CAMPUS:
Telefone 0800 771 5533
Você está em: Notícias

Setembro Amarelo em Jaú reúne 350 ciclistas em duas provas

Atividade esportiva de valorização da vida fez parte da programação desenvolvida pela Faculdade de Medicina


email facebook twitter whatsapp

Foto: Cedida Setembro Amarelo em Jaú reúne 350 ciclistas em duas provas
Aferição de pressão arterial feita durante o percurso das provas de ciclismo

A Faculdade de Medicina de Jaú promoveu três atividades pontuais do Setembro Amarelo, o mês de valorização da vida e de prevenção ao suicídio. Ao todo estiveram envolvidos diretamente mais de 400 pessoas, entre estudantes e a comunidade. A maior participação ocorreu nas duas provas do Pedal Solidário: 350 ciclistas.
 
As provas light e hard, respectivamente com 24 e 44 km, aconteceram na manhã de sábado, no feriado de 7 de setembro. Saída e chegada foram em frente ao prédio número 200 da avenida Prefeito Luiz Liart, no centro da cidade e onde fica a sede do Rotary Clube.  Parte do percurso foi em trilhas, em áreas rurais.
 
Ryan Manfrin venceu a prova hard. A light foi vencida pelo casal Marcelo Costa e Valdete Costa. Os vencedores foram premiados com medalhas e kit de brindes doados pelos patrocinadores, apoiadores do Setembro Amarelo. Os grupos foram premiados com troféus, do 1º ao 5º lugar.
 
A aferição de pressão foi feita por 16 estudantes de Medicina e ocorreram em pontos estratégicos, com a orientação de preceptores que atuam no Programa de Aproximação Progressiva à Prática (Papp). Tudo transcorreu tranquilamente, conforme a professora que responde por atividades de extensão Rafaela Fadoni Alponti Vendrame.
 
As atividades do Setembro Amarelo começaram com palestra com a psicóloga do Serviço Universitário de Apoio Psicopedagógico (SUAPp) Jhenifer Dias e com a participação de 25 alunos.  Foi na segunda-feira (2). Na sexta-feira (6) teve palestra com o padre Robson Caramano, com 40 participantes da comunidade.
 
O ingresso da palestra aberta ao público foi 1 kg de alimento não perecível, mas alguns doaram mais. A arrecadação foi de cerca de 50 kg destinado ao Centro Promocional São José, mais conhecido como Colmeia e que atende 300 crianças. A programação prevista com visitas em escolas foi suspensa, por causa do choque de horário das aulas de medicina e do ensino básico.

A realização do Setembro Amarelo pela Faculdade de Medicina de Jaú está entre as  atividades cadastradas na Pró-reitoria de Ação e Extensão Comunitária (Proext)  no Mês da Responsabilidade Social; iniciativa da Associação Brasileira de Mantenedora de Ensino Superior (ABMES) à qual a Associação Prudentina de Educação e Cultural (Apec) é vinculada, a mantenedora da Unoeste.

GALERIA DE FOTOS

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem