CAMPUS:
0800 771 5533
Aprender Unoeste
Você está em: Notícias

Comunidade acadêmica é mobilizada para ir ao Projeto Rondon

Proext designa interlocutores e articulação cabe aos coordenadores e professores responsáveis pela extensão


email facebook twitter whatsapp

Foto: João Paulo Barbosa Comunidade acadêmica é mobilizada para ir ao Projeto Rondon
Oliveira e Fluminhan Júnior: entendimentos iniciais sobre o Projeto Rondon


A Unoeste está entre as instituições de ensino superior convidadas pelo Ministério da Defesa para participar das Operações do Projeto Rondon de 2014. A comunidade acadêmica é mobilizada pela Pró-reitoria de Extensão e Ação Comunitária (Proext), através de e-mail enviado aos coordenadores de cursos e professores que respondem pelas atividades de extensão para que levem as informações aos alunos e relacionem os interessados. A pró-reitora Angelita Ibanhes de Almeida Oliveira Lima designou uma comissão de interlocutores para articular uma equipe ou mais, necessariamente interdisciplinar.

Para cada equipe são dez pessoas, sendo um professor coordenador, um professor participante e oito alunos de diferentes cursos e que estejam cursando a segunda metade da graduação. Existe ainda, conforme edital, um professor reserva. O coordenador fará duas viagens: a precursora e a no comando da equipe. Cabe à equipe desenvolver a proposta de trabalho dentro de duas áreas temáticas, com um conjunto de ações: A – cultura, direitos humanos e justiça, educação e saúde; e B – comunicação, tecnologia e produção, meio ambiente e trabalho.

A Operação Guararapes será de 18 de julho a 2 de agosto com sede em Recife (PE), unidade de apoio a Escola de Aprendizes de Marinheiro de Pernambuco e atuação em 20 municípios do agreste pernambucano, paraibano e alagoano. A Operação Catopê irá de 20 de julho a 4 de agosto com sede em Montes Claros (MG), unidade de apoio do 55º Batalhão de Infantaria e com as atividades em 13 municípios do interior mineiro. O prazo de inscrição das instituições se encerrará no dia 19 de novembro, de tal forma que a mobilização na Unoeste se dá nesta e na próxima semana.

Na quinta-feira (31), os interlocutores se reunirão na sala da Coordenadoria de Ações Extensivas da Saúde da Proext, às 14h30, com as participações dos professores Décio Gomes de Oliveira, Vagner Alves Camarini, Maria Nilda Camargo Barros Barreto e Antônio Fluminhan Júnior. Os três primeiros enquanto membros da comissão e o último como assessor de relações interinstitucionais. Estão previstas as participações de outros membros da Proext, além de Oliveira que responde pela coordenadoria. Na próxima semana haverá reunião com os professores e alunos interessados, em dia, horário e local a serem definidos.

Cada instituição cumprirá três etapas: 1- cadastro ou atualização no Sistema de Informação, Gerenciamento e Avaliação do Projeto Rondon (Siga) e apresentação de comprovante de credenciamento como instituição de ensino superior junto às instâncias competentes, relação dos projetos na área de extensão desenvolvidos e designação formal do representante da instituição junto ao Projeto Rondon; 2 - selecionar o conjunto de atividades e priorizar os municípios de interesse; e 3 - fazer o upload do arquivo da proposta de trabalho e terá que preencher três fichas de cadastro: do professor coordenador, professor adjunto e do professor reserva. A inscrição só será válida após a conclusão das três etapas e da geração do número de protocolo.

Serviço – Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail projetorondon@defesa.gov.br ou pelos telefones (61) 2023-5270/5282/5271. No âmbito da Unoeste, professores e alunos interessados devem se manifestar pelo iaa@unoeste.br.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem