CAMPUS:
0800 771 5533
Aprender Unoeste
Você está em: Notícias

Parceria entre Unoeste e Prefeitura fortalece área da saúde

Gestores da Secretaria Municipal da Saúde enaltecem apoio e confirmam compromisso em ampliar parceria com a universidade


email facebook twitter whatsapp

Foto: Mariana Tavares Parceria entre Unoeste e Prefeitura fortalece área da saúde
Doutores José Eduardo Creste, Ramon Garcia, Cesar Lima, Delton Ferraz, Gabriel Carapeba e Nilva Galli

 

A área da saúde é uma das principais necessidades da população e, por isso, também é uma prioridade do poder público. O ano de 2021 começou com novos gestores em muitos municípios do país, e o desafio, para a maioria, é aprimorar o atendimento neste setor. Em Presidente Prudente, a prefeitura mantém parceria há anos com a Unoeste, universidade que abriga uma das melhores estruturas da área da saúde. Nesta nova gestão, conforme o secretário municipal da pasta, Dr. Delton Ferraz, o objetivo é ampliar a “sociedade” e melhorar ainda mais o serviço municipal. 

A proposta esteve na pauta do encontro entre os representantes da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) e gestores da Unoeste, dentre eles o diretor geral da Apec, Dr. Augusto Cesar de Oliveira Lima; o diretor das Faculdades de Medicina, Dr. Gabriel de Oliveira Lima Carapeba; os coordenadores desse curso, doutores Nilva Galli (acadêmica) e Fernando Valejo (internato); além do diretor das Faculdades de Ciências da Saúde, Dr. Carlos Eduardo Assumpção de Freitas e do pró-reitor Acadêmico, Dr. José Eduardo Creste.

“Já existe a parceria da universidade com a secretaria e pretendemos não só continuar como ampliá-la para melhorar tanto o atendimento da população, quanto contribuir ainda mais na formação de novos profissionais da área da saúde”, afirma o secretário. Ele pontua ainda que a ideia é usufruir mais da estrutura da universidade, a qual, segundo ele, “é espetacular”. “A estrutura é excelente, um padrão inigualável. Como egresso da casa [formado em Medicina], é um prazer imenso voltar ao berço e fortalecer essas parcerias”, frisa. 

O coordenador técnico de saúde, Dr. Ramon Cano Garcia, lembrou que a nova gestão está assumindo a supervisão técnica agora e já foi constatado uma demanda reprimida por atendimentos. Ele destaca que a prefeitura tem convênio com a Unoeste para o Centro Municipal de Especialidades, que funciona dentro do Ambulatório Médico “Professora Ana Cardoso Maia de Oliveira Lima”, construído pela universidade ao lado do Hospital Regional. “É uma estrutura excepcional, mas hoje quase sem pacientes. Então, fomos atrás para ver o que está acontecendo e vimos mais de 11 mil procedimentos longe da atuação do município. Por isso, conversamos com a universidade para nos ajudar a agilizar uma solução para esse problema e fomos prontamente atendidos. Queremos oferecer saúde de qualidade aos prudentinos”, reforçou.

O Dr. Gabriel Carapeba ressaltou o ótimo relacionamento que a universidade tem com os gestores municipais, incluindo a Secretaria da Saúde. "Percebemos o empenho em fazer o melhor para a nossa cidade. Serão firmadas várias parcerias com a Unoeste, em diversas especialidades, contribuindo para uma melhor qualidade de vida das pessoas. Queremos que Presidente Prudente volte a ser uma das melhores cidades para se viver, no estado de São Paulo e no Brasil".

Segundo o Dr. Cesar Lima, a Unoeste tem na responsabilidade social uma das suas fortes marcas. "São parcerias que reforçam o compromisso com a comunidade onde a universidade está inserida. Mesmo em tempos de pandemia, a universidade não parou. Continuou prestando serviços à comunidade, adaptados ao atual momento. Com isso, oferecemos a melhor formação aos nossos alunos e ajudamos a população mais carente que depende dos serviços públicos".

Além do Centro Municipal de Especialidades, a Unoeste ainda possui parceria com o município em outras frentes, como no Laboratório de Análises Clínicas da universidade, que atende toda a demanda de exames clínicos da rede municipal. Além dos estágios realizados por alunos de todos os cursos, supervisionados por professores, nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs), Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Centro Municipal do Idoso, dentre outros locais. 

Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa da Unoeste

Alguma mensagem