Universidade do Oeste Paulista - 45 Anos

Área do Aluno/Professor

Área do
Aluno/Professor

INFORME CORRETAMENTE SEU RA/MATRÍCULA

ENCONTRE SEU CURSO
FAÇA UMA BUSCA NO SITE
Sua opinião é muito importante. Avalie a página de notícias.
05/09/2017

Jornada de Nutrição é recorde de público com temas variados

26ª edição do evento que reúne alunos, egressos e profissionais, traz temas como a gastronomia hospitalar e a nutrição na estética

Foto: Gabriela Oliveira Jornada de Nutrição é recorde de público com temas variados
Teatro César Cava é o local que abriga as palestras do evento que tem 430 participantes

Alimentos transgênicos, educação nutricional infantil, nutrição esportiva e a tecnologia e sustentabilidade das Unidades de Alimentação e Nutrição (UANs) estão entre os assuntos propostos pela 26ª Jornada Científica de Nutrição da Unoeste. O evento que teve início na noite desta segunda-feira (4), prossegue até amanhã (6), com oficinas e palestras.
 
Na abertura oficial da jornada, que ocorreu no Teatro César Cava, no campus I da universidade, os participantes visualizaram uma apresentação artística realizada pelos acadêmicos de Artes Visuais, sob a orientação do professor José Pantaleão da Silva. Em seguida, a plateia recebeu importantes dicas sobre os desafios do mundo do trabalho do consultor organizacional e de gestão de pessoas Fábio Nogueira.
 
“A edição 2017 superou todas as expectativas com recorde de público com 430 participantes”, destaca a coordenadora de Nutrição, Marilda Moreira da Silva. Ela comenta que os temas do evento foram propostos pelos próprios alunos. “Trouxemos um hall de palestrantes de diferentes segmentos com o intuito de proporcionar uma complementação dos conhecimentos apresentados em sala. Além das palestras, é importante citar as quatro oficinas sobre gastronomia hospitalar, disfagia, rotulagem nutricional e pesquisa científica aplicada à nutrição”, diz.
 
Além de Nogueira, quem também esteve presente no primeiro dia do evento foi a nutricionista Natalia Marques, do Instituto Valéria Pascoal (VP) de São Paulo, referência nacional de nutrição funcional. Com o tema “As contribuições da nutrição na estética”, a palestrante declara que a alimentação reflete na estrutura do corpo, principalmente na pele. “Dependendo do que você come, pode absorver mais ou menos nutrientes ou fitoquímicos que são importantes para o equilíbrio da pele e a redução de diferentes processos como o envelhecimento, celulite ou acne”.
Foto: Gabriela Oliveira “Alimentação reflete na estrutura do corpo e da pele”, afirma a nutricionista Natalia do Instituto Valéria Pascoal (VP)
“Alimentação reflete na estrutura do corpo e da pele”, afirma a nutricionista Natalia do Instituto Valéria Pascoal (VP)
 
Lembra que cada pessoa tem um tipo de organismo e um ritmo de vida, onde o nutricionista é o responsável pela elaboração de cardápios que atendam as necessidades do indivíduo e do ambiente em que convive. “Para você ter uma ideia, pessoas estressadas precisam de mais nutrientes do que as que são mais relaxadas. Mas de modo geral, é possível recomendar a troca dos alimentos industrializados pelos in natura, principalmente, a inclusão nas refeições de vegetais escuros e saladas bem caprichadas”, indica Natalia.
 
Pela primeira vez em Presidente Prudente, a palestrante afirma que eventos como essa jornada são fundamentais para a formação dos futuros nutricionistas. “Sem dúvidas a estética é o que leva o paciente ao consultório, mas existe muito mais do que isso, pois após uma avaliação, é possível encontrar desequilíbrios que ocorrem de dentro para a fora. Nesse sentido, se o nutricionista estiver apto para atuar nesse processo, ele será mais valorizado e requerido pelo mercado”, conclui.
 
Caio Felipe Lopes cursa o 6º termo de Nutrição e compartilha o mesmo posicionamento de Natalia, tanto é que se inscreveu para participar da 26ª Jornada Científica do curso. “Mais do que agregar conhecimentos, tenho a oportunidade de manter contato com profissionais que atuam em diferentes segmentos. Quando visualizei a programação, as atividades que mais me chamaram a atenção foram as oficinas, principalmente sobre gastronomia hospitalar, pois é uma área que pretendo seguir”, encerra.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste


TODAS AS NOTÍCIAS
Alguma mensagem