Universidade do Oeste Paulista - 45 Anos

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
30/10/2017

Sete projetos são produzidos nas 54 horas da Startup Weekend

Projeto vencedor prevê compra inteligente nos supermercados de Prudente, sem enfrentar a fila do caixa

Foto: Homéro Ferreira Sete projetos são produzidos nas 54 horas da Startup Weekend
Participantes da Startup Weekend, realizada na Unoeste


Nas 54 horas da Startup Weekend sediada na Unoeste foram produzidos sete projetos por 70 participantes, da noite de sexta-feira (27) até a noite de domingo (30). O projeto vencedor foi “No Stop Market”, voltado para a compra inteligente. O carrinho com sensores e tablete faz a leitura do código de barra de cada produto, processa o pagamento e, com isso, se livra de enfrentar a fila do caixa, considerada pelo consumidor como aborrecimento.
 
Conforme André Luís Guiotto Loiola, um dos 11 integrantes da equipe vencedora e aluno do curso da Agronomia da Unoeste, a insatisfação do cliente em relação à fila foi detectada através de pesquisa, alcançando índice de 80%. Ao mesmo tempo em que reduz o tempo do cliente no supermercado, o sistema, classificado pelos autores como robusto e barato, também é a prova de fraude; proporcionando segurança ao dono do estabelecimento.  
 
Na sondagem inicial, feita junto a supermercados em Presidente Prudente, três se manifestaram propensos à adoção do projeto para o qual o faturamento inicial é estimado em R$ 200 mil. A previsão é de que em cinco anos sejam atendidos 25 supermercados no Estado e isso represente R$ 1,7 milhão por ano. O projeto nasce de uma equipe multidisciplinar a interinstitucional, com 63,6% dos participantes vinculados à Unoeste.
 
Além de Costa, tem João Paulo Lopes, do curso de Química; Matheus da Rocha, Matheus Viana e Carlos Matheus Santos Cordeiro, de Ciência da Computação; Marcos Húngaro, egresso da Engenharia Civil; e Wilson José Diniz, egresso da Gestão de Negócios. Os demais são: Celso de Lima e Gabriel Reversi (administração), Samuel Toledo (marketing) e Adael Oliveira (técnico em automação e robótica).

Foto: Homéro Ferreira “No Stop Market” ficou em 1º lugar
“No Stop Market” ficou em 1º lugar


O 2º lugar coube ao projeto “Desesperados”, que oferece aplicativo para oferta de aulas de reforço em diferentes matérias, com professores qualificados. O terceiro coube ao aplicativo “Ipub” para soluções de atendimento em bares e restaurantes, pelo qual o cliente acessa o cardápio, faz o pedido e processa o pagamento online. A menção honrosa coube ao projeto “Falta 1”, destinado à articulação entre interessados em praticar esporte, mas que não pertencem a uma equipe específica.

Os autores do projeto não premiado “e-Vacina”, com aplicativo que permite ao usuário de planos de saúde saber se sua vacinação está em dia, receberam convite do secretário de tecnologia da informação Rogério Alessi para possível aproveitamento da ideia na rede municipal de saúde de Prudente. Outros dois projetos foram: “Procura-se”, para localizar animais domésticos desaparecidos; e “Hot Beef”, visando possibilitar consultas sobre a compra de produtos para churrasco pela qualidade e menor preço.
 
Vários parceiros locais e até em âmbito nacional e internacional estiveram envolvidos na realização da segunda versão da Startup Weekend em Prudente, sendo que a primeira foi em abril e uma terceira está prevista para 2018, especialmente voltada para mulheres que deverão representar pelo menos 70% dos envolvidos, conforme anunciou Adiane Mitidiero ao fazer parte do corpo de jurados do evento realizado no salão do Limoeiro, no campus II da Unoeste, juntamente com Marcos Silva e José Carlos Cavalcante.
 
Também estiveram envolvidos mentores da cidade e de outras regiões do país; e organizadores, dentre os quais Jair Rodrigues Garcia Júnior e Luís Horácio Ramos Isique que agradeceram à Reitoria da Unoeste pela estrutura e alimentação proporcionada pelo curso de Gastronomia. Pela universidade esteve na abertura o pró-reitor Acadêmico Dr. José Eduardo Creste e pela Faculdade de Informática de Presidente Prudente (Fipp), o diretor Moacir Del Trejo; quando da palestra de Gabriel Martins, diretor da Luz Própria 360.
 
O facilitador nacional João Paulo Marinelli veio de Bauru (SP) pela Techstars, a rede mundial que ajuda empresários a ter sucesso e que oferece programa de inicialização como é o caso da Startup Weekend. Dentre os parceiros locais, estiveram a Incubadora Tecnológica de Presidente Prudente (Intepp) e a prefeitura, através da Secretaria de Tecnologia da Informação (Setec) e da Fundação Inova Prudente; e os patrocinadores Unoeste, Sicoob Paulista e Refrigerantes Funada. Aos primeiros colocados foram ofertados vários prêmios.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem