Você está em: Unoeste » PRPPG » Notícia

Agronomia oferta vagas nos cursos de mestrado e doutorado

Processos de seleção para alunos regulares estão com as inscrições abertas e as seleções serão em agosto

João Paulo Barbosa
Joice recomenda o mestrado e também o doutorado na Unoeste

Estão abertas as inscrições para os cursos de mestrado e doutorado do Programa de Pós-graduação em Agronomia da Unoeste. Interessados em ingressar como alunos regulares têm até o dia 27 deste mês para a inscrição. As seleções e o início das aulas serão em agosto. São ofertadas dez vagas no mestrado e quatro no doutorado, distribuídas por linhas de pesquisa. Em ambos os casos são três etapas de seleção.

Formam o público-alvo para o mestrado: profissionais de ciências agrárias e biológicas; licenciados em Ciências (biologia e química); professores dos ensinos superior e médio relacionados às ciências agrárias e biologia vegetal; profissionais de pesquisa e desenvolvimento que atuem em empresas públicas ou privadas. A seleção será por homologação da inscrição, exame de suficiência em inglês e entrevista individual.

Possuir o título de mestre constitui pré-requisito ao candidato do doutorado, com formação inicial nas áreas de ciências agrárias, ambientais e biológica. A seleção segue os mesmos requisitos do candidato ao mestrado, porém incluindo a produção escrita e apresentação oral do pré-projeto de pesquisa, com a avaliação de banca composta por três professores do programa.

O pré-projeto deverá estar vinculado a uma das três linhas de pesquisa, que são: fisiologia e tecnologia da produção vegetal; genética e biotecnologia; solos e nutrição de plantas. Após passar pelas etapas a vaga do selecionado dependerá de três condições: a aceitação por parte do orientador, a indicação do Colegiado do Programa e da aprovação final pela Reitoria.

Todos os prazos e datas estão indicados nos editais de cada processo seletivo, nos quais constam informações e orientações de como os candidatos deverão proceder para disputar as vagas que estão sendo ofertadas, sendo que os resultados finais, matrículas e início das aulas serão na segunda quinzena de agosto. Os cursos possuem nota 4 junto à Coordenação de Pessoal de Nível Superior (Capes), órgão do Ministério da Educação.

Existe a possibilidade de obtenção de taxas e bolsas de estudo pelo Programa de Suporte à Pós-graduação de Instituições de Ensino Particulares (Prosup/Capes), mediante processo seletivo específico para esse fim. A engenheira agrônoma Joice Minamiguchi concluiu recentemente o doutorado e disse que a obtenção da bolsa foi muito importante para que tivesse seu foco todo voltado à pesquisa.

Graduada, mestre e doutora pela Unoeste, Joice contou que amadureceu muito em sua profissão ao fazer pós-graduação e que no doutorado essa questão ficou mais evidente, inclusive ampliando as possibilidades de sucesso no mercado, com a opção de seguir a carreira acadêmica ou em um instituto de pesquisa, mediante concurso ou não. “A nossa mente fica mais aberta”, comentou.

Joice concluiu o doutorado no final do ano passado. No primeiro semestre deste ano esteve focada nos ajustes da tese, após a última revisão feita pelos examinadores da banca de defesa pública, e se ocupou com as elaborações de artigos a serem publicados em periódicos científicos. Agora, no segundo semestre volta o foco para o mercado de trabalho, para dar aulas ou trabalhar em um instituto de pesquisa.

Ultimas Notícias