Geriatria 2020 - Treinamento/ Estágio em Geriatria

Cadastro de Interesse

Caso tenha interesse em realizar este curso faça o:

Apresentação

O Programa de Especialização em Geriatria vislumbra cumprir o compromisso de formação de profissionais capazes de trabalhar em equipe por meio de diretrizes pedagógicas que norteiam a formação em saúde pautada em uma visão crítico-educativa que sustente a reorientação dos modelos de gestão e atenção em saúde. Tais diretrizes serão desenvolvidas por metodologias ativas, centrado no sujeito da aprendizagem com a concepção de que a pessoa pode construir seu conhecimento de forma proativa, sustentados pela competência de educação permanente em que se busca novas informações, refazendo velhas formas de pensar, mudando sua forma de agir, ser e estar no mundo sustentado por bases sólidas de conhecimentos. O processo de ensino aprendizagem se apoiará em atividades teórico práticas banhados por reflexões que enfatizam a construção do conhecimento por meio da ação-reflexão-ação, substituindo a transmissão passiva de conhecimentos. Esta proposta levará o pós-graduando a não apenas questionar a realidade, mas propor alternativas de intervenção que por meio de articulação e da construção de projetos terapêuticos, possam transformar esses questionamentos em ações concretas. Para tanto, considera-se que a aprendizagem acontece a partir da integração teórico prática, sendo os pós-graduandos protagonistas desse processo, cabendo-lhes a descoberta, a participação, a autonomia e a iniciativa no desenvolvimento de suas competências. O preceptor, professor ou profissional de saúde atuará como facilitador do processo ensino aprendizagem, sugerindo bibliografias, coordenando discussões e promovendo ambiente propício para esse processo. A concepção pedagógica da residência reconhece que o conhecimento deve ser individual e ao mesmo tempo coletivo, construído com o objetivo de ser utilizado com competência e criatividade, favorecendo a tomada de decisão multidisciplinar, garantindo a troca de saberes entre os profissionais. As diretrizes pedagógicas deste programa pressupõem adoção de estratégias que transcenda a sala de aula e por isso a grande maioria da carga horária (80%) estará destinada às atividades práticas, integradas nas diversas áreas a partir da realidade vivida. Essas ações serão sustentadas por discussões pautadas na realidade do trabalho em saúde entre pós-graduandos e preceptores, garantindo a aquisição de uma consciência sanitária crítica, individual e coletiva. Logo, acredita-se na possibilidade da formação profissional que entenda a saúde a partir de uma concepção ampliada e como um direito de todo cidadão. A Especialização em Geriatria vem somar forças à Residência Multiprofissional em Gerontologia em desenvolvimento no Hospital Regional de Presidente Prudente, permitindo integração entre as atividades e o fortalecimento da interdisciplinaridade, evitando as ilhas isoladas do saber científico.

Objetivos

Objetivo Geral
Formar profissionais médicos clínicos especializados no atendimento global ao idoso
Objetivos Específicos
- Permitir uma visão global sobre o Envelhecimento e a Saúde do Idoso e as particularidades do atendimento desta faixa etária;
- Adaptar o profissional médico clínico no atendimento e acompanhamento nos diferentes ambientes de saúde: hospitalar, ambulatorial, comunitário e ILPI (instituições de longa permanência);
- Treinar os profissionais médicos clínicos em diretrizes adequadas de Diagnóstico e Terapêutica em Geriatria;
- Habilitar os profissionais médicos clínicos na identificação, abordagem e terapêutica das diversas Síndromes Geriátricas Específicas, para impactação na Funcionalidade Global do Idoso, tanto em Independência como Autonomia.

Justificativa

A transição demográfica que está acontecendo em nosso país tem mobilizado as políticas públicas de saúde e de educação no sentido de dar sustentação ao cenário que vem surgindo com o decorrer dos tempos. A alteração da pirâmide demográfica vem se refletindo no número de atendimento de saúde de pessoas com mais de 60 anos que, pode ser evidenciado, pelo aumento crescente dessa demanda em nossa região. Estes fatos mostram a necessidade de preparo da região para o atendimento especializado da pessoa idosa. Há, em um futuro próximo, uma necessidade que não poderá ser suprida pela gama de profissionais atualmente disponíveis, resultando, caso não haja medidas preventivas de formação, num atendimento precário e ineficiente. A deficiência existirá pela carência de pessoas especialmente formadas que será (muito provavelmente) preenchida por profissionais sem qualificação adequada. Parece claro que todo o sistema de saúde, em especial, o da rede pública, necessita de profissionais plenamente capacitados para atender a população idosa que cresce a cada dia e que representará uma parcela significativa dos usuários desses serviços. Nesta perspectiva, este programa de especialização vem ao encontro das necessidades de formação vigente no país e na região. A Especialização em Geriatria vem promover uma adaptação a esta nova realidade brasileira, numa visão abrangente e holística da medicina sobre o cuidar das pessoas idosas, evitando a multifragmentação das especialidades clínicas e cirúrgicas que cuidam parceladamente desta faixa etária. O profissional da Geriatria poderá atender a uma demanda nacional com aproximadamente 25% da população serão compostas de pessoas acima de 60 anos em 2030, possibilitando um melhor atendimento aos idosos de toda a região administrativa de Presidente Prudente.

Público-alvo

Médicos graduados e com Residência (ou Estágio de Pós-Graduação) em Clínica Médica, de duração de dois anos.

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação - Campus II Rodovia Raposo Tavares, km 572 - Bairro do Limoeiro CEP 19067-175 - Presidente Prudente - SP Fones: (18) 3229 2077 - Fax: (18) 3229 2080 e-mail: secpos@unoeste.br