CAMPUS:
0800 771 5533
Aprender Unoeste
Você está em: Notícias

Intepp oferta oportunidade de ser usada como endereço fiscal

Contribuição é disponibilizada para empreendedores da área de tecnologia na busca de obtenção do CNPJ


email facebook twitter whatsapp

Foto: Ector Gervasoni Intepp oferta oportunidade de ser usada como endereço fiscal
A Intepp está instalada no campus II da Unoeste, no Bloco B1

Em sua trajetória de contribuição com o desenvolvimento de Presidente Prudente e região, a Incubadora Tecnológica de Presidente Prudente (Intepp) anuncia uma nova ação: a oferta ilimitada de seu próprio endereço para ser usado como endereço fiscal por empreendedores desse segmento que precisam fazer o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

O anúncio é feito pelo gerente Diego Andreasi e conta que podem utilizar o endereço tanto o Microempreendedor Individual (MEI) quanto a Microempresa (ME), as duas categorias de pequenos negócios. A iniciativa da Intepp resulta de adequação à legislação municipal que dá sustentação jurídica ao Programa Inovatec, voltado para incentivos fiscais e apoio tecnológico às startups.

“Anteriormente à essa nossa adequação junto a lei municipal Inovatec, para que uma empresa pudesse abrir seu CNPJ conosco, era necessário utilizar como base fiscal, perante os órgãos competentes, o local (número) de uma de nossas salas, que passava a servir então como seu endereço oficial”, comenta Diego e afirma que era algo limitador.

“Dessa forma, tínhamos uma série de entraves perante a prefeitura para providenciarmos essas aberturas, sendo a principal delas o limite de salas físicas disponíveis em nossa infraestrutura. Ou seja, para cada sala, podíamos ter uma única empresa”, conta e explica a mudança.

Ele acrescenta que com essa adequação, agora a Intepp pode atender um número ilimitado de empreendedores da área de tecnologia que desejam abrir seus CNPJ’s. “Na prática, em vez de especificar a sala que cada empresa irá residir, passamos a utilizar o endereço físico da Intepp”, sendo essa diferença.

Assim, a incubadora passa a atender empresas que não necessariamente precisam de uma sala, mas que querem contar com o qualificado serviço de assessoria que é ofertado. “Chamamos esse modelo de incubação on-line”, diz Diego, e fala ainda de outra novidade: a institucionalização da Intepp junto à Unoeste.

“Estamos em conversas junto a Pró-reitoria Acadêmica para que os serviços da Intepp se institucionalizem dentro da Unoeste, servindo de ponto de apoio para os projetos de empreendedorismo desenvolvidos em todos os cursos. A proposta é termos um evento semestral com premiações aos vencedores, onde os professores de empreendedorismo indicarão quais projetos poderão participar”, anuncia.

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem