido a sua resistência a múltiplos medicamentos, o que geram altos índices de mortalidade e morbidade desses pacientes imunologicamente comprometidos, além dos custos associados serem extremamente elevados. Portanto, por meio de um estudo transversal analítico descritivo será possível identificar possíveis bactérias GRAM NEGATIVAS presentes nos diafragmas dos estetoscópios de um Hospital Universitário de Presidente Prudente, e avaliar a resistência bacteriana frente aos antimicrobianos: amicanina, amoxicilina+ clavulanato, cefeprime, ceftriaxona, ciprofloxacina, gentamicina, imipenem, levofloxacina, sulfametoxazol-trimetropim, meropem e ceftazidima.

Protocolo: 4536 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 4/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): MATHEUS HENRIQUE DE SOUZA CORADINI
LARISSA GASQUEZ MAGNESI
NELSON PEREIRA DOS SANTOS NETO
MARINA TRONDOLI
LETICIA ZANATA
MARIANE TRONDOLI
Professor(es): MERCIA DE CARVALHO ALMEIDA
SUELI CRISTINA SCHADECK ZAGO

Resumo:
Introdução A síndrome de Kartagener consiste em uma patologia clínica, de herança autossômica recessiva, que associa os quadros de bronquiectasia, pansinusite crônica e situs inversus totalis com dextrocardia. Essa síndrome se enquadra em um grupo de doenças chamado de ciliopatias, tendo a dicinesia ciliar primária como principal representante e como causa do desenvolvimento do quadro de situs inversus. Os sintomas apresentados pelos pacientes, não variam muito e entre os principais estão as pneumonias de repetição, bronquites crônicas, bronquiolites difusas, otites médias crônicas, sinusites e rinites crônicas. O diagnóstico, na maioria das vezes, é feito ao acaso, devido alguma manifestação respiratória, associando-se quadro clínico e radiografia de tórax, idetificando o situs inversus totalis. O tratamento indicado é apenas sintomático e paliativo; A fisioterapira respiratória e broncoaspiração são os mais utilizados, e a antibióticoterapia pode ser necessária para as infecções secundárias. O objetivo deste artigo é relatar o caso de uma criança diagnosticada com a síndrome e as alterações anatômicas e fisiopatológicas apresentadas, para contribuir com o desenvolvimento das descobertas a cerca desta patologia, considerando sua raridade e deficiência de estudos na área. Relato do caso Paciente de 5 anos, feminina, com queixa de chiado no peito desde ao nascimento, relatada pela mãe. Associado a esse sintoma, tosse produtiva e dispnéia de duas a três vezes ao mês. A paciente apresenta quadro de situs inversus totalis, diagnosticada ao nascimento. Ao exame físico do aparelho respiratório notou-se presença de sibilos bilaterais, porém sem sinais de esforço respiratório, com boa expansibiliade e sem retrações e abaulamentos. À rinoscopia, foi detectada presença de secreção crostosa e hipertrofia e hiperemia de corneto bilateral. Sem alterações relevantes nos outros aparelhos avaliados. Com a hipótese diagnóstica de síndrome de Kartagener, foi solicitado tomografia computadorizada do tórax e seios da face, ecodoppler e ultrasonografia abdominal para confirmação da síndrome. Discussão A síndrome de Kartagener é uma variante clínica da discinesia ciliar primária, que consiste em uma desordem genética da estrutura ou função ciliar. Isso resulta em acumulação de muco e colonização bacteriana do trato respiratório que leva a infecções crônicas das vias aéreas superiores e inferiores, defeitos de lateralidade de órgãos, entre outras alterações. O situs inversus pode ser parcial, quando afeta apenas o coração, ou total, sendo associado a imagem de espelho das vísceras abdominais, com fígado a esquerda e coração a direita. Além disso, nos seios da face foi detecado conteúdo com desidades moles nos seios maxilares e células aéreas etmoidais, indicando quadro de pansinusopatia. O quadro de bronquiectasia está associado a essas repetidas inflamações respiratórias, principalmente na infância, que levam a alterações definitivas de estruturas pulmonares.

Protocolo: 4775 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 9/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): FERNANDA BIGATAO ESTELLA
GABRIELA ZAVANELLI GERONIMO SOUBHIA
ELEN DA SILVA SHIRATOMI
MARCELA RUIZ MACHADO
Professor(es): OSVALDO SARAIVA MARQUES JUNIOR

Resumo:
Caracterizada como um conjunto de processos que leva à seleção ou priorização no processamento de certas categorias de informação, a atenção tem como objetivo filtrar as informações mais relevantes, evitando a sobrecarga dos sistemas perceptuais no processamento de estímulos. Atualmente, os conhecimentos sobre assimetrias funcionais do sistema nervoso encontram-se bem determinados. Diversas funções já se sabem ser lateralizadas, como a fala, que é localizada no hemisfério esquerdo, e a orientação espacial, no lado direito. A atenção, por sua vez, tem maior processamento no hemisfério direito e é também assimétrica na sua fenomenologia, com favorecimento à direita do espaço. O presente estudo tem como objetivo investigar assimetrias verticais da atenção. Para tal, será utilizada uma versão modificada do Paradigma da Atenção Encoberta de Posner (1980), um teste amplamente utilizado em estudos da orientação da atenção. Ele analisa o efeito do direcionamento encoberto da atenção visual (sem movimento ocular) - realizado por meio de pistas válidas ou inválidas - em relação ao tempo de reação à estímulos exibidos no campo de visão periférico.

Protocolo: 4528 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 6/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): BIANCA LIKA DATE
DANIELA PIRES ABRAO GALINDO
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Os herbicidas são agentes constituídos por uma grande variedade de compostos químicos ou biológicos, desenvolvidos para eliminar, combater, repelir ou controlar insetos. As pesquisas têm sido voltadas para análises do sistema nervoso central, contudo, neurotoxicidade do ácido diclorofenóxiacético (2,4-D) ainda não está esclarecida. Objetivo: Avaliar o efeito neurodegenerativo da exposição crônica por via oral e inalatória do 2,4D por meio da expressão de marcadores de apoptose. Material e métodos: Serão utilizados 80 ratos adultos, machos (200-250g) divididos em oito grupos (n=10), com exposição durante 6 meses: GCI - grupo controle inalatório, expostos à nebulização com solução de cloreto de sódio (NaCl) por aproximadamente 15 minutos, diariamente; GCO - grupo controle oral, receberão ração pulverizada com solução de cloreto de sódio (NaCl) por aproximadamente 15 minutos; GBCI: grupo de baixa concentração inalatório, expostos à nebulização do pesticida com 3,71 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), durante 15 minutos, diariamente; GBCO: grupo de baixa concentração oral, receberão ração pulverizada com pesticida com 3,71 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha) por aproximadamente 15 minutos; GMCI: grupo de média concentração inalatório, expostos à nebulização do pesticida com 6,19 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), durante 15 minutos, diariamente; GMCO: grupo de média concentração oral, receberão ração pulverizada com pesticida com 6,19 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), por aproximadamente 15 minutos; GACI: grupo de alta concentração inalatório, expostos à nebulização do pesticida com 9,28 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), durante 15 minutos, diariamente; GACO: grupo de alta concentração oral, receberão ração pulverizada com pesticida com 9,28 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha), por aproximadamente 15 minutos. Animais de todos os grupos serão eutanasiados 6 meses após o início do experimento. Será coletado cérebro para análise imunoistoquímica com os marcadores apoptóticos BAX e BCL-2. Resultados esperados: Espera-se mostrar se o herbicida 2,4D pode causar neurodegeneração associada à exposição crônica por via oral e inalatória.

Protocolo: 4513 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 8/2019 Programa: PIBIC - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): VERENA MIRANDA DE SOUZA
Professor(es): GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
Relato de caso: S.C., 48 anos, feminina, branca, solteira, católica, residente em Presidente Prudente. Paciente foi conduzida para o serviço psiquiátrico por bombeiros, estava em situação de rua e condições precárias. Ela apresentava movimentos descoordenados e coreiformes em membros superiores, inferiores e cabeça, espasmos no corpo todo, atenção e memória prejudicados. Havia história familiar positiva para Doença de Huntington (DH) na genitora. Paciente tinha antecedentes de dependência alcóolica de longa data. Os movimentos coreicos eram mais intensos quando ela usava álcool. Ao exame psíquico, apresentava-se vigil, calma, colaborativa, hipotímica, juízo crítico presente, sem alterações de sensopercepção, pensamento organizado e discurso coerente, porém com linguagem disártrica e de difícil compreensão. Foi avaliada em interconsulta da Neurologia e solicitado estudo genético da DH, resultando na presença de alelos com 15 a 45 repetições de CAG, compatíveis com a patologia. Instituída a abordagem terapêutica, o padrão de movimentos melhorou durante o período de abstinência do álcool e com o tratamento sintomático da coreia com antipsicótico típico. Conclusão: A DH é caracterizada como uma afecção neurodegenerativa e autossômica dominante. As manifestações clínicas, são apresentadas por deterioração motora progressiva, declínio cognitivo, e perturbações psiquiátricas. Além disto, é sabido que o uso abusivo de álcool resulta em morte neuronal, comprometimento da coordenação, equilíbrio, mudanças de comportamento, tem efeito deletérios na memória e pode evoluir para demência. Portanto, a evolução clínica desfavorável pode ser correlacionada com o uso abusivo do álcool, uma vez que os sintomas se exacerbam durante o efeito tóxico da droga e que possuem mecanismos semelhantes de alterações nervosensoriais. Neste caso, o diagnóstico da DH e o uso abusivo de álcool contribuíram para a piora do quadro clínico e da qualidade de vida da paciente.

Protocolo: 4781 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 10/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ELEN DA SILVA SHIRATOMI
MARCELA RUIZ MACHADO
Professor(es): GILMARA PEIXOTO RISTER

Resumo:
A síndrome do cromossomo X frágil é um dos distúrbios monogênicos mais frequentes de deficiência intelectual no ser humano. Afeta todos os grupos étnicos em todo o mundo com uma estimativa de cerca de 1 em 4000-5000. O distúrbio é causado pela expansão instável da repetição (CGG)n na região 5´ não traduzida do gene FMR, que leva a uma hipermetilação anormal do gene, e consequentemente a alteração da proteína FMRP no cérebro. Nos últimos anos, novas abordagens terapêuticas têm sido testadas em células de pacientes portadores da SXF. Nesse sentido, o presente estudo consiste de uma revisão integrativa de literatura que tem como objetivo investigar o conteúdo das publicações sobre as terapias epigenéticas para a síndrome do X Frágil (SXF). Será realizado o levantamento bibliográfico nas bases de dados de pesquisa especializadas em saúde: PubMed, Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), por meio dos descritores pré-estabelecidos "Fragile X syndrome" AND "epigenetic therapy" AND "epigenetic treatment". A partir da coleta de dados, por meio do instrumento composto pelos itens (tipo de publicação; objetivo ou questão de investigação; amostra; tratamento dos dados; Intervenções realizadas; resultados; análise; implicações; nível de evidência e avaliação do rigor metodológico), os resultados serão analisados e integrados. O modo de visualização das informações adotado será o quadro, no qual será possível a comparação entre os resultados obtidos dos estudos selecionados.

Protocolo: 4497 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 4/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): KARINE MAYUMI KIMURA
WILLER DANIEL SILVERIO TEIXEIRA
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
O Delírio de Capgras, a mais relatada das Síndromes Delirantes de Falsa Identificação. Neste processo, o paciente descreve que indivíduos intimamente relacionados com ele foram substituídos por duplos ou sósias, "homônimos", que assumem os papéis das pessoas que personificam e se comportam de maneira idêntica. Assim, o objetivo deste estudo é relatar um caso de delírio de Capgras com outras associações psicopatológicas. O caso em questão revela uma paciente com um conjunto de sinais e sintomas, como a esquizofrenia do tipo esquizóide e transtorno de ansiedade, associados a um quadro de erro de identificação delirante caracterizado pela despersonificação de suas filhas, o que corrobora para fechar o diagnóstico de síndrome de Capgras. Conclui-se que esta síndrome pode ser subdiagnosticada nos serviços de saúde, devido a dificuldade em estabelecer um diagnóstico por se tratar de um sintoma associado a outra psicopatologia. Desta forma, torna-se importante o relato para a área médica, no intuito de acrescentar novas informações sobre esta síndrome considerada rara.

Protocolo: 4544 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 1/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): FABIANA RODRIGUES FAGOTE
ISADORA PIRES PERES
LUCAS STRELAU TEODORO
Professor(es): ALINE APARECIDA BURIOLA

Resumo:
A Síndrome de Munchausen (SM) ocorre quando o indivíduo produz sinais e sintomas de uma doença ou lesão. São mentiras elaboradas, relatos de múltiplos problemas médicos com uma história inconsistente e um comportamento alterado, bem como obrigação psicológica em adotar o papel de doente, sem ganhos ou incentivos evidentes, e sim para submeter-se a tratamento médico. Descreve-se um caso em que o diagnóstico foi feito a partir da confissão espontânea da paciente de que sinais e sintomas foram simulados, além de sinais e sintomas de origem não esclarecida, a ingestão de corpo estranho com o desejo de ser submetida à cirurgia, a mudança repentina de comportamento e de discurso e o depoimento de outros pacientes. O diagnóstico é raro e difícil, então o estudo tem como objetivo colaborar para a comunidade médica ampliar a gama de conhecimentos sobre a SM. Concluiu-se que a SM pode ter sido desencadeada por traumas psicológicos, bem como um histórico de privação afetiva e maus tratos de pessoas de seu convívio. Sendo assim, o ambiente hospitalar torna-se o local onde a paciente encontra o acolhimento e atenção desejados.

Protocolo: 4684 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 1/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GABRIELA TEIXEIRA RAMOS
DANIELI AZEVEDO DA SILVA
NATHALIA PEREIRA GARCIA
MARIANA COSTA DE OLIVEIRA
Professor(es): ALINE APARECIDA BURIOLA

Resumo:
A esquizofrenia é um transtorno psicótico que se caracteriza por déficits no neurodesenvolvimento, que acarretam prejuízos no funcionamento pessoal, social, acadêmico ou profissional do indivíduo. A catatonia pode vir associada a diversos transtornos do neurodesenvolvimento, atingindo cerca de 35 das pessoas com esquizofrenia, e, é caracterizada pela perturbação psicomotora acentuada que pode envolver atividade motora excessiva e peculiar. Assim, este estudo objetiva apresentar um caso de uma jovem com quadro clínico característico de esquizofrenia catatônica, a qual começou com obsessões por operações matemáticas, ouvia vozes ameaçando-a caso não solucionasse as operações. Tinha obsessão também por tomar banho e lavar as mãos. Durante sua internação apresentava episódios catatônicos, não contactuava, não possuía expressão facial, apresentava-se em posição ortostática e em mutismo. Houve melhora do quadro com internação e uso de benzodiazepínico e neurolépticos.

Protocolo: 4543 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 1/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MATHEUS MITSUO DE SOUZA KASAI
NICOLE CIRILO DUCCI
TAYNARA MELCHIOR FRATONI
Professor(es): ALINE APARECIDA BURIOLA

Resumo:
No hospedeiro, os dois patógenos, M. tuberculosis e HIV, potencializam-se mutuamente, acelerando a deterioração das funções imunológicas. Acredita-se que aumentos sustentados no TGF-&#946;1 circulante contribuem não apenas para a imunossupressão e progressão para a aids, mas também para a imunossupressão residual em pessoas com supressão viral. Na tuberculose (TB) sua elevada concentração, desativa macrófagos, inibe a expressão e funcionamento de receptores para IFN-&#947;, IL1-&#945; e IL-2 e diminui a produção do TNF-&#945;, além de aumentar a produção de citocinas do perfil Th2, como IL-10. Sabe-se que polimorfismos de base única (SNPs) presentes nos genes das citocinas podem influenciar na quantidade ou na qualidade das respectivas proteínas codificadas, entretanto poucos trabalhos têm avaliado a influência do gene TGF em doenças infecciosas. Desta forma, conduzir um estudo de associação genética do tipo caso-controle para avaliar o papel do polimorfismo TGFB1+29 será de fundamental importância para melhor entender o diagnóstico, a susceptibilidade e o desenvolvimento da TB. O objetivo deste trabalho será conduzir estudo de associação genética do tipo caso-controle para avaliar o papel do polimorfismo TGFB1 +29 na TB. Para isso, serão estudadas amostras do biorrepositório de DNA da pesquisadora orientadora, oriundo de pacientes com TB e TB/HIV (n&#10878;100) do Ambulatório de Tisiologia do Centro de Saúde Integrado de Presidente Prudente e de controles (n&#10878;200) do Núcleo de Hemoterapia de Presidente Prudente. A frequência alélica e de genótipos do polimorfismo TGFB +29 será realizada por PCR em tempo real através da técnica de discriminação alélica. Para comparações das freqüências de alelos e genótipos dos grupos de casos e controles serão empregados modelos de regressão logística, com cálculo de odds ratio (OR) e p-valor, adotando como medida de significância estatística p<0,05.

Protocolo: 4660 Início e Fim: Mês/Ano: 6/2018 - 5/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JACQUELINE FERNANDES BENATTI MARTINS
GABRIELE CAVALHERI DE OLIVEIRA
CAIO LUIS MICHELON COSTA
FABIO AUGUSTO DOS SANTOS
Professor(es): ELIANA PERESI LORDELO

Resumo:
Os herbicidas são agentes constituídos por uma grande variedade de compostos químicos ou biológicos, desenvolvidos para eliminar, combater, repelir ou controlar insetos. A ingestão, respiração ou contato dérmico com agrotóxicos da classe dos ácidos fenoxiacéticos, como o ácido diclorofenóxiacético (2,4D), pode causar perda de apetite, enjôo, vômito, fasciculação muscular e até mesmo câncer. A neurotoxicidade associada ao 2,4D é controversa. Objetivo: Avaliar o possível efeito neurotóxico da exposição crônica por via oral e inalatória do herbicida ácido diclorofenóxiacético (2,4D). Material e métodos: Para a realização dos experimentos, serão utilizados 80 ratos adultos, machos (200-250g) divididos em oito grupos (n=10): GCI: nebulização com solução de cloreto de sódio (NaCl); GCO: ração nebulizada com solução de cloreto de sódio (NaCl); GBCI: nebulização com herbicida com 3,71 x 10-3 gramas de ingrediente ativo por hectare (g.i.a/ha); GBCO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 3,71 x 10-3 g.i.a/ha; GMCI: nebulização com herbicida com 6,19 x 10-3 g.i.a/ha; GMCO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 6,19 x 10-3 g.i.a/ha; GACI: nebulização com herbicida com 9,28 x 10-3 g.i.a/ha; GACO: ração nebulizada com herbicida na concentração de 9,28 x 10-3 g.i.a/ha. Nebulização diária por 15 minutos durante 6 meses. Para avaliação comportamental os testes comportamentais utilizados serão: Teste de campo aberto, Teste de reconhecimento de objetos e Labirinto em Cruz Elevado, cujo objetivo será a observação do estado geral de saúde, dos reflexos neurológicos, das habilidades sensoriais e da função motora dos animais utilizados. Animais de todos os grupos serão eutanasiados 6 meses após o início do experimento. Será coletado cérebro para análise histológica e imunoistoquímica. Resultados esperados: Espera-se mostrar se o herbicida 2,4D pode causar dano neurotóxico à exposição crônica por via oral e inalatória e se este dano está associado a apoptose de células neurais.

Protocolo: 4485 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 3/2021 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): LETICIA ROCHA MAGALHAES
VERENA MIRANDA DE SOUZA
ROSE MEIRE RICATO UEDA
Professor(es): GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
A doença renal crônica (DRC) é caracterizada pela queda da filtração glomerar ou filtração preservada associada a uma lesão de parênquima presentes por um período > três meses. A taxa de filtração glomerular (TFG) é o volume e concentração de água filtrada fora do plasma pelas paredes dos capilares glomerulares nas cápsulas de Bowman, de cada néfron, por unidade de tempo. Existem variações no resultado da TFG quando calculada por meio das fórmulas Cockcroft-Gault (CG), MDRD e CKD-EPI. A presente pesquisa terá como objetivo avaliar se os cálculos da taxa de filtração glomerular, CG, MDRD e CKD-EPI são fórmulas eficazes para o rastreamento precoce da doença renal crônica, e dentre as fórmulas, qual delas apresenta melhor resultado para os estágios avançados da doença renal crônica. Métodos: estudo do tipo retrospectivo, a ser realizado a partir da análise de dados coletados em uma ação extensiva de um projeto de extensão universitária pertencente a uma universidade privada do interior do estado de São Paulo que ocorreu no Dia Mundial do Rim no ano de 2016. A ação ocorreu no município de Presidente Prudente/SP e cidades vizinhas, onde foram colhidos exames de creatinina a posteriormente calculada a TFG utilizando as três diferentes fórmulas. A campanha englobou ações educacionais sobre a doença renal crônica. Para a análise estatística será utilizado o software GraphPad Prism (Versão 5.0). Os resultados serão expressos em média e desvio padrão para variáveis contínuas e em porcentagens e frequências simples para variáveis categóricas. A normalidade será atestada pelo teste de Komogorov Smirnov. A análise intergrupos (três fórmulas para TFG) será verificada pelo teste ANOVA ou teste de Friedman de acordo com a normalidade dos dados. O valor de significância adotado para todos os testes será de p<0,05. Espera-se, com o presente estudo, investigar e determinar as possíveis diferenças na TFG com as diversas fórmulas para rastreamento da doença renal crônica, e se as possíveis diferenças são importantes para se discriminar os eventuais indivíduos com TFG <60 ml/min/1,73m² ou &#8805;60 ml/min/1,73m² com lesão parenquimal.

Protocolo: 4486 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 12/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): GABRIELA FABRIS FERREIRA DIAS
GABRIEL TRENTINI BERALDO
JOAO GABRIEL PORFIRIO
WENDEL RICARDO DIAS
FELIPE GONCALVES PELAEZ
Professor(es): ALINE DUARTE FERREIRA

Resumo:
Diarreia em bezerros é uma das causas mais comuns e importantes de perdas econômicas na cadeia produtiva de bovinos. Os agentes patogénicos mais comuns associados à diarreia em bezerros são Rotavírus, Corona vírus, Salmonella spp., e a componente da microbiota intestinal Escherichia coli. Para manter a saúde animal, alguns programas sanitários que adotam medidas preventivas como vacinação são impostos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e pelos órgãos estaduais de defesa sanitária animal. No entanto, nem todas as doenças estão incluídas em programas sanitários. Embora não exista a obrigatoriedade de medidas de controle de algumas doenças, há no mercado vacinas disponíveis para a maioria das enfermidades que acometem os rebanhos bovinos. Á medida que é feito o sequenciamento do genoma de muitas espécies, a genômica comparativa assume grande importância e procedimentos computacionais para correlação entre organismos no nível molecular tornam-se essenciais. Pesquisas comparativas têm sido utilizadas para estudos funcionais do genoma, por exemplo da análise dos genes de bactérias E. coli patogênicas e não-patogênicas para identificação de genes relacionados às doenças que estes provocam. Frente ao estudo este projeto terá como objetivo analisar a sequência genica obtida da amostra de E. coli isolada de um surto de diarreia em bezerro com as demais sequencias depositadas no GenBank através do programa BLAST genomes de acordo com as recomendações da assessoria da empresa NEOPROSPECTA onde o sequenciamento será realizado.

Protocolo: 4498 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 4/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ELOISA NASCIMENTO JORGE
ROBSON DIEGO SILVA GONCALVES
YARA FELIPPE BUENO CROSCIOLI
Professor(es): HERMANN BREMER NETO
ROGERIA KELLER

Resumo:
Introdução: A atenção envolve a capacidade de resposta preferencial a estímulos mais significativos em detrimento de outros. A atenção dividida, é um processo no qual há o processamento simultâneo de diferentes estímulos, prejudicando o desempenho nas várias tarefas e elevando o tempo de resposta em comparação à execução individual das mesmas. Há evidências de assimetrias nos mecanismos de atenção, com privilégio de processamento à direita do espaço. Objetivos: Dentro desse contexto, o objetivo desta pesquisa é verificar a presença de assimetria atencional numa tarefa de atenção dividida, partindo da hipótese de que há alterações no processo atencional com o aumento de tarefas. Metodologia: Os participantes, jovens adultos saudáveis de ambos os sexos, farão o Teste de Landmark (TL), que avalia assimetrias dos mecanismos de atenção, isoladamente ou com uma tarefa concorrente e os resultados do teste nas duas condições serão comparados entre si. Análises: Os resultados serão analisados como porcentagens médias de erro na condição isolada e com a tarefa concorrente, por gênero. Uma análise de variância (ANOVA) para medidas repetidas será utilizada para comparar o número de erros e, outra ANOVA, para comparar os tempos de reação.

Protocolo: 4515 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 6/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): NATALIA GIMINIANO SUNIGA
MARIA ISABELLA PEREIRA CAIXETA
Professor(es): FELIPE VIEGAS RODRIGUES

Resumo:
Dentre os vários agentes etiológicos envolvidos nas doenças diarreicas, cepas de Escherichia coli é um dos mais importantes, uma vez que as características particulares de virulência destes agentes evoluíram pela aquisição ou transferência de genes horizontais. Durante as primeiras semanas de vida, distúrbios do trato digestório têm sido frequentemente relatados na patologia de bezerros. Das diferentes causas de diarreia em bezerros, a Escherichia coli enterotoxigênica é uma das causas mais comuns de diarreia bacteriana. Atualmente, a análise genômica de microrganismos encontra-se em fase exponencial, uma vez que muitos genomas de bactérias tanto patogênicas quanto não patogênicas foram sequenciados e depositados nos bancos de dados juntamente com suas informações associadas; essas informações possibilitam a abertura de novas linhas de pesquisa, tais como a genômica funcional e proteômica que são mais informativas e eficientes na compreensão da biologia dos microrganismos e suas relações com o meio ambiente. Além disso, a análise comparativa de genomas bacterianos tem contribuído para a identificação de novos mecanismos adaptativos e tem permitido inferências nos aspectos evolutivos dessas formas de vida. Diante deste fato o objetivo deste trabalho será realizar o sequenciamento genético da amostra de E. coli isolada de surto de diarreia em bezerros. A biblioteca genômica da amostra de E. coli será sequenciada utilizando-se o equipamento Miseq Sequencing System (Illunima Inc., USA), com o Kit V2, 250 ciclos e sequenciamento paried-end. Montagem das Leituras e Anotação do genoma: O software A5 será utilizado para montagem dos reads sequenciados; renovação dos adaptadores, filtragem de qualidade e correção de erros na geração dos contigs e scaffolds. Adicionalmente, o software CAP3 será utilizado para aprimorar a montagem dos scaffods, revisando as regiões de baixa qualidade e corrigindo possíveis ligações errôneas entre as contigs. Estas sequencias genômicas pré-montados serão então anotadas utilizando software Prokka (doi:10.1093/bioinformatics/but153). Vale mencionar que esse sequenciamento será realizado pela empresa NEOPROSPECTA pesquisa e consultoria AS.

Protocolo: 4499 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 4/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ELOISA NASCIMENTO JORGE
ROBSON DIEGO SILVA GONCALVES
YARA FELIPPE BUENO CROSCIOLI
Professor(es): HERMANN BREMER NETO
ROGERIA KELLER

Resumo:
INTRODUÇÃO:A amiloidose AL é resultado de um depósito extracelular de fibrilas de cadeias leves (LC) de imunoglobulinas monoclonais (Igs). Geralmente, a amiloidose AL acomete múltiplos órgãos e tecidos, sendo ela o subtipo sistêmico mais grave e mais comum, e de forma menos frequente manifesta-se como um distúrbio local.A relevância da abordagem do tema está nos crescentes desafios quanto ao reconhecimento, diagnóstico e tratamento. OBJETIVO: Relatar dois casos clínicos de amiloidose AL sistêmica de um hospital terciário do Estado de São Paulo, evidenciando as manifestações clínicas inespecíficas e complicações graves em órgãos nobres. RELATO DE CASO: Dois pacientes masculinos diagnosticados com amiloidose AL portando manifestações renais, cardíaca e hepática. Ambos iniciaram o tratamento quimioterápico que não obteve sucesso.DISCUSSÃO: As consequências letais da amiloidose AL originam-se dos depósitos tóxicos de cadeias leves, que acometem mais comumente rins e coração, seguidos pelo acometimento hepático e nervoso. O diagnóstico necessita de eletroforese e imunofixação de proteínas no soro e urina, além de triagem de órgãos com exames laboratoriais e de imagem, mas só se conclui após evidência histológica do depósito amiloide corado com vermelho Congo. O tratamento objetiva melhorar a sobrevida do paciente e a abordagem atual consiste na aniquilação da quantidade anormal de células plasmáticas com quimioterapia, diminuindo os níveis sanguíneos de cadeias leves livres de imunoglobulina.CONCLUSÃO: O estudo da amiloidose AL sistêmica é importante a fim de aumentar a suspeição diante de seu quadro clínico, permitindo diagnóstico e tratamento precoces que estão relacionados com aumento da sobrevida do paciente.

Protocolo: 4468 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): DEBORAH CRISTINA ANDRADE NEVES
CASSIA APARECIDA DE SANTANA GASQUEZ
ELIANA APARECIDA REVOREDO
ISMAYLIM MIGUEL TETILA BANAR
Professor(es): REBECA CARVALHO BRESSA

Resumo:
A Tuberculose (TB) é uma doença com alto índice de prevalência em indivíduos associados ao sistema prisional, como os servidores penitenciários. A exposição ao Mycobacterium tuberculosis (M. tuberculosis), aumenta o risco de TB latente, que, quando em associação a fatores de risco, eleva a chance para o desenvolvimento da TB ativa. O diagnóstico tradicional da TB latente é realizado através da prova da tuberculina (PPD), mas como apresenta limitações quanto à sua efetividade e interpretação, atualmente foram implantados os ensaios de liberação de IFN-&#947; (IGRAs), que avaliam a resposta de células T CD4+ e T CD8+ frente a antígenos do M. tuberculosis, apresentando melhores resultados em relação ao PPD. No Brasil existem poucos estudos avaliando a TB latente através dos IGRAs e sua associação de fatores de risco em servidores penitenciários, desse modo, o estudo pretende entender melhor essa dinâmica. O trabalho tem como objetivo avaliar a prevalência da tuberculose latente e de fatores de risco para o desenvolvimento da tuberculose ativa em servidores de uma unidade prisional do Oeste Paulista. Para isso, serão estudados servidores penitenciários de uma unidade prisional do Oeste Paulista (n = 250), que serão submetidos ao teste intradérmico PPD, coleta de sangue periférico para a avaliação do QFT e da síndrome metabólica (hemoglobina glicada, triglicérides, HDL e colesterol total), tomada de medidas antropométricas e responderão a um questionário estruturado para a avaliação sociodemografica, do uso de álcool e tabaco, avaliação de depressão, ansiedade e stress e conhecimento sobre a tuberculose. Os participantes serão avaliados em dois momentos, com intervalo de um ano, para verificar a soro conversão ou reversão dos testes para a TB latente e reavaliação dos fatores de risco. A relação entre as variáveis serão calculadas pelo teste qui-quadrado de Pearson e os fatores de risco relacionados à infecção latente da tuberculose serão avaliados pela regressão logística com o cálculo das odds ratios (OR) e seus respectivos intervalos com 95 de confiança.

Protocolo: 4892 Início e Fim: Mês/Ano: 8/2018 - 7/2021 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FERNANDO NUNES GAVIOLI BONI
AMANDA APARECIDA SILVA DE AGUIAR
Professor(es): ELIANA PERESI LORDELO

Resumo:
A vitalidade fetal é mensurada através do índice de Apgar, que avalia parâmetro respiratório, cardíaco, tônus muscular, reflexos e coloração da pele. Esses índices são importantes para determinar o risco de morbimortalidade neonatal. O objetivo deste estudo é avaliar a vitalidade do recém-nascido e sua relação com fatores pré-natais e perinatais em hospital de referência no interior do São Paulo. É um estudo descritivo tipo correlacional que visa obter uma melhor compreensão da população estudada e sua relação com as variáveis presentes em questionário elaborado pela equipe de pesquisa. A população alvo será composta por amostra aleatória das mães de recém-nascidos entre o período de setembro de 2018 à fevereiro de 2019 em um hospital de referência no interior do estado de São Paulo. Como instrumento será utilizado um questionário elaborado pela equipe de pesquisa, contendo dados de identificação e 19 questões sobre fatores pré-natais e perinatais do recém-nascido (RN) logo após o nascimento. Os dados serão coletados de forma individual através do questionário de acordo com a disponibilidade e consentimento dos sujeitos no momento da alta hospitalar do recém nascido. A Análise dos dados será feita através de estatística descritiva (frequência e percentual) e inferencial. Será utilizado ainda o programa JMP 12.20-SAS Institute, considerado limite de significância p&#8804;0,05. Concluímos que a programação da gestação e a realização de um pré-natal adequado influenciam diretamente na vitalidade fetal.

Protocolo: 4506 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 12/2018 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Professor(es): FERNANDO ANTONIO MOURÃO VALEJO

Resumo:
O pseudotumor orbital é definido como uma inflamação tumoral idiopática composta por uma resposta inflamatória pleomórfica e uma reação tecidual fibrovascular, sendo uma das afecções que podem acometer a região orbitária ocasionando alterações estruturais, reações neoplásicas, inflamatórias e traumáticas. Sua patogênese não é clara. Esquemas de classificação tem sido propostos baseados na localização da inflamação, característica histopatológica e estágio da inflamação. A mais utilizada para a inflamação orbitária idiopática é baseada nas estruturas anatômicas envolvidas. As manifestações oculares do pseudotumor orbital podem incluir edema periorbital, eritema, proptose, ptose, diplopia, dor nos movimentos oculares, quemose conjuntival, deficiência visual e restrição do movimento no músculo extraocular. O tratamento inicial de escolha para a inflamação orbitária idiopática é a terapia com esteróides sistêmicos. A proposta deste trabalho foi apresentar um caso clínico de pseudotumor orbitário. Paciente sexo feminino, 17 anos, compareceu ao ambulatório do Hospital Regional de Presidente Prudente, com queixa de dor e edema no olho esquerdo. Com exames clínicos e radiográficos sugeriu-se o diagnóstico de dacrioadenite, e a terapêutica medicamentosa foi introduzida. Apesar das semelhanças com outras patologias, é necessário um exame físico meticuloso, história pregressa com particular atenção, exames de imagem e uma terapêutica esteroidal para um curso clínico satisfatório.

Protocolo: 4668 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 9/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): WILLIAN AUGUSTO SOTOCORNO CEZARIO
Professor(es): FERNANDO BUZATTO MANTOVAN
EMANUELE MORAES MELLO

Resumo:
Hipertensão intracraniana idiopática (HII) se refere ao aumento da pressão intracraniana sem qualquer indício de causas secundárias. Apresenta diversos sintomas, entretanto as dores de cabeça, o papiledema e a perda visual são os mais importantes tanto em frequência como no impacto na qualidade de vida. Descreveremos o caso de uma paciente do sexo feminino de 26 anos, que apresentou severas dores de cabeça, acompanhada de náuseas e vômitos. Durante o curso da doença, associada ao papiledema constatou-se perda visual de 70 do olho esquerdo. O tratamento definitivo requer uma cirurgia para implantação de uma derivação ventrículo peritoneal. Destacamos a importância da suspeita clínica dessa patologia, no achado de sinais e sintomas e interpretação correta dos exames de neuroimagem para um diagnóstico preciso.

Protocolo: 4539 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ISADORA SANTELLO LEONARDO
CAROLINE CAMPOS MALERBA
BEATRIZ NELLI BARBATTO
FABRICIA SILVA SOARES
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI
RODRIGO FERRARI FERNANDES NAUFAL

Resumo:
Introdução: O crescimento significativo das práticas agrícolas no plantio de cana-de-açúcar, milho e soja em território nacional, em conjunto com a utilização descontrolada e intensa de compostos químicos como o Ácido Diclofenóxiacético (2,4-D), podem resultar em impactos para a saúde humana. A técnica de pulverização promove o fácil transporte das partículas, o que leva a uma exposição inalatória e possível comprometimento do sistema respiratório. Estudos que avaliam modificações histológicas no epitélio pulmonar possuem grande importância, pois podem colaborar para a compreensão dos agravos do herbicida para a saúde humana. Objetivo: Analisar, através de análise fractal, as alterações presentes no epitélio pulmonar em modelos experimentais submetidos à nebulização ao herbicida 2,4-D em diferentes concentrações e intervalos de tempo. Metodologia: Serão utilizados 80 camundongos Swiss adultos e machos, divididos em quatro grupos (n=20) para a exposição, da seguinte forma: solução salina; baixa concentração (15 &#956;L de 2,4-D em 5 ml de solução); média concentração (25 &#956;L de 2,4-D em 5 ml de solução) e alta concentração (37 &#956;L de 2,4-D em 5 ml de solução). Todos os animais serão expostos as nebulizações por 10 minutos, em diferentes intervalos de tempo (24h, 48h, 72h e 7 dias), sendo 5 animais para cada período. A coleta das amostras será feita após eutanásia, com a retirada do tecido pulmonar e posterior confecção de lâminas histológicas pela coloração de Hematoxilina e Eosina (HE). As imagens capturadas serão submetidas à análise da dimensão fractal pelo método Box Cunting através do software Imagej, que poderá informar a densidade do conjunto em ocupar o espaço métrico pela contagem em pixels da área analisada, além da irregularidade ao redor do objeto, indicando dessa forma, possíveis alterações no material analisado. Para análise estatística, será utilizado o programa Sigma Stat® versão 2.0, através do teste de variância (ANOVA), com significância estatística quando p menor que 0,05.

Protocolo: 4431 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 7/2019 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): TAYNA MORAES POLIDORIO CALDEIRA
LAIS DE OLIVEIRA SANTOS PEREIRA
MILTON MENDES CATTINI
DAVI JUNIOR MARIANO LEMENIDES
MAURO RUY ARNONI MENDES
Professor(es): RENATA CALCIOLARI ROSSI

Resumo:
O presente projeto reflete a importância em se investigar o efeito do treinamento intervalado de alta resistência (HIIT), sobre a morfologia espermática e a espermatogênese de ratos espontaneamente hipertensos (HSR), com o objetivo de estudar se ocorrerá ou não alterações na morfologia dos espermatozoides, na espermatogênese e ainda correlacionar a influência do HIIT sobre a modulação dos efeitos negativos da hipertensão e se poderá ser indicado para indivíduos hipertensos. Para isso foram colhidos os espermatozoides do ducto deferente e testículos de ratos de um outro experimento com hipertensão espontânea (SHR), machos, adultos. Metade dos SHR foram submetidos ao HIIT, de acordo com o protocolo elegido. Como controle positivo foram utilizados ratos da linhagem Wistar-Kyoto sem hipertensão. Após o período do experimento, os ratos foram mortos e os espermatozoides do ducto deferente foram refrigerados para posterior análise morfológica. Os testículos foram colhidos para histologia testicular. Os resultados serão analisados quanto ao pressuposto de normalidade empregando-se o teste de Shapiro-Wilk; as variáveis com distribuição paramétrica serão submetidas ao teste análise de variância (ANOVA) para comparar as médias dos três grupos, seguida do teste de Tukey.

Protocolo: 4418 Início e Fim: Mês/Ano: 7/2018 - 3/2020 Programa: PIBIC-EM - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica para o Ensino Médio
Aluno(s): NATHALIA FRANCO PIN MUNHOZ
LARA MARIA VASCONCELLOS GUIMARAES
THAYNA FERNANDA PEREIRA DE GODOY
RODOLFO DAHLEM MELO
ALINE DE OLIVEIRA SANTOS
GISLAINE DA SILVA RODRIGUES
PAULO HENRIQUE GUILHERME BORGES
KATIA CRISTINA DE MELO TAVARES VIEIRA
MARGARETE JARDINETTI DE OLIVEIRA
Professor(es): CALIE CASTILHO SILVESTRE
FRANCIS LOPES PACAGNELLI
INES CRISTINA GIOMETTI CEDA
ANA PAULA ALVES FAVARETO

Resumo:
O Schwannoma do acústico é uma neoplasia benigna do 8º par nervoso craniano, e corresponde a 8-10 de todos os tumores intracranianos. Hemorragia intratumorais são raras nestes tumores e podem acarretar em hidrocefalia ou agravar um quadro preexistente. Relato do caso: Paciente feminina, 9 anos de idade, apresentou anacusia à direita, súbita, progredindo com vômito, cefaleia intensa e vertigem. A ressonância magnética do crânio mostrou lesão expansiva na cisterna do ângulo ponto-cerebelar direito, com conteúdo no interior do conduto auditivo interno, medindo 37 x 30 x 26 mm, com compressão do tronco cerebral adjacente. A hipótese diagnóstica foi de Schwannoma do acústico. Evoluiu com piora da cefaleia e perda de consciência progressiva em poucos dias. A tomografia computadorizada de crânio mostrou lesão expansiva na cisterna do ângulo ponto-cerebelar direito com sinais de hemorragia com extensão para o sistema ventricular, provocando hidrocefalia e determinando compressão do tronco cerebral e do quarto ventrículo. Realizou-se derivação ventricular externa, porém a paciente evolui com aprofundamento do coma e óbito. Conclusão: A hemorragia intratumoral no Schwannoma do acústico é um evento raro, porém sua ocorrência agrava o quadro clínico, podendo acarretar em óbito dos pacientes por hipertensão intracraniana.

Protocolo: 4401 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LARISSA GASQUEZ MAGNESI
LETICIA ROCHA MAGALHAES
Professor(es): GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
A hipertensão arterial sistêmica é uma síndrome de origem multifatorial, também conhecida como pressão alta, caracterizada por uma elevação dos níveis tensóricos, cujos valores da pressão arterial sistólica estejam maior ou igual a 140 mmHg e pressão arterial diastólica maior ou igual a 90 mmHg (MALACHIAS et al., 2016). Normalmente é associada a alterações funcionais, metabólicas e/ou estruturais de orgãos-alvo. Dislipidemia, obesidade abdominal, intolerância à glicose e diabetes melito (DM) são fatores de risco agravantes dessa condição clínica (MALACHIAS et al., 2016). Esta pesquisa tem como objetivo identificar a prevalência de prematuridade e baixo peso do recém nascido em gestantes com diagnóstico de hipertensão arterial em um hospital terciário do Oeste Paulista. Trata-se de um estudo observacional retrospectivo, de abordagem quantitativa, realizado no Hospital Regional de Presidente Prudente Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, que é referência médica eletiva de alta complexidade, situado no Oeste do Estado de São PauloBrasil. Este serviço dispõe de 550 leitos, sendo 24 destinados a ginecologia e obstetrícia. A amostra estimada da população será composta por em média 150 puérperas com diagnóstico prévio de hipertensão arterial, referentes ao período de 01 de agosto de 2017 a 31 de janeiro de 2018. Como critérios de inclusão no estudo foram eleitos os prontuários de gestantes hipertensas, atribuídas a um dos cinco grupos: hipertensão crônica, pré-eclâmpsia, eclâmpsia, síndrome Hellp e hipertensão crônica superposta a pré-eclâmpsia. Os critérios de exclusão serão de prontuários de pacientes que apresentaram gestação gemelar, comorbidades que possuem repercussões como o baixo peso e prematuridade, entre elas infecções de urina, alterações do útero, desnutrição materna, ou que foram a óbito durante a gestação ou durante o parto. Estima-se na conclusão do estudo, quantificar a possível relação de recém nascidos com baixo peso e prematuridade em gestantes diagnosticadas hipertensas, a fim de evidenciar o impacto dessa patologia dentro da sociedade, conscientizando a população em questão sobre a necessidade da realização do pré natal para diagnóstico precoce e planejamento da ação multidisciplinar na conduta dessas pacientes, visando a prevenção de futuros danos aos neonatos.

Protocolo: 4412 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 11/2018 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): IARA MENEZEZ BARRETO
ISABELA MAMPRIM
NATALIA LEPRE
BEATRIZ ALMEIDA SPERINI
Professor(es): MURILO SABBAG MORETTI
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
O eixo hipotalâmico-hipófise-adrenal é responsável pela liberação de cortisol e qualquer anormalidade no processo de liberação deste pode estar relacionado com a hiperatividade e até o TDAH. Alguns estudos mostram as várias reações adversas relacionadas ao uso de aditivos alimentares como os corantes, e entre elas alguns autores citam a hiperatividade a o TDAH. O presente projeto tem como objetivo avaliar alterações nos níveis séricos de cortisol de ratas Wistar, expostas ou não ao corante amarelo tartrazina. Serão utilizados quarenta ratos Wistar recém desmamados e alocados em dois grupos: GRUPO-TESTE composto por 20 ratos (10 machos e 10 fêmeas), sendo fornecido a estes diariamente, 7,5 mg/kg de massa corpórea de tartrazina em solução aquosa, por meio de gavagem, durante 10 meses. O GRUPO-CONTROLE será composto por 20 ratos (10 machos e fêmeas), que receberão, também por gavagem, água potável, após dez meses de exposição à tartrazina, serão coletadas amostras de sangue de todos os animais, ou seja, GRUPO TESTE e GRUPO CONTROLE e encaminhadas para um laboratório para mensuração do cortisol através do método de quimioluminescência. Para avaliação comparativa dos resultados (grupo-teste vs grupo-controle) serão utilizados os testes estatísticos; Análise de Variância com o teste "a posteriori" de Tukey ou Dunnett, e o teste de Kruskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. Será considerado como nível de significância estatística o limite de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4411 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 2/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): CAIO MORAES GODOY
MURILO ESTEVES CARREIRA PEQUENO
JOYCE SAAB
CAROLINA BERTINI BONINI
GABRIEL KAZUO ISHIBASHI TATIBANA
Professor(es): ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
Introdução: A aterosclerose é uma doença que apresenta elevada prevalência nos dias atuais e tem como sua primeira manifestação o evento coronário agudo em pelo menos metade dos indivíduos acometidos. Dentre as terapêuticas possíveis, a revascularização miocárdica perdura como um referencial nesse contexto. Cerca de 10 a 20 dos pacientes que são submetidos à revascularização do miocárdio apresentam estenose de artéria carótida, sendo esta uma associação muito frequente. Objetivo: Avaliar a prevalência de estenose carotídea em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica, assim como a análise das características clínicas e do perfil de doença coronária. Metodologia: Trata-se de um estudo retrospectivo com análise de dados como idade, sexo e comorbidade pré-operatórias, além das taxas de mortalidade, morbidade e a prevalência de estenose carotídea; obtidos de prontuário de pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica em um Hospital de Presidente Prudente. A amostra será de aproximadamente 50 pacientes, submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica, com idade maior ou igual a 65 anos e nos quais foram realizada a investigação pré-operatória para doença carotídea através da Ultrassonografia Doppler, devido a rotina do serviço. Os dados serão extraídos dos registros dos prontuários dos pacientes. O tratamento dos dados será por meio de tabulação em planilha de Excel para realizar a análise estatística descritiva, seguido de aplicação dos testes estatísticos apropriados. Resultados Esperados: Espera-se que haja uma associação significativa entre estenose carotídea e revascularização miocárdica bem como a presença de múltiplos fatores de risco relacionados a doença aterosclerótica nesses pacientes. Pretende-se submeter os resultados obtidos para publicação em revistas científicas de impacto na área de cardiologia.

Protocolo: 4592 Início e Fim: Mês/Ano: 5/2018 - 2/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FELIPE APARECIDO ANTONIO FALCONI DE OLIVEIRA CICER
LAIS BATISTA RODRIGUES DA SILVA
ANA ELISA DA SILVA FERNANDES
MARIANA MALHEIRO NEGRAO BANDEIRA
PAMELA CRISTINA DUTIL RIBEIRO
LUAN CORDEIRO TROMBIM
Professor(es): ROMULO CESAR ARNAL BONINI

Resumo:
A infecção pelo papiloma viris humano (HPV) e a doença sexualmente transmissível mais prevalente em nosso meio. Estima-se que ate 20 da população brasileira e mundial, em especial ate os 40 anos de idade, apresente infecção por esse vírus. Na ultima década, vem ganhando destaque o uso dos agentes imunobiológicos como infliximabe, etanercept adalimumabe e ustequinumabe para o tratamento de doenças inflamatórias cronicas imunomediadas. Ao prescrever uma medicação imunobiológica é imperativo o rastreio de infecções ativas ou latentes, e /ou com potencial de reativação, incluindo principalmente a tuberculose, hepatites virais B e C, HIV, abscessos dentários, infecções urináarias, e respiratórias. No entanto, não foram encontrados na literatura pesquisada, em banco de dados on-line (Pubmed, Lilacs, Cochrane), relatos sobre a prevalência de infecções pelo vírus HPV associada à terapia imunobiológica. No entanto, essa associação tem sido frequentemente observada pelos pesquisadores.O presente estudo se propõe a realizar uma investigação em pacientes em tratamento com imunobiológicos com o objetivo de verificar a prevalência da infecção clínica e subclínica pelo vírus do HPV neste grupo, quando comparado com pacientes urológicos e proctológicos, imunocompetentes, sadios e não usuários da medicação em questão ou de qualquer outro imunossupressor. O presente estudo se propõe a realizar uma investigação em pacientes em tratamento com imunobiológicos com o objetivo de verificar a prevalência da infecção clínica e subclínica pelo vírus do HPV neste grupo, quando comparado com pacientes urológicos e proctológicos, imunocompetentes, sadios e não usuários da medicação em questão ou de qualquer outro imunossupressor.Trata-se de um estudo prospectivo, transversal, caso-controle, em pacientes em uso de imunobiológico para avaliar prevalência da infecção anogenital pelo HPV neste grupo de paciente comprado aos controles não usuários deste medicamento.Serão incluídos no estudo os pacientes em uso de agentes imunobiológicos: infliximabe, etanercept, adalimumabe, ou ustequinumabe para tratamento de doenças inflamatórias crônica imunomedidadas de qualquer etiologia, independentemente da droga vigente ou do seu tempo de uso da mesma. Neste grupo sera feito exame clinico a busca de verrugas anogenitais para a coleta de material por swab mucocutâneo da região genital e anal em ambos os sexos, para citologia, e reação em cadeia da polimerase - PCR.A análise estatística será realizada através do programa SPSS 16.0/Excel 2007, e serão utilizados o Teste Quiquadrado e Exato de Fisher, considerando-se p < 0,05 como estaticamente significativo.

Protocolo: 4346 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 11/2020 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU
MURILO DE OLIVEIRA LIMA CARAPEBA
EDUARDO VINICIUS MENDES RONCADA

Resumo:
O comprometimento neurológico mais comum da esquistossomose causada por Schistosoma mansoni é o envolvimento das porções inferiores da medula e da cauda equina. Paciente, 22 anos, sem histórico prévio de sinais e sintomas de esquistossomose hepatointestinal, apresentou dor lombar associada a instalação aguda de parestesia e paresia em membro inferior direito. Após progressão do quadro e achados radiológicos, suspeitou-se de esquistossomose medular sendo comprovado o diagnóstico após análise liquórica. Os autores enfatizam a importância de ter em mente essa patologia como diagnóstico diferencial para quadros clínicos similares ao citado, principalmente em áreas endêmicas, sendo o diagnóstico e tratamento precoce fundamentais para evitar sequelas permanentes.

Protocolo: 4510 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): ANA CLAUDIA FERREIRA GERALDINI
SUELLEN MARMOUTELO BASSO
RENATA JANEIRO MARQUES
THAIS DANTE CORREIA ROCHA
Professor(es): MARIA APARECIDA DA SILVA
NAIR TOSHIKO TASHIMA
FLÁVIA NORIS CHAGAS LELI
GISELE ALBORGHETTI NAI

Resumo:
Vários enteropatógenos estão associados com diarreia em bezerros neonatos e a sua prevalência relativa varia geograficamente, mas as infecções mais prevalentes na maioria das áreas são Escherichia coli, Rotavírus, Coronavírus e Salmonella spp. E. coli é uma das principais causas de diarreia bacteriana em bezerros durante a primeira semana de vida e pelo menos dois tipos distintos de doença diarreica são produzidos por este microrganismo. Casos de diarreia neonatal são comumente associados a mais de um desses agentes, e a causa da maioria dos surtos é multifatorial. Determinar os agentes particulares associados a um surto de diarreia pode ser importante, porque a terapia específica e a profilaxia estão disponíveis para alguns desses agentes. Portanto, o objetivo desse estudo é a realização da caracterização molecular e uma amostra de E. coli isolada como causa de surto de diarreia em bovinos jovens na Região Oeste de São Paulo, SP, Brasil.. Palavras-chave: Diarreia bacteriana, enteropatógenos, bezerros neonatos.

Protocolo: 4317 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 12/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): ELOISA NASCIMENTO JORGE
ROBSON DIEGO SILVA GONCALVES
YARA FELIPPE BUENO CROSCIOLI
Professor(es): HERMANN BREMER NETO
ROGERIA KELLER

Resumo:
A síndrome de Burnout consiste em uma condição mental relacionada ao trabalho, caracterizada por esgotamento metal, despersonalização e falta de realização pessoal. Devido a carga de trabalho, deveres e responsabilidades, médicos residentes estão suscetíveis a desenvolver esta síndrome. O objetivo deste estudo é levantar o perfil dos médicos residentes de um hospital público, segundo características sóciodemográficas, dimensões da Síndrome de Burnout, grau de sonolência diurna desses profissionais. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório, com abordagem quantitativa. Os dados serão constituídos por meio da aplicação do questionário Maslach Burnout Inventory (MBI) e da escala de Epworth (avaliar o grau de sonolência diurna), os quais serão tabulados com auxílio do programa Epiinfo para Windows versão 3.5.2. À partir dos resultados, serão constituídos gráficos e tabelas para estabelecimento de frequência simples e percentuais.

Protocolo: 4391 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 2/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JOAO VICTOR BEZERRA
Professor(es): DANIELA TEREZA ASCENCIO RUSSI
MAGDA LUZIA NEVES
FERNANDO CEZAR CARDOSO MAIA

Resumo:
A Síndrome de Burnout é uma síndrome psicológica que surge em resposta a agentes estressores no trabalho. É caracterizada por esgotamento metal, despersonalização e falta de realização pessoal. Este estudo tem por finalidade identificar o perfil dos médicos docentes e enfermeiros de um hospital público, segundo características sóciodemográficas, dimensões da Síndrome de Burnout. A pesquisa será realizada em forma de um estudo descritivo, transversal e quantitativo por meio dos questionários: Malash Burnout Inventory (MBI) versão HSS (Human Servuces Survey) para médicos docentes e enfermeiros, e o Malash Burnout InventoryEducators Survery (MBI-ED) para os médicos docentes. À partir dos resultados, serão constituídos gráficos e tabelas para estabelecimento de frequência simples e percentuais.

Protocolo: 4390 Início e Fim: Mês/Ano: 4/2018 - 2/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): PEDRO LUIS PEREIRA DO AMARAL
VINICIUS MILAN CONTI
WILLIAN IBANEZ SAS
PAULO ROBERTO DE MIRANDA
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES
EDLAYNE LARISSA GRETTER MACHADO PEREIRA
FERNANDO CEZAR CARDOSO MAIA

Resumo:
O câncer de pele é uma das neoplasias de maior incidência na atualidade e tem atingido caráter epidêmico, representando mais da metade dos diagnósticos de câncer em todo o mundo. Dentre eles, encontramos com maior frequência o carcinoma basocelular (CBC) e o carcinoma espinocelular (CEC), que apesar de baixa taxa de mortalidade e do bom prognóstico, podem apresentar grande número de recidivas. Desta maneira, o presente estudo pretende avaliar a incidência de recidiva dos cânceres de pele do tipo não-melanoma, excisados cirurgicamente, e que apresentaram, no exame histopatológico, margens livres de comprometimento pela neoplasia. Para a análise de dados, será empregada a estatística descritiva dos resultados em valores absolutos (n) e percentuais (). Os resultados encontrados serão úteis para definir como se enquadra a cidade Presidente Prudente, SP, no âmbito nacional de recidivas de CBC e CEC, verificar a concordância entre os valores encontrados e os dados nacionais atuais e avaliar o perfil epidemiológico das recidivas encontradas nesta região.

Protocolo: 4337 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2018 - 4/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente
Aluno(s): MARCELE LIMA CUNHA
MARCELA HONDA FERREIRA
KARINA NACANO GUARIENTO
VICTORIA ROMANINI BRAMBILLA
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU
MURILO DE OLIVEIRA LIMA CARAPEBA

Resumo:
A fotoproteção é o método mais importante na prevenção do fotoenvelhecimento cutâneo e também do câncer de pele. Portanto, deve ser usado diariamente um fotoprotetor, pois a emissão de raios ultra violeta (UV) é constante durante todo o dia, estando presentes os raios UVA, desde o nascer até o por do sol, e os raios UVB, com uma maior incidência das 10 às 16 horas. Os raios UV são os principais indutores de alterações a nível celular da pele, induzindo a alterações morfológicas. Assim, a proteção solar ganha uma enorme importância na prevenção do envelhecimento cutâneo e do câncer de pele, prevenindo a ação danosa direta, como alteração do DNA celular e a produção de radicais livres O objetivo deste estudo é investigar os hábitos diários de exposição solar e de fotoproteção dos estudantes de medicina da Universidade do Oeste Paulista, de Presidente Prudente, SP. Trata-se de um estudo transversal, cuja coleta das informações será feita através da resposta a um questionário por 240 acadêmicos. O questionário irá abordar variáveis importantes, para assim permitir uma análise fiel e compreensão das atitudes e comportamentos que influenciam na proteção e exposição aos raios solares.

Protocolo: 4980 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2018 - 10/2019 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente/PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ISABELA SELLA SARTORELLI
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU
MURILO DE OLIVEIRA LIMA CARAPEBA
MARJORI LEIVA CAMPAROTO
SUELEN UMBELINO DA SILVA

Resumo:
A Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa (PNSPI) define que a atenção à saúde dessa população tem como porta de entrada a Atenção Básica/Saúde da Família, tendo como referência a rede de serviços especializada de média e alta complexidade. Este estudo tem como objetivo destacar a importância do processo de acolhimento ao idoso nas ESF´s de uma cidade do interior do oeste paulista. Trata-se de uma pesquisa descritiva/exploratória, com abordagem qualitativa. Os dados serão coletados durante os meses de abril a maio de 2018, junto as Estratégias de Saúde da Família (ESF), localizadas no Oeste Paulista. Serão selecionados um idoso e um funcionário (a) da ESF, totalizando assim 01 (um) usuário idoso (a) e 1(um) funcionário (a) da ESF. O instrumento de coleta de dados será um roteiro de entrevista semiestruturado. Após a transcrição das falas dos entrevistados serão realizadas leituras sucessivas do texto com a finalidade de identificar o sentido geral do conteúdo coletado e iniciar a análise dos dados, objetivando extrair as unidades relevantes para o estudo e as categorias significativas, a partir de uma reflexão exaustiva do material, segundo o referencial metodológico da análise de conteúdo de Bardin. Espera-se assim identificar, analisar e conhecer as ações de acolhimento nas ESF´s de Presidente Prudente.

Protocolo: 4348 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 1/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FELIPE RAGNI PULIDO
CAIO LEMOS VILA REAL
FELIPE DOMINGOS FERREIRA GARCIA
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES

Resumo:
A neoplasia mamária em cadelas possibilita maior interesse na Medicina Veterinária devido a elevada prevalência de tumores benignos e malignos. O objetivo do presente estudo é quantificar através da dimensão fractal em 500 lâminas histológicas de mamas de cadelas do período de 2012 a 2017 e correlacionar com as avaliações das alterações encontradas e já laudadas por dois patologistas experientes e classificadas histopatologicamente como neoplasias benignas e malignas nas diferentes fases de progressão da doença, visando estabelecer um protocolo e o diagnóstico precoce de neoplasias. De cada lâmina serão capturadas três imagens utilizando microscópio ótico na ampliação de 400X para posterior análise da dimensão fractal. As imagens serão binarizadas para leitura e a dimensão fractal estimada pelo método box-counting, por meio do software Image J (Instituto Nacional de Saúde, Estados UnidosNIH), disponível gratuitamente na Internet (http://rsbweb.nih. gov/ij/). A analise estatística será o GraphPad Prism® versão 5.0 com nível de significância p<0,05.

Protocolo: 4315 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 12/2019 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): MARILIA FERRUZZI EDERLI
ISABELA MELO NOGUEIRA
MARIA BEATRIZ SERRANO
Professor(es): HERMANN BREMER NETO

Resumo:
Este estudo tem em vista levantar dados referentes ao número de cirurgias de tumor de Sistema Nervoso Central realizadas em pacientes pediátricos. Trata-se de um estudo retrospectivo, de análise quantitativa. A coleta dos dados será realizada através de sistema informatizado do Hospital Regional de Presidente Prudente e prontuários após liberação do comitê de ética da instituição. O trabalho consiste em analisar quais os tumores mais prevalentes de acordo com a faixa etária, sexo e etnia, tipos de tratamento e prognóstico.

Protocolo: 4235 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 11/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): ANA CAROLINA PAGANELLI ALVES
BRUNA PEREIRA BONFIM
Professor(es): FELIPE FRANCO PINHEIRO GAIA

Resumo:
O prebiótico é seletivamente utilizado por microrganismos hospedeiros, conferindo benefícios à saúde, pois os mesmos reduzem a adesão dos microrganismos na parede intestinal, por meio de exclusão competitiva por ligação seletiva das fímbrias tipo 1, prevenindo assim, a adesão dessas bactérias na mucosa e promovendo a eliminação do agente, juntamente com o conteúdo fecal. Estudos in vitro tem avaliado qualitativamente o potencial aglutinante de prebióticos, frente a diferentes agentes patogênicos entéricos, incluindo Escherichia coli, porém a imprevisibilidade do método utilizado torna-se um grande obstáculo na precisão da interpretação, uma vez que se baseia na avaliação em cruzes da capacidade aglutinante do prebiótico às bactérias, ficando portanto a mercê da subjetividade do avaliador. Diante desse cenário, o objetivo deste estudo será o de padronizar um teste quantitativo para avaliar a capacidade in vitro de aglutinação de três diferentes prebióticos, mananoligossacarídeos (MOS), a cepas de Escherichia coli isoladas de casos de diarreia infantil, de crianças de 0 a 5 anos de vida. O potencial de ligação de três marcas diferentes de MOS em cepas de E. coli, será obtido por meio de testes de aglutinação com os mananoligossacarídeos, posteriormente filtrados com um microfiltro. As bactérias serão cedidas por laboratórios de diagnóstico privados e públicos e reisoladas em meios de cultura para confirmação de E. coli e sorogrupadas por meio de sorodiagnóstico com anti-soros direcionados contra antígenos somáticos (O). Para avaliar a expressão das fímbrias tipo 1 será realizado o ensaio de microhemaglutinação com suspensões de hemácias de cobaio a 1 em presença e na ausência de D-manose 1 e logo em seguida se fará os estudos para a padronização da técnica de análise quantitativa da aglutinação de diferentes MOS. Para estimar a contagem bacteriana total (CBT) por volume (mL) de fluído filtrado, será calculada a média das contagens do conjunto de três placas, multiplicando o valor pela recíproca da diluição correspondente. As médias de CBTs sofrerão transformação logarítmica na base 10 para normalização dos dados. Pressupostos de homogeneidade de variâncias e normalidade de dados serão validados, respectivamente, pelo teste de Levene e Shapiro-Wilk. Variáveis homocedásticas devem ser comparadas por análise de variância em uma via (ANOVA one-way), com contrastes pelo método de Tukey. Variáveis heterocedásticas serão comparadas com ANOVA one-way com aplicação da correção de Welch contrastes pelo método de Games-Howell. As correlações entre CBTs, Títulos hemaglutinantes, áreas e perímetros dos glóbulos serão avaliados pelo teste de correlação de Pearson. Todas as análises devem ser conduzidas no software R, considerando-se probabilidade de erro tipo 1 < 5.

Protocolo: 4308 Início e Fim: Mês/Ano: 3/2018 - 1/2020 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação/PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): NADIELE TAISE MASSARANDUBA
VIVIANE FERREIRA PAIANO
PAULA MARIOTO PEREZ
Professor(es): HERMANN BREMER NETO
ROGERIO GIUFFRIDA
ROGERIA KELLER

Resumo:
A trombose venosa profunda (TVP) pode ser considerada uma das afecções vasculares mais prevalentes e importantes. O teste do fibrinogênio marcado permitiu o diagnóstico da TVP ainda em seu estágio inicial, assintomático. Demonstrou-se que a maioria dos trombos se inicia na panturrilha. A sua lise espontânea ocorre em 30 dos casos e 20 deles migram para veia poplítea ou veias mais proximais, aumentando significativamente o risco de embolia pulmonar (EP). O Ecocolor-Doppler permite avaliação tanto anatômica quanto funcional do sistema venoso. A ausência registrada em segmento não compressível, a resposta atípica ao teste de compressão manual realizada distalmente ao transdutor e a falta de fasicidade com a respiração são dados imprescindíveis para confirmar o diagnóstico de TVP. Este trabalho tem como objetivo avaliar o perfil e a incidência de trombose venosa profunda em pacientes internados em um hospital terciário na região sudeste do Brasil. Trata-se de um estudo transversal analítico dos pacientes internados com diagnóstico de TVP, confirmado pela Ultrassonografia Collor-Doppler coletados pelo banco de dados digital e tratados sob-regime de internação no período de janeiro de 2013 até janeiro de 2018. Serão coletados os dados: Idade, Sexo, Topografia Anatômica da TVP.

Protocolo: 4207 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 11/2018 Programa: PPD - Projeto de Pesquisa Docente
Aluno(s): ALINNE LEIKO ANADAO TOKAWA
Professor(es): CESAR ALBERTO TALAVERA MARTELLI
WELINGTON DE MORAES
LEANDRO KEFALÁS BARBOSA

Resumo:
A presente pesquisa tem como objetivo avaliar possíveis correlações entre a depressão, uso de substâncias psicoativas e transtornos do sono em estudantes universitários de cursos de graduação de diferentes áreas do conhecimento. Os critérios de inclusão para os participantes da pesquisa são: estar matriculado em curso superior, ser brasileiro e pertencer a faixa etária de 18 a 30 anos. A amostra totalizará 1000 participantes. Para coleta de dados serão utilizados quatro instrumentos: Questionário sócio demográfico, Questionário para a triagem do uso de substâncias psicoativas (extraído do Teste de Triagem do Envolvimento com Álcool, Cigarro e Outras Substâncias [ASSIST]), Índice de Qualidade de Sono de Pittsburgh (IQSP) e Escala Batista de Depressão (EBADEP). Os instrumentos serão aplicados em formato eletrônico sendo todo o procedimento de coleta de dados via web. Pretende-se disponibilizar um endereço eletrônico durante um período de 6 meses para que os participantes respondam aos instrumentos. O tempo estimado para que respondam todos os instrumentos é de 20 minutos. Espera-se que este estudo traga informações importantes sobre o reconhecimento da presença de transtornos de sono-vigília e transtornos depressivos relacionados ao uso de substâncias psicoativas em estudantes universitários de forma a ampliar os conhecimentos sobre essa temática que ainda é pouco explorada na literatura

Protocolo: 4328 Início e Fim: Mês/Ano: 2/2018 - 11/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): JOSE LUIZ DE ANDRADE CORREIA
FERNANDO DE MOURA MOREIRA
Professor(es): CAMELIA SANTINA MURGO

Resumo:
FUNDAMENTOS O linfocitoma cútis é considerado um pseudolinfoma de células B, ou seja, faz parte de um grupo de transtornos que podem simular clínica e histopatologicamente um linfoma cutâneo. Essa reação é comumente idiopática. MOTIVO DA COMUNICAÇÃO Relata-se um caso de apresentação atípica de linfocitoma cútis, reforçando a necessidade do exame histopatológico em lesões incaracterísticas. RELATO DE CASO Paciente, sexo feminino, 65 anos, com queixa de mancha. Observou-se lesão nodular acastanhada, sobre base eritematosa, bordas regulares, na região malar direita, com hipóteses diagnósticas: nevo intradérmico ou queratose seborreica irritada. Optado pela realização de biópsia, cujo foi compatível com linfocitoma cútis e sorologia para Borrelia borgdorferi positiva. DISCUSSÃO No caso descrito a lesão era bem circunscrita, acastanhada e de longo tempo de evolução, assemelhando-se à lesão melanocítica benigna. O curso da afecção é benigno. O seguimento dos pacientes é crucial, em vista dos raros relatos de evolução para linfoma cutâneo.

Protocolo: 4205 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 12/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LUANA BERTELLI CASTILHO
KATARINE TRONCO GASPARINI
FERNANDA DEL PINTOR BIDOIA LAFFITTE
Professor(es): MARILDA APARECIDA MILANEZ MORGADO DE ABREU
EDUARDO VINICIUS MENDES RONCADA

Resumo:
A leishmaniose visceral (LV) está entre as seis doenças mais importantes causadas por protozoários no mundo, tendo o Brasil o maior registro do número de casos. A doença é causada pela Leishmania chagasi e a Lutzomyia longipalpis é a principal espécie envolvida. É mais frequente em crianças menores de 10 anos pelo estado de relativa imaturidade imunológica celular, além de uma maior exposição ao vetor no peridomicílio, idosos pela senescência e também os portadores de imunodeficiência primária, ou secundária. No Brasil, os medicamentos utilizados para o tratamento são antimoniato pentavalente e a anfotericina B (desoxicolato de anfotericina B e a anfotericina B lipossomal). Existem poucas informações sobre o perfil dos indivíduos do grupo de risco ou imunocompetentes que apresentaram recidiva ao tratamento, mas atrasos no diagnóstico e tratamento foram fortemente associados com esse risco. O objetivo do trabalho é descrever o perfil imunológico das recidivas de leishmaniose visceral em pacientes pediátricos com idade maior de 28 dias e menores de 18 anos tratados com anfotericina B lipossomal, em um Hospital Terciário do Oeste Paulista no período de 2009 a 2017. Trata-se de um estudo prospectivo, onde será determinado o perfil imunológico de crianças que apresentaram recidiva de LV e foram tratados com anfotericina B lipossomal.

Protocolo: 4311 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 5/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): VERENA MIRANDA DE SOUZA
Professor(es): LUIZ EURIBEL PRESTES CARNEIRO
PATRICIA RODRIGUES NAUFAL SPIR

Resumo:
As queimaduras são grande causa de morbimortalidade. Responsáveis por lesões tanto físicas quanto psíquicas, exigindo reabilitação e multidisciplinaridade. As crianças correspondem a parcela da população mais afetada, sendo que cerca de pelo menos 40.000 crianças precisam de atendimento hospitalar todo ano. Contudo, devido a escassez de dados na literatura sobre esse assunto, serão analisados os atendimentos realizados em crianças vítimas de queimaduras durante o período de 2011 a 2016, atendidas em um Hospital de Referência do interior paulista. Trata-se de um estudo transversal retrospectivo. Os dados serão coletados dos prontuários de acordo com um formulário que consta de variáveis como: idade, idade no dia do acidente, sexo, data do atendimento, grau de extensão da lesão, agente etiológico, tempo de internação e se houve óbito. Terminada a coleta dos dados, os resultados obtidos serão organizados em planilhas do Programa Excel. Posteriormente, será aplicada uma análise, por métodos estatísticos apropriados.

Protocolo: 4356 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 11/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): THIAGO CALDEIRA
Professor(es): EMANUELE MORAES MELLO

Resumo:
O presente projeto de pesquisa configura-se como uma investigacao da inter- relacao entre musica e as neurociencias, estudando as correlacoes entre musica e emocao; musica, cognicao e aprendizagem. O objetivo geral e analisar atraves de uma revisao bibliográfica sistemática de que forma essas ciencias se correlacionam entre elas. Musica gera emocao e ativa várias estruturas cerebrais, dentre elas pode ser citada o sistema limbico, que e responsável pelas emocoes e comportamentos sociais, há tambem neste processo a liberacao do neurotransmissor dopamina responsável pela sensacao de prazer. Nos processos cognitivos e de aprendizagem, a musica vai alem do estudo do fazer musica, pois esta pode contribuir para a introjecao de regras e sociabilidade. Os exames de neuroimagem tem agregado muitos conhecimentos quando se trata da correlacao entre musica e neurociencias. A metodologia a ser utilizada, bem como, as fontes de pesquisa implicam em uma revisao bibliográfica sistemática (livros, artigos e periodicos), alem de todo material de referencia e apoio, será desenvolvida plena discussao do tema a partir do conhecimento individual dos componentes do projeto de pesquisa que inclui: medicos, estudantes de medicina e estudantes de musica. A justificativa que mais se destaca para realizar esta pesquisa, e o uso da musica para fins terapeuticos, datada de tempos ancestrais que apoia-se na capacidade da musica de evocar e estimular uma serie de reacoes fisiologicas. Quanto a forma de análise, será dada primazia a análise de conteudo, de modo, a fazer emergir as correlacoes entre musica e emocao; musica, cognicao e aprendizagem.

Protocolo: 4196 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2018 - 1/2019 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): FERNANDA LELI DILLIO
CAROLINA CAPELASSO DE OLIVEIRA
LETICIA SAYURI IKEDA
MARIANA ALVES PINEZE
TALLYRE SILVA MIYAZAKI
NATALIA INGRID CARDOSO DOS SANTOS
ALEXIA DOBRI BATALIOTTI
KARLA ROBERTA GERVAZONI SILVA
JOSE CARLOS SALMAZO JUNIOR
RAFAELA DE LAZARI BIDOIA
GABRIELA BEGA MANZANO
RENATA AMARO DO NASCIMENTO SANTOS
LETICIA NAKAMURA CUBATA
YAGO FELIPPE BUENO CROSCIOLI
CLAVIO HAMMER DE SOUZA FRANCO
Professor(es): KELLY NOGUEIRA MARQUES

Resumo:
O crescimento dos gastos com medicamentos em todos os âmbitos da saúde tem se tornado insustentável nos últimos anos, exigindo que medidas de racionalização do uso sejam implantadas. Já o aumento dos gastos com medicamentos especificamente em hospitais deve ser analisado sob pontos de vista diferentes. Apesar dos eventos trombóticos serem associados às cirurgias ou traumas, tem se observado que a maior parte desses eventos ocorre em pacientes não cirúrgicos. Os eventos de tromboembolismo venoso (TEV) nos pacientes internados são usualmente silenciosos, por este motivo é difícil predizer qual destes terá complicações trombóticas sintomáticas. Quando se considera morbidade e custos hospitalares, a prevenção primária é essencial e é a estratégia mais eficaz para reduzir a carga da TEV. A Relação Nacional de Medicamentos Essenciais (RENAME), na sua última versão publicada no ano de 2017, mantém apenas a heparina não fracionada no elenco de medicamentos essenciais para o Sistema único de Saúde (SUS) e os estudos localizados demonstraram claramente a limitação das evidências científicas atualmente disponíveis sobre alguma vantagem clínica da heparina de baixo peso molecular em relação à heparina não fracionada, quando analisados os quesitos fundamentais de segurança ou eficácia. Portanto, levando em consideração as questões de elevados custos da terapia com heparina de baixo peso molecular em comparação com a heparina não fracionada, o Ministério da Saúde sugere que sejam apresentadas evidências científicas que possam colaborar na resposta das questões ainda pendentes de esclarecimentos e que justifiquem a inclusão da heparina de baixo peso molecular na RENAME.

Protocolo: 4204 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2017 - 4/2018 Programa: PPG - Programa de Pesquisa de Pós-Graduação
Aluno(s): CRISTOFFER DA SILVA SANTANA
Professor(es): JOSÉ ANTONIO NASCIMENTO BRESSA
EDNA AMARI SHIRATSU TAKAHASHI

Resumo:
Tartrazina é um dos corantes artificiais mais usados no mundo, com emprego na indústria alimentícia, farmacêutica e cosmética. Várias evidências atribuem a tartrazina efeitos como, eosinofilia, urticária, hipersensibilidade imediata e asma. Há também, relatos de potencial carcinogenicidade relacionados a dose consumida deste corante. A carcinogenicidade está relacionada as alterações cromossômicas, que podem ser avaliadas de diversas formas em modelos animais e em humanos. Uma destas possibilidades é a análise de aberrações cromossômicas. Sendo assim, este projeto irá determinar as possíveis alterações cromossômicas em ratos Wistar decorrentes da ingestão de corante tartrazina. Serão utilizadas medula óssea de quarenta ratos Wistar, sendo vinte do grupo teste (GT) e os demais do grupo controle (GC). O GT receberá tartrazina via gavagem na dose de 7,5mg/Kg diariamente por dez meses, já o GC receberá por gavagem água filtrada, diariamente, também por dez meses. Ao final da experimentação in vivo, depois da última gavagem proceder-se-á a administração de colchicina e em seguida a eutanásia para coleta das medulas ósseas dos fêmures. Estas serão preparadas e sequencialmente avaliadas as aberrações cromossômicas. Para avaliação comparativa dos resultados (grupo teste vs grupo controle) serão utilizados os testes estatísticos análise de variância com o teste "a posteriori" de Tukey ou Dunnett, e o teste de Kruskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. As análises estatísticas serão realizadas com o programa estatístico BioEstat 5.3 (Curitiba, Paraná, Brasil), e utilizando nível de significância de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4185 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2017 - 10/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): RODOLFO DAHLEM MELO
THALITA ROLLEIGH DA SILVA
ANDRE CARRION DE FARES PINTO
DAYANE APARECIDA FRANCISCO DA SILVA
Professor(es): ROSA MARIA BARILLI NOGUEIRA
ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES
MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
A Granulomatose de Wegener (GW), uma doença sistêmica de causa desconhecida, foi relatada primeiramente por Klinger, em 1931, com o caso de um paciente portador de doença das vias aéreas superiores, o qual evoluiu a óbito por insuficiência renal. Contudo, apenas em 1939 a patologia recebeu sua nomenclatura, quando Friedrick Wegener reportou a primeira série de casos da moléstia, a qual ficaria honrosamente conhecida como Granulomatose de Wegener. Sucedendo estas datas, Fiemberg junto com Carrington e Liebow, descobriram, em 1953, que a doença não necessariamente envolveria os 3 órgãos: vias aéreas superiores, inferiores e rim, mas que poderia restringir-se a apenas um ou mais órgãos, conceituando-a então como Granulomatose de Wegener limitada, conceito que foi reforçado por Cassan e seus colaboradores. A partir do mesmo, foram descritos os três critérios básicos para o diagnóstico da doença, sendo eles: a vasculite, a presença de lesões granulomatosas necrotizantes no trato respiratório e glomerulonefrite. A GW é rara, com alta taxa de morbimortalidade, acometendo 3 a cada 100 mil pessoas, ainda há uma divergência quanto a sua prevalência, segundo Rodrigues, apresenta-se com igual ocorrência entre homens e mulheres, contudo, Rezende, afirma que a GW acomete mais o sexo masculino do que o feminino numa proporção de 1,5:1,0. Nota-se que é mais comum em brancos, com uma porcentagem de 91, enquanto na raça negra é relatado apenas 8. Pesquisas mostram que a incidência aumenta durante a primavera (35,5) e inverno (29.8), fato que para alguns demonstra probabilidade de sua etiologia ser viral.

Protocolo: 4212 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2017 - 1/2019 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): THAIS DANTE CORREIA ROCHA
KAROLINE LOPES NUNES
NATHALYE FERNANDA PEDROSO DIRCKSEN
Professor(es): IGOR COSTA ALMEIDA

Resumo:
Amarelo tartrazina tem sido alvo de estudos de mutagênese e carcinogênese, por produzir, assim como todos os corantes azoicos, uma amina aromática o ácido sulfanílico, após ser metabolizado pela microflora gastrintestinal. Estudos mostraram que a tartrazina induz ao dano no DNA em estômago, cólons e bexiga urinária com dose de 7,5mg/Kg, sendo está dose próxima a aceitável para o consumo. Nesse sentido, este estudo avaliará os efeitos possíveis efeitos carcinogênicos do corante tartrazina na bexiga de ratos do Wistar. Serão utilizadas vesícula urinária de quarenta ratos Wistar, sendo vinte do grupo teste (GT) e os demais do grupo controle (GC). O GT receberá tartrazina via gavagem na dose de 7,5mg/Kg diariamente por dez meses, já o GC receberá por gavagem água filtrada, diariamente, também por dez meses. Ao final da experimentação in vivo, depois da última gavagem proceder-se-á à eutanásia para coleta das bexigas. Estas serão preparadas pela rotina histólogica e sequencialmente avaliadas pela técnica de dimensão fractal. Para avaliação comparativa dos resultados (grupo teste vs grupo controle) serão utilizados os testes estatísticos análise de variância com o teste "a posteriori" de Tukey ou Dunnett, e o teste de Kruskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. As análises estatísticas serão realizadas com o programa estatístico BioEstat 5.3 (Curitiba, Paraná, Brasil), e utilizando nível de significância de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4186 Início e Fim: Mês/Ano: 12/2017 - 10/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): VANESSA DE DEUS FERREIRA BONFIM
PATRICIA DOS SANTOS GIMENEZ
ELISA DE FREITAS
HILDENISE DOS SANTOS FERREIRA
FERNANDA GABRIELLY NASCIMENTO
Professor(es): ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
Os corantes alimentícios são amplamente utilizados na indústria para reconstituir propriedades dos alimentos muitas vezes perdidas durante o processo de industrialização e prazos de validade, além disso, também são utilizados como excipientes em preparações farmacêuticas. O corante amarelo tartrazina ou INS nº 102, é um azocorante e é adicionado aos alimentos ou medicamentos sob regulamentação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Diferentes tipos de estudos buscaram demonstrar as mais diversas reações aos corantes, e principalmente à tartrazina. Apesar de seu uso ser regulamentado, os corantes são conhecidos pelo seu potencial de gerar efeitos adversos, dentre elas, alterações renais, hepáticas, hipersensibilidade imediata e asma. Sabendo disso, o presente estudo avaliará as repercussões pulmonares mediante a administração prolongada de tartrazina em modelo experimental utilizando ratos de Wistar. Os ratos serão alocados em dois grupos de 20 animais, sendo o grupo controle constituído de 20 ratos (10 machos e 10 fêmeas) e o grupo teste receberá a intervenção de administração de tartrazina por gavagem na dose de 7,5mg/Kg. Ao final dos 10 meses de tratamento, após a eutanásia, os pulmões serão analisados macroscopicamente e microscopicamente, além disso, buscar-se-á associar tais repercussões pulmonares com a titulação sérica de imunoglobulina E (IgE) e proteína C reativa (PCR). Para avaliação comparativa dos resultados (grupo-teste & grupo-controle) serão utilizados os testes estatísticos análise de variância com o teste "a posteriori" de Turkey ou Dunnett, e o teste de Kuskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. Será considerado como nível de significância estatística o limite de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4184 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2017 - 9/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): KAMYLE YUMI MIYAMOTO
TANIA SAYURI HARADA TAKARA
JOAO DE FREITAS NETO
LEONARDO DURANTE SERRAGLIO
ELISA DE FREITAS
GABRIELA HARO DE MELO
Professor(es): ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES

Resumo:
Anencefalia, caracteriza-se por uma malformação congênita originada de uma neurulação anormal. Essa malformação é resultante da ausência de fusão das pregas neurais e da formação do tubo neural na região do encéfalo. São inúmeros fatores que podem causar esta anormalidade, como por exemplo: teratógenos e fatores ambientais tais como infecções e drogas, que podem representar condições genéticas que favoreçam o surgimento destas alterações. Desta forma é de grande importância o conhecimento acerca destas malformações e dos seus fatores de risco. Este trabalho tem por objetivo relatar o caso de uma gestação com feto anencéfalo, cujo desfecho foi a realização de procedimento abortivo.

Protocolo: 4162 Início e Fim: Mês/Ano: 10/2017 - 2/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): GISELLE OROSCO TAKARA DE MEDEIROS
ANETTE BOCCHI BACCO
FERNANDO SALA MARIN
Professor(es): MAGDA LUZIA NEVES
LUIS ANTONIO GILBERTI PANUCCI

Resumo:
Introdução: A resposta imune contra a leishmania conduz à produção de citocinas inflamatórias, como a IL-1&#945; e o TNF-&#945;, que induzem a produção da pentraxina 3 (PTX3) por células da resposta imune, como células dendríticas, macrófagos e neutrófilos, sendo uma proteína pertencente à família das pentraxinas de cadeia longa, considerada um marcador de fase aguda da resposta inflamatória. Níveis de PTX3 foram correlacionados com a gravidade da apresentação clínica da evolução de doenças infecciosas, podendo representar um bom marcador biológico para o acompanhamento do processo inflamatório e atividade. Estudos verificaram uma associação de SNPS no gene da PTX3 com processos infecciosos, entretanto, para o nosso conhecimento, não existem estudos que avaliaram o gene da PTX3 associado à leishmaniose visceral na população brasileira, portanto, o projeto de pesquisa proposto, do tipo caso-controle, poderá contribuir para um melhor entendimento da resposta imune à leishmaniose visceral, através da associação do SNP PTX3 (rs3816527) à susceptibilidade, evolução clínica, diagnóstico e acompanhamento do tratamento de pacientes com leishmaniose visceral no Brasil. Objetivo: Conduzir estudo de associação genética do tipo caso-controle para avaliar o papel do polimorfismo PTX3 (rs3816527) na leishmaniose visceral. Método: Serão estudados doentes com leishmaniose visceral (n &#8805; 100) e doadores de sangue como controles (n &#8805; 200). A frequência alélica e de genótipos do polimorfismo PTX3 (rs3816527) será realizada por PCR em tempo real através da técnica de discriminação alélica. Para comparações das freqüências de alelos e genótipos dos grupos de casos e controles serão empregados modelos de regressão logística, com cálculo de odds ratio (OR) e p-valor, adotando como medida de significância estatística p<0,05.

Protocolo: 4197 Início e Fim: Mês/Ano: 1/2018 - 1/2019 Programa: PROBIC - Programa de Bolsas de Iniciação Científica
Aluno(s): JULIANE CAROLINE MARQUES INACIO
VINICIUS CARLOS DE OLIVEIRA
ANA RUBIA ALCANTARA PELLOSO
Professor(es): LUIZ EURIBEL PRESTES CARNEIRO
PATRICIA RODRIGUES NAUFAL SPIR
ELIANA PERESI LORDELO

Resumo:
Introdução: A doença arterial obstrutiva periférica (DAOP) ocorre em virtude do estreitamento ou obstrução dos vasos sanguíneos arteriais, levando a dificuldade da progressão do sangue, oxigênio e nutrientes para os tecidos. Apresenta uma prevalência de 10 a 25 na população acima de 55 anos. A DAOP é uma patologia de base importante da aterosclerose sistêmica, principalmente nos pacientes diabéticos. Objetivo: O objetivo deste estudo é relatar serie de pacientes portadores de DAOP, abordando o acompanhamento das lesões e desfecho clínico. Exposição do caso: J. B. S., paciente com pé diabético apresentou lesão necrosada devido à corte ocorrido em membro inferior há 7 anos. Foi diagnosticado com lesão osteolítica, hipertensão e DAOP. A. X. S., paciente hipertenso com doença coronariana começou a apresentar dor em panturrilha direita e dificuldade de deambulação, foi diagnosticado com isquemia crítica de membro inferior direito. J. G. P., paciente hipertensa e diabética procurou atendimento médico com lesão no membro inferior direito que evoluiu com aumento da extensão e aparecimento de úlcera e necrose. Conclusão: Os casos relatados mostram a relação íntima da DAOP e sua evolução associada a outras patologias como a arteriosclerose e diabetes mellitus, que são consideradas fatores de risco importantes.

Protocolo: 4158 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2017 - 9/2018 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): MARIANA BAPTISTA ANGELUCI
MARIA CLARA PIMENTA MELO
GUILHERME LIBERATI SILINGOVSCHI
JOSE PAULO JEHA PERUQUE
IANARA ALBUQUERQUE RAMOS
RODRIGO EUGENIO SEABRA
CAMILO BRAMBILLA MARAFON
CAIO REZENDE LOPES
INGRA MARIA CERIBELLI
Professor(es): MARJORI LEIVA CAMPAROTO

Resumo:
INTRODUÇÃO: a ruptura espontânea de ductos biliares é uma condição clínica rara que costuma ocorrer nos primeiros meses de vida. São alterações de extrema importância, pois caso houver atraso no diagnóstico e manejo cirúrgico apropriado, pode haver alta taxa de mortalidade por sepse. OBJETIVO: relatar caso de ruptura espontânea de ducto hepático em lactente brasileiro e realizar revisão da literatura sobre o tema. MÉTODOS: pesquisa de artigos para revisão bibliográfica nas plataformas e coleta de dados de prontuário mediante as autorizações necessárias. RELATO: lactente de 2 meses sem história prévia sugestiva adentra PS com obstipação intestinal. Apresentava-se ictérico, distensão abdominal e bilirrubinas aumentadas. O tratamento utilizado foi laparotomia exploratória, por meio de rafia do orifício no ducto hepático comum, que não foi evidenciado em exames de imagem. O tratamento mostrou-se eficaz e após alta o paciente evolui bem. DISCUSSÃO: os ductos hepáticos são os lugares menos freqüentes para ruptura espontânea. O quadro clínico não é patognomônico, apresentando sinais e sintomas inespecíficos como icterícia e distensão abdominal. O diagnóstico é feito principalmente por laparotomia exploratória, mas exames de imagem podem ser sugestivos. O tratamento é necessariamente cirúrgico, mas é escolhido caso a caso. CONCLUSÃO: foi feita a correção do orifício por rafia, e o paciente evoluiu bem. A revisão de literatura mostrou escassez de trabalhos sobre o tema.

Protocolo: 4165 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2017 - 9/2017 Programa: Relato de Caso
Aluno(s): LETICIA PUGIM FERREIRA
PAULA ALVES DE LIMA GUARESEMIN
KARINA ROBERTA TOMIASI
Professor(es): PATRICIA MARTINS LUIZARI ESCOBOZA
MURILO SABBAG MORETTI

Resumo:
Tartrazina é um corante amarelo adicionado aos alimentos com intuito de melhorar e padronizar o aspecto visual desses, para aumentar sua aceitabilidade e comercialização. Ela é aprovada para uso no Brasil, Estados Unidos e Europa, porém pode causar reações adversas como a hipersensibilidade após seu consumo. O presente estudo tem por objetivo avaliar a titulação sorológica de IgE total e aumento dos níveis séricos da proteína C reativa (PCR) em ratos Wistar após administração do corante. Níveis séricos elevados de IgE total podem caracterizar doenças alérgicas, e a PCR aumentada demonstra processo inflamatório em curso, no entanto inespecífico, não determinando o sítio e a etiopatogenia da inflamação. O estudo será realizado com 40 ratos Wistar divididos em 2 grupos; grupo teste (GT n=20) e grupo controle (GC n=20), sendo que o GT recebera o corante tartrazina diariamente durante dez meses por gavagem e o GC receberá como placebo água por gavagem. Após esse período os ratos serão sacrificados e por meio de exame sorológico, será analisada a titulação de IgE sérico total e também concentração sérica de PCR. Para avaliação comparativa dos resultados (GT e GC) serão utilizados os testes estatísticos; Análise de Variância com o teste "a posteriori" de Tukey ou Dunnett, e o teste de Kruskall-Wallis, com o teste "a posteriori" de Dunn, dependendo das características de cada variável. Será considerado como nível de significância estatística o limite de 5 (p<0,05).

Protocolo: 4142 Início e Fim: Mês/Ano: 9/2017 - 9/2018 Programa: PEIC - Programa Especial de Iniciação Científica
Aluno(s): KAMYLE YUMI MIYAMOTO
TANIA SAYURI HARADA TAKARA
JOAO DE FREITAS NETO
LEONARDO DURANTE SERRAGLIO
ELISA DE FREITAS
GABRIELA HARO DE MELO
Professor(es): SUELI CRISTINA SCHADECK ZAGO
ANDRÉ FELLIPE FREITAS RODRIGUES
LIZZIANE KRETLI WINKELSTROTER ELLER