CAMPUS:
Telefone 0800 771 5533
Você está em: Notícias

Rodada de Negócios aproxima empresários e produtores rurais

Projeto realizado pelos cursos de Agronegócio e Gastronomia da Unoeste ocorreu nessa segunda-feira (10)


email facebook twitter whatsapp

Foto: Mariana Tavares Rodada de Negócios aproxima empresários e produtores rurais
Atividade realizada na Torre de Cristal, no campus II

No intuito de aproximar empresários do ramo alimentício e produtores rurais de Presidente Prudente e região, os cursos de Agronegócio e Gastronomia da Unoeste realizaram a 1ª Rodada de Negócios, nessa segunda-feira (10). Proprietários e representantes de bares e restaurantes estiveram na Torre de Cristal, do campus II, para conhecerem as possibilidades e até firmarem negócio diretamente com os produtores, conseguindo, assim, melhor qualidade e menor custo na compra.

“A ideia é criar contato. E os alunos do Agronegócio irão acompanhar essa rede posteriormente, como trabalho de extensão, para que eles consigam entender o mercado. O setor do agronegócio é um dos que mais têm perdas. Tem a perda na produção, na hora da embalagem, na entrega do produto, enfim, a ideia é reduzir esses custos e os estudantes atuarão como consultores. É uma forma de fazer com que eles estejam proativos no mercado”, explica o professor doutor Alexandre Bertoncello.

O coordenador do curso de Gastronomia, o chef Yuri Moita, ressalta que a gastronomia é o trabalho do profissional sobre um alimento, mas ele também tem sua limitação, por exemplo, muitas vezes a matéria-prima não é boa. “Também é papel do gastrólogo fomentar o pequeno produtor, porque a base da sustentabilidade da gastronomia é: do produtor para a mesa. Então, se ele conhece o produtor, conseguirá comprar com melhor qualidade e menor custo para o consumidor final, assim a gente fecha uma cadeia”, pontua.

Yuri comenta que, muitas vezes, o dono do restaurante compra de um intermediário, ou seja, da pessoa que faz o comercial, que lucra em cima de quem produz. “Temos aqui na região do oeste paulista produtores que são destaques mundiais na produção de determinados alimentos, e a gente compra de São Paulo simplesmente porque não conhecemos. Perdemos prazo e qualidade”.

Paulo Meirelles, empresário do Garden Restaurante, destacou a importância da ação. “Por que não pensamos nisso antes?! É louvável, espero que dê certo. Muitas vezes acabamos pagando até mais caro pela comodidade. Mas também precisamos ser atendidos na quantidade, qualidade e preço”, destacou.

O engenheiro agrônomo formado pela Unoeste Adriano Moriya, produtor de frutas, levou amostras de produtos para os participantes e disse que já participou de outras rodadas de negócio e que funcionam muito bem, com resultados positivos. Gabriel Capelasso, produtor hidropônico e também formado em Agronomia pela Unoeste, destacou algumas culturas que cultiva e elogiou a iniciativa.

Também estiveram presentes no evento, representantes da Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Itesp) e proprietários dos estabelecimentos Banzai Sushi, Manú, Copas Café e Vinho, Rock Burger, Garden, Ibiza Lounge Bar, Better Bife e Cantinho do Peixe. Participaram, ainda, os produtores Everton Dengy; Marcos Querubim, representando também a Associação dos Pequenos e Médios Produtores Rurais dos bairros 1º de Maio; e a Associação dos Cidadãos do Campo de Presidente Prudente (Ascicampp), representada por Álvaro Cardoso Fernandes de Pádua.

GALERIA DE FOTOS

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem