• (18) 3229-2079
  • 0800 771 5533

CNPq


Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC)

O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) CNPq visa a apoiar a política de Iniciação Científica desenvolvida nas Instituições de Ensino e/ou Pesquisa, por meio da concessão de bolsas de Iniciação Científica (IC) a estudantes de graduação integrados na pesquisa científica. A cota de bolsas é concedida diretamente às instituições, que ficam responsáveis pela seleção dos projetos dos pesquisadores orientadores e estudantes bolsistas. A UNOESTE faz parte do Programa PIBIC desde 2011.

Os objetivos específicos do Programa são:

  • Despertar vocação científica e incentivar novos talentos entre estudantes de graduação;
  • Contribuir para reduzir o tempo médio de titulação de mestres e doutores;
  • Contribuir para a formação científica de recursos humanos que se dedicarão a qualquer atividade profissional;
  • Estimular uma maior articulação entre a graduação e pós-graduação;
  • Contribuir para a formação de recursos humanos para a pesquisa;
  • Contribuir para reduzir o tempo médio de permanência dos alunos na pós-graduação.
  • Estimular pesquisadores produtivos a envolverem alunos de graduação nas atividades científica, tecnológica e artístico-cultural;
  • Proporcionar ao bolsista, orientado por pesquisador qualificado, a aprendizagem de técnicas e métodos de pesquisa, bem como estimular o desenvolvimento do pensar cientificamente e da criatividade, decorrentes das condições criadas pelo confronto direto com os problemas de pesquisa; e
  • Ampliar o acesso e a integração do estudante à cultura científica.

Participação

O processo de seleção ocorre no primeiro semestre de cada ano e a bolsa tem duração de 12 meses, com início em 1º de agosto. O orientador deve estar vinculado à instituição de Ensino e deve desenvolver e publicar pesquisa científica. O estudante deve cursar graduação e dedicar-se integralmente às atividades acadêmicas e de pesquisa durante a vigência da bolsa.

Simpósio de Iniciação Científica – SIC PIBIC/CNPq/UNOESTE

O SIC PIBIC/CNPq/UNOESTE foi concebido para a apresentação e avaliação dos trabalhos de pesquisa desenvolvidos pelos acadêmicos de graduação bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) do CNPq, vinculados à UNOESTE. Os bolsistas e seus trabalhos devem se inscrever no Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão (ENEPE) para apresentação em sessão específica de comunicações orais. As apresentações são avaliadas pelo Comitê Institucional do PIBIC UNOESTE e pelo Comitê Externo, constituído para avaliação do PIBIC UNOESTE.

Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica para o Ensino Médio PIBIC-EM/CNPq/UNOESTE 2019-2020

Estudantes de ensino médio de ESCOLAS PÚBLICAS podem se inscrever para concorrer a uma bolsa de Iniciação Científica Júnior da UNOESTE.

Requisitos

  • Estudar em escola pública
  • Estar cursando o 1º ou 2º ano do ensino médio (normal ou técnico-profissional)
  • Não ter vínculo empregatício
  • Possuir frequência escolar igual ou superior a 80%
  • Possuir desempenho escolar igual ou superior à média
  • Dispor de 8 h/semana para o desenvolvimento do projeto na UNOESTE

O estudante participará de um projeto de pesquisa, juntamente com um aluno da universidade, sob a orientação de um professor da UNOESTE durante 12 meses (agosto de 2019 a julho de 2020) e receberá uma bolsa mensal.

O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica para o Ensino Médio – PIBIC-EM visa incentivar estudantes a participar de atividades de pesquisa científica ou tecnológica, orientadas por pesquisador em instituições de ensino superior.

Prazo para cadastro de interesse: 22/02/2019 a 18/03/2019

Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação - PIBITI/CNPq/UNOESTE

O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação – PIBITI é voltado para o desenvolvimento do pensamento científico e iniciação à pesquisa tecnológica de estudantes de graduação do ensino superior. Os objetivos específicos do Programa são:

  • contribuir para a formação de recursos humanos aptos à pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação;
  • incentivar a formação acadêmica, privilegiando a participação ativa de alunos com bom desempenho acadêmico em projetos de pesquisa tecnológica;
  • desenvolver projetos com qualidade acadêmica e mérito científico-tecnológico, por meio de orientação adequada, individual e continuada;
  • criar condições favoráveis à continuidade da formação do aluno, de modo particular em nível de pós-graduação;
  • contribuir para formação de profissionais com capacidade inovadora para atuação em empresas ou empreender na área tecnológica;
  • fomentar o desenvolvimento tecnológico e inovação na instituição.
Alguma mensagem