English

Você está em: Unoeste » Notícia

17/9/2009

Projeto Fazendo Minha História auxilia crianças em abrigos

Intuito do programa é retratar trajetória de vida de crianças e adolescentes em álbuns ilustrativos

  • Foto: Assessoria de Imprensa/Unoeste
    Professores, acadêmicos e ex-alunos participaram ontem (16) à noite, no Auditório Azaléia da palestra História de Vida: Identidade e Proteção


As psicólogas Isabel Penteado e Débora Vigevani, representantes do Instituto Fazendo Minha História, ministraram ontem à noite (16), no Auditório Azaléia, Campus II, a palestra História de Vida: Identidade e Proteção.

O evento, que foi promovido pelo Curso de Psicologia da Unoeste, abordou aos ex-alunos, acadêmicos e professores participantes, a importância do projeto para crianças e adolescentes que vivem em abrigos. “É uma forma de retratar em álbuns com textos e fotos, toda a trajetória de vida e, assim, entender melhor sua história”, explicou Isabel.

A responsável técnica do projeto revelou ainda que muitas vezes as crianças não sabem os motivos do abrigamento. “Quando não são oferecidos recursos para que elas compreendam melhor sua história, sua identidade pode ser moldada por fantasias. Então, é obrigação do adulto ajudá-las nessa compreensão”.

Débora informou que hoje, no Brasil, estima-se que 20 mil crianças vivam em abrigos. “Desse número apenas 5% são de fato órfãos e, na maioria das vezes, as causas do abandono são negligência, violência e miséria”. Ela ponderou ainda que a maneira como as crianças se separam das famílias pode configurar para sempre casos de violência.

A diretora do Curso de Psicologia da Unoeste, Regina Gioconda de Andrade, destacou a importância dos alunos conhecerem e se informarem sobre a realidade de crianças e adolescentes em abrigos. “A palestra está vinculada a uma capacitação dos alunos para que eles possam ingressar em um projeto de extensão. Além da formação profissional, os alunos poderão auxiliar uma parcela da sociedade tão necessitada de ajuda, orientação e apoio”.

Em Presidente Prudente, as psicólogas do Instituto buscam treinar voluntários para desenvolverem o programa com as cerca de 70 crianças que vivem no Lar dos Meninos e Lar Santa Filomena. As atividades prosseguiram hoje (17), com instruções aos futuros voluntários e amanhã (18), na Casa do Médico, das 9h às 11h30, haverá uma palestra para profissionais da área de Direito, Psicologia, Serviço Social e também para conselheiros e diretores de abrigos da cidade e região.

O Instituto Fazendo História é uma ONG (organização não-governamental) que atua em São Paulo desde 2005 e atualmente atende cerca de 40 abrigos no Estado. Além do projeto Fazendo Minha História, que existe desde 2002, o Instituto também conta com os programas Perspectivas, Com Tato e Palavra de Bebê.

A entrada na palestra promovida na Unoeste foi 1 kg de alimento não-perecível. As arrecadações serão entregues aos abrigos citados.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


Veja mais notícias:

Pesquisar por:
Pesquisar por:


Notícias do mês de DEZEMBRO DE 2014:

19/12/2014Unoeste terá mais de 2 mil vagas gratuitas no Pronatec
19/12/2014Zootecnia é nota máxima em avaliação do MEC
19/12/2014MEC atribui conceitos máximos ao curso de Odontologia
19/12/2014Pesquisador instrui agricultores sobre plantas medicinais
18/12/2014Unoeste eleva conceito de qualidade em avaliação do MEC
18/12/2014Crianças da Associação Betesda ganham presentes de Natal
17/12/2014Abertas inscrições para Vestibular de Verão 2015
17/12/2014Livro sobre os desafios da avaliação institucional é lançado
16/12/2014Reunião marca encerramento do ano com bons resultados
16/12/2014Estudo sobre estresse hídrico vegetal obtém aporte da Fapesp
16/12/2014Educação a distância anuncia matrículas para vários cursos
15/12/2014Produto gestado na Intepp é notícia em revista especializada
15/12/2014Rádio e Jornalismo – No Ar é tema de obra docente
12/12/2014A graduação terminou! O que fazer agora?
11/12/2014Projeto visa transformar recicláveis em lares ecológicos
10/12/2014Saúde Visual do Escolar atende 9,6 mil alunos em cinco anos
10/12/2014Juristas discutem o projeto de novo Código de Processo Civil
10/12/2014Mestrado em Meio Ambiente anuncia seleção de aluno especial
09/12/2014Doutorado e mestrado em Agronomia realizam processo seletivo
09/12/2014Infecção de frango por toxocara pode atingir caráter crônico
09/12/2014Prazo de exames da campanha do câncer de próstata é ampliado
09/12/2014Intepp conclui oficina de capacitação do plano de marketing
05/12/2014Probiótico melhora resposta imunológica à raiva em bovinos
05/12/2014Simpósio debate perspectivas científicas da ecofisiologia
05/12/2014Saber inglês faz diferença para estudante ou profissional
04/12/2014Agrárias têm fazenda referência tecnológica no campo
03/12/2014Propostas são formuladas para Rondon no Mato Grosso e Pará
03/12/2014Educação Física conta com complexo de prática esportiva
03/12/2014Cantata de Natal do Projeto Guri consiste em noite de gala
02/12/2014Enepe possui credenciais para ser evento de caráter nacional
02/12/2014Prudente tem um dos melhores cursos de Música do Brasil
02/12/2014Campanha da semana de luta contra a Aids abrange toda cidade
01/12/2014Pela 5ª vez Unoeste conquista Selo da Reponsabilidade Social
01/12/2014Tratamento de efluente apenas com glifosato é mais eficiente