Universidade do Oeste Paulista - 45 Anos

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
27/11/2017

Unoeste é a 5ª melhor universidade particular do Brasil

Divulgação do MEC coloca a Unoeste entre as melhores; cursos de Biomedicina, Fonoaudiologia, Nutrição e Zootecnia alcançaram o conceito máximo (5)

Foto: Ector Gervasoni Unoeste é a 5ª melhor universidade particular do Brasil
Unoeste representa 5% dos cursos com nota máxima no Brasil


Qualidade no ensino, infraestrutura excelente e corpo docente qualificado são alguns dos requisitos que colocam a Unoeste à frente no ensino superior do Brasil. Fato comprovado por avaliações externas, como o resultado mais recente divulgado pelo Ministério da Educação (MEC), publicado no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (27), em relação aos Indicadores de Qualidade 2016.

Todos os cursos da Unoeste foram bem avaliados – conceitos 3, 4 e 5, sendo que das 15 graduações que participaram desse ciclo avaliativo, 86% obtiveram os conceitos (CPC) mais elevados: 4 e 5. Com os excelentes desempenhos, a maior universidade do oeste paulista manteve o Índice Geral de Cursos 4 (em escala que vai até 5), mas subiu posições no ranking nacional e estadual em relação ao ciclo anterior (com base no IGC contínuo): a Unoeste é a 5ª melhor universidade particular do Brasil e a 2ª melhor no Estado de São Paulo.

Biomedicina, Fonoaudiologia, Nutrição e Zootecnia conquistaram nota máxima (5) e estão entre os melhores cursos do país. Eles também integram um seleto grupo com esse desempenho, isso porque, conforme divulgado pelo MEC, apenas 1,9% das graduações avaliadas no Brasil atingiram o maior conceito – foram 81, sendo 4 somente na Unoeste, representando 5% desse percentual.

Fonoaudiologia e Zootecnia estão no topo do ranking, ocupando a 2ª colocação entre os melhores cursos nas respectivas áreas, entre instituições públicas e particulares. Zootecnia foi a única particular a conquistar conceito máximo no Brasil e a coordenadora dessa graduação, Ana Claudia Ambiel, relata o orgulho de todos os envolvidos, afinal, essa é a segunda vez consecutiva que alcança o 5 pelo MEC. “Nossos alunos atingiram nota máxima na prova do Enade e também fomos muito bem avaliados nos outros componentes, com isso, conseguimos perceber o quanto agregamos ao discente. Nossos estudantes fortalecem o sentimento de pertencimento, pois eles têm muito orgulho do curso e da universidade”, afirma.

De acordo com a Dra. Maria Cristina Alves Corazza, coordenadora da Fonoaudiologia, a nota 5 é fruto de um trabalho sério. “Atingimos ótimas notas em todos os requisitos que compõem o CPC, o que mostra o comprometimento de todos os professores, além do empenho dos nossos alunos. Tudo isso vai ao encontro do que a Unoeste representa, pois é mais um curso com ótimos resultados na universidade”. Maria Cristina reforça ainda que esse conceito é um diferencial no currículo dos futuros fonoaudiólogos, pois o mercado de trabalho e a sociedade em geral estão atentos à qualidade da instituição que o profissional formou-se. “O curso acaba tendo uma maior visibilidade. Várias pessoas já entraram em contato parabenizando o resultado, colegas de outras instituições de ensino”, comenta.

Para o coordenador de Biomedicina (6º melhor curso do país, entre instituições públicas e particulares), Dr. Marcus Vinicius Pimenta Rodrigues, essa nota reflete a união de forças para que tudo funcione com excelência. “É uma conquista maravilhosa, resultado de um trabalho muito significativo. O projeto pedagógico tem diversas inovações, o estágio é feito por cenários”, afirma o docente, lembrando que essa graduação também foi nota máxima no Enade/MEC, sendo este um dos componentes que integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior para a composição do CPC.

A Nutrição Unoeste é a 4ª melhor graduação do país. Segundo a coordenadora, Marilda Moreira da Silva, o curso passa por uma reformulação desde 2015, do projeto pedagógico, do corpo docente, estrutura, até o engajamento dos alunos. “Tudo evoluiu. Foi investido em pesquisa, ensino e extensão, implantamos as metodologias ativas. Mudamos também o sistema de avaliação e de estágios”, detalha. Segundo ela,  o curso também aposta em projetos que possibilitam ao estudante trabalhar a parte clínica de forma acentuada.

Mais conquistas – Todos os cursos da Unoeste que participaram do ciclo 2016 foram bem avaliados pelo MEC, lembrando que a escala vai de 1 a 5, sendo que a partir de 3 o órgão do governo federal considera que o curso atende as exigências de qualidade. Além das graduações já mencionadas, foram avaliados os superiores de tecnologia em Agronegócio e Radiologia; e os bacharelados em Agronomia, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina Veterinária e Odontologia – todos com conceito 4. Medicina e o superior de tecnologia em Estética e Cosmética com conceito 3.

GALERIA DE FOTOS

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem